Revista GGN

Assine

Em matéria de capa, Veja comprova lawfare contra Lula

Jornal GGN – Alvo preferido da revista Veja, o ex-presidente Lula ganhou extenso espaço. De novo. A revista entrevistou o Delegado Federal Mauricio Moscardi Grillo, coordenador da Lava Jato na Polícia Federal. A empreitada ganha contornos preocupantes, já que um representante da referida Operação, que tem mais convicções que provas contra o ex-presidente, se põe a falar sobre um caso que está em andamento, e que deveria ser mantido entre seus pares a bem da ética e do direito de defesa do alvo em questão.

Os advogados de Lula reafirmam, em nota, a prática de lawfare contra ele, bem como a orquestração entre a revista e os operadores da Lava Jato. Pontuam o desprezo pela ética e pelo estado de direito, bem como total sincronicidade com a grande mídia.

Leia a nota a seguir.

Nota       

Sobre a entrevista concedida pelo Delegado Federal Mauricio Moscardi Grillo, coordenador da Lava Jato na Polícia Federal, à revista Veja ("Da prisão do Lula", 14/01/2017), fazemos os seguintes registros, na condição de advogados do ex-Presidente Luiz Inacio Lula da Silva:

1- A divulgação pela imprensa de fatos ocorridos na repartição configura transgressão disciplinar segundo a lei que disciplina o regime jurídico dos policiais da União (Lei no. 4.878/65, art. 43, II) e, afora isso, a forma como o Delegado Federal Mauricio Moscardi Grillo se dirige ao ex-Presidente Lula é incompatível com o Código de Ética aprovado pela Polícia Federal (Resolução no. 004-SCP/DPF, de 26/03/2015, art. 6o, II) e com a proteção à honra, à imagem e à reputação dos cidadãos em geral assegurada pela Constituição Federal e pela legislação infra-constitucional e, por isso, será objeto das providências jurídicas adequadas.

2- Por outro lado, a entrevista é luminosa ao reconhecer que a Lava Jato trabalha com "timing" ou sentido de oportunidade em relação a Lula, evidenciando a natureza  eminentemente política da operação no que diz respeito ao ex-Presidente.

É o "lawfare", como uso da lei e dos procedimentos jurídicos para fins de perseguição política, exposto reiteradamente pela defesa de Lula, agora afirmado, de modo indireto, pelo próprio coordenador da Lava Jato na Policia Federal.

3 – Se Lula tivesse praticado um crime, a Polícia Federal, depois de submetê-lo a uma devassa sem precedentes, teria provas concretas e robustas para demonstrar o ilícito e para sustentar as consequências jurídicas decorrentes.

Os mesmos áudios e elementos que a Lava Jato dispunha em março de 2016 estão disponíveis na data de hoje e não revelam nenhum crime. Mas a Lava Jato, segundo o próprio Delegado Federal Mauricio Moscardi Grillo trabalha com "timing" ou sentido de oportunidade em relação a Lula.

4- A interceptação da conversa entre os ex-Presidentes Lula e Dilma no dia 16/03/2016 pela Operação Lava Jato foi julgada inconstitucional e ilegal pelo Supremo Tribunal Federal. O Delegado Federal Mauricio Moscardi Grillo e a Lava Jato afrontam a Suprema Corte e revelam desprezo pelo Estado Democrático de Direito ao fazer afirmações sobre esse material sem esse registro. Ademais, é preciso, isto sim, que o Delegado Federal coordenador da Lava Jato esclareça o motivo da realização da gravação dessa conversa telefônica após haver determinação judicial para a paralização das interceptações e, ainda, a tecnologia utilizada que permitiu a divulgação do conteúdo desse material menos de duas horas após a captação, tendo em vista notícias de colaboração informal – e, portanto, ilegal - de agentes de outros países no Brasil.  A divulgação dessa conversa telefônica em menos de duas horas após a sua captação, além de afrontar a lei (Lei n. 9.296/96, art. 8o. c.c. art. 10), está fora dos padrões técnicos brasileiros verificados em situações similares.

5-  A condução coercitiva de Lula para prestar depoimento no Aeroporto de Congonhas foi ato de abuso de autoridade (Lei no. 4.898/65, art. 3o., "a") porque promoveu um atentado contra a liberdade de locomoção do ex-Presidente de sua liberdade fora das hipóteses autorizadas em lei. Por isso mesmo, fizemos uma representação à Procuradoria Geral da República para as providencias cabíveis e, diante da inercia, documentada em ata notarial, promovemos queixa-crime subsidiária, que está em trâmite perante o Tribunal Regional Federal da 4a. Região. O tema também é objeto do Comunicado que fizemos em julho ao Comitê de Direitos Humanos da ONU. Portanto, o Delegado Federal Mauricio Moscardi Grillo deveria repensar não só o local da condução coercitiva de Lula, mas, sobretudo, a inconstitucionalidade e a ilegalidade do ato. Merece registro, adicionalmente, que o local do Aeroporto de Congonhas para onde Lula foi levado tem paredes de vidro e segurança precária, tendo colocado em risco a integridade física do ex-Presidente, de seus colaboradores, advogados e até mesmo dos agentes públicos que participaram do ato, sendo injustificável sob qualquer perspectiva.

6-  Ao classificar as ações e providencias da defesa de Lula como atos para "tumultuar a Lava Jato" o Delegado Federal Mauricio Moscardi Grillo e a Lava Jato mostram, de um lado, desprezo pelo direito de defesa e, de outro lado, colocam-se acima da lei, como se estivessem insusceptíveis de responder pelos abusos e ilegalidades que estão sendo praticadas no curso da operação em relação ao ex-Presidente. Deve ser objeto de apuração, ademais, se pessoas que praticaram atos estranhos às suas funções públicas ou com abuso de autoridade estão sendo assistidas por "advogados da União" – pagos pela sociedade - como revela o Mauricio Moscardi Grillo em sua entrevista.

Cristiano Zanin Martins e Roberto Teixeira

Média: 4.5 (36 votos)
31 comentários

Comentários

Espaço Colaborativo de Comentários

Opções de exibição de comentários

Escolha o modo de exibição que você preferir e clique em "Salvar configurações".

A PF surtada!!!

A PF irá promover o maior suicídio coletivo jamais visto no mundo se não conseguir uma prova concreta contra o Lula.

Tá bizarro!!! Já são 13 anos de perseguição...

Seu voto: Nenhum (4 votos)

Farsa a Jato

Por tudo isso, somente os trouxas comedores de alfafa e os adoradores do pato amarelo ainda levam a sério a Farsa a Jato. Delegado é mais um destes jsticeiros convictos. Ponham as mãos  sujas no Presidente Lula e conhecerao  a  verdadeira Justiça  !

Seu voto: Nenhum (7 votos)
imagem de gaúcho
gaúcho

O fato é que a plutocracia e

O fato é que a plutocracia e o consórcio golpista (globo, PF, MPF, STF, OAB, maçonaria...) estão apovarados com a possibilidade de Lula ser candidato em 2018 e a quase certa vitória da esquerda.

Por isso a ordem é inviabilizá-lo de qualquer forma, ou seja, buscam o impeachment preventivo do homem. 

Seu voto: Nenhum (13 votos)
imagem de Edna Baker
Edna Baker

Maçonaria, maçonaria,  nāo

Maçonaria, maçonaria,  nāo passa de um grupo secreto cheio de estranhas manias para se ajudarem uns aos outros e de quando em vez derrubar governos. Grupos secretos deveriam ser proibidos de funcionar por todos os governos no mundo. Por ser secreto governos não imaginam o que pode sair dali. Bem, nós brasileiros agora sabemos.

Seu voto: Nenhum (1 voto)

Prezada Edna Bom dia O que

Prezada Edna

Bom dia

O que pode sair:  Assassins Cred´s !!!

Aproveite para assistir, esta em cartas em todas as telonas, com o sempre ótimo Fassbender  !!!

 

Seu voto: Nenhum

Mário Mendonça

imagem de naldo
naldo

Já deu,   a veja faz tempo

Já deu,

 

a veja faz tempo deixou de ser considerada uma revista, é um panfleto e uma publicação morta-viva, só falta deitar e ser esquecida para sempre, sabendop disso deveriam encher essa turma de processos para responderem pelo que falam e publicam.

Seu voto: Nenhum (8 votos)
imagem de CB
CB

Sabe qual a diferença entre

Sabe qual a diferença entre um saco de m... e a veja? O saco de m... pode ser usado como adubo, a veja nem pra isso serve.

Seu voto: Nenhum (17 votos)
imagem de Rui Ribeiro
Rui Ribeiro

Se a caneta vencesse a espada...

Se a caneta vencesse a espada, os advogados do Lula já teriam desarmado esses espadachins da lavajato há muito tempo, pois eles não sabem ler nem escrever, só sabem usar a força bruta, pois não passam de um amontoado de músculos. Mas infelizmente a força bruta triunfa sobre a inteligência. Arquimedes foi foi assassinado numa praia enquanto estudava geometria. Foi interpelado pelo soldado romano, que representa todos os elementos da lavajato de hoje, respondendo-hes: Não perturbem os meus círculos. O soldado romano decapitou-lhe. Jesus Cristo não deixou por menos, botou toda a Corte de Pilatos e o Sin+edrio em polvorosa com suas respostas sábias. Tendo suas forças brutas humilhadas pela inteligência e sabedoria de Cristo só restou aos ratos, como vingança, escarnecer dele, torturá-lo e crucificá-lo.

Seu voto: Nenhum (2 votos)

Bom conseguir algo que preste da Veja

A Veja tem tanta coisa feita por mal caráter que direto a ignoro. Será que querem enganar a opinião pública de que o lula não será preso, p/ prendê-lo com fator supresa?

*Sempre quis ser capaz de "ler" os atos das pessoas, na vida pessoal e profissional, p/ saber se tem intenção oculta ruim p/ mim.

Seu voto: Nenhum (7 votos)
imagem de Serjão
Serjão

LULA é o Brasil

O Brasil que está se esvaindo, se desmanchando, sob os nossos olhos complacentes.

Imagem relacionada

 

Seu voto: Nenhum (7 votos)
imagem de cezarperin
cezarperin

Lula

Lula deveria ser ataacado por aquilo que não fez...Essa turma é muito burra mesmo....Vão dar a eleição pro Lula...porque querem reescrever a forma de fazer justiça...Por mais que aqui  seja o Brasil...o direito tem suas normas...eles as desconhecem

Seu voto: Nenhum (4 votos)
imagem de Schell
Schell

paraliSação. no mais,

paraliSação.

no mais, certíssimos os advogados.

houvesse governo constitucionalmente eleito, não passaríamos por esse horror-golpista.

nem essa imprensa amarronzada das (perce)vejas da vida estariam ainda "vivas".

merreca de país.

Seu voto: Nenhum (4 votos)

Tanto assim?

Bem, este moço escancarou a parcialidade total da vaza jato.... Será que foi proposital ou é falta de inteligência? Ou ele achou que estava falando apenas para os antas agonistas?

Seu voto: Nenhum (11 votos)

Henrique Finco

imagem de Pedro Augusto Pinho
Pedro Augusto Pinho

Triste Brasil

Os golpistas que se apostaram do governo, com a participação estrangeira, do judiciário, da mídia e do capital financeiro, parecem não ligar para coisa alguma. Creem-se intocáveis pois tiveram o Departamento de Estado dos EUA, o Congresso, o Supremo Tribunal Federal e os maiores impérios do jornalismo no Brasil como cúmplices e coadjuvantes. A revolta popular acabará acontecendo e será imprevisível.

Seu voto: Nenhum (5 votos)
imagem de AMORAIZA
AMORAIZA

Desculpe

mas não vejo a possibilidade de uma revolta popular sem a autorização deles. Ela só tem visibilidade quando interessa.

Podem 3 milhões de pessoas sairem na Paulista gritando e quebrando tudo a clamar pelo Lula.

Se não sair a notícia no "pool" das poderosas o fato não terá acontecido. É provável até que não se

permita a publicação de qualquer imagem em locais de grande visibilidade.

Seu voto: Nenhum (3 votos)

Ração

Isto é um pouco da ração que a revista oferece para seus fieis leitores. Eles estavam precisados disso para manter viva a chama do ódio contra Lula e o PT. Para receber esse tipo de alfafa que eles compram a revista.

Se neguinho gosta de comer capim, fazer o que? Gosto não se discute, lamenta-se.

Já há muito tempo as esquerdas deveriam ter formado um comite de crise para, de maneira coordenada, fazer frente a essa enxurrada de ataques vis. A inteligência existe. Falta a liderança.

Seu voto: Nenhum (10 votos)

Máfia Togada

O Brasil somente voltará a ter um Estado Democrático de Direito quando essa "máfia" fascista que ocupa as instituições do Judiciário for devidamente condenada pelos crimes que cometeram e continuam a cometer.

Eugênio Aragão é o cidadão brasileiro melhor preparado - moral e intelectualmente - para realizar essa faxina. E coragem não lhe falta para enfrentar esses criminosos.

Seu voto: Nenhum (13 votos)
imagem de mz
mz

Criaram uma justiça paralela,

Criaram uma justiça paralela, que segue os princípios que lhe convier, para perseguir Lula e incriminar o PT. Atos de ofício de Lula como presidente são crimes, atos criminosos de protegido políticos são legais. Doações legais para o PT é crime, doações ilegais para os apaniguados são acobertadas. Não é só Lula que sofre lawfare, o PT também, como quem ouse acusar as barbariedades.Esta conduta está contaminando toda a sociedade.

Seu voto: Nenhum (3 votos)
imagem de João de Deus Souza Silva
João de Deus Souza Silva

PF x Lula

Essa Polícia Federal que se associa à revista mais vagabunda do país é a mesma que liberou o helicóptero de cocaína dos Perrela? Não precisa dizer mais nada.

Seu voto: Nenhum (7 votos)
imagem de Edivaldo Dias Oliveira
Edivaldo Dias Oliveira

É a veja e a PF fazendo o que

É a veja e a PF fazendo o que sabem e que mais gostam, merda.

Seu voto: Nenhum (4 votos)

O que fizeram, e continuam

O que fizeram, e continuam fazendo contra Lula, é pura sacanagem(tradução livre para lawfare). As declarações desse delegado vem apenas confirmar o que todo o universo sabia: para prender e humilhar Lula era necessário apenas "senso de oportunidade", e não, como bem prescrevem as normas de um país civilizado, provas incontestáveis de crimes. 

Se Lula for reeleito pela terceira vez, feito inédito na nossa história. deem um pouco dos créditos a esse aparato político-policial-jurídico que o fez mais vítima do que realmente era,  e é. 

Seu voto: Nenhum (12 votos)

Pena de Tucano (Elvis não morreu!)

Seu voto: Nenhum (6 votos)

Fora Temer Golpista (Elvis não morreu!)

Seu voto: Nenhum (7 votos)
imagem de José B
José B

A defesa do ex presidente

A defesa do ex presidente Lula deveria agradecer ao delegado.

Suas declarações apenas contribuem para revelar o caráter político da investigação.

O "esquema do Aécio" revelado pelo Sérgio Machado, ninguém vai atrás...

 

Seu voto: Nenhum (3 votos)
imagem de maria rodrigues
maria rodrigues

Para mim, aquela ida de Lula

Para mim, aquela ida de Lula para o aeroporto, seguido pela imprensa, por alguns carros da PF e muitos agentes, e, não lembro se helicópteros, o fato é que fizeram um escãndalo sem precedentes com aquela prisão coercitiva, ilegal, para do aeroporto conduzirem-no diretamente para Curitiba. E se tal não aconteceu foi porque Marco Aurélio tava lá, e interviu como autoridade. Sem contar que o que se disse na época, e que eu, pelo menos eu não tenho certeza, que aeronautas estava na pista de pouso para impedirem que Lula fosse transportado. Se isso aí ficou meio obscuro, clarísismo ficou a atuação de Marco Aurélio, que desmoralizou completamente a PF de Moro. 

O Delegado Grillo acha, agora, que foi errada aquela tentativa de prisão coercitiva de Lula, porque ele terminou visto como vítima, daí que até hoje não o colocaram detrás das grades. Anda muito frustrado esse Grillo.

Seu voto: Nenhum (1 voto)

Providências

Nota dos advogados é importante e necessária mas, de modo algum, suficiente. Conviria, a meu ver,  adotar outras providências mais severas. Por exemplo,  denúncia do entrevistado aos órgãos de "suposto" controle da sua função pública, considerando a Lei e a Resolução desobedecidas. E processo judicial, a começar de interpelação para que ele mostre as "provas" que disse, na entrevista, existirem.

Seu voto: Nenhum (11 votos)
imagem de Erismar
Erismar

Final do segundo paragrafo:

Final do segundo paragrafo: "por isso, será objeto das providências jurídicas adequadas".

A melhor defesa é o ataque e nisso a defesa de Lula tem sido ótima...

Seu voto: Nenhum (3 votos)

Lula é culpado!

Seu voto: Nenhum (9 votos)

Urariano

http://www.diariodocentrodomu

http://www.diariodocentrodomundo.com.br/video-no-panico-marcelo-rezende-...

Seu voto: Nenhum (3 votos)
imagem de elias aredes junior
elias aredes junior

CARTA ABERTA AO PASTOR PASCHOAL PIRAGINE. E QUE DEVERIA TER SIDO

Olá pastor?

Tudo bem? Espero que esteja. Não, não faça esforço de memória. Você não me conhece. Sou um singelo jornalista, cristão, progressista e trabalhador. Tento viver com dignidade e honradez. Consciente das dificuldades deste Brasil maluco e sectário. Em que todos se atacam. Não existem adversários e sim inimigos. Que devem ser eliminados seja na vida virtual ou real.

Aliás, na vida real não há como negar o êxito do seu ministério. Sua igreja é poderosa, influente e com uma estrutura invejável. Estive ali no início de 2016 em Curitiba e fui testemunha ocular dos diversos templos disponibilizados no mesmo espaço. Sem contar a programação divulgada em um painel eletrônico. Coisa de primeiro mundo. Dura é a fatura cobrada pelo poder. Opa, digo poder dos homens. Quanto maior a influência e a força social e econômica maior é a chance de perder de vista a consequência de nossos atos.

Fiz este preâmbulo para recordar uma atitude sua feita há seis anos e que traz frutos amargos até hoje. Em um dado domingo você utilizou o púlpito, o lugar mais sagrado da palavra de Deus não para pregar as boas novas. Você dedicou 11 minutos para destroçar o Partido dos Trabalhadores. Pior: para recomendar ( ou até obrigar) que suas ovelhas não votassem no partido.

Na época, confesso que fiquei indignado. Por dois motivos: primeiro por usar o púlpito para fazer política e em segundo lugar porque você divulgou diversas informações equivocadas sobre o programa do partido. Naquela época, o Facebook não era este hit de audiência, o Whatapp não existia, mas o e-mail e o Orkut fizeram o serviço de espalhar a sua mensagem. 
Da minha parte, fiz o que todo cidadão consciente deveria fazer: peguei ponto por ponto de sua fala e rebati com base em documentos do PT, pronunciamentos dos políticos e reportagens de veículos de comunicação. Dos mais variados.

Qual foi sua reação? Não sei se apenas eu tomei esta iniciativa, mas dias depois o site oficial da igreja sob sua responsabilidade divulgou uma notícia que era praticamente uma réplica ao meu texto. E os argumentos eram todos da Revista Veja, com histórico anti petismo. Pior: tem como um de seus sócios a Napster, um grupo de mídia da África do Sul acusada por muitos anos de ser apoiadora do Apartheid. Cada um com seu gosto de informação não é!?

O que não imaginava pastor Piragine é que aquele singelo vídeo, uma mistura de doutrinação calcada no ódio e no ressentimento se transformar em uma arma de separação e racha dentro das igrejas cristãs evangélicas. Pastores conservadores deixaram de pregar em igrejas espalhadas pelo Brasil para transmitir o seu vídeo. Sabe o que aconteceu? Centenas e milhares de Cristãos se sentiram tão constrangidos que saíram da Igreja e até hoje tem dificuldade em se integrar e congregar. Eu conheço vários casos.

De certa forma eu sou um caso. E conto meu testemunho pessoal: em 2010, dias depois de você divulgar o seu vídeo, algumas pessoas ditas Cristãs cortaram relações comigo e em um encontro de amigos realizado entre Valinhos e Vinhedo quase virou uma tempestade verbal. Fui insultado, massacrado e digo que depois daquele episódio muitas amizades não foram as mesmas.

Claro, pastor Piragine, quando você divulgou este vídeo jamais imaginou que a consequência seria tão danosa. Foi. Devastadora.

Vou além: poucos pensam nesta hipótese, mas aquele vídeo foi a semente de um segundo turno cujo mote principal foi a discussão de política de aborto ao invés de programas de governo. O aumento de espaço para pastores e líderes religiosos portadores de um discurso de ódio contra quem vota ou é militante do Partido dos Trabalhadores ou qualquer partido de esquerda foi notório. Tudo motivado por 11 minutos.

Pastor Piragine, aquele seu vídeo, de certa forma, foi o estopim para o clima de guerra reinante no país cujo ringue reúne quem é contra ou a favor dos procuradores da operação Lava Jato, no caso específico o Deltan Dallagnol. Que aliás, é integrante da Igreja Batista do Bacacheri, também em Curitiba e cujo titular é Roberto Silvado.

Deixe-me explicar: Deltan e os procuradores da Lava Jato têm e precisam investigar todos os atos de corrupção ocorridos no Brasil. Se existirem provas cabais e irrefutáveis, a função deles é denunciar e a Justiça encaminhar a devida punição. Traduzindo: cadeia. Seja qual for o partido: PT, PSDB, PMDB, seja lá o que for. O problema pastor é que ano passado, Deltan infelizmente exibiu uma face decepcionante.

Sua denúncia contra o ex-presidente Lula tinha um componente preocupante: a raiva. Não vou entrar no mérito das denúncias porque não sou juiz, advogado ou promotor. Se existir fundamento, ok, que ocorra punição.

No entanto, percebia-se nitidamente em sua fala transmitida a todo Brasil um clima de revanche, de vingança contra o PT e os partidos de esquerda. Eu tenho certeza que Deltan não aprendeu tal procedimento no Ministério Público, instituição criada pela Constituição Federal e que deve prezar pelo equílbrio.

Que tal nos retirarmos da esfera judicial? Vamos falar da questão espiritual pastor Piragine. E por favor eu queria tirar uma dúvida com você, Deltan e todos aqueles que se sentem inspirados por aquele vídeo. Seguinte: Deus é amor. Também é Justiça. Antes de tudo é amor. Misericórdia.

A Bíblia Sagrada por exemplo, diz que devemos amar todos os inimigos. Essa é minha dúvida: você ora ou já orou pelo Lula? E pela Dilma? Teria coragem de apresentar o plano de salvação para essas pessoas? Ou iria ignorá-las por considerar que elas já estão do “outro lado” da força?

Um eleitor ou militante progressista seria bem recebido na sua igreja? As pessoas poderiam chorar com você, te abraçar e abrir o coração mesmo se revelassem que votam ou trabalham para qualquer partido cuja bandeira é vermelha?

Perguntaria isso para você, Deltan e todos os Cristãos Evangélicos calcados nesta escalada devastadora por um motivo: se somos ensinados a praticar o amor temos que exercer com todos. Sem distinção.

Pastor Piragine, o seu vídeo teve uma eficiência tamanha que hoje temos dois tipos de crentes: os Cristãos puros e os esquerdopatas. Pergunto: é certo? É correto? Vale a pena de algo tão pequeno perto do poder de Deus destruir o espírito de amor e solidariedade ensinado por Cristo? Pois é.

Poderia terminar esta carta com ataques, grosserias e todo tipo de insulto. Não. Quem vai falar é a palavra de Deus. "Um novo mandamento dou a vocês: Amem-se uns aos outros. Como eu os amei, vocês devem amar-se uns aos outros”. Está em João 13:34. Pense nisso pastor. A urna é quase nada perto dos flagelos da alma e dos desafios que pedem um Brasil unido e não conflagrado. E disso ninguém escapa. Nem Lula, Dilma ou qualquer pessoa. Nem nós.

Deus te abençoe

Com respeito

Elias A. Jr

Seu voto: Nenhum (1 voto)
imagem de João de Paiva
João de Paiva

A defesa de Lula deve ler as reportagens de Marcelo Auler

Se os advogados que fazem a defesa do ex-presidente Lula lerem atentamente a série de reportagns do jornalista Marcelo Auler, que denunciou e provou a prática de diversas ilegalidades criminosas por parte dos delegados da SR/DPF/PR á frente da da FT Fraude a a Jato - comandada por esse boquirroto que concedeu essa entrevista á mídia venal e criminosa - terão farto material a embasar processo que devem ser movidos contra ele.

Seu voto: Nenhum (2 votos)

Comentar

O conteúdo deste campo é privado e não será exibido ao público.
CAPTCHA
Esta questão é para testar se você é um visitante humano e impedir submissões automatizadas por spam.