Revista GGN

Assine

Petrobras convida somente empresas estrangeiras para licitação do Comperj

 
Jornal GGN - Nesta quarta-feira (11), a Petrobras anunciou que quer retomar as obras do Complexo Petroquímico do Rio de Janeiro (Comperj), em Itaboraí (RJ). A empresa lançou concorrência no valor de R$ 2 bilhões e convidou 30 empresas, todas elas estrangeiras. 
 
Segundo Pedro Parente, presidente da companhia, a Petrobras não faz distinção entre empresas nacionais e estrangeiras, mas afirmou que as grandes construtoras brasileiras estão impedidas de participar da licitação em razão da Operação Lava Jato. 
 
As obras do Comperj foram interrompidas em 2015, quando a empreiteira Queiroz Galvão, umas das investigadas na operação, disse que o valor acertado com a Petrobras não cobriria os custos, rompendo o contrato. 
 
 
“Se essas empresas não estivessem impedidas, elas estariam sendo convidadas. Agora, existe um processo onde essas empresas se habilitam novamente a participar do processo de concorrências da Petrobras”, disse Parente. 
 
O presidente da estatal rebateu críticas sobre o favorecimento para empresas estrangeiras, dizendo que todas as 30 companhias tem sede no país. "Não acho que empresas instaladas no país, com empregados e unidades no Brasil, são empresas estrangeiras. Dizer que são estrangeiras, é ranço ideológico”. 
 
Diretores da Petrobras presentes em um café da manhã com jornalistas disseram que a escolha das empresas atendeu a critérios técnicos e de integridade financeira. João Elek, diretor de governança, afirmou que a estatal espera pelo desbloqueio de empresas nacionais para contratações futuras, o que deve ocorrer após a assinatura de acordos de leniência das companhias com a Controladoria Geral da União
 
No momento, em torno de vinte empresas não podem fazer negócios com a estatal por causa da Lava Jato, como a Odebrecht e a Engevix. É previsto que as obras do Comperj durem dois anos e meio. 
Média: 2.2 (10 votos)
24 comentários

Comentários

Espaço Colaborativo de Comentários

Opções de exibição de comentários

Escolha o modo de exibição que você preferir e clique em "Salvar configurações".

Entreguista, discriminatória e incoerente

Prática de capitalismo,  dessa maneira, sem concorrência, ou com suposta concorrência, que seja lícita, com critérios que coloquem idoneidade de empresas em primeiro lugar, sem dúvida é importante, e aparentemente, apenas é o que ocorre. Na verdade, um entreguismo desbragado, triste, reduzindo a pó nosso país, com zero de chances para empress nacionais, e mais uma vez, continuaremos sendo quintal dos países capitalistas, e que usam de usurpadores locais, em conluio explícito, supostamente legal para fazer todas essas maldades para com a população desse país! Esse mesmo tipo de coisa ocorre na imensa maioria dos países periféricos, E quando se constata que 8 indivíduos apenas, bilionários, tem fortuna correpondente a mais de 3,5 bilhões de pessoas, 1/2 da população do planeta, e 1% tem renda correspodente a 99% da população mais pobre da terra, alguma coisa está profundamente errada! Há que se refundar a existência dos seres humanos, pois a imensa maioria continua escrava dos capitalistas, do grande capital, dos banqueiros, dos mega industriais, e megacomerciários. Temos obrigação de agir para mudar, já!!! Emprego, para uma minima renda, para comer refeições do dia, para ter o que beber, água, um ,ínimo de lazer, de ter escolas, médicos e serviços de saúde para atender às pessoas....são tantas coisas para as quais muitos não tem acesso, que dá um desalento, mas nunca, NUNCA desesperança, pois temos que ter esperança, mesmo que sufocada, continuaremos a ter. Nós devemos, embora não possamos momentaneamente, estupefatos que estão todos, mas aos poucos começando a reconhecer esse terrível golpe contra esse país, e com certeza, é uma constante, em muitos países.

E pra essa gente(nem sabemos se podemos chamá-los dessa alcunha), se é que podemos assim chamá-los, isso tudo está dentro de todo o "script", coordenado pelos países centrais, centralizadores das imensas sacanagens com a imensa maioria do das pessoas do planeta terra.

Não matarão jamais nossas esperanças. Que soltem o ativista BOULOS JÁ! Que acabamos de ver, foi preso.

Seu voto: Nenhum
imagem de Fábio Soares
Fábio Soares

Fora a questão de base da

Fora a questão de base da notícia, mas alguém consegue me explicar pq a Petrobrax abre uma licitação de 2bi para concluir a construção de um polo petroquímico logo após dar de brinde por 385 mi outro polo petroquímico (SUAPE)?

Seu voto: Nenhum (3 votos)
imagem de Vixe
Vixe

por dinheiro...

e por idolatria aos gringos, estes safados são capazes de entregar esposas, mães e filhas para se prostituirem em troca de uma "green card" ou por nada mesmo, só pela idolatria.

Seu voto: Nenhum (4 votos)

Os coxinhas

E agora os coxinhas vão ficar chupando os ossos das coxinhas. he he he

Seu voto: Nenhum (3 votos)
imagem de serralheiro 70
serralheiro 70

Lamentável, caso não configure crime lesa pátria.

Pelos mais de 30 anos que dediquei da minha vida a Petrobras entendo que esta decisão é criminosamente lamentável.

Seu voto: Nenhum (3 votos)
imagem de Agosto Sebas
Agosto Sebas

por que convidar estrangeiras?

Convidar empresas para participar de uma licitação não significa excluir quaisquer outras. Significa apenas que a contratante tem interesse que essas empresas participem do certame; entretanto, quaisquer outras empresas podem se habilitar como licitantes. A direção da Petrobras sabe que as grandes empreiteiras brasileiras estão automaticamente impedidas de participar por conta do Lava Jato e de suas consequencias. Desse modo, convida empresas estrangeiras na expectativa de interessá-las e, assim, evitar que a licitação chegue a um péssimo resultado, ficando na mão de empresas pouco qualificadas para a empreitada. Burrice achar que empreiteiras estrangeiras não devem participar de licitações públicas. Durante décadas as obras públicas ficaram nas mãos de empresas nacionais com os resultados que todos agora conhecem. Ademais, as obras serão feitas no Brasil, por brasileiros, gerando empregos, renda e desfazendo esses carteis nacionais que sempre sugaram o dinheiro público e alimentam os políticos com propinas.  Que venham as empresas estrangeiras! 

Seu voto: Nenhum
imagem de Agosto Sebas
Agosto Sebas

burrice pode mataru

Convidar empresas para participar de uma licitação não significa excluir quaisquer outras. Significa apenas que a contratante tem interesse que essas empresas participem do certame; entretanto, quaisquer outras empresas podem se habilitar como licitantes. A direção da Petrobras sabe que as grandes empreiteiras brasileiras estão automaticamente impedidas de participar por conta do Lava Jato e de suas consequencias. Desse modo, convida empresas estrangeiras na expectativa de interessá-las e, assim, evitar que a licitação chegue a um péssimo resultado, ficando na mão de empresas pouco qualificadas para a empreitada. 

Seu voto: Nenhum

Desculpe o palavriado obsceno...

Esta turma gosta mesmo é de dar para os estrangeiros...

Quem participar em evento desta  turma deve ir com uma cartela de ovos podres e acabar com o evento...

Seu voto: Nenhum (4 votos)
imagem de Manu Guitars
Manu Guitars

Segundo eles, o Brasil é uma mãe......A lista.

Veja a lista completa das empresas convidadas para a construção da UPGN:

  • Acciona;
  • Amec Foster Wheeler;
  • Areva;
  • Bechtel;
  • Chicago Bridge (CB&I);
  • China Aluminium Inter Eng (Chalieco);
  • Energex Energy;
  • Exterran;
  • Fluor;
  • Hatch;
  • Intecsa Eng;
  • Jacobs;
  • JGC;
  • KBR;
  • Larsen & Toubro;
  • Linde;
  • Tecnimont;
  • Naftogaz India;
  • Optimize;
  • Petrofac;
  • Posco;
  • Propak Systems;
  • Rheinmetall Inter Eng;
  • Sener;
  • Keri;
  • SNC-Lavalin;
  • Thermo Design;
  • Thyssenkrupp;
  • Técnicas Reunidas;
  • Tozzi
Seu voto: Nenhum

https://www.justice.gov/opa/p

https://www.justice.gov/opa/pr/kellogg-brown-root-llc-pleads-guilty-fore...

Boa parte dessas empresas NÃO tem nada no Brasil, nem escritorio, como é que vão montar canterios e contratar engenheiros e pessoal daqui?  Ou será que vão trazer de seus paises?

A KBR - KELLOG BROWN & ROOT, que está na lista, foi recentemente processada e CONDENADA por corrupção, pagou

US$400 milhões de multa nos Estados Unidos e teve seu executivo preso por 18 meses por causa de propina paga na Nigeria para conseguir obra.

Quer dizer,  empresas corruptas do Brasil NÃO pode mas se for americana, TUDO BEM.

Seu voto: Nenhum (3 votos)
imagem de alêminas
alêminas

POIS OS EMPRESÁRIOS COXINHAS ...

Estão rindo à toa! Querem que o Brasil se foda (hc.coelho) ... Ajudaram a dar o Golpe e se fosse preciso  fariam tudo novamente! O que me ferra a cabeça e que me deprime, e ver um Partido que foi governo legitimado pelo POVO por 13 anos ser extirpado do poder por tanta inocência e republicanismo. Tudo que o PT fez pelo povo está sendo desmanchado. Agora entendo o que a Dilma quiria dizer sobre "não iria ficar pedra sobre pedra". A elite, a direita, a midia, os lobotomizados e o PSDB se desmancham de tanto rir. Não imaginavam que seria tão fácil! Não importa para eles que estão perdendo um pouquinho de seus dólares. Importa sim é o estrago que fizeram no PT

Seu voto: Nenhum (3 votos)
imagem de Manu Guitars
Manu Guitars

Com a palavra Pedro Parente

"Não acho que empresas instaladas no país, com empregados e unidades no Brasil, são empresas estrangeiras. Dizer que são estrangeiras, é ranço ideológico. Para todos os efeitos, são empresas brasileiras", disse.Ta explicado.....esse negocio de pais/nação, tambem e meio ranço ideológico.....bobagem.......coisa de comuna....

Seu voto: Nenhum

O sonho dourado da República

O sonho dourado da República de Curitiba se realizando. O Brasil sem empreiteiras tendo suas grandes obras tocadas por estrangeiros honestissimos.

Seu voto: Nenhum (4 votos)

Sinceramente e sem querer(e

Sinceramente e sem querer(e já querendo) apelar para a pieguice: ao lermos uma matéria dessa dá uma imensa vontade de chorar e ao mesmo tempo escrachar esses apátridas hipócritas que nos levaram a isso. 

O país atravessando uma das suas piores crises da sua história e este grande indutor econômico chamado Complexo Petrobras, de propriedade de TODOS os brasileiros, e não de um Juiz e alguns procuradores apoiados e incentivados por uma mídia historicamente adversa aos interesses nacionais, obrigado a licitar para empresas estrangeiras. 

Reside aí um dos motivos do golpe que derrubou o governo Dilma. Nada a ver com corrupção e ética. Tudo um farsa, como já venho escrevendo há tempos. 

Isso sim, é uma vergonha!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

Seu voto: Nenhum (2 votos)
imagem de Ivan de Union
Ivan de Union

Nao se preocupe, Costa.  Ja

Nao se preocupe, Costa.  Ja estou bolando a falencia das petroleiras.  TODAS elas.

Seu voto: Nenhum (1 voto)

Tem não

  Pelo menos duas das "convidadas" não possuem sequer escritórios no Brasil, a chinesa Chaileco e a australiana Energex.

Seu voto: Nenhum (3 votos)
imagem de Manu Guitars
Manu Guitars

parece.....

A maior parte delas não tem sede no Brasil, muito embora todas tenham habilitações e experiências para cumprir o contrato, mesmo não tendo o CRCC exigido às empresas brasileiras.

https://www.petronoticias.com.br/archives/93712

http://www.opetroleo.com.br/petrobras-convida-30-empresas-estrangeiras-p...

Seu voto: Nenhum

É uma completa averração. Não

É uma completa averração. Não existem só as empreiteiras nacionais da Lava Jato, existem outras nacionais de bom porte não envolvidas não foram convidadas só por serem brasileiras? Até para disfarçar deveriam convidar algumas.

A gestão é completamente ideologica e anti-nacional, o sonho é sempre a privatização da empresa, como a lei (ainda) não permite faz-se todo o possivel para desmontar o carater nacional da Petrobras.

Seu voto: Nenhum (6 votos)

Questão de visão

    Carissimo AA,

    Em uma analise crua, a lógica dos convites se sustenta, não somente no quesito ideológico e de "manobra defensiva" ( afinal ninguem sabe o que ainda pode gerar os tramites lava-jato ), portanto ao convidar exclusivamente empresas externas, algumas que nunca exerceram qualquer atividade na América Latina, poderá possibilitar que estas empresas associaem-se a empresas/empreitieras médias nacionais, para "tocar" diretamente estes projetos, ou como associadas ou até mesmo como sub-contratadas.

     E meu filho, na atual situação e projeção futura, com um monte de papagaios cantando, BNDES fechado, crédito interno caido, créditos externos "na cobrança" sem renovação, se chegar um chinês, malaio, turco, australiano até marciano, que comprem e segurem os contratos "mortos" das majors envolvidas na Lava - Jato, para que estas obras destravem, vou subir as escadarias da Igreja da Penha, e de joelhos.

     E antes que alguem comente sobre os "de joelhos", informo que quem nunca teve folha de pagamento e encargos para honrar, impostos para pagar, financiamentos para quitar, liberações de BNDES, BB, APEX para "brigar", advogados e sindicalistas para encarar, não tem a minima idéia do que está ocorrendo com as empresas de engenharia e serviços de engenharia nacionais, o negócio esta horrivel, tanto na pesada como na média, portanto não somos "anti-nacionais", apenas desejamos sobreviver.

Seu voto: Nenhum

Se o pano de fundo não fosse

Se o pano de fundo não fosse os interesses que todos sabemos, afirmaria se tratar de EXTREMA BURRICE se penalizar empresas, pessoa jurídicas, por eventuais delitos praticados pelos seus sócios-cotistas ou dirigentes. Como punir uma abstração? Apelando para o bizarro, que tal se colocar grades ao redor das sedes dessas empreiteiras com guardas postados nos quatros cantos? 

O problema, André Araújo, é que, infelizmente, nunca tivemos e, parece, nunca teremos sentimento de NAÇÃO. Nossos interesses sempre foram subalternos aos dos estrangeiros. Isso para parecermos modernos, "bonzinhos".

Já que serei patrulhado mesmo, diria mais: nossos governos civis, pelo menos nesse aspecto, muito ficaram devendo aos militares. Jamais assentirei com ditaduras - seja de Direita, seja de Esquerda - e, como Churchill, considero a Democracia o pior dos regimes; exceptuando-se todos os demais. Entretanto, foram bem mais nacionalistas, visionários e patriotas.

Seu voto: Nenhum (2 votos)

A gestão da Petrobras cumpre

A gestão da Petrobras cumpre  o roteiro, muito bem executado pelo Sr. Pedro Parente, funcionário de carreira (aposentado?) do Banco Central, que a esta altura do "campeonato" (ou golpe) nem precisa mais disfarçar a natureza anti-nacional da tarefa para a qual foi designado. 

Seu voto: Nenhum (4 votos)
imagem de ze sergio
ze sergio

é....

Inacreditável aberração. Não existe outro país igual no planeta. Conseguimos nos fazer de senhores em lacaios. De comandantes em servos. Da nossa própria riqueza em empregados. A Petrobras no período de 1 ano produzirá somente com a produção atual em preços de hoje cerca de 120.000.000.000,00 de reais em extração. E não conseguimos construir uma cadeia produtica nacional nem com brutal fonte de renda e investimentos?  O Brasil não existe. Seremos subalternos dentro da nossa própria empresa.  

Seu voto: Nenhum (2 votos)

Desculpem empresários coxinhas!

Desculpem, senhores grandes empresários, ninguém nega a sua importante e decisiva contribuição para a execução do golpe, longe disso, mas os verdadeiros donos do golpe querem também a sua destruição. A engenharia nacional deve ser destruida, dizem os comandantes. Tenham paciência, a vida é assim mesmo. Deram o golpe mas agora serão vítimas. Talvez lhes restem as reformas de apartamentos que eles não gostam de fazer. Mil desculpas.
Mas o golpe foi gostoso, não foi...

 

Seu voto: Nenhum (6 votos)

Quem não desconfia de si próprio não merece a confiança dos outros ( ditado árabe)

Mestres de obras.

Aos engenheiros nacionais restarão os cargos de mestres de obras.

Seu voto: Nenhum (1 voto)

Comentar

O conteúdo deste campo é privado e não será exibido ao público.