Governo Bolsonaro volta a reter testes de covid-19, diz jornal

Lote de 1,2 milhão de testes “padrão-ouro” para diagnóstico vale R$ 42,1 milhões, e tem vencimento programado para novembro

Jornal GGN – Mais uma vez o governo de Jair Bolsonaro volta a desperdiçar recursos públicos ao deixar insumos para o combate à pandemia de covid-19 em estoque, sem distribuição para Estados e municípios.

Reportagem do jornal Folha de São Paulo revela que cerca de 1,2 milhão de testes do tipo RT-PCR para Covid, considerados “padrão-ouro” para o diagnóstico da doença, estão nas mãos do Ministério da Saúde, mas esse material tem vencimento programado para o mês de novembro.

Cerca de 250 mil testes expiram em 18 de novembro, enquanto outro lote de 942 mil unidades tem vencimento programado para 27 de novembro. Tais produtos chegaram há mais de quatro meses no ministério, e estão avaliados em R$ 42,1 milhões.

Clique aqui e veja como contribuir com o jornalismo independente do GGN

Não é a primeira vez que isso acontece: no final do ano passado, cerca de 7 milhões de exames com validade curta permaneciam estocados, e o governo federal deixou vencer testes, vacinas e medicamentos avaliados em R$ 243 milhões.

Enquanto o Ministério da Saúde esconde dados de estoques, estados e municípios já perderam produtos para diagnóstico de covid-19 por perderem o prazo para o uso. Em nota, o Conass (Conselho Nacional de Secretários de Saúde) destacou que não tem acesso aos dados sobre os testes estocados.

Leia Também

Comissão da Covid-19 convocará ministro da Saúde para explicar testes e vacinas

Governo federal pode descartar 6,8 milhões de testes contra covid-19

Brasil: último lugar na América Latina nos testes para Covid-19, por Alexandre Filordi

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora

0 Comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Seja um apoiador