newsletter

Assinar

Diretor da Volkswagen renuncia após fraude nas emissões de poluentes

Da Agência Brasil

O diretor de Controle de Qualidade da Volkswagen, Frank Tuch, renunciou ao cargo na sequência do escândalo causado pela manipulação das emissões de gases poluentes. A Volkswagen informou hoje (8) que Tuch, 48 anos, deixa a companhia voluntariamente e será substituído por Hans-Joachim Rothenpieler a partir de 15 de fevereiro. Rothenpieler se reportará diretamente ao presidente de Volkswagen, Matthias Müller.

A Volkswagen fez alterações nos cargos executivos desde que veio à tona o escândalo sobre manipulação das emissões de gases poluentes. A empresa reduziu para metade o número de diretores que se reportam diretamente ao presidente.
 
Tuch dirigia o Controle de Qualidade da Volkswagen desde 2010, tendo sido nomeado pelo presidente anterior, Martin Winterkorn, que se demitiu na época da divulgação do escândalo. Antes disso, o diretor tinha trabalhado na DaimlerChrysler e na Porsche, igualmente em posições de controle de qualidade e também como diretor técnico.

 

Média: 5 (2 votos)

Recomendamos para você

1 comentário

Comentários

Espaço Colaborativo de Comentários

Opções de exibição de comentários

Escolha o modo de exibição que você preferir e clique em "Salvar configurações".

A respeito de sociedades e FRAUDE.....

Existe um jogo eletrônico que está se desenvolvendo em uma liga profissional. Eu participo.
As estatísticas não mentem. Jovens alemães são os maiores CHEATERS no planeta. São reconhecidos como potenciais trapaceiros apenas se identificando como alemães. E não é um pensamento meu ou brasileiro. Quem diz isso são suecos, franceses, ingleses, brasileiros, finlandeses e até mesmo a empresa dona do jogo.

Tem gente que vê isso apenas como curiosidade mas lembre se, são o futuro.
Mas são tão bonitos que fica difícil acreditar que FALTE CARÁTER! Todos instruídos!

Seu voto: Nenhum (2 votos)

Comentar

O conteúdo deste campo é privado e não será exibido ao público.