Revista GGN

Assine

Os dados do IBGE sobre os espíritas

Por Braw

Comentário ao post "A diminuição do número de católicos"

Dados do Censo Demográfico 2010, divulgados nesta sexta-feira (29), mostram que a população que se autodeclara espírita tem os melhores indicadores de educação e renda em relação às demais representações religiosas no país.

Espíritas no Brasil

31,5%
têm nível superior

15%
têm ensino fundamental incompleto

1,8%
não têm instrução

1,4%
não são alfabetizados

Os espíritas têm a maior proporção de pessoas com nível superior (31,5%) e os menores índices de brasileiros sem instrução (1,8%) e com ensino fundamental incompleto (15%). Apenas 1,4% das pessoas que se declararam adeptas desse grupo religioso não são alfabetizadas.

Sem votos
132 comentários

Comentários

Espaço Colaborativo de Comentários

Comentar

O conteúdo deste campo é privado e não será exibido ao público.
CAPTCHA
Esta questão é para testar se você é um visitante humano e impedir submissões automatizadas por spam.
+132 comentários

Nos meus 56 anos de vida, a única filosofia que conheci e que fala em solidariedade e responsabilidade sobre suas próprias ações é o espiritismo Kardecista. Além do mais, é a única doutrina que respeita os animais.

 

Para aqueles que acham que espiritismo (kardecismo) é embuste, precisam estudar Lombroso, Crookes, de Rochas, Flamarion...etc com olhos de ver e ouvidos para ouvir, ou seja, sem paixão como fazem os cientistas e pesquisadores sérios.  

 

Gostaria de saber porque meu comentário não foi postado?

 

Por acaso vendo o jornal apareceu a notícia sobre os 10 anos sem Chico Xavier (o que também é 10 anos do Penta...)

http://g1.globo.com/minas-gerais/triangulo-mineiro/noticia/2012/06/serie-especial-relembra-os-10-anos-da-morte-de-chico-xavier.html

No próximo dia 30 de junho completam-se 10 anos da morte de Chico Xavier. Confira nesta semana uma série de reportagens especiais sobre a data. Entre os assuntos  abordados estão: o legado deixado por ele, a cidade mineira de Pedro Leopoldo onde ele nasceu, as caravanas que continuam indo até Uberaba, o sucesso das obras no cinema e, na primeira delas, as últimas 24 horas de vida do médium.

O líder espírita morreu aos 92 anos, cego de um olho e debilitado por problemas no coração e nos pulmões. Segundo os amigos próximos, duas semanas antes de morrer ele pediu para visitar a cozinha onde é preparada a comida distribuída aos pobres, em Uberaba, onde viveu a maior parte da vida.

O dia 30 de junho de 2002 amanheceu ensolarado. Os brasileiros tinham um motivo para acordar bem cedo naquele domingo: a final da Copa do Mundo entre Brasil e Alemanha. Chico estava na casa onde morava e não assistiu ao jogo, mas já sabia o resultado. "Ele falou para eu prestar atenção no jogo que o Brasil iria ganhar", disse o filho adotivo de Chico, Eurípedes Higino.

 Reprodução/TV Integração)Uma das últimas fotos tiradas antes da morte
de Chico (Foto: Reprodução/TV Integração)

"Ele sempre falou que queria morrer quando o Brasil estivesse alegre. Foi a última coisa que ele disse", contou a amiga Kátia Maria, que era vizinha do médium. As fotos tiradas na tarde daquele domingo são as últimas recordações. "Aquele domingo foi metade alegre e depois ficou tudo muito triste. Ele teve uma morte muito serena, tranquila, eu não apavorei e com certeza ele já estava me preparando para isso. Fiquei calma e ele morreu no meu colo”, contou Kátia.

O filho adotivo do médium também acompanhou a despedida de perto. "Ele disse que estava com um pouco de dor e pôs as mãos para o céu e não deu tempo de mais nada", lembrou. A notícia mudou a expressão de muitos brasileiros e 150 mil pessoas foram se despedir do líder espírita. Famosos e anônimos, muitos tocaram a mão direita do médium, a que ele usava para psicografar as mensagens. Antes do enterro houve um cortejo com honras militares e chuva de pétalas de rosas.

O enfermeiro que cuidou de Chico durante o último ano de vida, Sidnei Pereira, faltou aquele dia no serviço. Assim que soube da morte do médium se sentiu culpado, mas hoje acredita que o afastamento tem uma explicação. "Eu imagino que ele pensou, por eu ser da área de saúde, que eu poderia atrapalhar, perceber que ele estava sentindo algo e levá-lo para o hospital. Ele queria ficar quietinho no quarto porque era hora de ir embora", contou Sidnei. Enquanto trabalhava para o médium ele nunca foi chamado de Sidnei. Para Chico, o enfermeiro era Antônio. "Eu perguntei por que o nome Antônio e ele falou: já nos conhecemos de vidas passadas".

Depois da morte o maior enigma é como Chico Xavier irá se comunicar. Nos últimos dez anos cinco mensagens surgiram em diferentes partes do Brasil. Contudo, segundo amigos íntimos do médium, todas são falsas e existe um código para identificar a verdadeira. Somente o filho adotivo, o médico e a amiga sabem da suposta senha criada por Chico para garantir a autenticidade de uma carta que ele enviaria do além. "O código eu entendo e como foi feito. Se ele viesse a se manifestar para mim ou através de alguém eu saberia dizer que aquele fenômeno era do Chico Xavier”, disse o médico Eurípedes Tahan.

 

"Se você pode sonhar, você pode fazer" - Walt Disney

O Espiritismo, de forma lenta, gradual e segura (êpa) se tornará no futuro das religiões.

 

"Tudo me é lícito mas nem tudo me convém" Contra o Preconceito e a Discriminação, o repúdio e a Lei.

Há um erro metodológico nessa pesquisa, só entrevistaram os encarnados. O problema é que não conseguiram determinar o número total de desencarnados para calcular a margem de erro amostral. Mas, é óbvio que os espíritas são maioria absoluta no Brasil, no mundo e no outro mundo.

 

Eu não acredito em espíritos.


Há entre eles muitos que são mentirosos.

 

Eu ri

 

A semeadura é livre, mas a colheita obrigatória.

Eu ri.

 

 
Re: Os dados do IBGE sobre os espíritas
 

Este é um blog notadamente antipaulista! Paulistas, não se submetam docilmente a humilhações e manifestações de preconceito!! A internet é enorme.

Meu caro, não se exponha aqui ao ridículo.

Isso dai que voce está colocando não tem absolutamente nada a ver com a doutrina espírita.

Essa pesquisa é óbvia.

A religião ou doutrina espírita simplesmente apresenta esses números primeiramente por ser numericamente bem inferior as predominantes como catolicas ou protestantes, e em segundo lugar, por ser uma religião que acaba por estimular bastante a leitura e o estudo. Acredito que seja isso.

Se a pesquisa incluisse a religião judaica no Brasil provavelmente os números seriam até "melhores" que esses digamos assim.

 

Quem se expõe ao ridículo são os que acreditam nessa charlatanice, como você, e ainda querem discutir o indiscutível. Querem explicar o inexplicável.


Vê se o 'espírito' livrou o Pai Bruno da cadeia!! 


Se o espírito não ajudou nem o seu CAVALO, por que iria ajudar os jegues que pagam pra se consultar, compram livros, fazem doações e ajudam a propagandear essa parvoíce? 

 

Este é um blog notadamente antipaulista! Paulistas, não se submetam docilmente a humilhações e manifestações de preconceito!! A internet é enorme.

Re: Os dados do IBGE sobre os espíritas
Re: Os dados do IBGE sobre os espíritas
Re: Os dados do IBGE sobre os espíritas
 

Este é um blog notadamente antipaulista! Paulistas, não se submetam docilmente a humilhações e manifestações de preconceito!! A internet é enorme.

Pai Bruno

Re: Os dados do IBGE sobre os espíritas
 

Este é um blog notadamente antipaulista! Paulistas, não se submetam docilmente a humilhações e manifestações de preconceito!! A internet é enorme.

Resposta do usuário Morango no site do Yahoo.
 
Ser Espírita vai muito além de freqüentar núcleos Espíritas, tomar passes, ler romances, crer em reencarnação, etc.

Somente pode-se dizer Espírita aquele que:

1. estudou e analisou a fundo a doutrina, até chegar à certeza plena de sua autenticidade.

2. descobriu as leis que o regem. (antes de se conhecerem as leis, o fenômeno está no domínio do maravilhoso e do sobrenatural; descobertas as leis, passa a ser um fato natural).

3. utiliza os conhecimentos para proceder ao seu aperfeiçoamento moral, visando sua evolução. Como disse Kardec: “Reconhece-se o verdadeiro espírita pela sua transformação moral e pelos esforços que emprega para domar suas inclinações más”.

O primeiro passo – e sem ele ninguém pode ser Espírita – é estudar (não apenas ler), a obra base da doutrina, composta por 7 livros:

1857 – O Livro dos Espíritos
1859 – O Que é o Espiritismo
1861 – O Livro dos Médiuns
1864 – O Evangelho segundo o Espiritismo
1865 – O Céu e o Inferno
1868 – A Gênese
1890 – Obras Póstumas


Ser espírita é ser autêntico, trabalhando na autonomia pessoal o direito à felicidade possível; é ser íntimo da alegria, num fluir contínuo de comunhão da criatura com a fonte da beleza, que é o Criador; é orar com absoluta confiança n’Ele, trabalhando com entusiasmo, agindo caridosamente, desculpando os ofensores, aplicando a bondade, a lealdade, a humildade, a compreensão e o algodão do perdão na chaga aberta por quantos nos ferem ou agem de maneira reprochável; é praticar a caridade em todos os níveis e em todas as oportunidades que se oferecem, porque "fora da Caridade não há salvação" para as nossas Almas; é saber amar o próximo, estendendo este amor até mesmo aos que nos magoam, nos ferem e são caracterizados à conta de inimigos, vez que, aquele que fere, é um doente da Alma, apartado do bem e do amor a Deus; é tolerar com paciência, as situações desagradáveis e as horas amargas, defrontadas no curso do carreiro evolutivo, não permitindo que os empecilhos se transformem em tristezas entorpecentes ou mecanismos ancilosantes que obstam nossa ação no bem com Jesus; é ser benevolente com os irmãos em Humanidade e não exigir deles qualidades que ainda não possuímos.

Quando tudo parece conspirar contra a felicidade almejada, o espírita será sempre aquele que erguerá os olhos para a face risonha da Vida que o antoja, superando o momento aziago com alegria, confiança em Deus, serenidade, bondade e amor...

O Espírita-Cristão, não carece ser na sociedade em que vive, um ser exótico, diferente dos demais, senão na consciência reta e pulcra no fiel comprimento dos deveres que lhe são próprios.

A Divina Sabedoria que rege nossos destinos, é perfeita em todos os sentidos e observando nossa condição de Espíritos Eternos, acalenta-nos em seu Amor Infinito e incondicional, preceituando para cada um de nós: saúde e não doença, conciliação e não discórdia, paz e não desequilíbrio, tolerância e não intransigência, alegria e não tristeza, esperança e não desânimo, perdão e não ressentimento, êxito e não fracasso, coragem e não fraqueza, fé e não medo destrutivo, disciplina e não desordem, progresso e não atraso.

A Doutrina de Jesus, se resume toda no amor e nos ensina a caridade, a justiça, a humildade, a paciência, a abnegação, o perdão e a resignação dinâmica que sabe agir no momento certo, jamais se amolentando na indiferença ou no desânimo...

O perdão oferecido pelo verdadeiro espírita, é aquele que brota das mais profundas anfractuosidades do coração e faz olvidar por completo as ofensas recebidas.

Os Espíritos amigos exoram:

"Pregai, exemplificando, a Caridade ativa, infatigável, que Jesus vos ensinou, substituindo a cólera que conspurca pelo amor que edifica; sede probos, leais e conscienciosos, fazendo sempre aos outros o que quereis que vos façam; amai sem escravizar-vos e sem escravizar".

Espiritismo!... Que além de ser Ciência, Filosofia e Religião, é também poesia!...

"Felizes dos que te conhecem e tiram proveito de seus ensinos!..."

 

Marcos Carvalho...

Frequento um Centro Espírita a já alguns anos e estamos estudando o Livro dos Espíritos e o Evangelho Segundo o Espiritismo, nas seções de sábado.

Garanto que somos mais de uma centena que estudam regularmente estas publicações de Kardec e que somos os que mais conhecem da doutrina no Centro Espírita que frequentamos.

Todavia, segundo seu comentário, nenhum de nós é espírita porque ainda não conhece as obras de Kardec a fundo.

A julgar por seu parecer, o contingente de espíritas deveria cair para 0,001%.   

 

A semeadura é livre, mas a colheita obrigatória.

Não dou palpite sobre assunto de fé, não ser quando não posso evitar a pauta.

Pronto: - disse.

 

força  “maior”, a mais importante para o nosso momento atual, quando nada se encaixa perfeitamente em nenhuma religião, é aquela capaz de nos aproximar um dos outros, não de nós mesmo...........[[[só há conflitos em dimensões exteriores]]] vejam na figura

de repente o contrário do que muitos pensam, pela insensatez em qualquer “modelo”

muito úteis, portanto, todas a religiões

se espíritos existem mesmo, estão à espera de uma força de aplicação universal

aí sim, como a eletricidade, considerando a.............................................chega

 

por enquanto conseguem enxergar apenas isso, acendam sempre, em qualquer cantinho quando precisarem de ajuda para......................................................chega

Re: Os dados do IBGE sobre os espíritas
 

em tempo...sisqueceu das dicas imundanas

sendo jovem, com grana extra ou de sobra, invista em fábricas de velas, mineradoras de cobre e de carvão mineral

tou brincando rs

 

Faça uma discussão sobre aborto e vamos ver o que dá. Sou espirita, acredito muito que espíritos existem, mas que o pensamento conservador  domina, isso domina. É só escutar a Radio boa Nova durante o meio dia onde discute as notícias que iremos ver o quanto o pensamento conservador domina alguns de seus digamos líderes.  Outro dia defendiam abertamente o voto distrital, a ponto de  mandar um email pra rádio pedindo que outras opniões fossem ouvidas.

 

Alain Kardec  e Augusto Conte,são venerados somente no  Brasil.

Deve existir  uma explicação.

Apreciaria  saber qual  é.

 

rique

O Brasil é habitado, predominantemente por espíritos mais velhos que já se cansaram de guerras. Como somos espiritos mais velhos somos mais sensíveis a terceira revelação.

 

Oh!! Agora temos a demografia dos espíritos brasileiros, por idade... É muita sebedoria reunida!!


Fico estupefato!

 

Este é um blog notadamente antipaulista! Paulistas, não se submetam docilmente a humilhações e manifestações de preconceito!! A internet é enorme.

Não importa os diplomas e os doutorados, que o irmão espirita tem nas mãos, o que importa  é a caridade e o perdão que ele traz no coração.

 

Vejam o que os espíritos disseram para Allan Kaedec, conforme escrito no livro a Gênese:

32. Não foi, portanto, uniforme o progresso em toda a espécie humana. Como era natural, as raças mais inteligentes adiantaram-se às outras, mesmo sem se levar em conta

que muitos Espíritos recém-nascidos para a vida espiritual,

vindo encarnar na Terra juntamente com os primeiros aí

chegados, tornaram ainda mais sensível a diferença em

matéria de progresso. Fora, com efeito, impossível atribuir

-se a mesma ancianidade de criação aos selvagens, que mal

se distinguem do macaco, e aos chineses, nem, ainda

menos, aos europeus civilizados.

Entretanto, os Espíritos dos selvagens também fazem

parte da Humanidade e alcançarão um dia o nível em que

se acham seus irmãos mais velhos. Mas,  sem dúvida, não

será em corpos da mesma raça física, impróprios a um certo desenvolvimento intelectual e moral. Quando o instrumento já não estiver em correspondência com o progresso

que hajam alcançado, eles emigrarão daquele meio, para

encarnar noutro mais elevado e assim por diante, até que

tenham conquistado todas as graduações terrestres, ponto

em que deixarão a Terra, para passar a mundos mais avan-

çados. (Revue Spirite, abril de 1862, pág. 97: “Perfectibilidade

da Raça Negra”.)

RA Ç A A D Â M I C A

38. De acordo com o ensino dos Espíritos, foi uma dessas

grandes imigrações, ou, se quiserem, uma dessas colônias

de Espíritos, vinda de outra esfera, que deu origem à raça

simbolizada na pessoa de Adão e, por essa razão mesma,

chamada  raça adâmica. Quando ela aqui chegou, a Terra

já estava povoada desde tempos imemoriais,  como a América, quando aí chegaram os europeus.

Mais adiantada do que as que a tinham precedido neste planeta, a raça adâmica é, com efeito, a mais inteligente,

a que impele ao progresso todas as outras. A Gênese no-la

mostra, desde os seus primórdios, industriosa, apta às artes e às ciências, sem haver passado aqui pela infância espiritual, o que não se dá com as raças primitivas, mas concorda com a opinião de que ela se compunha de Espíritos

que já tinham progredido bastante. Tudo prova que a raça

adâmica não é antiga na Terra e nada se opõe a que seja

considerada como habitando este globo desde apenas alguns milhares de anos, o que não estaria em contradição

nem com os fatos geológicos, nem com as observações

antropológicas, antes tenderia a confirmá-las.

No estado atual dos conhecimentos, não é admissível a

doutrina segundo a qual todo o gênero humano procede de

uma individualidade única, de há seis mil anos somente a

esta parte. Tomadas à ordem física e à ordem moral, as

considerações que a contradizem se resumem no seguinte:

Do ponto de vista fisiológico, algumas raças apresentam característicos tipos particulares, que não permitem

se lhes assinale uma origem comum. Há diferenças que

evidentemente não são simples efeito do clima, pois que os

brancos que se reproduzem nos países dos negros não se

tornam negros e reciprocamente. O ardor do Sol tosta e

brune a epiderme, porém nunca transformou um branco

em negro, nem lhe achatou o nariz, ou mudou a forma dos

traços da fisionomia, nem lhe tornou lanzudo e encarapinhado o cabelo comprido e sedoso. Sabe-se hoje que a cor

do negro provém de um tecido especial subcutâneo,

peculiar à espécie.

Há-se, pois, de considerar as raças negras, mongólicas,

caucásicas como tendo origem própria, como tendo nascido simultânea ou sucessivamente em diversas partes do

globo. O cruzamento delas produziu as raças mistas secundárias. Os caracteres fisiológicos das raças primitivas

constituem indício evidente de que elas procedem de tipos

especiais. As mesmas considerações se aplicam, conseguintemente, assim aos homens, quanto aos animais, no que

concerne à pluralidade dos troncos. (Cap. X, n

os

 2 e

seguintes.)

40. Adão e seus descendentes são apresentados na Gênese

como homens sobremaneira inteligentes, pois que, desde a

segunda geração, constroem cidades, cultivam a terra, trabalham os metais. São rápidos e duradouros seus progressos nas artes e nas ciências. Não se conceberia, portanto,

que esse tronco tenha tido, como ramos, numerosos povos

tão atrasados, de inteligência tão rudimentar, que ainda

em nossos dias rastejam a animalidade, que hajam perdido

todos os traços e, até, a menor lembrança do que faziam

seus pais. Tão radical diferença nas aptidões intelectuais e

no desenvolvimento moral atesta, com evidência não

menor, uma diferença de origem.

Sem falar que o espírito da mãe de chico xavier disse a ele que o Sol e Marte eram habitados.

 

Qué sabê se deve apricá na Borsa ou no Dow Jones? Consurta o pai véio!

 

Este é um blog notadamente antipaulista! Paulistas, não se submetam docilmente a humilhações e manifestações de preconceito!! A internet é enorme.

Troll detected!!

 

Toda crença é respeitável.

No entanto, se buscaste a Doutrina Espírita, não lhe negues fidelidade.


Toda religião é sublime.

No entanto, só a Doutrina Espírita consegue explicar-te os fenômenos mediúnicos em que toda religião se baseia.


Toda religião é santa nas intenções.

No entanto, só a Doutrina Espírita pode guiar-te na solução dos problemas do destino e da dor.


Toda religião auxilia.

No entanto, só a Doutrina Espírita é capaz de exonerar-te do pavor ilusório do inferno, que apenas subsiste na consciência culpada.


Toda religião é conforto na morte.

No entanto, só a Doutrina Espírita é suscetível de descerrar a continuidade da vida, além do sepulcro.


Toda religião apregoa o bem como preço do paraíso aos seus profitentes.

No entanto, só a Doutrina Espírita estabelece a caridade incondicional como simples dever.


Toda religião exorciza os Espíritos infelizes.

No entanto, só a Doutrina Espírita se dispõe a abraçá-los, como a doentes, neles reconhecendo as próprias criaturas humanas desencarnadas, em outras faixas de evolução.


Toda religião educa sempre.

No entanto, só a Doutrina Espírita é aquela em que se permite o livre exame, com o sentimento livre de compressões dogmáticas, para que a fé contemple a razão, face a face.

 

 Toda religião fala de penas e recompensas.

No entanto, só a Doutrina Espírita elucida que todos colheremos conforme a plantação que tenhamos lançado à vida, sem qualquer privilégio na Justiça Divina.

 

Toda religião erguida em princípios livres, mesmo as que vigem nos outros continentes, embora nos pareçam estranhas, guardam a essência cristã.

No entanto, só a Doutrina Espírita nos oferece a chave precisa para a verdadeira interpretação do Evangelho. 

 

A semeadura é livre, mas a colheita obrigatória.

"Os dados do IBGE sobre os espíritas"

É estranho que o IBGE se preocupe com esse aspecto, enquanto não se sabe sequer, por exemplo, o número de deficientes físicos ou visuais neste País! Na verdade não é só estranho; é um absurdo mesmo!


Quanto a cogitada superioridade intelectual dos espíritas,  eu só posso lamentar que se use artifícios como este para se propagandear essa prática (crença).


Não consigo imaginar alguém muito inteligente ou muito culto se consultando com um "espírito incorporado" num "médium"... Coisa teatral, cômica, ridícula, pra dizer a verdade.

 

Este é um blog notadamente antipaulista! Paulistas, não se submetam docilmente a humilhações e manifestações de preconceito!! A internet é enorme.

 

Acho que a idade está me transformando numa pessoa intolerante. Principalmente com pessoas que se propõe a tecer comentários, num blog como esse, sem procurar se informar sobre o que está comentando. Uma “Anta” desqualifica o censo por trazer informação sobre aspectos de religiosidade do povo brasileiro; e contrapõe a informação alegando que o mesmo censo teria ignorado o numero de deficientes visuais/auditivos ou motor no país. Se essa “Anta” tivesse se informado no próprio PIG, teria tomado conhecimento de que essa pesquisa foi feita, e consta do resultado geral do censo de 2010.

http://180graus.com/geral/ibge-aponta-que-61-das-pessoas-com-deficiencia-tem-baixa-instrucao-538481.html

 

 


Antes de mais nada; anta é a senhora sua mãe.
Em segundo lugar, um idiota que se consulta com "espíritos", pais de santos, pretos velhos e pombas giras, só poderia mesmo ter a ofensa como argumento, claro, a inteligência passou longe do seu cérebro.
O senhor deve ser aquele pastor evangélico que virou pai de santo, porque todos os dias quando chegava em casa tinha que tirar um caboclo de cima de sua mulher.


O link que colocaste não traz os números de deficientes relativos a CADA deficiência; coloca tudo no mesmo saco; cegos, surdos, mudos, deficientes físicos e mentais.
O que interessa mesmo pro IBGE é a escolaridade dos idiotas que acreditam em pais de santo, pomba gira, guias espirituais e outros charlatães.
E esses idiotas como o Sr. não admitem que alguém não acredite nessa crendice estúpida.
Se alguém se mostrar cético quanto às palhaçadas, encenações e charlatanices peculiares dessa prática religiosa, já é logo chamado pelo nome de algum animal, assim como fizeste comigo...


Os "espíritos" não estão lhe ajudando em nada, meu velho! Tente uma escola de ensino fundamental que vais ter muito mais resultado do que se consultando com charlatães e estelionatários!

 

Este é um blog notadamente antipaulista! Paulistas, não se submetam docilmente a humilhações e manifestações de preconceito!! A internet é enorme.

Não sou exemplo de espírita que sabe dar a face como a primeira das caridades, aliás, por isso mesmo sinto-me bastante livre para dizer o que penso sem papas na língua.

Ridículo pra mim é alguém deitar falação sobre algo que nem suspeita do que se trata.

Cômico é alguém que se sente ofendido porque determinada instituição ou alguém, que não de suas relações, foi exaltado. O despeito é mesmo algo risível.

 

A semeadura é livre, mas a colheita obrigatória.

 Isso talvez apenas prove que boa escolaridade não tem a ver necessariamente com sapiência...

 

Concordo plenamente com você. Os Espiritas Kardecistas se incluem entre aqueles que acreditam que uma virgem pode parir. Fala a verdade: se uma filha te procurar e disser que está gravida sem nunca ter tido relação sexual, você vai acreditar?

 

Voce está enganado, os espíritas não acreditam ou não deveriam acreditar nisso.

Isso é um dogma da igreja católica, que eu saiba.

Allan Kardec foi muito claro: nos casos em que a ciencia desmentir o espiritismo, fiquem com a ciencia.

Que eu saiba a ciencia prova, que a época de Jesus, ainda não havia inseminação artificial, logo...

 

Poucas horas antes de ser entregue aos judeus, por ocasião da última ceia, profere Jesus as seguintes palavras: "Se me amais, guardai os meus mandamentos. E eu rogarei ao Pai, e Ele vos dará outro consolador, para que fique eternamente convosco, o Espírito da Verdade, a quem o mundo não pode receber, porque não o vê, nem o conhece. Mas vós o conhecereis, porque ele ficará convosco e estará em vós. - Mas o Consolador, que é o Espírito Santo, a quem o Pai enviará em meu nome, vos ensinará todas as coisas, e vos fará lembrar de tudo o que vos tenho dito". (João XIV: 15 a 17; 26)

Com essas palavras, Jesus se refere a um outro consolador, o Espírito da Verdade, que deveria vir mais tarde, ensinar todas as coisas, ficando claro que, em sua época, ele não havia dito tudo.

O Espiritismo é, portanto, o cristianismo redivivo, e está baseado nas obras de Allan Kardec que são:

1)   O LIVRO DOS ESPÍRITOS (publicado em 18 de abril de 1857)

2)   O LIVRO DOS MÉDIUNS (publicado em janeiro de 1861)

3)   O EVANGELHO SEGUNDO O ESPIRITISMO (publicado em abril de 1864)

4)   O CÉU E O INFERNO (publicado em agosto de 1865)

5)   A GÊNESE, OS MILAGRES E AS PREDIÇÕES SEGUNDO O ESPIRITISMO (publicado em janeiro de 1868)

6)   OBRAS PÓSTUMAS (publicado em 1890)

 

A semeadura é livre, mas a colheita obrigatória.

Tô começando a gostar da China: "...the biggest part of the population, ranging between 60% and 70%, is mostly agnostic or atheist.(Wiki).

 

Japão, um lugar realmente legal, alto nível econômico, social, cultural e baixíssima criminalidade:

Young men at the Imperial University in Tokyo were asked to indicate their religions; out of those surveyed, 50 were Buddhist, 60 were Christian, 1500 were atheist, and 3000 were agnostic.(Wiki).

 

O Espiritismo, muitos não o consideram como religião, mas sim uma doutrina que procura entender a vida com um todo, inclusive os fenômenos que se acercam de nós com sendo algo sobrenatural ou que fuja do contexto da vida. Esta é a chave de todo aquele que se diz espírita buscar na doutrina as explicações para suas aflições, por isso a constante busca através do estudo nos livros, que só do Chico Xavier são mais de 400 títulos que ajudam este entendimento, mas também é comum no meio espírita o estudo de outras publicações de outras religiões, doutrinas ou linhas de conhecimento.

Não me causa estranheza este dado no Censo, visto este ser o perfil de todo aquele que se diz espirita, sempre ver de forma natural os fenômenos da vida, tendo com base para isso a fé raciocinada, não deixando se levar por fundamentalismos e fanatismos, sempre buscando o conhecimento de forma equilibrada.

 

 

Assis: és o Assis baiano? Estava com saudade, mesmo não concordando no caso Erundina, tu és um comentarista e tanto. Boas voltas ao debate e muito bom ter tua companhia aqui no blog.

 

Janes.

Obrigado pelas considerações.

 

Algumas coisas que os espíritos ensinaram através da obra codificada por Allan Kardec

1 - O que é Deus? Deus é a inteligência suprema causa primeira de todas as coisas.

2 - A razão é um guia seguro se não for falseada pelas emoções.

3 - O espiritismo é uma doutrina firmada no tripé ciência, filosofia e moral. Entenda-se moral como a regra de bem proceder, isto é, distinguir o bem do mal. Funda-se na observância da lei de Deus.

4- O bem é tudo que é de acordo com a lei de Deus e o mal é tudo que é contrário a lei de Deus.

5 - Tudo no universo evolui exceto Deus que é perfeito.

6 - Os espíritos reencaranam-se quantas vezes forem necessárias, neste ou em outros mundos até tornarem-se espíritos puros, não mais sujeitos ao jugo da matéria.

7 - Céu ou inferno são estados pisicológicos ou estados de alma. Não são regiões circunscritas do universo.

8 - Orgulho e egoísmo os dois sentimentos que são matrizes de todos os males deste mundo. Orgulho sentimento que faz com que o ser humano sinta-se superior ao próprio Criador do Universo, gerando o sentimento de que nada pode contrariá-lo e egoísmo é tudo pra mim em primeiro lugar não importa o que isto cause aos outros.

9 - Deus não castiga Deus educa.

10 - Pecado não existe. 

11 - Amai-vos e instrui-vos.

12 - Fora da caridade não há salvação.

Aconselho a quem quiser saber mais a ler a Obra codificada por Allan Kardec, são cinco livros que ele editou quando encarnado e mais um que ele deixou escrito e editado após o desencarne dele.

A propósito em grego PECADO significar errar o alvo e SALVAÇÃO educação. 

 

O que é deus?

Papai-Noel de adulto infantilizado.

 

Desculpe-me a ignorância.

Ele "codificou" ou "decodificou"?

Se codificou, somos nós então que devemos decodificar para daí então decifrar o espiritismo?

 

Codificou. Juntou e analisou informações remetidas para ele por milhares de fontes, bem como os experimentos feitos por ele pessoalmente.

O espiritismo é uma ciência experimental e vc mesmo pode fazer as experiências que ele fez e que hoje são feitas nos milhares de centros espíritas do país.

Apenas aconselho vc a estudar primeiro o assunto através das obras por ele escrita. Pois caso disponha-se a isso vc irá travar conscientimente relações com inteligências que já não mais possuem um corpo de carne. E quem esta do lado de lá é quem estava aqui, ou seja seres bons ou maus.

Reencarnação, vida após a morte, pluralidade dos mundos habitados isso já era conhecido pela humanidade bem antes de Kardec. 

 

 Ou estudar português .

 

Então, se ele codificou, logo penso que ele complicou!

Por que é tão difícil alcançar a felicidade sem "pastar" primeiro?

Olha só, vou continuar com minha doutrina do Movimento Humanista da qual sou adepta.

É mais simples, mais coerente e nada contraditório.

Até tem fórmula, é só seguir os seguintes princípios:

1) " Ir contra a evolução das coisas é ir contra si mesmo. " 

2) " Quando forças algo para um fim, produzes o contrário. "

3) " Não te oponhas a uma grande força. Retrocede até que ela se debilite ; 

então avança com resolução ".

 4) " As coisas estão bem quando marcham em conjunto, não isoladamente. "

5) "Se para ti estão bem o dia e a noite, o verão e o inverno,superaste as contradições".

6) "Se persegues o prazer te acorrentas ao sofrimento. 

Mas contanto que não prejudique a tua saúde, goza sem inibição 
quando a oportunidade se apresentar a ti ".

7) "Se persegues um fim te acorrentas. 

Se tudo o que fazes, realizas como se fosse um fim em si mesmo, te liberas."

8) "Farás com que teus conflitos desapareçam quando os entenderes em sua raiz última,

não quando quiseres resolvê-los."

9) "Quando prejudicas os demais ficas acorrentado.

Mas, se não prejudicas a outros, podes fazer quanto queiras com liberdade."

10) "Quando tratas os demais como queres que te tratem, te liberas."

11) "Não importa em que posição ou bando os acontecimentos te colocaram.

O que importa é que compreenda que tu não escolhestes nenhum bando."

12) " Os atos contraditórios ou unitivos se acumulam em ti.

Se repetes os teus atos de unidade interna, já nada poderá deter-te. "


 

Oi Maralina, sou espírita não kardecista, embora goste de estudar o kardecismo e o respeite muito. Adorei os princípios do movimento humanista e até copiei para guardar. Não vejo conflito com o cardecismo e nenhuma outra denominação religiosa sincera.

 

Espiritismo só existe um,q é o codificado por Kardec!

A palavra espiritismo foi criada por ele!

Acho q houve equívoco de sua parte,vc por acaso ñ quis dizer espiritualista?

Chamar de espiritismo tudo q envolve espíritos é um erro e tem causado muita confusão!

 

Legal. 

Que bom que gostou dos princípios.