Manuela D’Ávila: “A História pediu para agora cuidarmos de nós”

https://www.youtube.com/watch?v=3j6w42Keo8E width:700 height:394
 
Jornal GGN – Mostrando o fortalecimento das mulheres, dos negros, dos pobres, da comunidade LGBTs e das minorias brasileiras após a derrota das eleições 2018, para Manuela d’Ávila (PCdoB), o momento exige de nós estar unidos, em encontros permanentes, cuidando “dos nossos e do Brasil”.
 
“Nós não podemos nos afastar agora. A vida é a arte do encontro, embora exista tanto desencontro nessa vida, já disse o poeta. Precisamos ser esses artistas do encontro. A História, caprichosa, pediu para agora olharmos uns pelos outros, cuidarmos de nós. Dos nossos e do Brasil”, narrou a então candidata à vice de Fernando Haddad (PT), pedindo a união do povo brasileiro.
 
“Ontem, as urnas falaram”, introduziu o vídeo divulgado por Manuela nesta segunda-feira (29), alertando para o que virá: “Tentarão restringir a democracia, e nós precisamos nos encontrar. Sofrerão mais os mais pobres, as mulheres, negras e negros, os LGBTs, e nós precisamos nos encontrar.”
 

Foto: Carol Caminha/Instagram Manuela D’Ávila
 

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

Leia também:  E agora, Lula?, por Fernando Horta

1 comentário

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome