31 de outubro. Dia do Saci

Quem foi que te viu
Passar por aqui?
Da cor do tiziu
Chapéu encarnado
Cachimbo encantado
Bem brasileiro, Saci!
 

Zombando matreiro
Zunindo assobio
Astuto, ligeiro
Sorrindo, rodando
Assombra brincando 
Bem brasileiro, sumiu!

 

Apagou a vela
Febril redopio
Queimou a panela
Espantou o gado
Dinheiro achado
Bem brasileiro, meu tio!

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

10 comentários

  1. Que gostoso que é celebrar

    Que gostoso que é celebrar nossas lendas e mitos enquanto a maioria prefere as gostosuras e travessuras da festa típica dos países anglo-saxônicos. Parabéns moço. Agradeço.

     

  2. Saci

    Agora que vou ser avó fico mais ligada a tudo que faz parte do imaginário brasileiro e outros mais: bruxas anjos, duendes, tudo mais, é maravilhoso.

  3. O diabinho no meio do redemoinho

    Nos grotões diziam que, se olhássemos o redemoinho entre as pernas de uma tesoura aberta ou pelo meio das próprias pernas, com a cabeça abaixada para trás entre elas, veríamos o Demo no meio de um redemoinho.

    ‘Essa foto, em pleno sertão, no caminho de São Romão, é uma homenagem à Guimarães Rosa.’

    Rosa, no hai kai diabo / (re) demoinho, remete ao jargão caboclo e, no diminutivo “demoinho”, repete,semanticamente, à menção cabocla:

                                                          O DIABO NA RUA

                                                                  NO MEIO

                                                          DO REDEMOINHO

    ‘Carranca na beira da estrada nos arredores de Pirapora.’

    Imagens do Beira de Estrada UOL

  4. Fora no seu blog, não ouvi

    Fora no seu blog, não ouvi mais em lugar algum sobre o DIA DO SACI, infelizmente…

    Pelas ruas ouvi que era dia do ‘raluin’

  5. Agora de acordo com o

    Agora de acordo com o politicamente correto o certo é definir o Saci como menor afro decedente  portador de deficiencia fisíca e dependente quimico, (cachimbo).

    Monteiro Lobato não iria gostar , ele que ja teve sua obra crticada por estes chatos de plantão tão em moda .

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome