Wall Street e a guerra das farmacêuticas

Enviado por Paulo F.

Do Dinheirovivo.pt

Morgan Stanley contratado por cliente a quem chamou de “castelo de cartas”

Há algumas semanas, o Morgan Stanley apresentou os seus serviços à farmacêutica Allergan para ajudá-la a lutar contra uma compra hostil da rival Valeant. Nos emails ontem revelados pela Allergan, o Morgan Stanley escreveu que a Valeant era um “castelo de cartas” e que tinha modelo de negócio insustentável.

Na altura, a Allergan decidiu não contratar o Morgan Stanley. No entanto, o “castelo de cartas” Valeant contratou.

A revelação inesperada dos emails feita pela Allergan teve como intenção demonstrar que a Valeant é um fraco comprador e demonstrar a guerra que existe entre as duas farmacêuticas.

Mary Claire Delaney, porta-voz do Morgan Stanley, recusou comentar o conteúdo dos emails tornados públicos, enquanto que o CEO da Valeant, Michael Pearson, afirma que a divulgação dos e-mails pela Allergan “é um sinal de desespero”.

 

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora