Revista GGN

Assine

Gabrielli explica Pasadena para bancada do PT e diz que foi um "bom negócio"

de O Globo

Gabrielli diz que compra de Pasadena foi um 'bom negócio'

  • Ex-presidente da Petrobras se reuniu com bancada do PT na Câmara. Estratégia é montar um discurso de defesa da estatal
  • CRISTIANE JUNGBLUT 
<br />
Bancada do PT na Câmara se reúne com o ex-presidente da Petrobras Sérgio Gabrielli<br />
Foto: Ailton de Freitas / O Globo

Bancada do PT na Câmara se reúne com o ex-presidente da Petrobras Sérgio GabrielliAilton de Freitas / O Globo

BRASÍLIA - Em encontro de duas horas e meia com a bancada do PT na Câmara, o ex-presidente da Petrobras José Sérgio Gabrielli classificou a compra da refinaria de Pasadena como “cíclica": sendo um bom negócio no momento de sua compra, tendo problemas por mudanças de mercado em 2008 e voltando agora a ser um negócio lucrativo. Gabrielli admitiu que a presidente Dilma Rousseff não tinha todas as informações como presidente do Conselho da Petrobras, na época, mas insistiu que a compra da refinaria foi um "bom negócio" e "correto". Mas Dilma criticou, em nota, a compra. Perguntado sobre esta contradição, Gabrielli disse que "todos estão corretos" em suas posições.

Para ele, a oposição está fazendo "alegações com motivações políticas e eleitorais". Ele disse que a refinaria custou em ativos US$ 486 milhões e que o restante foi decorrente de estoques (de petróleo) comprados e vendidos e de despesas bancárias para garantir a operação. A estratégia do PT é montar um discurso de defesa da Petrobras e da compra da refinaria e tentar evitar a instalação de uma CPI específica sobre o assunto.

- É uma refinaria cíclica. A presidente (Dilma) não tinha acesso a todas as informações. Isso é correto. É correto (dizer) que ela não tinha todas as informações, como é correto que esse é um bom negócio. Tudo é correto - disse Gabrielli, acrescentando:

- Foi um negócio absolutamente normal. A refinaria foi um bom negócio naquele momento. É falso dizer que foi um negócio ruim.

Ele revelou ainda que a belga Astra Oil - sócio da Petrobras inicialmente no empreendimento - não gastou apenas R$ 42 milhões na compra de sua parte, como diz a oposição. Segundo ele, a empresa gastou mais US$ 200 milhões em passivo e mais US$ 84 milhões para resolver problemas ambientais. No total, a Astra teria gastado US$ 326 milhões.

Já no caso da Petrobras, Gabrielli disse que em dinheiro a estatal gastou US$ 486 milhões, sendo US$ 190 milhões na primeira parcela e mais R$ 296 milhões na segunda parcela, quando comprou a parte da Astra. Além disso, foram US$ 170 milhões de estoque na primeira parcela e mais US$ 170 milhões na segunda, somando US$ 340 milhões. E ainda US$ 150 milhões em garantias bancárias. Ao todo, isso soma US$ 976 milhões. A oposição tem dito que a Petrobras gastou US$ 1,1 bilhão, como sendo todo o ativo gasto.

Ele explicou ainda que a refinaria se tornou uma disputa judicial internacional. Primeiro, a Petrobras entrou na Justiça. Depois, a Astra recorreu.

Ao final, o processo de arbitragem dos Estados Unidos estipulou o valor que a Petrobras tinha que pagar pela parcela da sócia. Ele disse que a polêmica cláusula Marlin, que falava sobre percentual de dividendos, não foi aplicada. E que a cláusula Put Option estabelecia a forma de dissolução da parceria, em caso de desacordo.

A presidente Dilma, em nota oficial, reclamou que não conhecia as duas cláusulas e que o parecer feito na época sobre a compra fora malfeito.

Apesar de admitir que Dilma não tinha todas as informações, o ex-presidente da Petrobras procurou justificar a compra citando a decisão colegiada do Conselho da Petrobras, dizendo que o empresário Jorge Gerdau Johannpeter, que era membro, concordou com a compra, por exemplo.

- Foram quatro anos de disputa judicial - disse Gabrielli.

Ele disse que hoje a refinaria é lucrativa. Gabrielli disse ainda, em entrevista em inglês, que a Petrobras é uma empresa "transparente, honesta e limpa" e que auditorias internas e externas são normais. Por isso, disse não haver problemas nas auditorias pedidas pela atual presidente, Graça Foster.

Ao seu lado, o líder do PT na Câmara, deputado Vicentinho (SP), disse que Gabrielli foi convidado para dar munição ao partido.

- A bancada saiu muito satisfeita - disse Vicentinho.



Leia mais sobre esse assunto em http://oglobo.globo.com/pais/gabrielli-diz-que-compra-de-pasadena-foi-um-bom-negocio-12125952#ixzz2yKAMnbGb 
© 1996 - 2014. Todos direitos reservados a Infoglobo Comunicação e Participações S.A. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização. 

Média: 5 (7 votos)
24 comentários

Comentários

Espaço Colaborativo de Comentários

Opções de exibição de comentários

Escolha o modo de exibição que você preferir e clique em "Salvar configurações".

erro comprar nos eua, pais

erro comprar nos eua, pais falindo,,,

imagina se fosse em cuba, um pais com possibilidades de crescimento de consumo?

EUA esta com quase 1 milhao a menos de empregados em relacao a 2007( brasil sao 11 a mais)

consumo de gasolina esta caiu 18% menor que 2007 ( brasil 35% maior,,,,)

vantagens que la, imprensa e governo estao juntos valorizando so parte cheia do copo, aqui imprensa faz papel de oposicao, por esta ser "muito fraca" como afirma lider da assaciacao do setor

e com tudo isso negocio da lucro e se la der um crescimentozinho,,,, VIRA LUCRAO 

Seu voto: Nenhum (2 votos)
imagem de José Renato Guimaraes
José Renato Guimaraes

  O dinheiro não é dele

 

O dinheiro não é dele mesmo, pouco importa!!!

Seu voto: Nenhum (5 votos)

Vai ter que desenhar...

EUA é o maior consumidor de derivados de petróleo do mundo. Acabou a explicação.

Seu voto: Nenhum (3 votos)

Provas

Até provas em contrário, concordo com Gabrielli. Provas. Não conversa mole nem achismos de má fé.

Seu voto: Nenhum (3 votos)
imagem de Walter o primeiro
Walter o primeiro

O verdadeiro valor desta refinaria

Reunião de Primeiro Escalão ( Secretario Americano com Ministra Brasileira)  por uma Refinaria que custa só 42 milhões ??

É claro que o valor desta refinaria é o que o gabrielli fala acima

Noticia do Estadão

http://blogs.estadao.com.br/jamil-chade/2014/04/08/wikileaks-casa-branca...

Seu voto: Nenhum (1 voto)
imagem de Marco A.
Marco A.

O fato é que os Belgas

O fato é que os Belgas compraram um empresa que já era sucata por 40 milhões de dolares. Um brasileiro representando os belgas no na Petrobrás oferecer o baita negócio. A compra de 50% da refinaria. Do lado de cá outro brasileiro resolveu apoiar a idéia e pimba, 1 ano depois a metade de 20 milhões de dolares viraram 360 milhões considerando estoque de oléo. Por se tratar de um empresa especializada e profissionais especializados, o que seria de se esperar é saber se o negócio vale a pena. Pois bem, depois que a compora ocorre descobrem que será preciso investir 1 bilhão pra empresa sucaterada refinar o oléo da petrobrás, ou seja, a empresa mesmo que não fosse sucata não era viável para a Petrobrás. Até ai...agora vem o macete. Embora sejam sócios meio a meio, a PEtrobrás garante redimente positivo mesmo que a refinaria de prejuizo. Como ela não cumpre, os sócios brigam e os belgas lançam mão da clausula que diz que a petrobrás é obrigada a comprar a parte dos belgas. Porque sendo socios meio a meio os belgas tambem não tinham essa obrigação? Ai vem a Dilma e diz não e os belgas vão a justiça, no caso a americana que tem por tradição respeitar contratos, achando que quem os assina deve saber ler e avaliar antes de faze-lo. Ai a petrobrás perde e é obrigada a comprar a parte dos belgas com juros agora na casa dos 800 milhões. E ai vem a segunda pergunta: porque os 50% dos belgas que por lógia valiam 360 viraram mais de 700 milhões e ela inteira vale algo em torno de 100 milhões agora?

Então a conclusão é obvia. Pensaram assim: A Petrobrás é uma SA mas na pratica é uma estatal daquelas gigantes e meio engessada com forte componente politico. Os belgas contratam um espertão brasileiro que contata outro da mesma especie dentro da Petrobrás e eles pensam na comissão que ganharão. Fazem o processo de compra e que a estatal se dane, já que o dono poe dinheiro ou seja, nós. E ninguem sofreu um misero processo até agora embora a propria Dilma afirme que não tinha sido informada de tudo.

Se o ex-presidente da petrobrás puder sair do personagem militante, e explicar como cidadão e profissional aonde, quando e porque um prejuizo de 1 bilhão é um bom negócio, eu fico satisfeito.

Seu voto: Nenhum (1 voto)

Acho que você não leu o texto ...

Acho que você não leu o texto ... deixa eu reforçar:

" ... Ele revelou ainda que a belga Astra Oil - sócio da Petrobras inicialmente no empreendimento - não gastou apenas R$ 42 milhões na compra de sua parte, como diz a oposição. Segundo ele, a empresa gastou mais US$ 200 milhões em passivo e mais US$ 84 milhões para resolver problemas ambientais. No total, a Astra teria gastado US$ 326 milhões. ..."

Seu voto: Nenhum
imagem de Marco A.
Marco A.

As vezes a explicação torna a

As vezes a explicação torna a coisa pior...Eu li o que o sujeito disse sem apresentar um unico e miserável documento que seja como se fosse dono da verdade revelada. Ora se a Belga pagou e vamos aceitar a tese por amor ao debate, 42 milhões pela sucata mais 200 milhões de passivo e mais 84 milhões de problemas ambientais o que somaria 326 milhões, a metade, 50% disso seria...163 milhões. Digamos que vendesse por 200 milhoes, já seria um p... de um lucro, e no entanto a Petrobrás pagou mais de 370 milhões pela metade. Anos depois a outra metade saiu pelo dobro do preço embora seja uma peça de sucata dando prejuizo.

A verdade é que sinto pena da turminha que sai a defender esse pessoal, o que não ocorreria se o governo fosse tucano. Ai haveriam passeatas exigindo a empalação em praça pública de diretores e governantes.

A questão como se vê não é de ler o texto, mas aceitar ou não o simulacro.

 

 

Seu voto: Nenhum

Estão aqui!

http://www.ocafezinho.com/2014/04/05/42-milhoes-nada-astra-pagou-quase-u...

As coisas vão ficando mais claras.

As últimas informações de que dispomos já nos permitem uma avaliação mais precisa sobre o montante investido pela Astra para iniciar suas operações na refinaria de Pasadena. Alguns dados já eram de domínio público. Mas faltavam algumas peças no quebra-cabeça. Por exemplo, quanto a Astra havia pago pelos estoques de Pasadena, quando iniciou o processo de aquisição da refinaria, em meados de 2004?

- US$ 42,5 milhões pelas ações da companhia (fonte: relatório da NPM/CNP).
- US$ 55 milhões pelos estoques (fonte: consultora Jefferies & Cafezinho).
- US$ 300 milhões na Astra trading (Valor).
- US$ 84 milhões em investimentos em maquinários (fonte: Globo).

Total: US$ 481,5 milhões.

Quase todos os links acima são abertos, com exceção do Valor, de maneira que reproduzo um trecho da matéria que fala dos US$ 300 milhões investidos pela Astra na trading de Pasadena.

“Conforme o acordo de acionistas, ao qual o Valor teve acesso, o prêmio de 20% valeria tanto para os 50% restantes do ativo refinaria, avaliado em março de 2006 por US$ 378 milhões, como para a trading, que tinha preço de referência inicial de US$ 300 milhões, que era o “capital comprometido” pela Astra no negócio até a assinatura do acordo.”

Esses números nos levam a duas conclusões: 1) nenhuma empresa investiria quase meio bilhão de dólares numa “sucata”. 2) Tome sempre muito cuidado com o que lê.

E olha que nem estou considerando possível incorporação das dívidas da refinaria pelo novo dono.

Aliás, o blog da Petrobrás, até então parado qual um cadáver, parece ter mexido um dedinho do pé, como uma pessoa em coma que tenta mostrar que está vivo. Postagem de ontem revela que as refinarias no Brasil controladas pela estatal bateram um novo recorde mensal de produção, processando 2,151 milhões de barris. O volume foi 12 mil barris superior ao recorde, anterior, de julho de 2013.

Agora precisamos saber a produção, o faturamento e o lucro de Pasadena nos últimos dois anos. Reportagem da Folha apurou que ela registrou boas margens de lucro no período. O ex-presidente da Petrobrás, Sérgio Gabrielli, também afirmou que a refinaria dá lucro. A própria Graça Foster, presidente da estatal, que geralmente é lacônica em tudo que se refere a dados da empresa, já declarou que Pasadena está processando a pleno vapor. Queremos conferir isso direitinho, preto no branco. Até porque a imprensa agora começou a somar gastos de Pasadena com serviços e obras ao custo de aquisição, o que é um delírio total, servindo apenas para fazer sensacionalismo. Começam a surgir notícias do tipo: “custo de pasadena pode ter sido ainda maior”, etc.

Pasadena tem faturamento bruto talvez superior a US$ 1 bilhão. Suas despesas, naturalmente, são altas, mas devem ser abatidas de seu faturamento. Isso é óbvio. Quanto mais rápido, a Petrobrás trazer dados, evitará a consolidação de ideias preconceituosas, baseada em informações distorcidas, contra a estatal.

Outra coisa que está ficando mais clara é a natureza estratégica da localização de Pasadena, no canal de Houston. Agora que a China começou a construir uma outra passagem oceânica no Panamá, ligando Atlântico e Pacífico, a região do Golfo do México ganhará uma importância geopolítica ainda maior. Um relatório recente de uma agência de energia do governo americano diz que as margens das refinarias no país cresceram muito nos últimos meses e devem continuar crescendo durante bastante tempo, impulsionadas pelo aumento da demanda interna e pelas novas fontes de suprimento no Texas e no golfo.

Não seria uma ironia curiosa se Pasadena, pintada como sucata, inútil, mau negócio, de repente se tornasse um dos ativos estrategicamente mais importantes da Petrobrás no exterior?

 

- See more at: http://www.ocafezinho.com/2014/04/05/42-milhoes-nada-astra-pagou-quase-us-500-milhoes-por-pasadena/#sthash.1LGfmRkm.dpuf 

Seu voto: Nenhum (1 voto)
imagem de Marta Silva
Marta Silva

É, esse povo sabe brincar com

É, esse povo sabe brincar com as palavras, literalmente... como pode dois assuntos estarem corretos, entre o sim e nao, se eles divergem entre si?

 

[A presidente Dilma, em nota oficial, reclamou que não conhecia as duas cláusulas e que o parecer feito na época sobre a compra fora malfeito.]

O q dá pra pensar é q a  dilma nao leu e deu aval para o gabrielle fazer o q quisesse.

Sei q  no final da historia a conta irá aparecer para cobrirmos o rombo.

 

A soluçao da burrada desses governantes é sempre o bolso alheio.

Seu voto: Nenhum (2 votos)
imagem de Neideg
Neideg

Os petistas estao errados.

Os petistas estao errados. Certos estao voces, que acham uma maravilha os Governos que deixam industria parar por falta de luz e a metropole de Sao Paulo nao ter agua nas torneiras por falta de investimentos.

Os "competentes"  tucanos, adorados pelos banca, pela Globo e Veja estao fazendo o dever de casa para o Mercado. Os financistas estao abarrotados de rendimentos das acoes das Cia de Energia e Agua pertencentes aos seus Governos.

Seu voto: Nenhum (5 votos)
imagem de Jose Emilio
Jose Emilio

Tucanadas

Essa conversa da Petrobras é a quinquagésima terceira crise que os tucanos e seus aliados - Folha,Globo,Veja,Band...tentam passar para o eleitorado brasileiro desde que o Lula assumiu o poder pela primeira vez.

Já tentaram de tudo e nao colou- Inflacao galopante,apagao,desemprego, dólar nas grimpas...Todos os dias uma previsao do caos.Só que nao aconteceu nada e eles além de nao terem a ombridade de desmentir ainda repetem. Só da Petrobras é a vigésima, de acordo com nossos arquivos.

Caso amanha ocorrer outra denúncia, a da Petrobras fica esquecida,

Na realidade esses tucanos sao sádicos, mas o sadismo deles é de   voltarem ao poder e desempregar todo esse pessoal que está trabalhando atualmente como fizeram na época de FHC,de tristes lembrancas.

 

José Emílio Guedes-Belo Horizonte

Seu voto: Nenhum (1 voto)
imagem de tiim
tiim

ACORDA SEU JOSÉ

Prezado, não culpa os adversários pela decadência da Petrobras, reconheça o fracasso do PT.

Seu voto: Nenhum (6 votos)
imagem de Walter o primeiro
Walter o primeiro

Demorou

 

E precisou demorar tanto tempo para isto ????

E a midia comprada para defender a entrega do  Pre-Sal vai divulgar ???/

Seu voto: Nenhum (2 votos)
imagem de LC
LC

Gabrielli, explica p/gente

 

Em relação ao título do post, que tal então explicar para todo mundo o que aconteceu, a oposição fica com cara de idiota, desiste da CPI, a mídia fica com cara de bunda, e vida que segue? Por que diabos o governo não explica de uma vez por todas essa situação e a gente segue em frente?

 

Outra coisa, defesa da estatal é o cacete, eles que fizeram (ou não?) m. na gestão da empresa. Ninguém está atacando a empresa, estão atacando um negócio (pelo menos até o momento) nebuloso. Quem fez a “pretensa” burrada era o responsável pela gestão. Deixem o “Brasil ame-o ou deixe-o” para o fantasma do Médici e expliquem a operação (pelo menos ainda nessa década).

 

Gabrielli admitiu que a presidente Dilma Rousseff não tinha todas as informações como presidente do Conselho da Petrobras, na época, mas insistiu que a compra da refinaria foi um "bom negócio" e "correto". Mas Dilma criticou, em nota, a compra. Perguntado sobre esta contradição, Gabrielli disse que "todos estão corretos" em suas posições.

 

Então todos estão corretos, e o Gabrielli destruiu qualquer resquício de bom senso. Se o Gabrielli ou a Foster dessem uma coletiva em uma tarde com detalhe por detalhe, o assunto morria em dois minutos. O silêncio e a demora excessiva do governo nesse caso é absolutamente inexplicável. A Dilma não deu tiro no pé quando disse que não tinha as informações, mas sim quando espera indefinidamente para tomar uma atitude.

Esse assunto não vai p/debaixo do tapete, não estamos em 2006, e não se trata em momento nenhum apenas de uma conspiração do PIG para tirar o PT do poder. O governo tem problemas seríssimos. O que ela pretende nos próximos anos? Ano que vem tem reajuste de combustíveis, transportes e eletricidade. A presidente é ela, a estadista (em tese) é ela. Não adianta ficar xingando o Campos e o Aécio. Quem está pleiteando mais 4 anos é ela. O que vai fazer a respeito da base aliada, podre até a medula. Será que alguém tem dúvida de que o governo (ainda que talvez ela não seja) é extremamente corrupto? Quem comprou a refinaria foi o PIG ou membros do atual governo?

 

Como eu sempre falo, 2018 será engraçado...

Seu voto: Nenhum (1 voto)
imagem de Ivan de Union
Ivan de Union

"Mas Dilma criticou, em nota,

"Mas Dilma criticou, em nota, a compra. Perguntado sobre esta contradição, Gabrielli disse que "todos estão corretos" em suas posições":

Uma ova!  Show it with links!

O que ela disse eh que se ela soubesse das "vantagens" gersonianas daquele contrato ele nunca o teria aprovado.  Nem eu.

Quanto ao item, todo mundo que le o blog ja sabia que a refinaria esta no preto ha anos mesmo com o "preco supostamente absurdo" que "teria sido" pago alegremente pela tucanada...  mas so se fosse multiplicado por 30 porque eles so dao burrada.

Seu voto: Nenhum (2 votos)
imagem de Walter o primeiro
Walter o primeiro

DILMA PRECIPITOU -SE

A Dilma foi na onda da Imprensa "imparcial" brasileira e falou bobagem.  Ela já não gostava muito do Gabrielli

No resto a refinaria foi sim o bom negocio. Hoje vale mais de 2 bilhões.  

Seu voto: Nenhum (1 voto)

A dificuldade desse governo

A dificuldade desse governo de falar é demais. Bastava dizer: "queria comprar metade mas tive que comprar inteiro. Paguei o preço de mercado da época e hoje ela vale o dobro. Tá lá, compradinha e dando lucro"

Mas não, parece aquele pessoal que quer "falar bonito". Acabam sempre dando mole pra imprensa brincar com as palavras deles.

Mesmo o Lula falando da maneira mais clara uma coisa a imprensa diz que ele disse outra...

E o Nassif falando em "refinamento" e neutralidade...

Seu voto: Nenhum (1 voto)

PJ não VOTA!

O Jornalismo acabou e a eleição não tem fim!

imagem de tiim
tiim

BOM NEGOCIO SÓ PARA O PT

Amigos, todo mundo esta rindo de nós brasileiros, e tem graduado do PT dizendo que foi um bom negocio, fala serio!

Seu voto: Nenhum (13 votos)
imagem de Zanchetta
Zanchetta

Por isso é que eu gosto dos

Por isso é que eu gosto dos petistas... Eles estão SEMPRE corretos... dizendo sim ou dizendo não...

"mas insistiu que a compra da refinaria foi um "bom negócio" e "correto". Mas Dilma criticou, em nota, a compra. Perguntado sobre esta contradição, Gabrielli disse que "todos estão corretos" em suas posições."

 

Seu voto: Nenhum (11 votos)
imagem de PauloBR
PauloBR

Dirimindo dúvidas

Um certo matuto comparou os lucros auferidos pela Petrobrás nos tempos de FHC e na atualidade.

Observou que a compra da refinaria de Pasadena está sendo questionada em ano eleitoral.

Ponderou haver interesses do grande capital, dos especuladores em geral e de potências estrangeiras na Petrobrás e nas reservas petrolíferas brasileiras.

Então o matuto perguntou aos sábios de plantão por que as fezes do cabrito são pequenas bolotas, e as da vaca uma grande massa disforme, e as do cão, em geral, cilíndricas? Não obtendo deles resposta satisfatória, concluiu que certas pessoas não entendem de m... nenhuma, mas se arvoram em provar por A + B que a aquisição de Pasadena foi um desastre.

Coincidência, essas pessoas costumam ser tucanas.

Seu voto: Nenhum
imagem de Ivan de Union
Ivan de Union

"Por isso é que eu gosto dos

"Por isso é que eu gosto dos petistas... Eles estão SEMPRE corretos...":

Estamos.

Seu voto: Nenhum (4 votos)
imagem de Zanchetta
Zanchetta

... ou NÃO Estamos!!!

... ou NÃO Estamos!!! kkkkkkkkkk

Seu voto: Nenhum (1 voto)
imagem de LC
LC

O pior é que você acha nesmo...

... que está sempre certo. Isso é privilégio de poucos. Dos genios e dos ignorantes. Mas seja qual for seu caso, é problema seu. O problema é quando a presidente e o ministro da fazenda acham que estão sempre certos.

Seu voto: Nenhum (1 voto)

Comentar

O conteúdo deste campo é privado e não será exibido ao público.
CAPTCHA
Esta questão é para testar se você é um visitante humano e impedir submissões automatizadas por spam.