O Exército e o PCC

Não há nada de mais inútil do que a proposta de intervenção do Exército na luta contra o PCC. Não se trata de luta aberta, de batalha campal. Trata-se um esquema de guerrilha, em que os membros da facção aparecem e submergem de acordo com as circunstâncias.

Se o Exército ocupasse as ruas da cidade, os bandidos simplesmente se recolheriam. Como o Exército não pode ficar indefinidamente, indo embora, os bandidos voltariam.

E, para não sair de mãos abanando, Exército e polícia radicalizariam as ações contra terceiros, colocando mais ainda em risco a população civil.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora