Itaú se torna maior banco do país, superando o Banco do Brasil em ativos

 
Jornal GGN – O Itaú Unibanco atingiu um total de R$ 1,425 trilhão em ativos em dezembro do ano passado, superando o Banco do Brasil em R$ 4 bilhões e se tornando a maior instituição financeira do país. 
 
O banco das famílias Setubal e Moreira Salles já havia chegado a esse posto em 2008, quando houve a fusão com o Unibanco. A liderança durou pouco tempo, já que logo depois o Banco do Brasil comprou metade do banco Votorantim, assumindo novamente o primeiro posto. 
 
A perda da liderança do BB ocorre após a instituição anunciar uma forte queda em seus lucros no final do ano passado, influenciada pelas despesas com o plano de aposentadoria incentivada, redução nas concessões de crédito e crescimento das reservas contra eventuais calotes.

 
O lucro líquido contábil foi de R$ 963 milhões, uma queda de 61,6% na comparação com o último trimestre de 2015. Excluindo as despesas extras com funcionários, a redução do lucro foi de 34%. Santander e Itaú tiveram crescimento nos resultados do final do ano, enquanto o Bradesco teve perdas de 3,9% em seus lucros.
 
O BB abriu um plano de aposentadoria incentivada com o objetivo de desligar empregados que já poderiam estariam aposentados mas continuavam trabalhando. 9.409 funcionários aderiram ao programa, e o banco disse que a despesa total seria de R$ 1,4 bilhão, porém com uma economia nas despesas da ordem de R$ 2,3 bilhões somente neste ano. 
 
Além disso, a instituição também faz uma reestruturação que está reduzindo sua estrutura física de atendimento, com o fechamento de 217 das 402 agências bancárias previstas para encerrar as atividades até março.
 
É esperado que o Itaú mantenha a liderança neste ano, já que ele adquiriu a área de varejo do Citibank no ano passado mas ela ainda não foi incorporada ao banco.
 

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora