Home Política Eleições “Estou esperançoso. Agora eu acredito 100%”

“Estou esperançoso. Agora eu acredito 100%”

0
“Estou esperançoso. Agora eu acredito 100%”

 

O presidente Lula valeu-se do prognóstico feito por ele quando indagado, em Moscou, sobre as chances de um acordo com o Irã, para cacifar sobre um possível acordo de paz entre a Colômbia e a Venezuela. Lula, que desembarcou na noite de sexta-feira (6/8), em Bogotá (Colômbia), para participar de jantar oferecido pelo presidente Álvaro Uribe, na Casa de Nariño, palácio do governo, e da posse do presidente eleito Juan Manuel Santos, disse que está “muito esperançoso” com relação ao fim do impasse dentre as duas nações.

“Vocês lembram bem quando estava em Moscou e me perguntaram sobre as chances de um acordo com o Irã. Agora, acredito 100%”, apostou o presidente brasileiro ao deixar o hotel na capital colombiana.

 
O fato referido pelo presidente ocorreu em maio deste ano durante reunião com o presidente da Rússia, Dmitri Medvedev, quando assegurou que as chances de selar um acordo com o governo de Teerã era de 99,9%. Naquela ocasião, Lula e o primeiro-ministro da Turquia, Recep Tayyip Erdogan, buscavam entendimento com o presidente do Irã, Mahmoud Ahmadinejad, sobre produção de energia nuclear.

Antes de chegar em Bogotá, o presidente brasileiro esteve em Caracas (Venezuela), quando reuniu-se com o presidente Hugo Chávez. A participação do chanceler da Venezuela, Nicolás Maduro, na posse do presidente Santos, tem sido interpretada como o sinal de entendimento entre as nações. A autorização de Chávez para que a Venezuela seja representada na cerimônia do presidente Santos abre caminho para os entendimentos.

No mesmo sentido, o assessor para Assuntos Internacionais da Presidência da República, Marco Aurélio Garcia, também acredita numa solução para o impasse. Garcia acompanha a visita do presidente Lula aos dois países afirmou que o Brasil pode tornar-se importante interlocutor para sacramentar a paz. Ele assegura que o momento atual deve ser de observação sobre as posições das partes.

“Poderemos ter boas surpresas num prazo relativamente curto”, avaliou Garcia.

Neste sábado, o presidente Lula comparece à Praça Bolívar, em Bogotá, para a cerimônia de transmissão de cargo. Na imprensa local, o novo presidente da Colômbia tem assegurado que somente irá se manifestar sobre a questão após assumir a presidência da Colômbia. Mais cedo, a futuraministra das Relações Exteriores, María Ángela Holguín, numa conversa com jornalistas brasileiros, explicou que o assunto deve ser observado com mais calma. Hoguin reúne-se, neste sábado (7/8), com o ministro Celso Amorim (Relações Exteriores) com o propósito de tratar da relação entre Brasil e Colômbia.


 

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

GGN
Sair da versão mobile