Revista GGN

Assine
imagem de Almeida
Profissão navegador

CONTEÚDOS DO USUÁRIO

Postagens

Energias renováveis empregam 9,8 milhões de pessoas no mundo, diz IRENA

Enviado por Almeida

Não tem mais volta, não há mais espaço para o retrocesso, a opção pelas fontes renováveis não é uma escolha ideológica, mas baseada no realismo político e econômico: as renováveis geram empregos e negócios.

As fontes fósseis e físseis não são renováveis, portanto, por definição não têm futuro.                                        
 
da Abeólica
 
 

Agência Internacional de Energia Renovável (IRENA) divulgou, em seu relatório “Renewable Energy and Jobs – Annual Review 2017”, que as energias renováveis empregavam mais de 9,8 milhões de pessoas em 2016. Excluindo-se as grandes hidrelétricas, este número é de 8,3 milhões de trabalhadores em todo o mundo em 2016. A maior parte dos empregos se concentra na China e o Brasil é o segundo País com mais empregos em renováveis no mundo, como mostra a ilustração abaixo do relatório.

Relatório da IRENA traz os dados mais recentes sobre empregos e análises detalhadas sobre os fatores que afetam o mercado de trabalho nos variados tipos de energias renováveis ao redor do mundo.

Leia mais »

Média: 4.5 (2 votos)

Cracolândia para iniciantes, por Márcio Américo (ex-craqueiro)

Sem votos

Camarada Miguel Urbano Rodrigues: Presente!

Enviado por Almeida

Os sítios portugueses resistir.info e odiário.info noticiaram neste sábado, a perda de seu fundador e um dos mais brilhantes jornalista de expressão lusófona:

MIGUEL URBANO RODRIGUES, 02/08/1925 - 27/05/2017

"Com profundo pesar resistir.info informa que Miguel Urbano Rodrigues, seu fundador, faleceu hoje em Vila Nova de Gaia. O corpo estará em câmara ardente a partir das 14h00 de domingo, 28 de Maio, no Centro Funerário da Lapa (junto à igreja da Lapa, R. de São Brás, nº1, 4000-494 Porto). O funeral será segunda-feira, 29 de Maio, às 16h00".
 

"ODiario.info comunica aos seus leitores e amigos a morte do seu fundador e editor Miguel Urbano Rodrigues.

Nascido em Moura, Alentejo, em 1925, filho de pai jornalista e escritor, no seio de uma família de agricultores abastados de tradição republicana, experimentou a implantação da ditadura do “Estado Novo”, enquanto colhia a influência e inspiração das gentes insubmissa de sua terra.

Miguel Urbano Rodrigues cursou a Faculdade de Letras de Lisboa. Veio a ser redactor do Diário de Notícias (com início em 1949) e chefe de redacção do Diário Ilustrado. Jovem dotado de curiosidade e talento intelectual invulgares, e comprometido com as causas do povo, encontrou-se constrangido e ameaçado pelo regime fascista que amordaçava e aprisionava o seu país.

Leia mais »

Média: 5 (2 votos)

Lula adicionou em sua página duas fotos inesquecíveis...

 

... e Manda Recado para Aécio,Temer e CIA após delação de JBS

Veja em mais detalhes a Lua de Mel dos dois "pombinhos" em ninho tucano, cercados de corvos e aves de rapinas.

Sem votos

Deixa o Índio Lá: Demarcação Já!

Confira a música "Demarcação Já!", uma homenagem de mais de 25 artistas aos povos indígenas do Brasil. Pelo direito à terra, pelo direito à vida! #DemarcaçãoJá  Leia mais »

Média: 5 (1 voto)

CNBB lança catecismo contra a reforma dos golpistas, por Almeida

CNBB lança catecismo contra a reforma dos golpistas, por Almeida

"Ai  dos  que  fazem  do  direito  uma  amargura  e  a  justiça  jogam  no  chão” (Amós 5,7)

As palavras do profeta Amós abrem a "Nota da CNBB sobre a PEC 287/16 - Reforma da Previdência", de 23 de março passado, onde ela conclama cristãos e pessoas de boa vontade “a se mobilizarem para buscar o melhor para o povo brasileiro, principalmente os mais fragilizados”. Igrejas evangélicas tomaram iniciativa semelhante, no dia 31, no "Pronunciamento das Igrejas Evangélicas Históricas do Brasil e Aliança Evangélica sobre Reforma Previdenciária"

Leia mais »

Média: 4.6 (13 votos)

Pronunciamento das Igrejas Evangélicas Históricas do Brasil e Aliança Evangélica sobre Reforma Previdenciária

Leia mais sobre a Reforma Previdenciária no site do Jornal Expositor Cristão: www.expositorcristao.com.br
Leia também o Manifesto do Colégio Episcopal da Igreja Metodista no Brasil. Clique aqui.

Fonte: http://metodista.org.br/pronunciamento-das-igrejas-evangelicas-historica...

Média: 4 (2 votos)

"Ih Faiou!", Fiasco da Direita No Domingo, por Bemvindo Sequeira

A manchete dá conta da extensão do fiasco:

Protesto do MBL fracassa e tem até faixa de protesto contra o MBL

Não são. difícieis de compreender as razões do fracasso, nem é surpreendente tal resultado. Coxinhas, paneleiros, a classe mérdia, enfim, foram usados como papel higiênico. Depois do rolo, fazem o serviço sujo de quem os manuseiam, saem lambuzados, amarrotados e atirados na m... Terminou a função, os donos do golpe não querem gente na rua. Vai que perdem o controle, com as frustrações amargas de seus esmerados militantes domingueiros.

Leiam a matéria: Leia mais »

Sem votos

Chuck Berry [18/10/1926 ─ 18/03/2017]: a guitarra inspiradora do Rock

chuck.jpg

Enviado por Almeida

Ele é referência e reverência para todos roqueiros desde sempre e continuará. Ausenta-se o homem, permanece o artista, foi a guitarra fundadora do Rock. Confiram a seguir por quê.

Chuck Berry, Eric Clapton, Keith Richards, Robert Cray e Etta James

Chuck Berry, Keith Richards, Jerry Lee Lewis, Neil Young

Leia mais »

Média: 4.6 (7 votos)

Jornalista da Folha descobre que MBL dissemina mentiras

Postei este comentário a seguir há algum tempo atrás e ele se mantém atual:

"O MBL tem atualmente oito integrantes em São Paulo ("cerca de 500 pelo Brasil"). A sede fica em um escritório na avenida Brigadeiro Luís Antônio, região central da cidade. O local é dividido com uma produtora de vídeo e de publicidade. Foi criado em novembro de 2014, no mesmo dia de uma manifestação contra o governo Dilma Rousseff ocorrida na avenida Paulista". Leia mais »

Sem votos

100 Anos da Queda do Czarismo: O Dia Internacional da Mulher, por Alexandra Kollontai

kollonatai2.jpg

Enviado por Almeida

Há cem anos explodia a Revolução de Fevereiro na Rússia, durante manifestações comemorativas do Dia Internacional da Mulher (23 de Fevereiro no Calendário Juliano) em solidariedade à greve das operárias tecelãs em Petrogrado, atual São Petersburgo, que viria por abaixo o regime czarista. Três anos após, a revolucionária Alexandra Kollontai comentava sobre os acontecimentos, a criação e as primeiras comemorações do Dia Internacional da Mulher e os pioneiros movimentos feministas. Neste 8 de Março, um manifesto conclama uma Greve Internacional das Mulheres, tal como nos primórdios do Dia da Mulher Trabalhadora, igualitarista, anticapitalista e antipatriarcal, contra o racismo, a xenofobia e a homofobia, por um feminismo dos 99%, no marco da luta de classes.

Leia mais »

Sem votos

Comunidade judaica repudia bossalnaro.

Após reação da comunidade judaica, Hebraica suspende palestra com Bolsonaro

Ante a 4 mil assinaturas de petição contra a palestra, presidente da Hebraica, Avi Gelberg diz que “seria mais adequado fazer um evento com todos os pré-candidatos, num modelo equilibrado e democrático”

  Leia mais »

Sem votos

É Carnaval: Frevo!

Enviado por Almeida
 

É na ponta do pé e no calcanhar...
Pisando em brasas!

Companhia de Danças Giselly Andrade
 
 
 
Leia mais »
Média: 5 (3 votos)

Suruba Geral: Ocupa Todo Mundo!

do Sensacionalista

Saída de Padilha para tratar a próstata pode ter o dedo de Yunes

  Leia mais »

Média: 3 (2 votos)

A Guerra dos Turbantes, por Mário Maestri

mulheres_negrras.jpg

Enviado por Almeida

Do Diário Liberdade

A Guerra dos Turbantes

por Mário Maestri

Já tivemos a “Guerra das Laranjas”, no período colonial, com diversos mortos e, século mais tarde, já em plena República, a “Guerra das Lagostas”, essa felizmente apenas folclórica.

Vivemos agora, quando o mundo do trabalho conhece no Brasil ataque de intensidade inaudita, um novo e estranho confronto, a “batalha dos turbantes”, de conteúdo sobretudo ideológico e sentido não desprezível, já que expressa e alimenta a fragilidade do movimento social no Brasil. 

Em geral, os termos da declaração de guerra foram os seguintes. Eu sou negra, uso turbante. Tu é branca e necessariamente racista, mesmo quando não sabes. Portanto, tira a mão de meu turbante. Se não o fizeres, serás liquidada com a acusação de “apropriação cultural”, ou seja, adesão simbólica  à exploração racial e econômica que teus ancestrais realizaram aos meus, no passado, e que sigo sendo objeto, por parte dos brancos, no presente. 

Leia mais »
Média: 3.3 (15 votos)

Fotos

Sem colaborações até o momento.

Vídeos

Levante!

  Canal Futura Leia mais »

Elis e outros bambas no samba

Elis Regina canta com Elza Soares, Agostinho dos Santos e Lúcio Alves.

Capital Federal, Elis exalta o Teatro Brasileiro.

Capital Federal foi uma peça teatral dirigida por Flavio Rangel. Adaptação de um texto de Arthur Azevedo.

De onde vens, Elis

No Dia Em Que Eu Vim Embora

Elis, Cão sem dono
Elis, Joana Francesa
Elis, Canto Triste

Show de Elis Regina na TV Alemã.

Documentos

Sem colaborações até o momento.

Áudio

Sem colaborações até o momento.