Doria comprou respiradores chineses com ajuda de empresário investigado

Em março, Basile Pantazis foi alvo de busca e apreensão e bloqueio de bens no âmbito de investigação sobre fraude no Detran-PR

Jornal GGN – O governo de São Paulo, sob João Doria (PSDB), adquiriu mais de R$ 500 milhões de reais em respiradores chineses com ajuda de um empresário investigado pelo Ministério Público do Paraná.

Em março passado, Basile Pantazis foi alvo de uma busca e apreensão em Brasília, teve os bens bloqueados pela Justiça em maio, por causa de uma investigação sobre fraude no Detran.

Os investigadores apuram sua participação no esquema que teria desviado R$ 120 milhões. O irmão do empresário, Alexandre Pantazis, também foi alvo da operação e do bloqueio.

Foi em março que a gestão Doria iniciou a negociação para importar 3 mil respiradores chineses para o combate ao coronavírus em São Paulo. A compra também é investigada pelo MP de São Paulo, sob suspeita de superfaturamento.

As informações são da Folha de S. Paulo desta quinta (11).

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora