Bolsonaro fará vídeo com ministros em defesa da hidroxicloroquina

Durante a declaração, Bolsonaro criticou a CPI da pandemia, que segundo sua avalização é “um vexame” porque “só se fala em cloroquina“

Reprodução/Facebook

Jornal GGN – Jair Bolsonaro (sem partido) afirmou neste sábado, 8, que fará um vídeo com 22 ministros para dizer quais deles tomaram a hidroxicloroquina no tratamento contra a Covid-19. Até fevereiro, 15 chefes de pastas foram diagnosticados com a doença.

A declaração de Bolsonaro foi dada durante conversa com apoiadores no Palácio da Alvorada, enquanto ele falava sobre a Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Covid-19, que nesta semana ouviu ex-ministros da Saúde sobre a sua defesa do uso do medicamento ineficaz no tratamento da doença e que pode agravar o quadro clínico dos infectados.  

Segundo Bolsonaro, a CPI é “um vexame” porque “só se fala em cloroquina“. “O cara que é contra [o medicamento] não dá alternativas. Tenho certeza que alguém aqui tomou hidroxicloroquina“, afirmou. “A gente vai fazer um vídeo nesta semana, os 22 ministros. Todos aqueles que tomaram hidroxicloroquina vão falar: eu tomei. É a alternativa no momento. ‘Ah, não tem comprovação científica’. Mas não tem cientificamente dizendo o contrário também“, disse. 

Ainda, segundo ele, pacientes tomaram dose quádrupla de hidroxicoloquina e morreram.“Qualquer remédio se tomar em excesso pode entrar em óbito”, afirmou. O mandatário quer colocar um “ponto final” no assunto.

Com informações do Poder360.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora