Aprovado em sabatina, Kassio se alinha a Bolsonaro contra o aborto

Indicado ao STF, juiz federal evita responder sobre a Lava-Jato e afirma não saber função que a esposa exerce no Senado Federal

Kássio Nunes Marques, o indicado de Jair Bolsonaro para o STF. Foto: Reprodução

Jornal GGN – O juiz federal Kassio Nunes Marques foi aprovado por 22 votos a cinco na sabatina realizada pela Comissão de Constituição e Justiça e Senado para assumir uma cadeira no Supremo Tribunal Federal (STF). Agora, a decisão do colegiado precisa ser referendada pelo plenário da Casa.

Segundo o jornal Folha de São Paulo, Nunes Marques evitou responder inúmeras perguntas sob o argumento de que pode se deparar com os temas caso seja aprovado para o STF (Supremo Tribunal Federal), se alinhou ao presidente Jair Bolsonaro na questão do aborto e se definiu como um juiz garantista que não julga de acordo com o clamor popular.

A sabatina durou mais de nove horas e, embora aprovado, o indicado de Bolsonaro evitou responder questionamentos sobre diversos temas, como situações específicas da Lava Jato, inquérito das fake news, influência da TV Justiça em julgamentos, entre outros.

Quando questionado sobre a presença de sua esposa como empregada do gabinete do senador Elmano Férrer (PP-PI), disse não saber qual é a função dela na Casa. “O trabalho que ela desempenha, eu sabia, mas não sei lhe dizer, porque há mudanças de gabinete, mas o que eu sabia que ela fazia são essas respostas vindas de lideranças e questionamentos de gabinetes”, afirmou.

 

 

Leia Também
Esposa de Kassio Marques está alocada em gabinete de senador do Piauí
Sabatina: Kassio Nunes fala em “ajustes” na Lava Jato e desconversa sobre prisão em 2ª instância

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

Leia também:  G-20: Bolsonaro, mais uma vez, nega racismo e diz que todos os brasileiros são "verde e amarelo"

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome