Gilmar e Toffoli reeditam parceria em críticas ao PGR

No ano passado, por ocasião do julgamento das contas de campanha de Dilma Rousseff pelo TSE (Tribunal Superior Eleitoral), alertei que formara-se uma aliança entre o relator Gilmar Mendes e Dias Toffolli tentando um golpe paraguaio, de impeachment via rejeição das contas.
 
Não seria leviano de fazer afirmação de tal gravidade, não tivesse escudado em fontes de alto nível, conhecedoras dos meandros do TSE. A manobra só não foi vitoriosa devido ao recuo do Ministro Luiz Fux, o voto que faltava para garantir a maioria.
 
Havia muitas evidências demonstrando a nova aliança, a começar do suspeitíssimo sorteio que jogou no colo de Gilmar Mendes a relatoria das contas do PT e da campanha de Dilma. Com o cargo vago, pela demora de Dilma em indicar um novo Ministro, o regulamento determinava a entrega da relatoria ao juiz natural, o suplente.

 
Na semana passada, o Procurador Geral da República condenou o ativismo judicial do TSE, nas permanentes investidas de Gilmar Mendes em procurar pelo em ovo nas contas de Dilma. 
 
Hoje, sairam em defesa de Gilmar os Ministros Dias Toffoli e João Otávio Noronha – este, seguidor entusiasta de Aécio Neves e nomeação certa para o STF em caso de vitória do candidato.
 
Dois fatores pesaram na mudança de posição de Toffoli. O primeiro, o esgarçamento do PT e a blindagem que passou a receber dos veículos de mídia, por conta da proteção de Mendes. 
 
O segundo, uma raiva incontrolável de Dilma, pelo que considerou enorme desrespeito a ele e à instituição, por sua demora em indicar um novo Ministro para o TSE. Dilma sequer se dignou a atender pedido de audiência de Toffoli.
 
A um ato menor de Dilma seguiu-se uma reação minúscula de Toffoli, colocando sua suscetibilidade acima da responsabilidade constitucional.
 

31 comentários

  1.   Dilma também consegue criar

      Dilma também consegue criar inimigos até em quem era aliados.

     O presidenta ruim!

     E o pior é que 2018 está muito longe. 

     E a oposição ainda quer cassar o mandato de quem  está levando a esquerda para o buraco.

     A esquerda não merecia esse castigo. 

  2. PT mas pode chamar de

    PT mas pode chamar de Butantâ. O que criou de serpentes não está no gibi. 

    É cada cobra venenosa que dá bote que vou te contar. 

    Ao mesmo tempo que me chateio com a passividade de Dilma me compadeço pelo que tem que aturar; , reis na barriga, conversinhas pequenas, troca de favores e todos aqueles habitos arraigados da politica brasileira que só mesmo um leão para aguentar. 

    Todos querem mudança sem mudar nada. 

  3. Brasil ?

    Brasil
    Mostra a tua cara 
    Quero ver quem paga
    Pra gente ficar assim
    Brasil
    Qual é o teu negócio?
    O nome do teu sócio?
    Confia em mim.

  4. Se o que o PT fez vale, extinga-se TSE e TCU

    Pois aí liberou geral e são tribunais caros. Até Hélio Bicudo reconhece.

  5.  
    QUADRILHA
     
    Gilmar que

     

    QUADRILHA

     

    Gilmar que achaca

    Toffoli

    que achaca Rosa [Weber]

    que achaca Carmem Lúcia

    que achaca Lili…

    E Lili casou com J. Pinto Fernandes 

    que não havia entrado na história.

     

    Perdão, mestre Carlos Drummond de Andrade, pela grotesca paródia!

  6. Visto como um juiz
    Visto como um juiz intelectualmente frágil e quase incapaz se dispõe a se valer de costas quentes do militante Gilmar Mendes com medo de ser flagrado em sua própria incompetência..

    Mas quem o escolheu foi o próprio PT. Não há culpado maior. Se quis fazer política o nomeando paga o preço ds insensatez.

    •  
      Weden, apenas uma pequena

       

      Weden, apenas uma pequena correção. A meu ver, vosmecê grafou “militante,” quando o correto seria, do meliante. Me refiro ao trecho de seu comentário:  “…se valer de costas quentes do militante Gilmar Mendes…”

       

      Orlando

  7. Convenhamos!! Se tivesse

    Convenhamos!! Se tivesse feito o correto, Dilma tinha ido para o lixo, já tinha feito nova eleição, Lula já havia assumido e o Brasil estava em pleno voo. Mas os que sempre quiseram a desgraça do Brasil…

  8. Uma das razões para o PSDB de não permitirmos a volta do PSDB…

    Uma das razões de não permitirmos a volta do PSDB ao Planalto é evitar que mais Gilmares Mendes sejam nomeados. Impressionante como um único Ministro pode causar tanta instabilidade institucional no país. E também corromper os Ministros mais jovens e inseguros como Dias Toffoli.

    Uma das grandes lições que deve ser aprendida da era Lula-Dilma é que não se brinca com nomeação de Ministro do Supremo. O próximo presidente que for eleito por nós deverá ter muita atenção com a nomeação dos próximos Ministros, para diluir a influência nefasta de Gilmar Dantas, digo, Gilmar Mendes.

    • Será?

      Caro Wilton , o republicanismo  do nosso Presidente Lula, indicou o Joaquim Torquemada e o Fux Mata no Peito.

      O Presidente Lula deveria escolher uma pessoa que fosse capaz de ajudar a preservar a grande herança que ele nos

      deixou.Ser republicano demais dá no que deu !

  9. Essa é a turma de TSE que

    Essa é a turma de TSE que sofre de prostratite democrática, ficaram enfraquecidos com a guerra do 3o. turno. Pela idade dos golpistas,  é possível que tenham problemas também  com a próstata. Já que não usam tanto a cabeça, o poder jurídico desceu e encheu o saquinho dos pobrezinhos.

  10. Gilmar Dantas ( Ops ) Mendes…

    Quem defende ou se alia a Gilmar Mendes não merece respeito e credibilidade. Pelo visto, teremos outros Gilmares atuando vergonhosamente no STF. Que os ” dígnos” que lá atuam, consigam suplantar seus óbvios constrangimentos, e coloquem ordem na Casa. Fora Gilmar !!! 

  11. A espada de Dâmocles também é culpada

    O tamanho dos abusos de alguns ministros do STF (felizmente, não são todos) escandalizam o país e deixam os que são a favor da democracia temerosos de retrocesso democrático até há pouco impensável.

    Não se pode, porém, culpar exclusivamente ministros do STF por seus pecados, assim como não se pode culpar exclusivamente adolescente por seus malfeitos. Em ambos os casos, os principais culpados são os que controlam os ministros, o Senado, e os adolescente, os pais.

    Um senado cujos membros, em boa parte, estão com o pescoço exposto à espada “damocliana” do excelso pretório, sem possibilidade de recurso a uma verdadeira segunda instância, não é capaz de realizar sua função e dever constitucionais de controlar os ministros (sim, os ministros estão sujeitos ao controle senatorial, ao menos na lei, embora, para alguns, isso não venha ao caso).

    Então, o que se vê concretamente, é essa baderna institucional, descontrolada e togada que nos põe, sim, ao lado do Paraguai. Uma vergonha.

    ******

    Do Wikipedia:

    “Dâmocles era um cortesão bastante bajulador na corte do tirano Dionísio, de Siracusa. Ele dizia que, como um grande homem de poder e autoridade, Dionísio era verdadeiramente afortunado.

    Dionísio ofereceu-se para trocar de lugar com ele por um dia, para que ele também pudesse sentir o gosto de toda esta sorte, sendo servido em ouro e prata, atendido por garotas de extraordinária beleza, e servido com as melhores comidas. No meio de todo o luxo, Dionísio ordenou que uma espada fosse pendurada sobre o pescoço de Dâmocles, presa apenas por um fio de rabo de cavalo. Ao ver a espada afiada suspensa diretamente sobre sua cabeça, perdeu o interesse pela excelente comida e pelas belas garotas e abdicou de seu posto, dizendo que não queria mais ser tão afortunado.

    A espada de Dâmocles é uma alusão frequentemente usada para remeter a este conto, representando a insegurança daqueles com grande poder (devido à possibilidade deste poder lhes ser tomado de repente) ou, mais genericamente, a qualquer sentimento de danação iminente.”

    ******

  12. É BOM AVISAR AO TOFFOLI E AO GILMAR QUE ELES SÓ ESTÃO MINISTROS.

     O GILMAR DANTAS, pensa que ele é uma “CONSTITUINTE PERMANENTE” e que só dele e seguidores se obtém a pratica jurídica. As decisões do decano as vezes não são a virtude da apreciação constitucional da justiça, já se tornou uma outra instancia, a instância jurídica da política de aliados, subtraindo a necessidade da prática incondicional da imparcialidade. O GILMAR vive em outro espectro da constituição ou talvez o seu próprio domínio do fato. O imperativo da irresponsabilidade também as vezes prevalece ao bel prazer. São estão ministros, e o tempo consome de todos os seus cargos mesmo que se use “BENGALA” para se alongar no poder que pensam ter. O Brasil é maior e melhor que toda essa turma de irresponsáveis juntos. O povo é sim o protagonista de um país, juízes são para servir ao povo e não para se servir dele.

  13. Dias Toffoli, MARIA-VAI-COM-AS-OUTRAS

    Dias Toffoli, para se mostrar totalmente desvinculado de Lula, seu padrinho político, e para se credenciar como queridinho da mídia, se aliou a Gilmar Mendes. Deixou de ser ministro para se tornar uma maria-vai-com-as-outras. 

    Uma vergonha esse tal Dias Toffoli!

  14. JÁ REPARARAM

    JÁ REPARARAM QUE TODOS QUE RECEBERAM APOIO POLÍTICO OU JUDICIÁRIO E COM O TEMPO SE TORNARAM TRAIDORES OU VIRARAM AS COSTAS É IMPRESSIONANTE. O LULA NO INICIO DO SEU GOVERNO SENTIU AS PRIMEIRAS APUNHALADAS (NÃO NESTA ORDEM, MAS VOU APONTAR AS QUE MAIS MARCARAM)…  

    A PRIMEIRA – FOI A GLOBO; 

    O SEGUNDO – OS TRAIDORES DO MENSALÃO, 

    A TERCEIRA – AQUELA AJUDOU FUNDAR O PT E DEPOIS FUNDOU O PSOL ACHO QUE É A LUIZA HELENA,

    A QUARTA – MARINA SILVA

    O QUINTO – JOAQUIM BARBOSA ESCOLHIDO PELO PT E DEPOIS CUSPIU EM NO PRATO QUE COMEU

    O SEXTO – A MARTA ISCARIODES

    O SÉTIMO- TOFFOLI

    O OITAVO – O TAL SENHOR BICUDO

    DEVE TER MUITO MAIS, MAS NÃO LEMBRO… SE O LULA CHEGAR GANHAR, EU ESPERO QUE ELE SE ALIE COM PARTIDOS QUE REALMENTE MERECE… MUITOS DIZEM QUE O PT ACABOU, MAS PMDB, PSDB E OUTROS NÃO FICAM ATRÁS, DEPOIS DE CUNHA O PMDB NÃO SERÁ MAIS O MESMO, O TODO PODEROSO PMDB JÁ NÃO É MAIS TÃO PODEROSO, ASSIM COMO PSDB DEPOIS DO AÉCIO FICOU PIOR DO QUE JÁ ERA. EU PENSO QUE OS PARTIDOS DA ESQUERDA COMO O PCdoB TEM MUITA GENTE BOA, PDT, PSB… PODE SER IMPRESSÃO MINHA, MAS EU PARTICULARENTE ACHO QUE O PESSOAL DO PCdoB TEM O CORAÇÃO MAIS ABERTO AO PT DO QUE OS PRÓPRIOS PETISTAS… ENFIM, PENSO QUE SE O LULA GANHAR E PENEIRAR BEM VAI ENCONTRAR JÓIAS RARÍSSIMAS PARA COMPOR SEU GOVERNO.

     

  15. CAPO DI TUTTI CAPI

    São os capis da MÁFIA DE TOGA obedecendo o capo.

    Carlinhos Cachoeira que o diga!!!

    Ou alguém duvida disso???

    Senão como explicar alguém ficar sentado em cima de processos por anos, e nehum deles falar nada ou instituir prazo???

    Essa juíza novata que peitou GILMAR, também pedindo vistas, se demorar a devolver, perde a cabeça.

    Só ele e sua turma podem fazer isso!!!

    Janot, se não ceder, dança.

    ESSA COBRA BOCA DE CAÇAPA ENGOLE OVOS INTEIROS, SEM SE IMPORTAR COM O TAMANHO!!!

  16. justiça a ninguém

    Nassif,

    Não sei como GMendes ainda não sofreu uma advertência, tal o completo absurdo de suas ações, aliás, um rol delas.

    Quanto a DToffoli, ao assumir raiva de um presidente da República), demonstra ter sido mais uma das péssimas indicações da dupla Lula/ DR para o STF. O garotote demonstra necessitar de urgente tratamento médico, além de deixar à vista, por conta desta sua união com o cangaceiro goiano, uma significativa falha de caráter.

    Com sumidades como estas duas, o STF não pode ser capaz de fazer justiça a ninguém, e esta tragédia é o resultado prático das diversas  “atitudes republicanas” dos dois presidentes no momento da escolha para aquele tribunal, algo somente compreensível aos ocupantes de um Zoo.

  17. Heranças desastrosas

    Lula deixou como legado heranças históricas como a inclusão social, a introdução do Brasil no restrito círculo dos países influentes na política mundial, o que outrora se dizia “grandes potências”. Por outro lado, nos legou heranças desastrosas, como nas nomeações para o STF e a escolha de Dilma como presidente do Brasil. Seu desastre maior!

  18. Min. Tófolli

    O sr. é novo ainda. Há tempo para se redimir e sair da arapuca que um min. do naipe do Gilmar Dantas está lhe colocando. Se precisar se mirar em  alguém , siga outros, como o Lewandowski, o Barroso, etc. etc.

  19. Nassif, esses sorteios do TSE

    Nassif, esses sorteios do TSE e do STF, ou estão “batizados” ou são um dos maiores mistérios da humanidade. O Gilmar pega TODOS os processos decisivos.

  20. Luís Nassif, mais uma vez

    Luís Nassif, mais uma vez tenho o dever ético, cidadão e moral de te elogiar: você é jornalista com “J’ maiúsculo. Como mineiro, fico feliz em acompanhar a carreira de um conterrâneo que em 45 anos de profissão, completados ontem, jamais se deixou levar pelo canto da sereia e pelo caminho fácil, que seria cerrar fileiras com os proprietários, com os diretores e editores dos jornais e revistas em que trabalhou. Sem rasgação de seda: você é jornalista brilhante, muito acima da média e poucos se comparam a você, neste País em que o jornalismo se encontra moribundo há quase 15 anos.

    Nassif, você alertou aos leitores sobre o golpe que tramavam (e ainda tramam) Gilmar Mendes e Dias Toffoli; isso ainda no nascedouro. O blog tem tanta credibilidade e incomoda tanto a direita, os jornalões e revistonas, os ministros conservadores e golpistas – com destaque para Gilmar Mendes – que esse político sem voto, colocado por FHC no STF no ocaso do mandato, para livrar o ex-presidente de eventuais processos, voltou a ira dele conta você e contra o blog. Você fez muito bem em processá-lo; e há de ganhar a ação, esperamos.

    Os incautos e mal-informados – alguns até lêem e comentam neste blog – usam como válvula de escape o fato de Dias Toffoli ter sido indicado pelo ex-presidente Lula ou por ele ter sido advogado do PT, antes do PT chegar ao governo. Os mesmos incautos e mal-informados cometem a mesma leviandade ao se referir a Joaquim Barbosa, também indicado por Lula. Lula foi avisado e aconselhado a não indicar JB, pelo caráter desequilibrado e postura grosseira e agressiva demonstrada pelo magistrado; Eros Grau desnudou JB: um juiz que batia na mulher realmente era capaz de agredir um velho; EG acertou a jugular de JB. Em teste para o Itamaraty, JB fora rejeitado justamente pelo temperamento agressivo, incompatível com a diplomacia. Lula foi avisado e aconselhado, mas a vaidade e orgulho de ser “o presidente operário que nomeou o primeiro negro para o STF” falou mais alto. Quem pagou o mais alto preço pelo erro dessa nomeação foram o próprio Lula, o PT, os líderes históricos do partido e a esquerda brasileira, em geral. Basta verificar a perseguição implacável feita por JB a José Dirceu, depois de pedir ao ex-ministro da Casa Civil, para convencer Lula a nomeá-lo para uma cadeira no STF. Procurado, José Dirceu disse a JB: “Bom mesmo será o dia em que os que pretendem chegar ao Supremo obtenham sua indicação por seus próprios méritos, e não por indicações políticas como a que está me pedindo.” Vingativo e raivoso que é, JB guardou todo seu ódio, para, no julgamento da AP-470, invocar a teoria do domínio do fato e condenar, sem provas, José Dirceu. O resto da história os leitores bem conhecem. 

    Dias Toffoli era advogado medíocre e jamais demonstrou preparo e saber jurídico notório, atributos que se exigem de um indicado a ocupar uma cadeira no STF. Se Toffoli é conhecido nos recantos do País, se ocupa uma cadeira na suprema côrte, ele deve isso ao PT e, sobretudo, a Lula. Sem o PT e sem Lula, Toffoli seria mais um dos milhares de advogados medíocres desse imenso Brasil. Dilma Rousseff, com sua inabilidade política, sua honestidade e sinceridade que muitas chegam à grosseria, deve ter dito algumas poucas e boas a Toffoli ou deve ter feito aquilo que mais magoa um medíocre, que bajula e espera ser bajulado: deu-lhe o desprezo solene. Mas o caráter vitalício da cadeira de ministro do STF permite que se prepare e se deguste aquele prato que, segundo os analistas da história, da sociologia e da política se come frio: a vingança. E nada melhor do que se aliar a um ministro-político-sem-voto, o mesmo que disse que jornalistas são como cozinheiros e que, por isso, não precisam de diploma para exercer a profissão, para preparar a iguaria desejada: se vingar de Dilma, tentando impedi-la de concluir o mandato que a maioria dos eleitores lhe conferiu através do sufrágio universal.

     

    Parabéns, Nassif, pelo brilhante trabalho que tem realizado nesses 45 anos. Vida longa e saúde para você e para a família. E como bandolinista, você também está de parabéns.

  21. Qualquer brasileiro

    Qualquer brasileiro, um pouco mais informado, tem vergonha desses patetas travestidos de “justiça”.

    Na verdade, não passam de CRETINOS, que querem se dar “bem” com criminosos sonegadores de impostos da imprensa vigarista.

  22. É de longe o mais fraco dos

    É de longe o mais fraco dos ministros do stf. Não tem pensamento proprio. E pior, segue o seu mestre, o ministro gilmar.

    É mais uma das péssimas e desastrosas escolhas de lula para o stf. Nesse ponto, Lula não acertou uma. Foi uma burrice atras da outra. Foi muito mal assessorado o Lula nesse ponto. Aliás, há um déficit enorme no PT: não tem bons assessores.

    • Se analisar com atenção a presidenta dirá “tá tudo dominado”

       

      Atenir (quarta-feira, 02/09/2015 às 22:47),

      O PT precisa de bons assessores para ganhar eleição. Se eles não são bons e o PT ganha as eleições para mim é suficiente.

      A crítica as indicações para o STF são feitas à direita e à esquerda. É preciso ter mais cuidados ao fazer essa crítica. Vou tentar esclarecer o que eu penso sobre as indicações para o STF, reproduzindo um comentário que eu enviei para LACosta, junto ao comentário dele enviado segunda-feira, 24/08/2015 às 16:36 para o post “Constituição é contra impeachment de Dilma por fato do mandato anterior” de segunda-feira, 24/08/2015 às 14:57, aqui no blog de Luis Nassif e consistindo da reprodução do artigo do professor Lenio Luiz Streck “Constituição é contra impeachment de Dilma por fato do mandato anterior” publicado no Consultor Jurídico. No meu comentário, que eu intitulei “Lenio Luiz Streck é muito para o STF”, eu disse o seguinte:

      – – – – – – – – – – – – – – – – – – – –

      “LACosta (segunda-feira, 24/08/2015 às 16:36),

      Estou há muito tempo afastado do Direito para que a minha opinião tenha algum valor, mas há mais tempo eu já me manifestei contra a escolha de Lenio Luiz Streck para o STF. Avalio que ele tem mais espaço como jurista e doutrinador fora do STF. É mais como um elogio que eu digo que Lenio Luiz Streck é muito grande para o STF.

      De certo modo, os ministros do STF são pequenos perto dos grandes juristas que o país produz com abundância. A diferença é que a voz majoritária deles faz lei e o jurista ou doutrinador não tem esse poder nem diante de um juiz estadual em um lugar a esmo qualquer do país.

      É bem verdade que com o poder modulador que foi conferido posteriormente às decisões do STF, um juiz do STF pode manifestar mais livremente e de modo mais doutrinário e depois modular a sentença de forma a reduzir as consequências muito delas danosas que a interpretação mais elaborada e avançada que ele tinha poderia causar”.

      – – – – – – – – – – – – – – – – – – – –

      Então essa história de ver grandeza nos ministros do STF sempre foi conversa para boi dormir. Com bons assessores para consultar nas melhores fontes de doutrina e jurisprudência, todos eles são do mesmo nível.

      O segundo ponto é que os ministros indicados pelo PT tem feito mais proezas do que os ministros do PT ou os deputados do PT. Há muita norma que só se tornou legislação via aprovação do STF e não via um Congresso Nacional conservador onde o Senado Federal é menos conservador do que a Câmara dos Deputados.

      O governo do PT tentou por diversas vezes aumentar a pena de caixa dois. Não conseguiu. Aumentou a pena do crime de corrupção, mas não aumentou a pena do crime de caixa dois. O ex-ministro Joaquim Benedito Gomes Barbosa praticamente sozinho transformou o crime de caixa dois quando envolve funcionário público com amplo espectro de poder na sua área de atuação (servem como exemplo um deputado federal, um presidente de um partido) em crime de corrupção, ou seja, fez muito mais do que o PT pretendia fazer.

      O que eu disse acima só é entendido quando se sabe que há dois crimes no crime de corrupção: o crime do recebimento da vantagem indevida e o crime da prática do ato pelo qual se recebe a vantagem indevida. Ninguém no caso da Ação Penal 470 no STF foi condenado pela prática do ato. Na corrupção ativa também há os dois crimes e de novo que se destaque que ninguém no caso da corrupção ativa foi condenado por ter o corrupto passivo praticado o ato pelo qual recebeu a vantagem indevida. A condenação foi só pelo crime de caixa dois, que os próprios réus alegaram que praticaram. Só que no novo entendimento do STF trata-se de crime de corrupção.

      E agora há essa discussão no TSE em que você se deixa levar pela argumentação de Luis Nassif. Eu diria que talvez ai se devesse entender de outro modo. É bem provável que o ministro Gilmar Ferreira Mendes e Antonio Dias Tofolli sejam parceiros em deixar a oposição na expectativa e assim a oposição não força a barra contra a presidenta Dilma Rousseff.

      Vale a pena ler com mais atenção o post “Constituição é contra impeachment de Dilma por fato do mandato anterior”, não só pela importância daquilo que o Lenio Luiz Streck diz, como também pelo aprendizado que proporcionam o comentário de Pontara enviado segunda-feira, 24/08/2015 às 15:16 (embora provavelmente Popntara não saiba o que é dito no texto que ele reproduziu no comentário dele), e o comentário de Juiz Politico enviado segunda-feira, 24/08/2015 às 17:27. O link para o post “Constituição é contra impeachment de Dilma por fato do mandato anterior” é:

      http://jornalggn.com.br/noticia/constituicao-e-contra-impeachment-de-dilma-por-fato-do-mandato-anterior

      Pontara reproduz trecho do livro de Michel Temer “Elementos de Direito Constitucional” que diz claramente que, embora o julgamento do impeachment seja político, para que ele ocorra é necessário que a hipótese de responsabilização esteja tipificada. E o Lenio Luiz Streck também mostra com clareza que a hipótese de responsabilização tem de ocorrer no mandato e não no mandato anterior. É preciso que haja o crime e ele tem que ocorrer no mandato para que haja o julgamento político do impeachment.

      A conclusão então é que a história do TCU é também para boi dormir. De todo modo, para quem sabe que a Lei de Responsabilidade Fiscal é norma que a União impõe aos demais entes federativos, o fortalecimento dessa norma é de interesse da União, assim, o governo terá no parecer do TCU um bom motivo para cobrar dos entes federativos mais rigor no cumprimento da Lei de Responsabilidade Fiscal.

      A oposição sabe de toda essa história, assim para ela o último caminho que resta é o TSE. Se no momento atual se acabar com a possibilidade do TSE terminar com o governo da presidenta Dilma Rousseff, a oposição pode ficar por conta de querer inviabilizar o governo da presidenta Dilma Rousseff. Então para o bem da presidenta Dilma Rousseff é melhor que a história do TSE continue. E provavelmente a história do TSE irá para as calendas gregas. Que é o que mais interessa à presidenta Dilma Rousseff. É como diz a nossa bela canção popular: “tá tudo dominado”.

      E tem mais, a presidenta Dilma Rousseff, apesar de todo o pega para capar com Aécio Neves, tem-no como um mineiro e por isso o Procurador Geral da República tudo fará para o proteger. O problema da presidenta Dilma Rousseff é com São Paulo. Não é por outra que Michel Temer foi chorar as mágoas dele lá com Paulo Skaf, ou pode ter sido o contrário. Mesmo no blog de Luis Nassif é preciso ler mais nas entrelinhas.

      Clever Mendes de Oliveira

      BH, 03/09/2015

  23. Um país com excesso de homens pequenos

    Este sempre foi o problema do Brasil, excesso de anões de caráter, de nanicos de espírito. Só um gigante como Lula para trazer esperança a esta terra.

  24. Suspeitíssima essa “guinada”

    Suspeitíssima essa “guinada” de Tófolli em direção a Gilmar Mendes…

    Há mais coisas aí do que uma simples ‘vingancinha” contra Dilma.

    O buraco é mais embaixo…

    Vantagens ou ameaças???

    Até Luis Roberto Barroso anda dando umas “escorregadas” e umas “amareladas”…

    Tem caroço nesse angú…

  25. + comentários

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome