Quem responde pelos vazamentos da delação premiada?

Por Pereira LF

Quem manda no gato que caça o rato?  No caso da Policia Federal, tenho certeza de que é o Ministro da Justiça. Já no caso da 13ª Vara Criminal de Curitiba, chefiada pelo Juiz Sergio Moro, como não sou do ramo, tenho cá minhas dúvidas. Seria o STJ? Ou o CNJ? Bem, essa desinformação não prejudica a minha perplexidade em relação aos vazamentos seletivos do inquérito envolvendo o ex-diretor da Petrobras, Paulo Roberto Costa.

O Ministério da Justiça é um órgão mais voltado à segurança pública, tanto que já foi ocupado por nulidades jurídicas como Iris Rezende, Renan Calheiros e agora é comandado pelo ex-Promotor e ex-Vereador paulista, Dr. Jose Eduardo Martins Cardozo.  Pra não dizer que não falei das flores, lembro do Ministro Paulo Brossard.

Onde estava o Ministro da Justiça quando delegados da alta cúpula da PF vazaram informações da tal denuncia premiada? Alguém foi punido, perdeu status, cargo?

Agora a 13ª Vara Criminal de Curitiba permite filmagens em suas dependências e a divulgação do áudio de trechos  de depoimentos (secretos, sigilosos) de Paulo Roberto Costa e de Alberto Youssef. E vai ficar por isso mesmo ou o Poder Judiciário vai subir nos tamancos e rodar a baiana?

O ex-diretor da Petrobras já mostrou sua índole, mas pelo histórico do ex-operador do escândalo Banestado podemos esperar novas agruras para membros do PT, PMDB e PP (por enquanto). Paciência! Vai demorar. Quem sabe o nó se desate apos o julgamento do mensalão mineiro. Imaginem uma vitória tucana. É possivel que reconduzam Joaquim Barbosa ao STF e aí o bicho vai pegar.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora