Com o caso Eduardo Guimarães, Moro atravessa o Rubicão

Vamos entender porque, para efeito da Lava Jato, o caso Eduardo Guimarães torna-se um divisor de águas – da mesma maneira que o episódio da condução coercitiva de Lula.

O episódio Lula, mais o vazamento dos grampos de Lula e Dilma, afastou de vez a presunção de isenção da Lava Jato e mostrou seu alinhamento com o golpe de Estado em curso.

A condução coercitiva de Eduardo Guimarães expõe de forma inédita o uso do poder pessoal arbitrário do juiz Sérgio Moro para retaliar adversários. Não se trata mais de disputa política, ideológica, de invocar as supinas virtudes da luta contra a corrupção para se blindar: da parte de Sérgio Moro, a operação atende a um desejo pessoal de vingança.

Peça 1 – as pinimbas de Guimarães com Moro

Com seu Blog Cidadania, Eduardo é um crítico implacável da Lava Jato. E autor de uma representação contra Sérgio Moro junto ao CNJ (Conselho Nacional de Justiça).

Em represália, Moro entrou com uma ação contra Edu, baseada em uma frase mal construída. Na frase, Edu diz (para o leitor) que as ações da Lava Jato irão ameaçar “seu emprego e sua vida”, referindo-se ao emprego e vida do leitor.

Um Blog de ultradireita da Veja interpretou que “seu emprego e sua vida” referia-se a Moro. Cada vez mais ligado às milícias da  ultradireita, Moro aproveitou a deixa para processar Edu.

O Tweet remetia para um artigo onde Edu praticava seu esporte predileto: brigar com outros grupos de esquerda (https://goo.gl/UvpKWo), e mostrar a situação de caos na economia, na qual seriam destruídas o emprego e a vida das pessoas.

Moro tropelou a lei, que diz que um juiz não pode julgar um adversário. Mas tem mais tempero nessa salada.

Peça 2 – PF x MPF

A gestão vacilante do delegado geral da PF, Leandro Daiello, deflagrou uma guerra de facções dentro da PF, expressa em diversos inquéritos abertos, de lado a lado, visando identificar irregularidades.

Um dos inquéritos investiga membros da Lava Jato, pela colocação de escuta ilegal na cela do doleiro  Alberto Yousseff.

Outra, procura identificar os autores de um suposto dossiê contra a Lava Jato, cuja existência teria sido denunciada pela Veja, nos tempos do jornalismo escabroso do diretor Eurípides Alcântara – em uma capa em que mostrava Lula como uma jararaca.

Fui intimado pela PF a prestar depoimento nesse inquérito através de carta precatória – já que o inquérito corria em Brasília Ressalto que fui tratado com toda a fidalguia. Antes de receber a intimação, telefonaram de Brasília dizendo que não era nada contra mim.

Compareci no dia marcado e fui informado do teor do dossiê, sobre o reino da família Arns em Curitiba. Mostrava a influência do ex-senador Flávio Arns na APAE (Associação de Pais e Amigos de Excepcionais) do Paraná. Depois, a maneira como seu sobrinho Marlus Arns, metido em várias jogadas políticas no Estado,  tornou-se titular de praticamente todas as ações das APAEs do estado na vara de Curitiba. A diretora jurídica era a esposa de Sérgio Moro. E Marlus tem um irmão dono de um curso de direito à distância, tendo como professores procuradores e delegados da Lava Jato. Finalmente, com a saída de Beatriz Catta Preta, Marlus assumiu diversos clientes do milionário mercado de delação premiada.

Poderia ter lançado dúvidas sobre a contabilidade desse curso à distância, mas me ative às informações que consegui coletar na Internet, no Tribunal de Justiça de Curitiba e no site da Secretaria de Educação do Estado.

Informei os delegados que conhecia o conteúdo do material, que não recebera de ninguém pela relevante razão de ter sido o autor da matéria original. O tal dossiê era meramente uma cópia de um post antigo do Blog.

A ação contra Edu também se insere nesse quadro de disputas internas da PF.

Peça 3 – MPF x PF

Há uma pesada disputa entre a PF e o Ministério Público Federal pelo protagonismo da Lava Jato.

Ontem, durante congresso da categoria em Florianópolis, o presidente da Associação Nacional dos Delegados da PF, Carlos Eduardo Sobral, foi objetivo em conversa com jornalistas (https://goo.gl/BtV4TA). Disse que o MPF assumiu o protagonismo da Lava Jato devido à estratégia de publicidade e o apoio institucional para as investigações, incluindo recursos fartos. Sobral admitiu que o país enfrenta um “cabo de guerra institucional”. E se queixou de que a sociedade vê a PF como mera cumpridora de mandatos. 

Completou dizendo que “não queremos nos transformar em quarto ou quinto poder. Não buscamos a falta de controle. Não buscamos o arbítrio ou abuso. Buscamos simplesmente a capacidade de continuar realizando combate ao crime organizado e à corrupção”.

Peça 4 – o caso Eduardo Guimarães

É por aí que se insere o caso Eduardo Guimarães.

Ele foi convocado para depor no inquérito que apura o vazamento da condução coercitiva de Lula. Tinha data marcada para depor.

Hoje de manhã, a PF invadiu sua casa, intimidou ele e sua esposa, levou celulares e computadores, sem nenhuma necessidade. Aparentemente já sabiam quem havia vazado a informação. E, se fora convocado como testemunha, qual a razão para a condução coercitiva e para o recolhimento de celulares e computadores? Provavelmente tentar levantar indícios contra outros blogs.

Reforça a suspeita de que a autorização dada por Moro, além de arbitrária, serviu aos propósitos de revanche contra um cidadão que o denunciou ao CNJ e está sendo processado pelo próprio Moro.

Mais, a Constituição assegura sigilo de fonte. Quando questionado pelo deputado Paulo Teixeira no Congresso, a alegação de Moro foi a de que Eduardo não é jornalista. Ora, de posse das informações, Eduardo deu-lhes publicidade ampla, ou seja, cumpriu uma função jornalística.

Recentemente, o decano do STF, Celso de Mello, considerou o sigilo de fonte como direito da sociedade, não de jornalistas. Além disso, ao não reconhecer mais o diploma de jornalista como pré-condição para a prática da profissão, o STF acabou com a classificação restrita de jornalista.

Peça 5 – as consequências

Agora se chega no busílis da questão.

Eduardo foi efetivamente feito prisioneiro, ainda que por algumas horas. Chegando à PF, foi interrogado por delegados sem a presença de um advogado.

Sua casa, seu lar, foi conspurcado com a invasão da PF. Tanto a ação movida por Moro, quanto a operação atual, são juridicamente insustentáveis. Mas Moro conseguiu se valer de seu poder de juiz para cometer uma arbitrariedade, com o agravante de agir de forma triplamente ilegal: decretar a condução coercitiva de quem não se negou a depor; obrigar uma pessoa a abrir mão de seu sigilo de fonte e agir contra uma pessoa com quem mantem uma disputa jurídica.

Depois de sofrer ataques da direita, o Ministro Luís Roberto Barroso resolveu se blindar: tornou-se o principal avalista do Estado de exceção de Curitiba, alegando que a Lava Jato enfrenta um quadro de exceção. Caminha para se tornar o Ministro símbolo do MBL e congêneres, assim como Moro e os procuradores da Lava Jato.

Irá se pronunciar agora? A prisão e humilhação de um cidadão brasileiro, a invasão injustificada de seu lar, não obedeceu sequer à real politik da Lava Jato. Foi um ato de vingança pessoal, que atropela normas fundamentais de direitos civis.

Moro se comportou como um imperador, acima das leis, porque, no episódio do vazamento dos grampos, foi tratado acima das leis.

Sua atitude, agora, mostra um sujeito desequilibrado, utilizando o pesadíssimo poder conferido pelo apoio da mídia e de Ministros descompromissados com direitos civis, para exercer o arbítrio em causa própria.

Se fosse contra um jornalista da Rede Globo, o Ministro Barroso permaneceria calado? Certamente, não. Se fica calado agora, endossa a tese do direito penal do inimigo.

No final, fica-se sabendo que a sombra projetada por Barroso é infinitamente maior do que seu verdadeiro tamanho. Se não for contido agora, se a imprensa se calar – porque a vítima é um adversário – estará em marcha definitivamente a escalada do arbítrio.

O episódio mostra definitivamente que Sergio Moro está em estado de desequilíbrio emocional. Até onde irá, não se sabe.

Assine

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

160 comentários

  1. SE NINGUÉM PARAR O FASCISMO

    SE NINGUÉM PARAR O FASCISMO DESSE VERME,AGENTE DA CIA,TRAIDOR DA PÁTRIA,CRIMINOSO CONTUMAZ SÉRGIO FERNANDO MORO O POVO TEM O DEVER DE EXERCER SUA SOBERANIA E PARA-LO.

  2. Acho que esse ato terrível

    Acho que esse ato terrível mostra o quanto Moro vai ficando mais e mais desequilibrado conforme vai chegando a data de 3 maio em que ele e Lula ficarão frente a frente. Moro não aceita até hoje a humilhação que sofreu quando teve recuar da condução coercitiva de Lula para levá-lo de SP a Curitiba. Nesse dia, estava ouvindo rádio e aí o aeroporto de conganhas ia ser invadidado pelas pessoas pra evitar a ida de Lula. Os patrões de Moro (ele é só um mero moleque de recado que se acha sócio da empresa) devem ter ligado pra ele e comido o rabo dele por ter feito uma coisa tão estúpida, só pra mostrar que ele era mais forte que o Lula. Com essa prepotência, Moro fez ver o quanto Lula e forte, e o quanto é o hoje o único político que quando começa a falar TODOS param de ouvir, até mesmo os que querem vê-lo morto. Ali Moro mexeu com a jararacá – e vai vê-la cara a cara em 3 de maio. E desde esse episódio, o ibope de Mouro vem caindo e de Lula, por uns dados como morto, só vem subindo. 

  3. Nassif, mas por que a PF não

    Nassif, mas por que a PF não investe contra o PCC, tráfico de drogas, armas, contrabando ?

    A PF tem que ser contida, de alguma forma. Não adianta essa conversa mole desse chefe de associação de delegados.

    E Moro nem se fala, já deveria ter sido enquadrado há muito tempo.

    Mas esse ponto que voce levantou realmente é crucial, da atuação contra inimigo.

    Nâo é possível que o PT, o PC do B não tenha coragem de ir ao STF e ao CNJ baseado nesses pontos que voce coloca.

    Não é possível que os políticos Brasileiros sejam tão covardes assim.

    Eles devem se unir o quanto antes com vistas a voltarmos a alguma situação de normalidade.

    • Ir ao CNJ e ao STF já foram e

      Ir ao CNJ e ao STF já foram e não dá em nada. O caso da condução coercitiva do Lula e a divulgação ilegal das gravações são uma mostra clara que a ditadura do judiciário está se instalando e aí “não há a quem recorrer”, como disse Rui Barbosa.

       

    • Acho que o episódio do

      Acho que o episódio do Helicoca mostra bem o porquê.

      Essas facções de presídio devem ser meros soldados, meros peões.

  4. “Com o caso Eduardo

    “Com o caso Eduardo Guimarães, Moro atravessa o Rubicão”

    Todo dia alguém atravessa o rubicão, e não dá em nada.

    Golpe Segue célere…

  5. Em vídeo recente o “juiz” diz

    Em vídeo recente o “juiz” diz ter apoio de toda a população. É uma declaração quixotesca que demonstra claramente uma incapacidade para o entedimento da realidade.

    • Discordo, Omar. Dom Quixote

      Discordo, Omar. Dom Quixote era um ser puro. Esse cidadão é um egocêntrico que entende bem até demais o seu entorno. Serve-se de um contexto para dar vazão a sua natureza. 

      • Assim como Temer atualmente

        Assim como Temer atualmente (que diz que a economia está melhorando) e Collor antes do estouro dos protestos do seu impeachment (onde pediu para os brasileiros utilizarem as cores da Bandeira Nacional), Moro passa a fase da negação da realidade.

        Ele não aceita a corosão de sua popularidade.

        Aquele episódio do Leandro Karnal foi didático ao nos mostrar que Moro “queima o filme”.

      • Interessante observar alguns personagens historicos

        JB, li recentemente uma biografia sobre Stalin e outra sobre Hitler. O que me chamou atenção é que tanto Stalin quanto Hitler eram absolutamente jovens mediocres…. Segundo Lênin, “Stalin era a grande eminência mediocre do partido”. Além da mediocridade, eles tinham em comum também: a dissimulação, o rancor e a megalomania….

  6. a prisao do eduado e, sem

    a prisao do eduado e, sem exagero, nossa marcha sobre roma, incendio do reichstag, por ai. e a serpente quebrando a casca do ovo. osso futuro  depende da resposta que daremos a esse atentado fascista.

  7. Mas Nassif, veja bem, esse

    Mas Nassif, veja bem, esse ponto, do Moro ter aberto processo contra o Eduardo e o Eduardo ter solicitado algo contra o Moro no CNJ é de suma importância.

    É preciso averiguar se é isso mesmo, se efetivamente existe o processo do Moro contra o Eduardo. O Eduardo ainda não falou nada sobre isso, – talvez orientado por seus advogados.

    Se for isso mesmo não vejo com o CNJ e o STF não se pronunciarem a respeito ou então estarão já rasgando a constituição e o estado de direito.

  8. Eu sempre consideri o Dlagnol

    Eu sempre consideri o Dlagnol um débil mental.

    Para mim o Moro era simplesmente um burro manipulado. Recebia ordens do DEA. 

    Pelos vídeos de pessoas que depuseram na lava jato perante o Moro dava para ver claramente sua incompetência. O cara julga coisas das quais ele não tem a menor idéia de como funcionam no mundo real.

    Agora, estou começando a achar que ele mais um débil mental da farsa jato.

    Acredito que os integrantes da lava rato não foram escolhidos ao acaso. Alguém, com o passar do tempo foi juntando naquela vara de curitiba um bando de sem noção para tocar este golpe contra o Brasil adiante.

    Tinha de ser um bando de homer simpsom de modo a não perceber a merda que estavam fazendo com a desculpa de combate a corrupção.

    Nem perceberam, ou fingiram que não perceberam porque podem estar sendo subornados para isto, que em nome deste combate levaram ao poder os maiores corruptos de que se tem notícia por estas terras.

     

  9. Acho que estão superestimando

    Acho que estão superestimando a Lava Jato.

    A Lava Jato é tão somente um protocolo específico de uma religião que podemos chamar de antipetismo.

    Peça a um cristão pra negar a Cristo para salvar seu país e sua família, que o cristão deixará seu país nalfragar e sua família sucumbir mas não negará o nome de Cristo. A mesma coisa é o antipetismo. Para estes, dane-se a economia, a democracia, a liberdade de imprensa ou qualquer outra coisa. Dane-se Sergio Moro e quem quer que seja. O que importa para o antipetista é a prisão do Lula. Todo o resto perde a importância. E o que assusta é que adeptos dessa religião tem aos montes não só salvando vidas em hospitais, mas também dentro do Judiciário, MP e PF. Talvez até Moro seja um destes, e não seja um homem mau, mas esteja apenas seguindo sua fé.

  10. Como há um esfacelamento…

    … do Estado no quesito legalidade mínima (sic), tá todo mundo se agarrando onde pode. Vale da PF ao Executivo.

    A PF já se tornou o Dops.

  11. Perfeito. Deplorável um

    Perfeito. Deplorável um agente do Estado se prevalecer da sua condição para perseguir desafetos. Ainda de forma esparsa, jornalistas da imprensa corporativa, a exemplo do Kennedy Alencar e o insuspeito Noblat, já emitiram nota condenando essa ação nefasta de um magistrado que se comporta como tirano de aldeia. 

    Aonde isso vai parar, não sei. Só sei que o próprio Judiciário deveria ser o mais interessado em interditar um dos seus membros quando este exorbita a esse ponto. Exorbitância reiterada, sublinhe-se.

  12. Abuso de Poder

    Houve um claro e perigoso abuso de poder por parte do Juiz Moro, fica mais evidente que não há respeito algum as leis e principalmente à Constituição, estamos vivento num País sem limites Institucionais, isso é extremamente danoso à paz social que tanto se almeja. Não existe segurança jurídica capaz de amenizar a perda constante de direitos que o Legislativo nos impõe a cada votação absurda que acontece no Congresso.

    Sempre quando acho que chegamos ao fundo do poço, acontece algo  que me deixa ainda mais preocupado com o nosso futuro, e faço uma reflexão: “Para onde estamos caminhando?”.

    Onde estão aqueles que podem conter o arbítrio cometidos diáriamente contra a sociedade, que observa calada, como se nada tivesse acontecido, e vendo seus direitos, conquistados à duras penas, sendos arrancados como doce na boca de uma criança. Acredito que a sociedade está anestesiada, levou tanta pancada, muitas delas devido sua própria ingenuidade diante de uma mídia manipuladora, que consegue uma legião de defensores de seus interesses de forma incrivelmente inexplicável.

     

    • Moro atravessa o Rubicão todo

      Moro atravessa o Rubicão todo dia. Até já deixou uma escova d edente e uam pasta do outro lado.

  13. Caso Eduardo Guimarães

    Gostaria de fazer algumas perguntas : Se vazar informações com sigilo de justiça é crime, porque a globo não é processada ? Porque os reporteres da globo não tiveram seus aparelhos recolhidos ? Porque não tem que informar suas fontes ? Se este juiz está processando o Blogueiro, ele não deveria se declarar impedido ? Ele não deveria compactuar com a ética ? A polícia não deveria interrogar o Eduardo na presença de uma advogado ? Vazar com a desculpa de ser assunto de interesse publico pode ?

    Obrigado.

    Fernando de Paulo

  14. Se no executivo temos um

    Se no executivo temos um usurpador, no senado o eunício, na câmara o maínha e no stf uma presidente que já renunciou no ano que vem, qualquer moro que gritar primeiro ganha. O moro da “carne fraca” gritou, o sérgio que também é moro berrou, e o gil ainda não gritou hoje, tá na muda.

     

     

     

     

    • pior

      “Se no executivo temos um usurpador, no senado o eunício, na câmara o maínha e no stf uma presidente que já renunciou…”

      Não se esqueça do parente que colocaram na Petrobrás. Sim aquela mesmo que Lula e Dilma diziam ser a futura fonte da escola e da saúde dos brasileiros. Nem escola menos ainda saúde. No final,ao menos, se aproveitará o logotipo Petrobrax inventado pelo fegacê para ficar mais “palatável” para os gringos.

      Triste Brasil.

  15. CEGOS? NÃÃÃÃOOO! FILASDAPUTA? SIIIMMM!
    “TUDO O QUE ELES NÃO SÃO É CEGOS…”> https://gustavohorta.wordpress.com/2017/03/21/tudo-o-que-eles-nao-sao-e-cegos/ TUDO O QUE ELES NÃO SÃO É CEGOS… “Eles não são cegos.Cegos e emburrecidos são os anti-pobres radicais e os que cultivam o ódio contra o povo.Esse sentimento que tomou conta de tantos e muitos e que nasceu entre os “brancos” endinheirados e os pobres de direita que permitiram que eles violentassem a democracia e, em um golpe coordenado, tomassem o poder na marra.Na marra e para a sua farra.Bandidos, viciados, traficantes, homofóbicos, misóginos, fascistas, racistas e sei lá mais o que de ruim.Com autorização de muitos e de tantos estão montados de bota e espora no dorso da nação.E ainda há alguns a achar que este é o caminho. Tolice!  I D I O T A S   I D I O T I Z A D O S !”

  16. o site da globo, que publica

    o site da globo, que publica ate os epirros do moro, nao deu nada sobre a persegicao do juiz ao eduardo guimaraes. interessante

    • A Globo protege o Savonarola de Curitiba, o demente Moro

      Por que a criminosa Globo protege um demente, o bandido de toga Moro, o Savonarola de Curitiba?  Essa organização criminosa faz isto para poder manipular esse juiz ao seu bel prazer.

    • Atchim!

      É que desta feita, prevaleceu o espírito do jornalismo global: são esbirros do Golpe, os que formam-no. 

       

  17.  
    É o próprio juiz Moro

     

    É o próprio juiz Moro resolvendo a disputa judicial dele e o Eduardo Guimarães. O Estado é o juiz Moro. A lei é o juiz Moro.  Estamos vivendo um retorno à Idade Média !

  18. Até onde irá não se sabe ……..

    Eu sei : aonde o Gilmar deixar !

    MORO é figura secundária no jogo , tipo assim pouco acima de Janaina PAschoal  – se alguém ainda se lembra quem é essa .

    Seu medo maior é a virada repentina da maré , sua pilha de aberrações cometidas a mando do andar de cima lhe caia sobre a cabeça , a situação se torne inadministrável . Aguarda a ordem do andar de cima sobre o que fazer no processo contra Lula , condená-lo não é simples – a cada dia explodem novas bombas no colo de Michel , e vai se tornando gritante o tosqueamento de Lula. 

    Tem que ler o livro de Lenin : QUE FAZER ? 

  19. A gente nem acaba de matar 

    A gente nem acaba de matar  um leão e já vem outro. Mas a disposição só aumenta. Realmente Moro deve estar com sérios problemas emocionais, talvez ja´sejam, problemas psiquiatricos mesmo. Afinal que ser humano segura tanta oopsição , principalmente tendo sido desmascarado em suas intenções ?

  20. Desequilibrado em sua

    Desequilibrado em sua megalomania. Sabe muito bem (a)onde quer chegar: desMoronado, primeiro e único. titular permanente de cela em hospício. A união (argh) entre a sem vergonhice, a istultice, a vaca no brejo e o “pudê” dá nisso: insanidade total. Houvesse corregedoria entre os desembargas quartanistas, no conselho federal de justiça e, principalmente no cnj (ainda existe?) e esse desMouronado estaria enquadrado há anos. Pobre merreca de país. 

  21. Pergunta q não quer calar:
    Pergunta q não quer calar: ATÉ QUANDO?? É de revirar o estômago o q esse juizinho de merda vem fazendo sem q absolutamente nada seja feito para controlar tudo isso.

  22. moro demonstrou toda a sua

    moro demonstrou toda a sua pequenez e seu espírito autoritário ao mandar sequestrar Eduardo Guimarâes com uma desculpa abjeta e ridícula, moro que já demonstrou que a crítica lhe incomoda pois mandou fazer o mesmo com o jornalista Breno Altman tempos atrás.

    O maior avalista das arbitrariedades de moro é o TRF4 com sede em Porto Alegre que chocou o país ao dizer que o juiz fora da lei pode tudo pois estamos em pleno regime de exceção, depois vem o STF cujos ministros se borram de medo de contrariar moro e por fim a rede globo que lhe dá o palco para seus desatinos.

    Pobre Brasil!

  23. O rotundo fracasso do

    O rotundo fracasso do processo do triplex, o crescimento de Lula nas pesquisas, a proximidade do depoimento de Lula, quando o magistrado divinizado deverá ser descascado pelo sertanejo iletrado, tudo isso deve estar deixando deprimido esse desqualificado.

    Acreditou, provavelmente, ser o Deus em que o transformaram.

    O vídeo, em que agradece o apoio, que crê vir da população em sua totalidade, à página do facebook criada por “Rô” para depósito de ex-votos, é patético.

    Em Brasília, o rei está nu, em Curitiba, Deus está morto.

  24. Lula será o próximo a ser visitado pela SS do Moro

    Assim como Eduguim tinha data de comparecimento à Polícia Federal pré-agendada e recebeu a visita antecipada e inesperada dos camisas pretas do juiz Moro, nada impedirá que Lula, mesmo tendo a data pré-agendada de 3 de maio para depôr na ação que corre em Curitiba sofra uma “visita” antecipada da Schutzstaffel do juiz que se acha o senhor da razão. Fazendo isso Moro não só humilhará e subjugará Lula, como desmontará todos os planos dos admiradores e apoiadores do ex-presidente que hoje se mobilizam para ocupar aquela província e protestar contra os abusos deste projeto de Torquemada. 

  25. Quem vai por o guizo no gatuno, ops!, gato?

    Prezados,

    Que o torquemada paranaense é um criminoso contumaz tenho afirmado há três anos. Ele agora investe contra os jornalistas que o criticam e denunciam seus crimes. A PF, o MPF, eo PJ estão eivados de facções, digo mais, de ORCRIMs intitucionais; a Fraude a Jato é apenas a mais acintosa delas. Outra OCRIM institucional perigosíssima é o PIG/PPV. As quadrilhas do sistema político, que tomaram de assalto o Executivo, dispensam comentários.

  26. Já passaram dos limites faz

    Já passaram dos limites faz tempo,

     

    o que foi a entrega dos audios da Dilma sem relação nenhuma com a lava jato e em tempo recorde para uma emissora de tv? Ato que gerou comoção e anarquia? Eliminaram o juiz natrual e o que se vê é perseguição politica descarada.

  27. Graças à mobilização dos

    Graças à mobilização dos blogues progressistas, Eduardo Guimarães não se transformou no Vladimir Herzog do século 21. 

  28. O mundo gira.

    Serão os primeiros sinais da solidão acompanhada?

    Acostumado aos holofotes e tapinha nas costas, parece que não resistirá ao “abandono”…..

    Vai tentar uma derradeira interpretação magistral? (pedido de prisão do Lula?)

    Depois, vai ter que pedir refúgio no País patrocinador e viver no ostracismo.

    Todo ser humano tem uma fase no deserto.

    E lá, não vai ter Rede Globo para levantar a bola…..

  29. NO Caminho…

    Aqui cabe com perfeição para tods os jornalistas, veículos de comunicação e entidades de classe, sejam elas de profissionais ou patronais, dois poemas que uns atribuem a maiakovski, outros a Brecht, mas que de qualquer forma nos falm da importancia de nos importar com aquilo que nos émais caro, não importando se tal bem está sendo tirado de nós ou de nossos inimigos.

    Desde que Eduardo foi sequestrado pela PF a mando de Moro, percorrir diversas vezes os sites das “grandes” mídia do Brasil para ver se ao menos a noticia era veículada, não esperava nenhuma manifestação de protesto por parte dessa gente. Até o presente momento na foi divulgado.

    Amanhã ou depois, quando sequestrado forem seus redatores e proprietários pelo mesmos tirano, não clamem por solidariedade. A hora de deter o facínora é agora.

     

    Abaixo os dois poemas e seus autores, que inclui tambem o brasileiro Eduardo Alves da Costa, que deu ao seu poma o título de No caminho com Maiakovski, o que pode ter gerado muita confusão com o autor soviético. 

     

     

    http://www.jornaldepoesia.jor.br/autoria1.html

    https://pensador.uol.com.br/frase/NTczNjMz/

    https://pensador.uol.com.br/frase/MzczMzY/

  30. Pequenos reparos e comentários…

    Primeiro eu gostaria de protestar contra o trecho no qual o Nassif escreve que a ação do juizeco, assim como a prisão de Lula (nunca houve condução, mas sim prisão ilegal) acabou de vez com a presunção de “isenção”…

    Alto lá, cara pálida, quem tinha essa presunção de “isenção”????

    Acho que ninguém em sã consciência poderia ter algum dia imaginado essa característica a essa operação fajuta…

     

    Bom, vamos às questões (GRAVES) do ponto de vista de legalidade estrita…Eu sei que já há uma burrispridência celebrada entre os inquisidores do stf e da farsa jato dando conta de que vale-tudo contra o que eles chamam de situação de exceção (argumento que faz corar até armando falcão)…

    O suposto crime de violação de sigilo funcional é previsto no artigo 325 do Código Penal, vejam:

     Art. 325 – Revelar fato de que tem ciência em razão do cargo (grifo nosso) e que deva permanecer em segredo, ou facilitar-lhe a revelação:

            Pena – detenção (grifo nosso), de seis meses a dois anos, ou multa, se o fato não constitui crime mais grave.

            (…)”

     

    Notem os camaradas do blog que a pena máxima é de detenção…esse detalhe faz toda diferença, pois a lei 9296 veda as medidas de suspensão de sigilo quando o crime é punido com, no máximo, a pena de detenção… 

    Essa lei é a que se baseia (ou deveria) a apreensão do material do Guimarães, para posterior exame conteúdo de mídias e dados vinculados a transmissão telemática, justamente o alvo das ordens ilegais do juizeco…

    Leiam:

     

    Art. 1º A interceptação de comunicações telefônicas, de qualquer natureza, para prova em investigação criminal e em instrução processual penal, observará o disposto nesta Lei e dependerá de ordem do juiz competente da ação principal, sob segredo de justiça.

    Parágrafo único. O disposto nesta Lei aplica-se à interceptação do fluxo de comunicações em sistemas de informática e telemática.

    Art. 2° Não será admitida a interceptação de comunicações telefônicas quando ocorrer qualquer das seguintes hipóteses:

    I – não houver indícios razoáveis da autoria ou participação em infração penal;

    II – a prova puder ser feita por outros meios disponíveis;

    III – o fato investigado constituir infração penal punida, no máximo, com pena de detenção. (grifos nosso)

     

    (…)”

    Eu nem vou entrar nos pormenores, pois o crime de violação, como descrito no referido artigo 325 do Código Penal, NUNCA poderia ter sido praticado pelo blogueiro sequestrado, ou seja, ele é mera testemunha, haja vista que esse crime de violação é exclusivo de cargo ocupado e função exrecida, sobre os quais incidem o dever de sigilo…

    É sempre bom ressaltar aos imbecis travestidos de juízes e delegados que a um jornalista ou a um blogueiro não é exigido sigilo algum (senão o de proteção de suas fontes) em razão do exercício de suas funçõe, sejam elas remuneradas ou não, vinculadas ao não a uma empresa ou veículo de comunicação…

     

  31. Depois que ele, por meio do

    Depois que ele, por meio do vazamento do áudio ilegal de Dilma e Lula, conseguiu impedir a nomeação de um ex-presidente na Chefia da Casa Civil e deu aquele “empurrãozinho” que faltava para a destituição ilegal de uma presidente eleita, e tendo ficado tudo “por isso mesmo”, o céu é o limite para o vaidoso e provinciano juíz.

    Ele está incontrolável, ninguém segura mais ele.

    Ao menos, ninguém segura até começar sua descontrução “pra valer” por parte da grande mídia.

    No mais, creio que ele já está pressentindo que está em fase de descarte, e não aceitará fácil a perda da majestade, age como uma Simony do judiciário.

  32. Cada vez mais os direitos

    Cada vez mais os direitos civis dos cidadãos vem sendo violentados. Urge aprovar a lei de abuso de autoridades pelo Congresso Nacional. Uma simples investigação com exposição e estardalhaços midiáticos assassinam reputações e destroiem empresas que levaram décadas para serem construídas, agravando a recessão econômica com milhões de trabalhadores desempregados.

  33. “O episódio mostra

    “O episódio mostra definitivamente que Sergio Moro está em estado de desequilíbrio emocional. Até onde irá, não se sabe”:

    Nassif, conte pra nos:  o desaparecimento do video do seu canal e post 5 dias atraz foi por causa dele?

  34. Trem descarrilado …

    A “condução coercitiva” é uma daquelas medidas que o aparato judiciário, em um ambiente democrático, só toma de forma excepcional. 

    O excepcional tornado menos excepcional e menos ainda um pouco mais adiante leva jeito lava jato de virar regra. 

    E o excepcional como regra é o estado de exceção. E é o Estado de exceção. 

    Segundo vários estudiosos do Direito, dentre eles, o deputado Wadih Damous (PT-RJ), as demarcações reveladoras da oficialização da ultrapassagem da fronteira regra – exceção, o próprio STF, por mais de um de seus integrantes, já o teria “sancionado”.

    Evidente que a postura do Juiz Moro goza bem mais do que uma simples cobertura de escalões superiores do Poder Judiciário. No limite, já contaria com o seu aval, senão apoio explícito. 

    Alarga-se o Estado de Exceção, em intensidade e territorialidade. Paulo Arantes, em um de seus (ótimos) livros (coleção Boitempo – Estado de Sítio) caracterizou muito bem esse terrível “espírito do tempo”. Deste nosso tempo.

    De mal a pior, vamos.

    Impossível calar diante da óbvia tentativa de censurar a “liberdade” de expressão. Ontem, contra “A” e “B”, hoje contra o blogueiro Eduardo Guimarães, amanhã contra “C”, “D” e o alfabeto inteiro.

    E pensar – como não fazê-lo? – que o analfabetismo político foi um dos ingredientes essenciais para o Golpe, e todas as suas extensões …

     

  35. É desespero por já entender

    É desespero por já entender que não vai poder entregar a mercadoria que prometeu: a cabeça do Lula.

  36. “Se fosse jornalista da GLOBO”? Ora, não há esse risco:

    A simbiose entre o cartel midiático e a ala jurídica do consórcio do golpe garante imunidade. Nao se sabe onde um termina e o outro começa:

  37. desequilibrio OU jogada fria?

    Talvez nao seja desequilibrio, mas uma jogada fria.

    Moro NAO tem provas contra Lula, e dia 03 vem ai….

    Ou Moro PRENDE Lula ou melhor nem ter a audiencia ! Jogou uma cartada alta.

    Se Moro for punido ista se dará a 10 dias do encontro, e Moro pode sair por cima. Ele IA emparedar o vilao…

    Se nao for, fica ainda mais forte para cometer a maior das irregulardades, pois o STF acabou de provar q ficará inerte nao importa o que haja.

     

  38. O papel de Sergio Moro e dos

    O papel de Sergio Moro e dos demais ativistas da lava jato ficou bem claro muitissimo antes. E foram, pelo menos, tres atitudes que escancararan isso: 1) quando limitou as “investigações” a partir de 2002, mesmo depois de os funcionarios que foram demitidos em 2012 repetirem mais de uma vez que o esquema das empreiteiras vem de 96 (e do Paulo Francis ter morrido pela boca também por isso); 2) a prisão da cunhada do Vaccari por causa de uma foto – que não era nem dela – em frente a um caixa eletrônico; 3) o tratamento a Sra. Claudia Cruz, livre, leve e solta torrando a grana do Sr. impítiman de molde a não “constrangerem” o usurpador Michel Temer.

    Nem precisava o nome da “fase” imediatamente após o impedimento golpista (“xepa”): nada mais surpreendeu.

    Dito de outro modo: o propagandista do antipetismo, Reinaldo Azevedo, está falando mal da Lava Jato. Para ele, derrubado o PT, PT, PT, tudo mais agora gera “instabilidade política”. Duvido sergio moro prendê-lo por meras divergências táticas, ou somente para exercer seu “poder pessoal”.

  39. Não vai ter AI5 dessa vez

    O caos, na prática, significa que as pessoas se comportarão cada vez mais – com uma frequência cada vez maior – como se fossem psicopatas. Isto se trata de uma sociedade de traidores imprevisíveis e mentirosos compulsivos. Isto contaminará tudo na sociedade, inclusive as instituições que nós esperamos que garantam nossa segurança; nessas circunstâncias, interpretações irracionais da lei (para beneficiar a uma das partes) deixa de ser motivo de vergonha quando descoberta e passa a ser motivo de prazer, regado a sorrisos maliciosos – injustiçar alguém e assistir sua indignação e sofrimento é uma forma de experimentar o poder, assim como o é a experiência da desigualdade. Ambas entorpecem e viciam.               

    Imagine a polícia chacinando milhares de jovens progressistas em via pública durante protestos sob a desculpa de confronto iniciado pelos estudantes; líderes estudantis sendo presos e mantidos em prisão provisória por meses ou anos por terem sido pegos com blocos de nota e canetas bic na mochila (evidência de formação de quadrilha) quando se encaminhavam à alguma reunião política; candidatos polítiicos sendo presos por propina devido a doações de capanha (antes de se elegerem). Para que coisas assim aconteçam, basta que os juízes a julgarem as acusações sejam como o Moro – esse é novo modelo de ditadura, sem respaldo de leis; uma espécie de psicopatocracia ou, simplesmente, barbárie.  

  40. Será ???

    Posso achar tudo… menos que Sérgio Moro esteja “desequilibrado” e sendo assim “não sabe o que faz” …. sabe sim ….

  41. Mas …..

    Não era esse o omi que iria tirar licença da Unipar (?) e ir para os iunaited esteites of america, por 2 anos para fazer, até esqueci o que por lá ? Ou o Trump não foi com seu focinho ?????? Era para estudar, se não me falha a memória. Estudar mais o que ? como prender o Lula sem que ninguem perceba?

    Achou que era mamão c/ açúcar ? pq, segundo a sua régua, todos entram p/ a política para se fazer na vida, conforme fazem seus amigos e vizinhos .

    Para o mal dele, ainda existem alguns do bem, entre eles. Aquele que expulsou da casa do seu irmão, todos os lobistas que p/ lá acorreram, quando eleito da 1a. vez. Mas acho que o Moro nem tinha nascido ainda.

  42. Os covardes são traiçoeiros

    Sem preparo intelectual e luz própria o menino moro é comandado pelo sistema midiático, das corporações do judiciário pf e afins.

    Tem uma tarefa que jurou matar no peito chutar e ir para a gloria nos braços da torcida, três anos frustrantes sem o alvo pretendido sem acusações solidas e provadas, a sobrar convicções. Com elas e ampla literatura dá para condenar aqui na terra de santa cruz, já em Miami o juizeco amargaria cadeia.

    Em três anos experimentou todos os limites e percebeu que estes não existem, percebeu que o troféu farsa jato tem em si o poder do super homem.

    O menino moro é um gigante sem pês (eram de barros) e sem cabeça, no entanto todos o temem.

    Trocar o juizeco pelos erros cometido, pensa ele, é temerário considerando o apoio de 100% (ele disse) do povo, da imprensa (certeza), classe media plin plin camisa amarela e pato Skaf, todos acumunados na esperança do troféu finalmente encarcerado.

    E eu pergunto se ele é tão forte e tudo pode o que o impede de fazer o restante da c…….?

    Se o stf não o freou, se o mpf o apoia, se a pf está de unha e carne, se a mídia o ama de paixão, se os coxinhas e pato Skaf assim desejam o que impede o desfecho final?

  43. Tô dizendo há tempos que Moro

    Tô dizendo há tempos que Moro endoidou. Vai acabar no manicômio. Com aposentadoria integral. Sorte da viúva. Vai ver até é por isso que ela alimenta o ego dele.

    • Qualquer coisa diferente da

      Qualquer coisa diferente da forca para o que ele fez é lucro !!!

      O pior é que a gente vai pagr a aposentadoria dele…

  44. Presidente

    Seja quem for o presidente eleito em 2018 a primeira medida que deve tomar é anularo todos os decretos, decisões, PL do governo golpista a partir da deposição da presidente Dilma.

    • Duvido que o próprio Lula o

      Duvido que o próprio Lula o faça… quanto mais os outros.

      Para isso ser feito, na prática, teria que fechar congresso e, principalmente fechar STF (Esse era bom fechar com todo mundo dentro e tacar fogo). Só com muito apoio das FA, que não virá, afinal estas são entreguistas e lesa-pátrias.

       

  45. Dessa vez chegou-se,

    Dessa vez chegou-se, efetivamente, ao fundo do poço nossa Republiqueta.

    Absurdo dos absurdos o que ocorreu hoje.

    Estão perdendo qualquer estado mínimo de bom senso e autocrítica. Ilegalidade atroz sem constragimento em sua feitura.

    Se não houver uma resposta, será lembrado como o “marco inicial” do fim.

     

  46. Desequilíbrio Emocional

    De fato, parece que além das arbitrariedades, que já são comuns, há certo desequilíbrio emocional da parte do Moro. O episódio de hoje aconteceu dias depois da publicação daquele vídeo no facebook, dizendo que “tem apoio da maioria”. A reação do público não foi tão positiva quanto ele esperava, o que pode ter contribuído para esse estado de desequilíbrio. Esse componente da instabilidade pessoal acrescenta riscos e pode alterar o jogo. E para qualquer lado.

    • “além das arbitrariedades,

      “além das arbitrariedades, que já são comuns, há certo desequilíbrio emocional da parte do Moro”:

      O “desequilibrio emocional” por parte de Moro tem nome:  complexo de inferioridade.  Note suas sentencas seguintes:

      “episódio de hoje aconteceu dias depois da publicação daquele vídeo no facebook, dizendo que “tem apoio da maioria”. A reação do público não foi tão positiva quanto ele esperava, o que pode ter contribuído para esse estado de desequilíbrio”

      Nao, para seu insuportavel estado de inferiorizacao.

      Primeira-instancia de merda se considerando Marquesa de Rabicoh eh dose pra leao, viu?

    • Morrer

      Você tem medo de morrer?

      Respire fundo.

      Relaxe.

      Fique tranquilo.

      Todos morreremos um dia.

      Dedique a sua morte para uma causa justa.

      Eu já me entreguei para essa causa, faz tempo.

      E tem que ser logo, porque estou com 65.

      Quero morrer com o dever cumprido.

  47. Ninguém mais deve estranhar

    Ninguém mais deve estranhar esses tempos estranhos. É o novo normal. Atravessa o Rubicão pela ponte previamente construida pelos engenheiros do golpe. E não haverá necessidade de destruicão dela nem dos navios, não retrocederá por divina determinacão. Talvez se aquiete um dia, se conseguir prender uma jararaca. Só que para isso o desequilíbrio tem que ser tanto que dê para superar o medo, coisa que tenho dúvida se acontecerá. 

  48. Moro no Fantástico, Moro prendendo Edu Guimarães, ele quer

    Provocar mais dispusta entre a direita e a esquerda!

    Minha Conclusão: ele quer criar um ambiente de disputa ideológica para o dia 3 de maio, ele sabe que a esquerda e os movimentos sociais estão se mobilizando para manifestação no depoimento do Lula, ele esta em busca de apoio da direita, o ultimos que fizeram em Curitiba contou com gloriosos 15 manifestantes pro- Moro!

  49. A veja pulou do barco, mas a #GloboGolpista é avalista do Moro

    quer apostar que ele quer confronto de manisfestação entre esquerda e direita no dia 3 de maio?

    O grande perigo é que a globo avaliza o juizeco furreca inculto e fascista, vamos ver se a nefasta vai convocar o povo fascista para rua dia 3 de maio.

  50. o Eduardo devia ter dito o

    o Eduardo devia ter dito o que todo mundo há sabe: quem vaza tudo é o Moro. Ele é o maior de todos os vazadores.

    quem sabe assim, as autoridades brasileiras (se ainda existirem alguma) poderiam investigar como funciona esta nova industria dos vazamentos.

    mas parece que todo mundo agora é frouxo…

     

     

     

     

  51. Bando de soberanos otários, dignos, plurais e terceirizados!

    https://www.youtube.com/watch?v=13SqV1lQ-TQ

    Clap, clap, clap! palmas nossas instituições sólidas como angú quente.

    Debatedores! Tragam  a “família” ( com deus pela liberdade?) e tragam mais lenha

    Estou adorando essa fogueira, sobretudo, para fazer um bom churrasco de papelão!

    Meu desejo,só  o meu particular, cá pra nós,    é o de que esse povo saia do lugar com a ajuda de  nossas “instituições sólidas em estado de sublimação rumo  à sublevação.

    Outrossim, vale dizer:

    Povo trouxa,  idiota, estúpido, otário, inerte, babaca, etc,que mesmo provocado fica aí, feito  imbecil ( eu me incluo) , assistindo  televisão.

     

    Viva a “nação” brasileira!. 

    Viva!

    Bando de otários!

    • PLIMPIG

      Seu Mogisenio,

      “mesmo provocado fica aí, feito  imbecil ( eu me incluo) , assistindo  televisão.”

      Eu, pelo menos, NÃO assisto a globo. E nenhuma de suas metástases bandeirantes, records, sbts e demais.

      Jornal Nacional? Nem a pau!

  52. juizeco afrontador da

    juizeco afrontador da Constituição, está desesperado e nós temos que colocá-lo em seu devido lugar. Em maior todos a Curitiba!

  53. Duas hipóteses (tão loucas quanto estes tempos)

    Moro estaria testando seu poder de arbítrio para ver até onde pode ir? (Leia-se Lula)

    Estaria propositalmente melando sua condução da Lava-Jato, considerando o serviço sujo já feito e se livrando de um encontro marcado? (Leia Lula)

  54. Duas hipóteses (tão loucas quanto estes tempos)

    Moro estaria testando seu poder de arbítrio para ver até onde pode ir? (Leia-se Lula)

    Estaria propositalmente melando sua condução da Lava-Jato, considerando o serviço sujo já feito e se livrando de um encontro marcado? (Leia Lula)

  55. MORO É A PRÓPRIA LEI! QUAL

    MORO É A PRÓPRIA LEI! QUAL PARTE VCS NÃO ENTENDERAM ??

    OBS:QUE CHATO,JÁ ESCREVÍ ISTO,MAS AS CIRCUNSTÂNCIAS SE REPETEM !!!

     

  56. É MARMELADA! É MARMELADA!

    ALGUÉM PRECISA APARAR AS ASAS DO JUIZ SERGIO MORO

    “Gente, Gente, Antônio Carlos Jobim e Chico Buarque de Holanda, merecem todo nosso respeito.”

    Sanatório Geral cita Geraldo Vandré para lembrar uma das mais estrepitosas vaias já dadas por um público no Brasil.

    Era o ano de 1968, e sua música, um clássico que se tornaria símbolo da resistência à ditadura e a todas as formas de autoritarismo, “Pra não dizer que não falei das flores”, fora eliminada do Festival Nacional da Canção naquele ano por “ordens superiores”.

    Algum general da ditadura havia entendido que a música era subversiva e mandou eliminá-la.

    Hoje, um juiz que conduz uma Operação chamada Lava Jato, mas que já está tomando a forma de um “Condor”, apelido de uma outra operação que ia de Pinochet, do Chile a Stroesner, do Paraguai, mandou a Polícia Federal prender um jornalista e apreender seu material de trabalho, em desacordo a tudo que preveem a Lei, e o bom senso.

    Assim como o gigante Condor da outrora Operação que ceifou a vida de milhares de pessoas envolvidas, ou não, com atividades subversivas, ou alguém apara as asas do juiz Moro ou logo logo ele vai querer fazer ninho nos Andes…

    Para ele, este Sanatório Geral manda-lhe estrepitosa vaia!

    YYYYYYYYYOOOOUUUUUURRRRRRRRR!

    MORO,

    É MARMELADA!

    É MARMELADA!

    É MARMELADA!

     

    [video:https://www.youtube.com/watch?v=wkEGNgib2Yw%5D

     

     

  57. Apenas não concordo com o

    Apenas não concordo com o autor ao afirmar que a frase é mal constrída; ela não é mal construída, nem na sintaxe e nem na morfologia. Ela é, isto sim, ‘mal interpretada’ por gente que não conhece a construção de uma frase em português ou é interpretada – continua senso mal…_ por gente mal intencionada, com motivos nada bem intencionados. Força Eduardo Guimarães!

  58. OK,NINGUÉM DAS “OTORIDADES”

    OK,NINGUÉM DAS “OTORIDADES” IRRESPONSÁVEIS QUEREM POR FREIO NO MORO,ENTÃO

    O BO SOBRARÁ PARA NÓS DO POVO,ROMARIA A CURITIBA NA VARA ONDE MORO TRABALHA

    É A SOLUÇÃO,PELA LEGALIDADE E RESPEITO AOS DIREITOS CIVIS NO BRASIL !!

    OBS:AQUI DE SAMPA É RAPIDÃO,SÓ PEGAR A RÉGIS E… COM ESTE DESEMPREGO GRITANTE

    AQUI O QUE NÃO FALTA É GENTE PARA IR LÁ “VISITAR”  MORO REI DO BRASIL !!!

    OBS2: SÓ MARCAREM QUE FALTO NO SERVIÇO E JÁ ESTOU LÁ, E PODEM SERVIR PÃO

    COM MORTADELA QUE FOME NÃO QUERO PASSAR,ARRIBAA BRASIL !!!!

  59. CÂNCER EM METÁSTASE

    O que se vê neste deplorável episódio é a enésima comprovação de que já não vigora o Estado Democrático de Direito. O regime de exceção, aprofundado a partir do impixe, tem se alastrado com rapidez, pois a continuada violação da legalidade constitucional é um câncer político, que corrói o tecido social em metástase acelerada.

    E o mais gritante da condução coercitiva de Eduardo Guimarães é o fato de haver sido determinada por Juiz que litiga contra o blogueiro em outra lide. A escancarada violação do requisito da isenção e imparcialidade do julgador agride de forma gravíssima os mais elementares princípios jurídicos. E demonstra a patológica degeneração das instituições do Estado brasileiro, pois absurdos deste tipo não ocorreriam sem a garantia da impunidade, que deriva da politização da justiça (sic).

    Apesar de lamentável, este descalabro de acintoso desrespeito à lei e à Constituição é mais uma prova da necessidade urgentíssima de resgatar a legalidade democrática através da construção coletiva de um projeto político capaz de reverter a trajetória acachapante, agravada após a farsa midiática da AP470. É preciso recriar as formas de fazer política, para transcender o círculo vicioso do messianismo, que tem sido utilizado como modus operandi do fisiologismo espoliador.

  60. A operação contra o EduGuim

    A operação contra o EduGuim é, no fundo, uma tentativa desesperada da República do Paraná de mostrar ainda ser útil para os golpistas.

    Vamos entender o que ocorreu nos últimos 7 dias:

    * A Operação Carne Fraca foi um desastre tático da República do Paraná:

    * A opção de atacar um dos corações do financiamento dos partidos golpistas, ao invés de fazer o bando do Planalto recuar, os fez ainda mais ferozes;

    * Afetada pelo ataque a dois importantes anunciantes, a mídia passou a atacar a operação e seu modus operandi, e revelando o nível de amadorismo da operação.

    * Olhando a longo prazo, permitiu ao desgoverno criar o bode expiatório perfeito para quando saírem os números de 2017 e não tivermos nem saído da recessão e muito menos crescido.

    * Gilmar Mendes, membro senior da Junta Governativa, saiu da toca e passou a atacar PGR e MPF pelos vazamentos contra os “amigos”; não acredito que vá mesmo conseguir a anulação da delação da Odebrecht, mas o simples fato de mencionar isso já levou o pânico aos procuradores – o que, talvez, seja mesmo o objetivo.

    Então a República do Paraná precisava de um “fato novo”, de algo a favor, que ajudasse a limpar sua barra junto ao desgoverno e à mídia. Nada melhor que atacar o blogueiro que ajudou a desarmar o que seria o magnum opus do golpe, a prisão disfarçada de condução coercitiva de Lula.

    É óbvio que Moro topou. Suas pretensões políticas estavam, e estão, minguando na mesma velocidade em que a Lava-Jato era esvaziada pelo Grande Acordo Nacional das Jucá Sessions; para homens da sua linhagem, só resta mesmo a vingancinha pessoal, tentar destruir quem, na sua visão, roubou aquilo que seria seu grande momento.

    Da mesma maneira que a Polícia Federal usou toda sua truculência nesta operação; a corporação virou a grande Geni da mídia nacional depois do desastre Carna Fraca, então precisava de alguma demonstração de força contra gente com menos acesso aos gabinetes que importam.

    De bônus, todo mundo sabia que a operação traria os “opinativos” da grande mídia, os que defendem a liberdade da empresa e não a liberdade de imprensa, para o lado deles; afinal, para essa turma, o monopólio do jornalismo é e sempre foi deles.

    ***

    Então a questão é: no final das contas, a operação contra o Eduardo Guimarães servirá para que a República do Paraná saia do desprestígio que tem junto ao golpismo? Tenho minhas dúvidas que não. Inclusive porque o golpismo já está colocando em prática seu plano B com relação a Lula, que é o parlamentarismo.

  61. O caso de Eduardo Guimarães é

    O caso de Eduardo Guimarães é sintomático não só pela absurdidade do ocorrido como pelo precendente aberto que poderá recair sobre outros veículos similares ao do blogueiro.

    É interessante como a PF se preocupou com o vazamento da condução coercitiva de Lula e não se preocupou com outros vazamentos diuturnos feitos à exaustão desde o início da Lava Jato. Em outros casos, apenas houve um ensaio de preocupação e se aventou falsamente a possibilidade de que os vazadores internos fossem enquadrados.

    E também é curioso como só agora a PF se preocupou com os vazamentos. Do mesmo modo como é cirúrgica essa condução coercitiva. Nenhum outro jornalista, repórter ou membro da imprensa de massa aliada e simpática a Moro e a Lava Jato foram ouvidos.

    Porque essa não é, em absoluto, a preocupação da PF. Não é nem ao menos secundária, pois averiguar e punir os vazamentos é o pretexto e a formalização de uma manobra política com fins específicos. Já não é novidade que arbitrariedades dessa natureza ocorram, pois elas são corriqueiras. A “coincidência” é mais irônica pois é justamente um blogueiro de esquerda o alvo da vez.

    O caso é que essa é uma ameaça direta em quem eventualmente se atreva a mexer com o poder paralelo de Curitiba, que na figura de Moro, um juiz que desde muito demonstrou que age politicamente e não tem nenhum mais nenhum cuidado (se é que teve alguma vez) em disfarçar suas preferências políticas.

    Novamente, um pout-pourri de outros vazamentos que nem de perto foram tratados com a mesma severidade por parte de Moro e da PF:

    http://jornalggn.com.br/noticia/moro-e-denunciado-por-vazamento-ao-estadao-de-processo-sigiloso http://jornalggn.com.br/noticia/quem-responde-pelos-vazamentos-da-delacao-premiada http://jornalggn.com.br/noticia/a-reacao-tardia-do-pt-aos-vazamentos-na-lava-jato-e-as-acusacoes-sem-provas http://jornalggn.com.br/noticia/equipe-de-moro-comeca-a-vazar-documentos-do-juridico-da-odebrecht http://jornalggn.com.br/noticia/moro-divulgacao-de-abertura-de-inquerito-sobre-sitio-em-atibaia-foi-equivoco

  62. O Moro só será parado de

    O Moro só será parado de fato, se ele e sua turma partirem para cima do PSDB.

    Ai sim, ele será parado e sumirá do mapa.

    Mas como isso não vai acontecer,ele vai continuar fazendo as suas merdas.

     A não ser que apareça algum aloprado, um porra louca no caminho em seu caminho,

  63. Senhores, o Brasil é o país

    Senhores, o Brasil é o país do golpe, dos soluços democráticos por pouco tempo e depois as ditaduras, desde 2014 estão sendo construídas no Brasil as condições institucionais para tudo que está acontecendo agora, para esta ditadura dissimulada a que o Brasil está submetido.

    Para mim não é surpresa que o que está ocorrendo, a destituição da Dilma foi um golpe, a ascenção do Temer é a propria consecução de um ditador no poder, não vejo diferença nenhuma entre Temer e ditadorres das repúblicas bananeiras.

    A ordem coercitiva ao ex-presidente Lula foi o AI-5 da república de CUritiba e do governo Temer, recentemente o tal juiz passou uma descompostura no jornal FSP porque aquele jornal publicou um artigo do físico Rogério César de Cerqueira Leite com críticas ao mesmo, simplesmente disse que a Folha não deveria publicar um artigo com aquele conteúdo, foi um tipo de censura velada.

     

    Agora esta ação contra o blogueiro Eduardo Guimarães é uma ação tipicamente de exceção, dos enfezados, que não aceitam ser criticados, se consideram acima do bem e do mal, demiurgos da justiça, do certo e do errado, penso que o Brasil não vai mudar tão cedo, entramos numa bolha de exceção que não se resolverá naturalmente.

  64. Bem, o recado de Sérgio Moro

    Bem, o recado de Sérgio Moro está dado:

    “Opositores e críticos, intimidem-se. Encolham-se. Fiquem miudinhos, pianinhos, tímidos mesmo. Calem-se e se auto-censurem porque senão quem vai censurá-los sou eu. Com leis ou sem leis, eu tenho nas minhas mãos muito mais do que uma caneta, tenho o poder das armas de força e de fogo da PF, que nem parte das forças armadas é, o que a ela confere impunidade absoluta. E, como vocês estão vendo, vou usá-las como bem me aprouver. Quem me sustenta é o poder econômico infiltrado na coisa pública. E aí, alguém vai encarar?”

    É que Sérgio Fernando Moro não conhece história. Se conhecesse saberia que um seu xará Sérgio Fernando, só que Paranhos Fleury, “foi morrido” depois de anos prestando-se a fazer o serviço sujo da ditadura, do estado de exceção anterior…

  65. Exceção

    O TRF-4 já sentenciou e confirmou que o juiz da 13ª Vara da Justiça Federal, em Curitiba, é livre para agir segundo as suas próprias convicções e decidir como bem lhe aprouver, abstraindo-se nessas ações e decisões a legislação e até mesmo a Constituição Federal. Quando acionado em razão de abusos de autoridade por parte do juiz, o CNJ nada fez. O STJ e o STF, por ação ou omissão (forma fingida de apoiar) não ousaram corrigir as atitudes do juiz. Logo, aqui na planície, podemos até perder o direito de protestar. Se nenhum dos órgãos citados interromper a marcha do juiz “além do Rubicão”,  o regime de exceção oficializado em todas as instâncias terá instalado permanente toque de silêncio. 

    • O único que protestou,
       
      e

      O único que protestou,

       

      e chamou esse processo de medievalesco, jaz inerte no fundo de um rio…….

  66. O caso Eduardo Guimarães
    Quando Moro foi tachado por um cientista de Savanarola, ele ficou todo desgostoso. Fez beicinho. Irritou-se. Quis censurar a Folha (que está suja de golpe). Depois do que aconteceu com o advogado e blogueiro Eduardo Guimarães, ele já pode ser chamado de Sérgio “Fleury” Moro? Karnal, lamento, mas você, com esse parceiro de “inteligência”, ceou com um fascista ou uma farsa democrática? A ordem dos fatores não altera a característica do produto.

  67. O caso Eduardo Guimarães
    Quando Moro foi tachado por um cientista de Savanarola, ele ficou todo desgostoso. Fez beicinho. Irritou-se. Quis censurar a Folha (que está suja de golpe). Depois do que aconteceu com o advogado e blogueiro Eduardo Guimarães, ele já pode ser chamado de Sérgio “Fleury” Moro? Karnal, lamento, mas você, com esse parceiro de “inteligência”, ceou com um fascista ou uma farsa democrática? A ordem dos fatores não altera a característica do produto.

  68. O PT deixou o monstro

    O PT deixou o monstro crescer, ficar forte e indestrutível.

    Perdeu. Perdeu a chance de fazer do Brasil um estado forte e respeitado pelo resto do mundo.

    Levará anos até conseguir reverter a imagem que foi criada no imaginário popular. Imagem construída por anos a fio na internet, longe da vista pública. Boatos criados na web foram alimentando o ódio contra a corrupção, contra o mal, contra tudo de ruim que conseguiram ligar á imagem do PeTê. A riqueza do lulinha, as empresas Oi e Friboi. As fazendas do Lula.  

    O PT não percebeu o crescimento clandestino do monstro, crescendo nos ambientes dos grupos sociais. Quando percebeu  já era tarde, o partido já era odiado por milhares de pessoas na internet. Um exército de revoltados contra o governo.

    O governo foi passivo e aceitou as denúncias da lavajato,deixou crescer a escandalização e, por fim, aceitou a convocação golpista de protestos, como sendo algo democrático, um ato cidadão bonito de se ver. Quando começaram os protestos convocados pela Globo, a esquerda aceitou os protestos “democráticos” pacificamente. Isso foi um erro. O governo, o partido, a militância, os demais partidos de esquerda, os intelectuais, todo mundo declarava apoio à lavajato, afinal de contas, todo mundo era a favor do “combate a corrupção”. O coisa linda. Foram todos inocentes e levaram um golpe.    Agora, o prejuízo para a economia, a perda de posição global, o retrocesso social. Nada disso pôde ser evitado, O monstro cresceu. Ele continuará devorando suas presas, enquanto saciar todo o seu apetite, enquanto não realizar todas as reformas regressão social, ele não descansará.    Mas, pelo menos, há esperança de que em algum capítulo na história isso fique registrado como ocorreu e as consequências do golpe de estado na economia, na sociedade e no inconsciente coletivo dos brasileiros.

     

     

     

     

  69. O PT deixou o monstro

    O PT deixou o monstro crescer, ficar forte e indestrutível.

    Perdeu. Perdeu a chance de fazer do Brasil um estado forte e respeitado pelo resto do mundo.

    Levará anos até conseguir reverter a imagem que foi criada no imaginário popular. Imagem construída por anos a fio na internet, longe da vista pública. Boatos criados na web foram alimentando o ódio contra a corrupção, contra o mal, contra tudo de ruim que conseguiram ligar á imagem do PeTê. A riqueza do lulinha, as empresas Oi e Friboi. As fazendas do Lula.  

    O PT não percebeu o crescimento clandestino do monstro, crescendo nos ambientes dos grupos sociais. Quando percebeu  já era tarde, o partido já era odiado por milhares de pessoas na internet. Um exército de revoltados contra o governo.

    O governo foi passivo e aceitou as denúncias da lavajato,deixou crescer a escandalização e, por fim, aceitou a convocação golpista de protestos, como sendo algo democrático, um ato cidadão bonito de se ver. Quando começaram os protestos convocados pela Globo, a esquerda aceitou os protestos “democráticos” pacificamente. Isso foi um erro. O governo, o partido, a militância, os demais partidos de esquerda, os intelectuais, todo mundo declarava apoio à lavajato, afinal de contas, todo mundo era a favor do “combate a corrupção”. O coisa linda. Foram todos inocentes e levaram um golpe.    Agora, o prejuízo para a economia, a perda de posição global, o retrocesso social. Nada disso pôde ser evitado, O monstro cresceu. Ele continuará devorando suas presas, enquanto saciar todo o seu apetite, enquanto não realizar todas as reformas regressão social, ele não descansará.    Mas, pelo menos, há esperança de que em algum capítulo na história isso fique registrado como ocorreu e as consequências do golpe de estado na economia, na sociedade e no inconsciente coletivo dos brasileiros.

     

     

     

     

    • “O PT deixou o monstro

      “O PT deixou o monstro crescer…”, será se ainda tem esse poder de fogo?

      Aqui em BH, assim como em outras cidades do país, já ocorreram algumas manifestações de peso, noves fora alguns, contei só 6, adolescentes que estavam com um pequeno adesivo do Lula 2018, nada de Lula sendo gritado, nem mesmo sinal de bandeiras, seja do Lula, seja do PT.

      Na minha avaliação, e é certo que, caso seja o Lula o candidato viável das esquerdas, acabamos votando, mas, para avançarmos, deveríamos mesmo é ter um outro nome. O meu é Ciro!

       

  70. Acredito que querem encontrar

    Acredito que querem encontrar um ele entre o Eduardo Guimarães e a tese na qual o LULA obstrui a justiça no caso da lava-jato>

    Buscam algum fragmento de comunicação pessoal do blogueiro para LULA na antecipação da informação!

    Que o LULA teve informação privilegiada!

    Qualquer fiapo vai virar bandeira contra o LULA, enquanto isso dormem tranquilos o mineirinho e o careca…

    • Faz sentido. Além da

      Faz sentido. Além da motivação pessoal de Moro, nesse caso também me parece que essa manobra foi pensada para embasar essa tese da obstrução da justiça.

      Realmente, se essa monobra tiver sido usada para esse fim, não seria nenhuma surpresa.

    • Ligação Lula Edu Guimarães

      Boa é isso mesmo  que o Juiz Moro quer: Achar uma ligação entre a informação de Edu Guimarães sobre a iminente condução coercitiva de Lula e Lula ou alguém ligado a Lula passando a informação. É o desespero: Não acharam nada consistente contra Lula,afinal terá que ser aceito intenacionalmente, como disse o Delegado que destruiu o setor de pecuária do Brasil: Perdemos o Timing….

  71. É a primeira vez na vida que

    É a primeira vez na vida que vejo uma ação por violação de sigilo. A Globo viola sigilo toda semana, e nunca ouvimos falar sequer de investigação.

    Por excesso de coincidência, essa ação vem contra alguém de esquerda, que representa a mudança no jeito de fazer jornalismo. Alguém que incomoda o velho condomínio do poder. Tudo isso após o STF finalmente definir que jornalista não precisa ter diploma, jogando luz em uma questão que estava pendente há no mínimo uma década.

    Está passado o mais claro recibo do partidarismo dessa operação. Passo a concordar com quem diz que o Judiciário está com excesso de poder, para quem sequer tem voto, apesar de alguns poucos terem o mérito do estudo e do esforço.

    O fascismo voltou a cavalo, só que hoje não é 1964.

  72. Moro, já atravessou o Rubicão

    Moro, já atravessou o Rubicão há tempos. Em verdade, Moro já atravessou o Adriático. Quando ocorreu o episódio do grampo contra a presidência da Repúplica, Dilma deveria ter acionado lei de segurança e movido todos os orgãos de inteligência ligado a ela. Tenho absoluta certeza, que teríamos um outro rumo nessa históaria. Não sei se impediria o impeachment, mas a máscara do mocinho teria caído muito antes. 

  73. Prisão de Moro

    Urgente:

    – Moro Alienista está preso.

    Ele se prendeu na Penitenciária Federal de Cantaduvas após lembrar que não era jornalista e realizou vários vazamentos.

     

     

    – A profissão é regulamentada pelo conselho, jornalista não o tem. Segundo o Moro, qualquer bloguero estaria exercendo ilegalmente o jornalismo, ou ainda, qualquer pessoa que colocasse expusesse seu pensamento, nem facebook e grupos de watsapp seriam permitidos, censura geral.

     

    Por sua vez, se existe um conselho de jornalismo, onde na maioria das profissões seus profissionais estão sujeitos a um código de ética e compromissos com a técnica vigente, o jornalista que colocasse uma falsa verdade, ou pós verdade e essa comprovada falsa, poderia perder o direito de praticar sua profissão. Não sobraria ummeuirmão.

  74. Moro não é juiz de Direito, é juiz de DIREITA

    Vamos botar os pingos nos is: Moro não é, nem nunca foi um juiz de Direito, mas tão somente um juiz de DIREITA. 

  75. “o uso do poder pessoal arbitrário do juiz Sérgio Moro “

    Perguntas  que vêm a calhar …

     

    – O Conselho Nacional de Justiça já foi acionado?

     

     – Em caso negativo poderá sê-lo atraves de uma petição com coleta de assinaturas popular?

     

  76. moro é é a imposição do medo,


    moro é é a imposição do medo, do horror, do terror da inqusição da guantanamo de curitiba e dos golpistas…

     

  77. Esse tal Moro nunca me

    Esse tal Moro nunca me enganou. Pra mim sempre foi agente do DEA. Cada atitude, cada ato, cada arbitrariedade reforçam essa ideia e mim. Nunca tive dúvidas de quem ele é, faz ou pensa. Tudo o que fez é coincidência demais para ser só “coincidência”.

    Acho que chegou a hora dos blogs, que tem os meios, revirarem a vida desse cara. Muita coisa já apareceu, mas é preciso mais, muito mais. A verdadeira face dessa “coisa” deve ser revelada ao mundo.

    • Isso mesmo Marcos K,e até
      Isso mesmo Marcos K,e até investigar como Moro passou no concurso para juiz, não esqueçamos q o pai dele foi fundador do PSDB e com certeza tem seus contatos,todos sabem a blindagem a tucanos como é no judiciário,não teria uma estruturação partidária de anos organizada ?

  78. Quem é que vai pagar por isso

    Quem é que vai pagar por isso ?

    Hoje, ao contario de revisionistas RETARDATÁRIOS que tentaram revogar uma LEI em vigor, a lei da anistia (um acordo tácito havido em outras gerações que viabilizou a distensão), lei sobre os arbítrios e crimes ocorridos na época da guerrilha e da ditadura, hoje os personagens “vilões” estão todos aí, de tarja preta, infiltrados no ESTADO,  despidos do pudor, ESTUPRANDO a Constituição da Republica, o DIREITO, desamparados dos valores e das leis mais elementares.

    e então, até quando ? até quand  ..até quan.. ate qua  ..até ..q

    https://www.youtube.com/watch?v=rH5TRzmOVFo

     

     

  79. J. Edgar

     Quem puder assistir o filme o filme J. Edgar com Leonardo de Caprio assistam pois mostra o poder de policia nos EUA o que pode fazer, ate mandar no presidente dos EUA, e muito semelhante hoje com Moro.

  80. Tudo por causa do grampo da presidência!!!

    O maior crime cometido a nação foi deixado livre por inércia (covardia) de vários setores que deveriam proteger o maior patrimônio da democracia.

    Agora a Serpente está aí e pelo jeito vai engolir a nação inteira!!!

  81. Só discordo do Nassif

    Só discordo do Nassif quando fala que “ele” tem desequilíbrio emocional, muito pelo contrário

    Após apoiar e fornecer munição ao golpe, o judiciário lançou o país em uma insegurança jurídica jamais vista em sua história, o que está resultando no caos político, econômico e social que estamos vendo, tudo em acordo com o que os americanos querem de nossa elite

    O golpe foi essencialmente jurídico-midiático a fim de reverter todas as conquistas sociais da população e transferir a renda da população ao governo que o entregará ao mercado financeiro, a si mesmo e ao judiciário por meio de benesses que ninguém mais no país possui

     Só que pra manter esse sisitema é preciso também manter a manada no curral, é preciso entrar em suas mentes e convertê-las, por meio da pós-verdade, em títeres políticos e algozes de si mesmos sem se darem conta da coisa toda (o blog do cinegnose que o diga) e os blogs e o jornalismo imparcial são uma ameaça constante aos golpistas e suas ações

    Se existem heróis nessa guerra contra a pós-verdade e o sistema calhorda que se implantou no Brasil, um deles é Eduardo Guimarães

    E existem muitos outros

  82. O Bambu quebrou no meio há tempos.

    Eles passaram o Rubicão há muito tempo.

    Nós estávamos assentados no “Senado Romano” consolidado pela estratégia genial traçada por Lula, Dirceu, Genoíno, Palocci e Gushiken. Que de tão genial ainda durou mais cinco anos sem eles.

    Agora estamos de cara com o que está acontecendo, e rachados discutindo quem é mais revolucionário.

    Trabalhadores do mundo, uni-vos!

  83. Moro já atravessou o Rubição

    Moro já atravessou o Rubição há muito tempo.Algum problema de miopia pode explicar o equivoco.Estamos diante de um fato inquestionavel que promulga definitivamente a “Lei do Cipó de Aruereira”,a que bate e volta,tão magistralmente criada e editada por um grande e belo jornalista.No meu lombo dói até hoje.Desculpem-me,mas não podia deixar de escapar a oportunidade de mostrar que Papai continua mais presente do que nunca:O que seria nós outros se não houvesse o amanhã.Até breve.

    • Só permito-me apenas um

      Só permito-me apenas um adendo:Afirmei peremptoriamente há alguns dias atrás,em contraponto a um Xadrez do belo jornalista,que a Reforma da Previdêcia era “natimorta”.Parece que mais uma vez a sorte ou o faro,me sorri.

  84. Um dia, Nassif esse Xadrez vai virar livro

    Nassif, parabéns pelos eu trablaho jornalístico, um dos melhores do brasil na atualidade. Um dia, daqui há alguns anos, você pode escrever um livro chamado “O Xadrez do Golpe de 2016”, o qual , deveria trazer as melhores e mais importantes colunas deste xadrez, e será leitura obrigatória pra qualquer brasileiro qeu queira entender o que foi o Golpe à Brasileira de 2016.

  85. “… Se não for contido

    “… Se não for contido agora, se a imprensa se calar – porque a vítima é um adversário – estará em marcha definitivamente a escalada do arbítrio.” Alguém tem dúvida ainda?

  86. Eu acho que vocês são tudo

    Eu acho que vocês são tudo doido da cabeça.

    Eu só posso achar uma lógica nisso tudo, a doideira do ativismo, e muito cara de pau colocar o que aconteceu com Eduardo Guimarães como algo fora do normal.

    Malandragem.

     

    • É normal num estado de exceção.

      É normal num estado de exceção.,,.,…era normal na época da ditadura perseguir quem pensava diferente, como também era muito norma na Alemanha de Hitler….era normal no fascismo italiano dos “camisas negras”…..é normal para a Globo….é normal para a ditadura do conluio mdiático-penal…é normal para a ditadura dos togados…não é normal num estado democrático de direito….

      • Olha a Operação Turing,
        “.

        Olha a Operação Turing,

        “. Eles foram levados para depor. Cerca de 80 policiais estão cumpriram 23 mandados judiciais expedidos pela 2ª Vara da Justiça Federal de São Luis.”

         

  87. BOCA MOLE

    Não deveria ter confirmado a fonte ao juiz maluco, virou um Heráclito(boca mole), confiança não se trai, mesmo o juiz falando que já sabia não tinha certeza e ele confirmou e colocou a fonte e um departamento inteiro em suspeição e na fogueia do estado de exceção, não visito mais o seu blog, o juiz poderia estar blefando. Entrou para lista dos acaguete, dedo duro. Com certeza o Eduardo não é um herói, pois deu o mole a um justiceiro que toma depoimento sem advogado, isso é uma vergonha para o STF que deixa o país ser transformado num tribunal de exceção. Não confio em mais nenhum blogueiro, parece tudo Heráclito ou seja boca mole.

    • A culpa é da vítima, então?

      Ou seja, a culpa não é de Moro, que tem se revelado um juiz ao gosto do fascismo, e sim da vítima, que poderia ficar trancafiada caso não respondesse às perguntas?

    • Boca mole é a tua
      O cara foi acordado a 6 horas da manha aos murros na porta.Seu apartamento invadido,revirado e sua esposa em roupas intimas sequer foi respeitada para se trocar.Foi conduzido para interrogatorio sem advogado,junto com seu celular e de seus familiares,bem como seu computador.O que ele disse depois e confirmou foi que sabiam ja quem passou as informações para ele e mesmo assim não confirmou a fonte.Responsabilidade na hora de atacar a honra de alguem e no contexto que vivemos no país e neste espaço é muito bem vinda.Procure se inteirar primeiro sobre todo o acontecimento,porque no presente momento vossa senhoria é que esta sendo boca mole,covarde e irresponsavel em claramente demonstrando desconhecer todos os fatos emitir opiniões contra um pessoa que nem conhece ou tem alguma antipatia por seus posicionamentos no blog.Mas nada justifica este tipo de atitude que foi considerada um abuso por adversarios ideologicos como Noblat e Reinaldo Azevedo e esta é a questão principal,a liberdade de expressão.

  88. desobediência civil

    Acredito que estamos enfrentando um momento importante que nos motiva a pensar com firmeza o propósito da desobediência civil. Em um governo não reconhecido, que está sendo parcialmente conduzido por uma Vara da Justiça Federal, ou seja, por um comendante de uma insittuição que não respeita aos princ[ipios de representatividade e em franca afornta aos princípios constitucionais.

  89. rimando o abuso
    . HITLERS TUPINIQUINS.Já não se fazem mais ditadoresComo faziam antigamenteQuando com coturnos reluzentesChutavam os seus opositoresHoje os ditadores usam gravatasE lindos ternos PradaImpecavelmente na modaE se deixam ser fotografadosCom os braços esticadosExibindo como asas as togas. .Como Hitlers tupiniquinsAplicam as leis do seu jeitoPorque acham que os meiosSão justificados pelos finsAssim trocam a baionetaPela ponta da canetaE com ela ferem a dignidadeDaquele que tem a ousadiaDe repudiar a tiraniaDisfarçada de autoridade..O alicerce da RepúblicaÉ o Estado de direitoQue tem como preceitoO repúdio à autoridade únicaPor isso saiamos às ruasDesmascarando quem manipulaAs leis de maneira temeráriaAntes que sejamosObrigados a viver muitos anosSob uma ditadura judiciária..Eduardo de Paula Barreto     .

     

  90. Cadê a ordem?
    Penso que esse juiz e a justiça federal já passaram de todos os limites do afrontamento as leis, aos cargos, a credibilidade, a isenção, a ética, a moral, a honra, ao preconceito e ao equilíbrio emocional que devem possuir. Entendo que essa situação está ficando cada vez mais ridícula e mais vergonhosa. O juiz Sérgio Moro, o MP, a PGR, a PF e a grande mídia, ao se tornarem autores de vários crimes de abuso de poder e na transgressão contratual das regras de concessões públicas, já deveriam ter sidos enquadrados e punidos de acordo com os conformes. Para agravar mais ainda essa explícita demonstração gratuita de deboche e escárnio, fato que nos humilha aos olhos do mundo e faz com que ele nos veja, realmente, como uma república de bananas, a instituição da justiça federal assiste passivamente a esse inacreditável festival de desobediências, de imparcialidade, de preconceito e de partidarismo praticado em todos os pontos do país, como fossemos uma terra sem lei. A omissão do poder judiciário em cumprir o seu papel, mais a arrogância, mais a autoconfiança e mais uma a certeza da impunidade, desses que reincidem constantemente em suas delinquências, em pouco tempo irá transformar o país em um imenso sanatório da ganância dos poderosos e da exploração total ao povo dominado. Queiram eles ou não, toda essa arbitrariedade é uma forma de se corromperem e se tornarem, também, criminosos perante a lei. O que falta para acabar com essa farra totalitária e com o ressurgimento do patrulhamento ideológico é a interferência de uma autoridade institucional séria, corajosa e honrada.Será que ela existe?

  91. Por detrás do golpe fascista

     

    …”A condução coercitiva de Eduardo Guimarães expõe de forma inédita o uso do poder pessoal arbitrário do juiz Sérgio Moro para retaliar adversários. Não se trata mais de disputa política, ideológica, de invocar as supinas virtudes da luta contra a corrupção para se blindar: da parte de Sérgio Moro, a operação atende a um desejo pessoal de vingança.”…

    ..”Ele foi convocado para depor no inquérito que apura o vazamento da condução coercitiva de Lula. Tinha data marcada para depor.

    Hoje de manhã, a PF invadiu sua casa, intimidou ele e sua esposa, levou celulares e computadores, sem nenhuma necessidade. Aparentemente já sabiam quem havia vazado a informação. E, se fora convocado como testemunha, qual a razão para a condução coercitiva e para o recolhimento de celulares e computadores? Provavelmente tentar levantar indícios contra outros blogs.

    Reforça a suspeita de que a autorização dada por Moro, além de arbitrária, serviu aos propósitos de revanche contra um cidadão que o denunciou ao CNJ e está sendo processado pelo próprio Moro.”…

    …”Eduardo foi efetivamente feito prisioneiro, ainda que por algumas horas. Chegando à PF, foi interrogado por delegados sem a presença de um advogado.

    Sua casa, seu lar, foi conspurcado com a invasão da PF. Tanto a ação movida por Moro, quanto a operação atual, são juridicamente insustentáveis. Mas Moro conseguiu se valer de seu poder de juiz para cometer uma arbitrariedade, com o agravante de agir de forma triplamente ilegal: decretar a condução coercitiva de quem não se negou a depor; obrigar uma pessoa a abrir mão de seu sigilo de fonte e agir contra uma pessoa com quem mantém uma disputa jurídica.”…

    No último golpe contra o Brasil, como sempre fizeram com os países desarmados, os EUA entregaram o papel sujo para as nossas Forças Armadas, resultando em muitas torturas, assassinatos, terrorismos, desaparecimentos, arbitrárias prisões, etc. Desta vez, nada de banho de sangue – de aceitação mundial complicada. Desta vez, foi diferente. Entregaram para a Justiça o papel sujo, que resultou em todo tipo de intimidações, pressões psicológicas, arbitrárias prisões, invasões domiciliares, tendenciosos julgamentos, etc. À medida que a economia ruma para a bancarrota geral, os desesperados golpistas, tentaram silenciar os que se erguem contra a infâmia, a truculência e o arbítrio golpista. Que Deus nos ilumine.

     

     

  92. Cadê a OAB?
    Cadê a

    Cadê a OAB?

    Cadê a ABI?

    Dirigentes acovardados, tentando surfar na onda popularesca do juiz Moro e de sua mídia suja.

    Resta-nos o saudosismo de Homens de Verdade, que outrora dignificaram tais Associações e merceram a inclusão de seus nomes nos anais da História do Brasil.

    Sobral Pinto e Barbosa Lima Sobrinho.

     

     

  93. POLITICA E JUDICIARIO E MIDIAS FASCISTAS

    AO MEU VER. SE NAO MECHE COM PSDB NAO VEM AO CASO COMO JA DIZ O”DOUTOUR MORO”, NAO FICAREI DE DELONGAS, PARA AMENIZAR A SITUACAO TODA DUAS COISAS, ZERAR O GILMAR MENDES E DEPOIS O MORO, AI OS BANDIDOS FICARAM DESCOBERTOS, AH SIM..PUTZ ESQUECI DO LEX LUTHOR NAZIFASCISTA BRAZUCA DO MORAES QUE HJ PEGA SUA TOGA SUPERSAYAJIN DO STF, ESSE TB TEM QUE IR PRA COVA RASA…BEM RASA!

    ADIOS AMIGOS

    INFELIZMENTE SO ISSO PRA DEIXAR OS CORRPUTOS COM POUCO MENOS DE PROTEÇÃO VISTO QUE COMO JA DIZIA O BARBUDO:”TEMOS UM STF ACOVARDADO”

  94. NOTA APCF – OPERAÇÃO CARNE
    NOTA APCF – OPERAÇÃO CARNE FRACA

    Sobre os últimos acontecimentos, relacionados à “Operação Carne Fraca” e seus desdobramentos, a Associação Nacional dos Peritos Criminais Federais (APCF) esclarece que:

    1. Reconhece o valor da “Operação Carne Fraca” como mais uma das inúmeras ações de combate à corrupção por parte da Polícia Federal, mas lamenta profundamente que a participação dos especialistas da corporação em análise de fraudes alimentares não tenha sido devidamente empregada durante a condução das investigações. A abordagem quase exclusiva de provas contingenciais deu aos responsáveis pelo comando da operação a equivocada impressão de que tudo poderia ser concluído de imediato e sem qualquer dúvida, apenas com aquilo que se chama circunstancial. Contudo, por sua repercussão e polêmica, a “operação Carne Fraca” tornou-se uma clara demonstração de como o conhecimento técnico e o saber científico, em todas as etapas da investigação, não podem ser deixados de lado em favorecimento dos aspectos subjetivos da investigação criminal. A atuação adequada dos Peritos Criminais Federais nas demais etapas do procedimento investigatório, e não apenas no seu início e na sua deflagração, teria propiciado a correta interpretação dos dados técnicos em apuração, assim como a definição dos procedimentos técnico-científicos necessários para a materialização de crimes de fraude alimentar eventualmente cometidos pelas indústrias sob suspeição. Além disso, sem sombra de dúvida, teria poupado o país de tão graves prejuízos comerciais e econômicos.

    2. Importa destacar, ademais, que a Polícia Federal conta atualmente com 27 Peritos Criminais Federais com formação em Medicina Veterinária, muitos dos quais com vasta experiência profissional na área de fiscalização e de análise sanitária; além de dezenas de outros especialistas nas áreas de Química, Farmácia/Bioquímica, Medicina, Agronomia e Biologia; todos aptos a compor equipes multidisciplinares de investigação técnico-científica de fraudes alimentares em investigações policiais e processos criminais na esfera federal, a exemplo do que já ocorreu com as operações “Ouro Branco” (sobre fraude em leite, deflagrada em 2007) e “Vaca Atolada” (sobre fraude em carnes, desencadeada em 2012), e assim como ocorre na própria “Operação Lava Jato”, sustentada por mais de 1.000 Laudos Periciais em diversas áreas do conhecimento, como engenharia, informática e contabilidade. Em todos os casos descritos, esses inúmeros Laudos Periciais Oficiais embasaram solidamente decisões e mandados judiciais, denúncias no Ministério Público Federal e outras medidas jurídico-penais.

    3. Diante do exposto, a APCF tem o dever de esclarecer publicamente que as afirmações relativas ao dano agudo à saúde pública, divulgadas por ocasião da deflagração da “Operação Carne Fraca”, não se encontram lastreadas pelo trabalho científico dos Peritos Criminais da Polícia Federal, sendo que apenas um Laudo Pericial da Corporação, hábil a avaliar tal risco, foi demandado durante os trabalhos de investigação, sem que se chegasse, no entanto, a essa conclusão.

    4. Por fim, vale ressaltar que à atuação da Perícia Criminal Federal deve ser garantida a devida autonomia técnica, científica e funcional, assegurada pelo ordenamento jurídico brasileiro. Trata-se de uma importante conquista democrática de nosso país. Assim sendo, a Associação Nacional dos Peritos Criminais Federais garante à sociedade brasileira que os Peritos Criminais Federais permanecem de prontidão para atuar de maneira isenta, técnica e desvencilhada de eventuais excessos acusatórios, utilizando o conhecimento científico, de forma imparcial, para a promoção da Justiça e tendo a certeza de que a maior valorização do método científico será o correto caminho para o combate às diversas formas de crimes e suas decorrências.

    Associação Nacional dos Peritos Criminais Federais – APCF

  95. “…Moro atravessa o

    “…Moro atravessa o Rubicão…”

    …crente que ia dar de cara com a cidade eterna, se deu mal. Ao que tudo indica deu de cara com as estepes russas já adentrando o inverno.

    Ao contrário de Cesar que conquistou Roma, o déspota de Curitiba está com cara de Napoleão e Hitler congelados nos campos nevados da Europa Oriental. Sua debacle se avizinha.

    O moço perdeu o “timing”, está perdidinho. O tempo de inocentar Lula ou condená-lo sem provas está chegando. Daí o estresse. No caso do triplex, a acusação está levando uma surra. É até sintomático que sua advogada tenha usado na sua defesa, no processo que o ex-presidente movia contra o juiz, uma citação a outra armação contra Lula, o sitio do amigo Bittar. Está dificil.

     Se o justiceiro inocentar Lula, o que seria justo, ele será massacrado pelos seus aliados direitistas. Se condenar o grande líder brasileiro sem provas, o que seria injusto, será criricado pela revigorada esquerda. Mas neste caso, o pior para ele e sua descendência será o massacre da História. A cada dia que passa, a farsa que envolve a perseguição a Lula e Dilma se mostra inteira. Não dá  mais pra disfarsar.

     O moço subiu feito um meteoro inflado por seus aliados velha mídia, PF, MPF e, em grande parte, pela covardia dos tribunais superiores. Mas seus delírios autoritários apontam para a decadência.

    Diz o ditado que quanto maior a altura, maior é a queda.

  96. + comentários

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome