Auditoria interna critica controles da Eletrobras

Jornal GGN – Uma auditoria interna da Eletrobras concluiu que os controles da estatal sobre as Sociedades de Propósito Específico (SPEs) em que detém participação são incipientes e não asseguram a proteção dos investimentos realizados. O resultado do estudo foi encaminhado ao conselho de administração, ao presidente da Eletrobras, José da Costa Carvalho Neto, e à Controladoria Geral da União (CGU).

As SPEs são empresas criadas com objetivos definidos, geralmente para tocar empreendimentos como concessões de infraestrutura. No setor elétrico, as concessionárias de usinas hidrelétricas e distribuidoras de energia tendem a ser SPEs quando atuam em consórcio.

É uma maneira de os investidores não comprometerem todo seu capital. Quando vão a mercado buscar recursos, quem se endivida é a SPE, o que alivia a conta dos sócios.

O documento confidencial da Eletrobras foi vazado para o Estadão, que comentou os pontos de inconformidade na governança da elétrica. “O relatório indica que a gestão das empresas é um buraco negro e que a companhia carece de controles para aprovar suas contas”, disse uma fonte anônima do jornal.

A conclusão do relatório é que a fragilidade “pode acarretar ineficiência na gestão de recursos, ineficácia no alcance de objetivos estratégicos e dificuldade na tomada de decisão”.

A auditoria também criticou a ausência de cláusulas de acesso irrestrito à informações operacionais e financeiras das SPEs, incluindo aquelas em fase de construção e operação dos projetos. De acordo com o relatório, a Eletrobras só recebe informações relevantes dos empreendimentos no término de cada exercício.

A Eletrobras participa de 154 SPEs. Nos últimos dois anos, os aportes nessas sociedades chegaram a R$ 9,4 bilhões. Apenas em 2014 foram R$ 5,1 bilhões, com destaque para as hidrelétricas de Belo Monte, Jirau, Santo Antônio e Teles Pires.

Com informações do Estadão

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora