UMA ESTRATÉGIA PARA O BRASIL CONTEMPORÂNEO.

Tive uma grande satisfação em ter conhecido, como aluno de Economia Solidária, o professor Ladislau Dowbor, doutor em Ciências Econômicas pela Escola Central de Planejamento e Estatística de Varsóvia. O curso foi realizado no setor de psicologia social, na Faculdade de Psicologia da USP. Impressionou-me em particular a robusta visão do professor Dowbor, alicerçada em uma experiência internacional em consultoria para países da África e da América Latina. Seu livro a Reprodução Social expressa sua capacidade de perceber as mudanças estruturais que vem transformando a economia mundial em um novo leque de experiências inéditas na história da humanidade.
A Revista Carta Maior publica um artigo do professor Dawbor que vale apena ser lido com muita atenção. Com o título “Brasil, um outro patamar de desenvolvimento” a revista apresenta o texto da seguinte forma: “Esse texto resume de forma ampla um conjunto de discussões que há cinco anos vêm se desenvolvendo no Conselho de Desenvolvimento Econômico e Social (CDES), refletindo a opinião e as propostas dos mais variados setores da sociedade brasileira. Uma das conclusões é que o Brasil está partindo, nesta segunda década do milênio, de um novo patamar. Em grande parte o futuro dependerá de como o Brasil administrará a equação da produção, do emprego, da renda e do meio-ambiente. O Brasil tem aberto novos caminhos, mas os desafios são grandes. O artigo é de Ladislau Dowbor. > LEIA MAIS | Economia | 27/07/2010”
Fiz a seleção de um pequeno texto deste artigo como exemplar desta contribuição do professor Dowvor:
“(…) Assim, políticas distributivas ancoradas numa visão de justiça social e de racionalidade econômica, a ampliação dos investimentos nas pessoas através das políticas sociais focalizadas, a gradual incorporação das dimensões da sustentabilidade ambiental no conjunto dos processos decisórios de impacto econômico, e a dinâmica de investimentos de infra-instrutoras que tanto reduzem o custo Brasil através das economias externas como melhoram a competitividade internacional, conformam um modelo que, em clima democrático e de paz social, está abrindo novos caminhos. Ter um modelo que não apenas faz sentido teórico, mas funciona, e convence grande parte dos atores econômicos e sociais do país, é um trunfo importante(…). Confirma o texto integral no endereço http://www.cartamaior.com.br/

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome