Raio X do Covid-19: a situação dramática de São Paulo e atraso na abertura

Os dados são relevantes para traçar cenários de reabertura da economia. Pelos dados, a flexibilização do isolamento é prematura, sugerindo que o controle da pandemia ainda passará por uma segunda e custosa rodada de isolamento.

Os últimos dados disponíveis sobre o Covid-19 mostram uma situação dramática de São Paulo. Os dados foram baixado do excelente portal colaborativo Brasil.io e trabalhados pelo GGN.

Os dados são relevantes para traçar cenários de reabertura da economia. Pelos dados, a flexibilização do isolamento é prematura, sugerindo que o controle da pandemia ainda passará por uma segunda e custosa rodada de isolamento.

Regiões com maior aumento de casos no último dia

As regiões mais populosas de SP

Os dados abaixo são mais preocupantes. Aqui, você tem as dez regiões mais populosas de São Paulo. Depois, mostramos a variação dos casos de notificação do Covid-19 em um dia, dez e trinta dias. Na tabela de baixo, mensalizamos todos os dados para efeito de comparação.
O quadro é difícil, com a maioria dos indicadores mostrando crescimento da curva. A curva foi calculada em cima da média móvel semanal. Repare que, nas cinco regiões mais populosas, o crescimento da média diária semanal fica entre 20% a 60%.

 

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora

1 comentário

  1. Parece mal empregado o termo “Atraso na abertura”. Dá a entender, à primeira vista, que o colunista acha que a abertura estaria “atrasada”, isto é, que já deveria ter sido feita, o que não condiz com o texto nem com as principais opiniões científicas.

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome