Haddad já pode alçar voo

Duas decisões recentes permitirão avançar a mais ousada experiência metropolitana das últimas décadas no país: a do prefeito Fernando Haddad em São Paulo.

A primeira delas foi a renegociação das dívidas de estados e municípios, aprovada esta semana pelo Congresso. Permite um desafogo não apenas no pagamento anual da dívida, mas na capacidade de endividamento dos entes federados – à medida em que reduz de imediato o valor presente do passivo.

A segunda, foi a decisão do Tribunal de Justiça de São Paulo de corrigir o abuso do ano passado, quando impediu que prefeitura de reajustar a planta do municípios e definir os novos valores do IPTU (Imposto Predial Territorial Urbano).

***

No próximo biênio, Haddad terá recursos à sua disposição para avançar nos seus experimentos.

Nos primeiros dois anos, abriu espaço para colocar São Paulo em linha com o século 21 e com as políticas urbanas de centros mais modernos.

O ponto focal foi o enfoque humanizador, de colocar o homem como centro de todas as políticas.

Há muito a ideia de que políticas metropolitanas dependem apenas de concreto e aço foram superadas em países mais modernos. Grandes intervenções urbanas, de Nova York a Barcelona, fracassaram por não levar em conta que uma cidade é, acima de tudo, o ambiente de convivência entre seus cidadãos.

***

Esse processo civilizatório avançou na saúde pública, a Operação Braços Abertos, na Cracolândia, inaugurou uma nova etapa, mais humana, da luta contra o crack.

Em outras gestões, alguns secretários de saúde ousaram entrar nessa linha. Mas foram demovidos pela ação repressiva da Polícia Militar e pela falta de coragem de sucessivos prefeitos em quebrar o padrão de repressão.

Leia também:  Volta de profissionais do Mais Médico em São Paulo é comemorada por usuários do SUS

***

O segundo avanço foi o de ter enfrentado finalmente o dogma da civilização do automóvel.

A implantação da faixa única de ônibus, o bilhete único, a criação de um ambiente mais saudável nos coletivos – inclusive com a implantação de wi-fi -, mais as ciclovias, colocaram na pauta os limites para o automóvel.

A discussão está na mesa sem os dogmas anteriores.

***

As ciclovias e a humanização da avenida Paulista tiveram um amplo efeito no estado de espírito da cidade. Marcam uma nova etapa, em que o fator gente insere-se definitivamente nas políticas públicas metropolitanas.

***

O Plano Diretor foi o marco maior, ao definir regiões de adensamento, novas maneiras dos prédios interagirem com o ambiente externo e retomar para a Prefeitura o controle da expansão urbana – que nas últimas décadas foi conduzida pela indústria imobiliária.

E Haddad mostrou habilidade política ao negociar com o Secovi (Sindicato da Indústria da Construção Civil do Estado) e superar as resistências da Câmara Municipal.

***

Toda política modernizante enfrenta um forte tiroteio inicial. O governante precisa correr o risco inicial, sem ter a garantia de que colherá os frutos mais adiante.

A diferença entre os meramente obreiros – como Paulo Maluf e José Serra (um Maluf sem a mesma capacidade de trabalho) – e os estadistas reside na capacidade de ousar, de entender o novo e apostar no futuro, correndo riscos.

Daqui até 2016 muita água vai rolar.

Mas, pelo sua obra até agora – no Ministério da Educação e na Prefeitura – Haddad se habilita como a melhor vocação pública que surgiu no país nas últimas décadas.

Leia também:  Guerra Criptografada: Prefeitura faz limpeza semiótica nas ciclofaixas de São Paulo, por Wilson Ferreira

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

77 comentários

  1. Essa “faixa unica de onibus”

    Essa “faixa unica de onibus” seria a razao que nos paramos de ouvir os paulistas adorando se lamentar a respeito dos quilometros e quilometros de engarrafamentos em sua cidade tao “avancada”?

    Alguem sabe se houve influencia?

    • Ivan, o transito em SP

      Ivan, o transito em SP realmente está péssimo.

      Primeiro pelo aumento significativo do numero de automóveis.

      Segundo pelas inúmeras obras que estão sendo feitas simultaneamente. Na região Sul, para citar um exemplo que conheço bem, temos a expanção da linha roxa do metro e do VLT que estão afogando o transito na Av. Santo Amaro, Av. Vereador Jose Diniz e Ibirapuera e (aff) Av. Roberto Marinho, as vias mais importantes nesta área. Na mesma região na Marginal Pinheiros temos a construção de 2 novas pontes. O transito nesta área está caótico.

      Mas são obras que quando terminarem irão melhorar muito o tranposte público e desafogar o transito de carros.

      O problema é que não termina nunca. O VLT era para ter ficado pronto em 2012. Passado o prazo foram repassados mais recurosos – do PAC – para ficar pronto antes da Copa. Infelizmente não ficou pronto e ainda falta bastante coisa, acredito que ainda vão mais uns 2 anos para finalizar.

       

      • Lembrando

        Sem querer ser chato. Qual era a previsão de entrega da linha do Metro que vai de Stº Amaro até a Chácara Klabin?

        O que diz o inquilino do Palacio dos Bandeirantes? Por que não há uma alma que lembre disso?

         

        • Pelo padrão tucano deve ser lá por…. ?????

          Explicação: moro perto da futura estação “Oscar Freire” da linha 4 de metro de SP. A 1ª previsão de entrega era 2007, estamos no final de 2014, e ainda tem uma escavadeira cavando um buraco na esquina da A. Rebouças com Rua Oscar Freire do lado Oeste…

          • Batendo o record

            Prezado Lionel

            A Cathédrale Notre-Dame de Rouen levou menos tempo em construção ….

            Caso a obra fosse feita na pá e picareta já estaria pronta?

  2. Uma observação. No trecho “a

    Uma observação. No trecho “a implantação da faixa única de ônibus, do bilhete único”, passa a impressão que foi Hadad que começou esses dois marcos em SP. Quem os implantou foi Marta, na segunda parte do mandato dela na prefeitura. E não foi só fazer faixa, mas fortalecer o asfalto para aguentar o fluxo de ônibus. Na minha região, isso gerou, por mais de um ano, em trânsito ruim. Mas o resultado é colhido pelo pt até hoje = onde moro é uma das regiões que mais votam no pt para qualquer eleição.  Hadad tem que ficar atento para não exagerar na política das ciclovias. Elas têm seu lugar em SP, mas, pelo jeito que a cidade é organizada, terá pouco papel no transporte de massa. E outra coisa que sinto que está parada é projeto em revitalizar o centro, trazendo gente da periferia que queira morar lá, trocando o carro pela região mais bem servido de transporte de SP. 

  3. E o PT também….!

    Com quadros como este (acho que existem outros jovens promissores por aí), é o PT que vai alçar voo, já visando 2018.

    Agora, temos que suportar o fogo do PIG, que gosta de derrubar presidenciáveis do PT antes mesmo deles crescerem.

    Torço pelo Haddad, Pochman e outros.

    • O Prefeito paulista do PT

      É   canja de galinha e água benta não fa mal à ninguem. O atual  Prefeito, cria do PT  tera  suas pretenções  arruinadas pois  é muito egoista, personalista e mimado assim como aquele outro  seu conterraneo o Chalita e ainda mais que  estamos vendo o começo do fim do PT  aqui em São Paulo. Fraze bonitas, fatos para encherem os ólhos o povo ja esta cheio. O povo, fora os petistas, querem  coisas e fatos que  efetivamente  ajudem a  vida do cidadão.

      • David sem Golias, sem Gramática,sem Ortografia e sem-vergonha.

        David Dias, seu coxinha desajeitado, respeite a Gramática e a Ortografia, já que você não respeita as evidências. O sucesso de Haddad é tanto maior quanto se analisa o fracasso da gestão Serra/Kassab. Em oito anos, o que fizeram seus herois tucanos pela cidade? Trocaram as calçadas a da Avenida Paulista. Ficou melhor? NÃO! Sumiram com as pedras portuguesas (uns 3 milhões de reais), impermeabilizaram o novo calçamento, isto é, a chuva não percola mais nas calçadas, vai direto para a sarjeta e escorre para o Jardim Paulista (sul) e Bela Vista (norte). E ainda atraiu centenas de skatistas da periferia, que não tendo nenhum equipamento de lazer, se deslocaram para a avenida e quase atropelam os pedestres distraídos. David, com sua boca grande você vai engolir os sapatos dos tucanos. Esse é o triste fim de bajuladores como você.

      • Como filtrar agua de bosta e

        Como filtrar agua de bosta e dar para o cidadão beber?e deixar jovens de periferias refens do PCC?

        Acho que verba está curta eles estão pagando para os estágiarios dos estágiarios.

      • Parabéns Haddad!

        ” O atual  Prefeito, cria do PT  tera  suas pretenções  arruinadas pois  é muito egoista, personalista e mimado”

        Mas tem gente completamente sem noção nesse mundo! Eh melhor rir.

        Eh dificil mudar mentalidades, individualismo que cresce na mesma proporção que uma selva de pedra. Mas como bem diz o artigo, com perseverança e muito trabalho, temos uma nova gestão urbana no Brasil. Ha os que logo percebem o novo, ha os que ainda vão reclamar durante muito tempo desses novos tempos, onde o carro e o Eu não são mais o rei da cidade. Somamos, solidarizamos e criamos uma cidade para todos. 

  4. não conheço “in loco”

    as mudanças promovidas em Sampa pelo Haddad, mas concordo com a conclusão do text: pra depressão da raivosa suplício, Haddad é a revelação política do momento, anos-luz à frente da concorrencia de aócios, caçabs e etc.

    Candidatíssimo a qualquer coisa, tem meu voto!

  5. IPTU Boraceia

    No mesmo ano que o STJ impediu aumento do IPTU em São Paulo o IPTU de Boraceia (São Sebastião)  dobrou e o STJ consentiu.

  6. não mais do que a obrigação

    Priorizar o transporte coletivo ou ciclovias nada mais é que obrigação. Os chapa branca sonham com a etenidade no poder. Trabalha prefeito honestamente e se livra do partido que você ganha mais.

  7. Fernando Haddad

    Nós sabemos da capacidade e da visão diferenciada do Fernando Haddad, mas infelismente parte da mídia, principalmente a Rede Globo de Televisão, tentam manchar a administração do prefeito, escondendo a maioria das benfeitorias já realizadas, não fala a realidade por exemplo: a má administração do ex-prefeito Gilberto Kassab, deixando os cofres vazios, dívidas gigantesca e um “abacaxi para descascar” como o Controlar/Corrupção. Sem esquecer que o ex-prefeito foi condenado pelo Ministério Público, infelismente boa parte dos paulistanos merece um Kassab no poder…ah! alguém lembra alguma realização importante do ex-prefeito Gilberto Kassab deixou em 06 anos de mandato??? alguém lembra de alguma crítica ao ex-prefeito pela mídia??? 

  8. Experiencias…

    Ah, a dívida dos municípios, alguém vai ficar de mãos abanando.

    O que o tribunal de Justiça fez foi ilegal? Não! Então não é abuso, abuso é torcer as palavras para mudar os fatos. Abuso é tungar o cidadão com impostos cada vez mais extorsivos.

    Infelizmente a São Paulo atual é inadequada para ciclovias, são úteis na periferia, onde não estão sendo implantadas porque não aparecem.
    Quer dizer que estamos melhor que Nova York e Barcelona? Hã hã.

    A política de combate ao crack de Nova York é das mais eficientes do mundo, estude isso, aqui nada mudou com a pseudo humanização, dispersão não é solução, é disfarce. Doentes não são caso de polícia, mas devem ser tratados como doentes, não devem receber por serem doentes/drogados apenas para comprar mais drogas.

    Experiências, é o que ele esta fazendo, é bom? quem sabe… Pior que o outro seria impossível mesmo.
    Você esqueceu de citar que Haddad voltou a emporcalhar a cidade com publicidade.

    Tem muita coisa da Marta nessa lista.

    O foco no automóvel esta errado desde os anos 60, Haddad descobriu agora, mas…O transporte coletivo melhorou? Você já esta usando?
    E não é que Maluf recebeu um elogio!!!

    Ler que a saúde mudou me deixa doente. Falar bem da Educação é a mais pura falta de educação. Bem, não foi Haddad que estragou tudo isso. Fazer o que propôs para ser eleito é sua obrigação, não é motivo nenhum para elogios.
    Ninguém me convence que Haddad não é proprietário de uma fábrica de tintas.

     

  9. Overrated…

    Uma coisa reconheço no alcaide: a capacidade de amealhar assessorias informais de imprensa.

    Comparar Sampa com NY, Barcelona, Londres, etc. para justificar suas intervenções é sempre um recurso útil e…falso! Todas estas intervenções partiram de pontos muito diferentes se comparadas com as cidades mencionadas. Comparando com um canteiro de obras, é como dar acabamento de primeira em construções e fundações básicas de quinta categoria. Camadas de verniz que descascarão na primeira oportunidade por pura falta de bases adequadas. Também é claro que estas coisas são feitas de caso pensado, dada a falta de memória da população em geral.

    Ah: me lembrei de outra coisa digna de reconhecimento: ele prometeu acabar com a taxa da inspeção veicular. E não é que deu “certo”? Matou os carrapatos junto com as… vacas! Dada sua formação em direito, ele certamente sabia que o imbroglio judicial iria e vai se arrastar até muito depois de seu mandato acabar, quando ninguém mais vai se lembrar como começou…

  10. Ele não esquece!

    E tome Serra aparecendo até em post sobre quermesse.

    Mas vamos lá, discordo dos 3 pontos levantados:

    a) mobilidade: as ciclofaixas – ainda desertas – poderão elevar o padrão de mobilidade da cidade sim. SE forem usadas no futuro. Assumir o risco foi louvável. Mas quem está arrebentando neste quesito é Eduardo Paes, este sim assumiu riscos e está sob fogo ao derrubar a perimetral e juntamente com a nova área portuária e o novo BRT revolucionar o centro do Rio. São intervenções problemáticas (o BRT brasiliense derrubou Agnelo pela perturbação que provocou durante sua construção).

    b) cracolândia: um desastre. Basta ver o aumento de dependentes que ocorreu desde o início do mandato. Criminalizar não funciona? É possível. Mas criar um território liberado também não. E se criminalizar não funciona, então por que funciona contra homofobia? Ora…..

    c) Renegociação das dívidas: outro desastre, agora federal. Que os juros cobrados na antiga LRF ficaram estorsivos ninguém discute. Estava invialibilizando os entes federativos. Mas deveria ser feito daqui para a frente, e não retroativo, premiando quem não cumpriu a lei.

    Nassif, preste mais atenção ao verdadeiro reformulador, Paes.

  11. O IPTU progressivo é a

    O IPTU progressivo é a princípio uma boa medida entretanto falta obrigar, por força de lei, os propritários dos imóveis a pagar o imposto. Caso contrário quem pagará o pato é quem mora de aluguél. Não existe nenhuma lei que sujeite os inquilinos ao pagameto do tributo, mas sabemos que por “costume”, ao menos no Estado de SP, todos os contratos de aluguel sujeitam o inquilino que pagar o IPTU – quem questionar simplesmente não consegue alugar casa. 

    • São Paulo, ainda é uma cidade cosmopolita demais.

      Vão ser preciso, outras 3 ou 4 administrações como a do Haddad, para que São Paulo, entre efetivamente no século XXI. Aqui ainda predomina, o domínio dos “quatrocentões” no comando político da capital do Estado.

  12. Se Haddad conseguir continuar

    Se Haddad conseguir continuar bem em São Paulo e se reeleger em 2016 ele tem tudo para ser, um dia, Presidente do Brasil, em 2022 ou 2026.

  13.   Haddad está mostrando que

      Haddad está mostrando que São Paulo PODE VIR a ser uma cidade viável para se viver.

      Coragem ele já mostrou que tem. Não adianta querer agradar os adversários por princípio, estressadinhos para os quais tudo sempre será ruim (principalmente se vier do PT), nem os adversários por interesse, caso de opositores políticos irreconciliáveis – caso do PSDB.

     

      Boa sorte, Haddad.

  14. Uma série de iniciativas que

    Uma série de iniciativas que hoje estão começando a frutificar são na verdade o resultado do trabalho coletivo de centenas de militantes, de técnicos, da população visada, etc. Acompanhei, p.ex, os CEUs no tempo da Marta..É claro que sem vontade política do prefeito nada disso anda muito. Mas temos de tomar cuidado em fulanizar os progressos na cidade porque podem desestimular essa fábrica coletiva de ideias e ações. A vinculação excessiva dos CEUs à Marta, p.ex., fez com que a bela iniciativa perdesse muito da sua dinâmica, tanto na sua extensão posterior quanto nos aperfeiçoamentos que ela pode receber.

    É claro que é ótimo e necessário ter um prefeito popular que se torna um político viável eleitoralmente, mas esse jogo é bem mais complexo do que instalar uma aura de majestade no indivíduo. Inclui o trabalho difícil de dialogar e incorporar as novas ideias e sensibilidades, o que não é nada simples, inclusive pq pode ser interrompido pela feira de vaidades que esses processos deflagram ou estimulam.

    Enfim, esse é um problema, mas antes de tudo é um bom problema!

  15. Há, ainda, muito mais ações a

    Há, ainda, muito mais ações a mencionar em relação às ações do Haddad nestes dois primeiros anos de gestão. Mas eu apontaria aqui a construção de duas centrais de triagem de resíduos sólidos totalmente automatizadas (as maiores da América Latina), essenciais em uma megalópole como São Paulo. A capacidade de reciclagem triplicou na cidade; duais outras centrais devem ser inauguradas nos próximos anos. Além disso, o projeto ultramoderno de iluminação pública – esencial para segurança pública e redução no desperdício energético. Haddad tem nos proporcionado conversar mais sobre gestão e políticas públicas do que a pobre e medíocre discussão sobre política partidária.

  16. Haddad

    Ainda falta MUUUITO…..

    O que mais tem por ai é faixa de onibus sem onibus.  E o que tem é cheio, sujo e lerdo. Quando nao tocam fogo.

    E ainda tentam vender a bicicleta como transporte de massa para esconder a  fragilidade do transporte publico. E tem gente que sonha com São paulo como Xangai em 1990, um mar de bicicletas. Só que em 25  anos Xangai construiu mais de 250 km de metrô. Não precisam mais de bicicleta. 

    Agora, multa de transito tem de sobra. Com a tecnologia mais moderna.

      • Pássaro quadrúpede.

        Com certeza não anda. Deve ser como alguns milhões de paulistanos, que usam o carro até pra ir ao banheiro.

        Eu ia trabalhar de carro, da zona norte pra zona oeste. Levava uma hora pra chegar. Agora vou de busão. Pelo corredor. Chego em vinte minutos. E vou apreciando a fila de quarenta quilometros de carros parados. Cada um com seu respectivo mané, buzinando e socando o volante. Tucano é um pássaro que é burro.

         

    • Percebe-se que o Sr. não anda de ônibus

      Se utilizasse o transporte público saberia que os corredores de ônibus parecem vazios porque os ônibus estão trafegando com velocidade. Sem as faixas os ônibus estariam parados no meio dos carros.

      Saberia também que o tempo de trajeto foi reduzido em todas as linhas beneficiadas pelos corredores de ônibus e que a qualidade e manutenção dos ônibus melhoru bastante.

      E principalmente perceberia que o reflexo é positivo para todos. Circulando mais rápido as linhas ficam menos lotadas, mais pessoas trocam os carros por ônibus em seus deslocamentos, reduzindo os carros nas ruas e com isso melhorando o trânsito em geral.

      Esse efeito não é imediato, quem é imediatista, egoísta ou simplesmente burro fica xingando ao ver o corredor de ônibus livre de dentro de seu carro preso no trânsito, sem perceber que sem o corredor aquela pista estaria cheia de carros e ele ficaria preso no trânsito do mesmo jeito. E sem perceber que a médio prazo a maior fluidez dos ônibus vai melhorar o trânsito de carros também. Certas pessoas falam como se a pista do corredor fosse ficar livre para só ele usar, outros dizem “está bem, o ônibus anda, mas EU não estou no ônibus” e falam “precisa ter metrô”, como se o fato de ter mais metrô levasse a não ter corredores de ônibus.

      Lembro-me do Serra em 2004 dizendo que o corredor de ônibus da Rebouças era desnecessário porque haveria uma linha de metrô paralela ao corredor (a linha amarela). Pois bem a linha foi inaugurada em 2010 (seis anos depois) com apenas duas estações nas extremidades da Rebouças e sem funcionar no horário de pico. Uma inauguração fajuta só para o Serra dizer que inaugurou e não admitir o imenso atraso da obra, que hoje sabemos ser fruto do sistemático roubo que os tucanos perpetraram nas verbas para sua construção. Somente em 2011, sete anos e meio depois é que a linha amarela começou a funcionar no horário de pico e ainda sem cinco estações previstas. E nem com o metrô o corredor da Rebouças deixa de ser fundamental para o transporte público da região. Fosse pelo Serra seriam sete anos de espera com os ônibus parados no meio dos carros e no final o metrô ainda não dispensaria a necessidade do corredor de ônibus.

       

    •   Meu querido, o metrô é de

        Meu querido, o metrô é de responsabilidade ESTADUAL, ou seja, DO GOVERNO DE SÃO PAULO, ou seja, DO PSDB, que esteve no poder nos últimos VINTE ANOS.

        Que tal você reclamar do PSDB, já que a incompetência (pra não dizer corrupção) do partido está te afetando? Ou você só sabe repetir o que outros desinformados saem berrando, sem ter o menor conhecimento?

    • Nunca foi citado que a

      Nunca foi citado que a implantalçao da bicicleta na cidade substitui o ttransporte de massas.contudo, é um belo e eficiente meio de se conduzir a demanda de transporte para curtas distancias.

      Não entende esse povo que reclama das bicicletas… uma bicicleta na ciclovia é menos um carro no leito carroçável. Menos um carro no leito carroçavel, mais qualidade de vida para todos.

      Metrô não é o único meio de se corrigir a demanda de transporte público da cidade, mas sim misto de metrô, BRT, VRT e as bicicletas. É necessario uma rede mais completa e interliganda de transporte para alcançarmos um transporte de eficiência.

      Haddad é um exelente prefeito que está dirigindo a cidade para um caminho que foi percorrido pelas cidade que hojem gozam pela qualidade. Fechar os olhos para esses caminhos é fechar os olhos para o futuro, e morrer reclamando que Nova York é melhor que São Paulo.

  17. Haddad esta à frente da

    Haddad esta à frente da revolução silenciosa que está ocorrendo na gestão de resíduos. O cabra tem valor!

  18. Nassif, faltou uma das

    Nassif, faltou uma das melhores iniciativas e uma das mais importantes – o projeto lançado no meio do ano – a compostagem doméstica. A intenção é reduzir o lixo encaminhado aos aterros. E tem mais….o dinheiro para esse projeto não vem da prefeitura.  Em razão dos novos contratos firmados com a prefeitura e as empresas de coleta, estas se obrigam a doar 5%  em educação ambiental.  Finalmente vamos olhar para um problema sério e que precisa urgentemente, de medidas para diminuir o lixo doméstico.  Com o aumento do poder aquisitivo, o lixo cresceu substancialmente nos últimos anos.

    Haddad realmente foi uma boa para SP.  Valeu meu voto!!!  

    • Não é fácil, administrar esta metrópole !

      Pensam que é fácil, a missão de um prefeito de esquerda, suceder à perversa adm. Kassab/Serra, e herdar uma cidade cuja arrecadação decaía assustadoramente e não estava mais, conseguindo sequer pagar os juros da dívida pública municipal, e muito menos “empatar” as parcas receitas, com as crescentes despesas da administração ?

      Em apenas 2 anos, o Haddad montou uma “ratoeira” que gradativamente “pega” os ratos, que faziam festa, em todos os níveis da adm. municipal, e com isso, aumentou a arrecadação, e concomitantemente venceu algumas batalhas contra uma direita sonegadora e má pagadora de tributos, aliviando consequentemente a tributação dos mais pobres, como no caso do IPTU.

      A  mudança da visão da Prefeitura, com relação ao centro e seus imóveis abandonados, vai resolver definitivamente o problema, na medida que obrigar os seus proprietários a revitalizar e ocupar estes imóveis, ou penaliza-los com a cobrança de impostos crescentes, ou a desapropriação dos mesmos, que não se enquadrarem na revitalização do centro, passando-os para os cadastrados, que stão nas listas de espera, por uma residencia.

      A “revolução” no trato com a mobilidade urbana, e a priorização do transporte coletivo, em detrimento do individual, com a criação das faixas exclusivas dos ônibus, e as ciclovias, gradativamente aceitas e entendidas, vão dar a São Paulo, uma cara de cidade do futuro, com Haddad sendo reeleito ou não. 

      Como disse o Nassif, ele pode até sonhar com vôos maiores.

  19. aumentar tarifa de ônibus é absurdo político e social

    Caso o prefeito aumente a tarifa em 2015 irá cometer grave erro.

    Não é hora de ir contra os trabalhadores, especialmente porque o caixa da prefeitura melhora em 2015.

    Alguém acorde o prefeito antes que seja tarde. 

    • Nao é nao, mas mesmo assim nao deve ser feito agora

      É mais do que legítimo, ainda mais tendo em conta que nao houve o aumento da última vez. Só que realmente nao deve ser feito agora, pelo menos enquanto nao se tranquilizar esse ambiente de terceiro turno. Ontem vi no restaurante em que almoço um programa da GloboNews fazendo uma retrospectiva das manifestaçoes do MPL. Para bom entendedor, a mídia vai fazer de tudo para motivar manifestaçoes e baderna. É preciso cuidado agora. 

  20. Haddad não é um décimo do que o NassifGGN pensa

    OBSERVAÇÃO: o texto a seguir só terá um leitor, o moderador deste site, paciência, mas vamos tentar…

    Dá vontade de rir quando vemos este site achar que o Haddad é um estadista. Quais foram os gestos desta “Ousada experiência metropolitana”? Faixas (isso a Marta – ótima prefeita – fez), ciclovias horrorosas onde não tem quase ninguém?, a Cracolândia está pior (o prefeito culpa a polícia…), o wi-fi das praças em geral não vai bem (experiência própria), o bilhete único dele teve uma adesão baixa. E qualquer um que se informe e se interesse sabe que o Boulos vai furar essa fila do Minha Casa Minha Vida. Nunca encontramos nesse GGN uma crítica ao Haddad, só elogios, e às vezes (embasamento teórico?) uns textos chatos e óbvios do Aldo Fornazieri (pra quem não sabe é um dos gurus do Haddad). Tirando o plano diretor (que é do vereador Bonduki – bom vereador – mas o Haddad capitalizou) acho que não sobra quase nada, só um discurso sonhático, mas imposto na marra (reparem no olhar arrogantemente paulistano do prefeito).
    E esse aumento do iptu. Isso é de uma desumanidade tremenda com a esmagadora maioria dos cidadãos paulistanos, os quais já são os mais oprimidos pagadores de taxas do Brasil.
    Todos os paulistanos vão sofrer com esse aumento, mesmo nas áreas carentes onde o imposto vai baixar, já que o imposto sobre o comércio será repassado automaticamente.

    Desde que ele chegou a cidade piorou. E ele deve ter arrumado confusão até com o patrocinador da árvore de natal, parece que o cidadão paulistano vai ter que bancá-la. Mas, pra que natal?

    Haddad, vá embora. SP é muito pra você. Seja humilde, dê um passinho pra trás e vai dar aula ou escrever mais algum livro sobre aquele sistema político tão interessante e bem sucedido como o da U.R.S.S.

    Mas como vc vai ficar, sugere-se: lute pelo metrô, abaixe as taxas, chega de ciclovias e crie estacionamentos públicos em prédios, respeite o Minha Casa.

    Tenha sensibilidade e OUÇA a maioria dos paulistanos.

    Volta Marta, Volta Lula!

    • Engraçado

      Recentemente uma moça francesa veio trabalhar no escritório da empresa, na região da Berrini. Quando comentei com ela a respeito das ciclovias, pouco usadas (é verdade), ela me falou que a cidade de Lyon hoje festeja 10 anos de bicicletas à disposição da população (o programa Vélib’). Foi a primeira cidade na Europa a implantar esse tipo de programa, depois copiado em muitas outras cidades europeias.

      No início, foi uma queixa generalizada: não existiam faixas, as pessoas não entendiam como a administração municipal podia gastar dinheiro por algo que ninguém usava… Hoje não só é aceito mas tem proporcionado mudanças enormes na cidade e no convívio dos seus habitantes.

      Tenho esperança de que o mesmo possa acontecer em São Paulo. Se Haddad conseguir isso numa cidade tão radicalmente individualista como São Paulo, será uma façanha extraordinária.

    • Por que esse preconceito?

      Só porque São Paulo infelizmente elegeu o Alckmin no primeiro turno (em grande parte por total incompetência dos outros canditados, inclusive do PT) não significa que nada de bom possa sair dessa cidade e desse Estado.

      Não adiantar copiar o pior do comportamento de parte da população desse Estado, invertendo o preconceito contra tudo que sai de São Paulo. É tão odioso quanto o inverso.

  21. Nassif, e o PPI da prefeitura

    Nassif, e o PPI da prefeitura para a renegociação do IPTU atrasados. Todos estavam falando que ia sair esse ano e até agora nada. Muito provavelmente só em 2015. A prefeitura disse que mandou o projeto para a câmara e aguarda a aprovação. Você sabe de algo que esteja “emperrando” essa aprovação? Barganhas políticas? 

  22. Torcida

    Torço que Haddad contribua para que a “Locomotiva”, parada pelos tucanos, volte a andar ou pelo menos fumaçar!…

  23. A oposição na Band News está

    A oposição na Band News está de lascar. Ontem e hoje o Datena detonou o Prefeito e isto é repetido durante toda a programação. Manhã, noite e madrugada.

    Estão falando que ele não deverá ser reeleito e nem concorrer a qualquer cargo, pois não seria eleito nem síndico de condomínio.

  24. Apesar dos pesares, que são

    Apesar dos pesares, que são basicamente de fundo ideológico, gosto do prefeito da minha cidade, o Rio. No entanto, Haddad é outra coisa. Tem a juventude, a energia, a vontade de realizar, a inteligência do Paes, e é de esquerda! 

    Só fiquei preocupado porque o blogueiro Miro Borges diz que apesar disso, ele crava que não se reelege. Mas até o Kasab foi reeleito! Como é possível? O paulistano não pode ser tão ignorante e/ou reaça

    • Ah, meu caro Juliano!
      o povo

      Ah, meu caro Juliano!

      o povo de sp está bebendo lodo,respirando esgoto do Tietê ,pinheiros,aricanduva,tamamduateí..e o Geraldo é reeleito em primeiro turno com uma ampla margem de votos . Quer mais reaça e parvoíce que isso?!

  25. Um dos maiores feitos de

    Um dos maiores feitos de Haddad foi acabar com máfia do ISS logo no início de sua gestão, com a criação da Controladoria Geral do Município. “Após a retirada do grupo e o combate aos procedimentos fraudulentos, constatou-se crescimento de 74 % no total arrecadado, passando de R$ 36,1 Milhões no primeiro semestre de 2012 para R$ 63 Milhões no primeiro semestre de 2014.”  

    http://sao-paulo.estadao.com.br/noticias/geral,haddad-ve-relacao-entre-fim-da-mafia-do-iss-e-alta-da-arrecadacao,1547455

  26. Essa semana assisti a uma

    Essa semana assisti a uma reportagem em um telejornal da França sobre cursos de gestão que estão sendo dados aos Prefeitos, especialmente das cidades menores.  Acho que o governo brasileiro poderia criar um programa semelhante, quem sabe com orientação de Fernando Haddad.

    Penso que muitas Prefeituras quebram não somente por questões de corrupção, mas também por dificuldades na gestão, falta de preparo para exercer a função.

     

  27. Haddad.

    Perfeito Nassif, Haddad é o novo que tantos falam. Se a imprensa paulista não o destruir até o fim de seu mandato. Quem sabe um dia o Brasil não possa ter Haddad como presidente. Nós merecemos.

  28. jaragua em SP falta asfalto nas rua Giorgio Bassani ,

    há 15 anos a rua giorgio Bassani,onde moro no JARAGUÁ solicita ASFALTO

    junto a  prefeitura e até agora nada

    15 anos esperando

    o pior e que esta rua éparalela a ESTAÇÃO  VILA AURORA DA CPTM .

     

    acorda ai HADAD    vamos trabalhar um pouco.

    • Haddad está há 2 anos na

      Haddad está há 2 anos na prefeitura. Você diz que  espera pelo asfalto há 15 anos. Quem será que está dormindo nessa história? 

  29. Quem anda ao lado dele?

     

    Como todos sabemos, ninguém trabalha sozinho. Ainda mais na política, onde é preciso etratar com o contraditório sempre.

     

    Quem são “os braços direito” dele?

  30. Haddad é dez!!!

    Haddad é um dos melhores prefeitos que São Paulo, já teve. A midia bem que tentou acabar com ele, mas a verdade sempre prevalece no final. As faixas exclusivas para ônibus é uma benção para os trabalhadores que agora chegam mais rápido em seus empregos. Só critica quem não precisa… a turminha que gosta de andar sozinho no seu carrinho, com ar condicionado…se eles tivessem que encaram um buzão cheio todos os dias mudavam de idéia. Eu quero mais e mais faixas exclusivas para o povo, que não tem medo de encarar transporte público todos os dias, alguma recompensa a gente tem que ter. E tem que aumentar o IPTU dessa galera que mora em mansões nos bairros chiques de São Paulo sim! O que não vale é esses gra finos querer pagar o mesmo valor do povão que moram na perifieria. HADDAD ALÉM DE BOM PREFEITO É GATO!!!!

  31. Bota essa burguesia pra pagar

    Bota essa burguesia pra pagar IPTU sim, Haddad!! E coloca mais faixas exclusivas, quem anda de carro pode esperar, trabalhador que sofre em ônibus cheio tem pressa!!!

    • SE NÃO FOR…..

      ……os burgueses, voce não come, tua famiia não sobrevivi.

      Então camarada, menos!!!

      Voce é usurpador, acha que quem tem mais por merito proprio tem pagar pela sua incapacidade e ineficiencia, pela sua preguiça e obsolecencia profissional….Voce é m carrapato social. Vagaba

  32. Isso não é Prefeito

    Haddad 

     

    Prefeito de 5º categoria, pouco fez à São Paulo, ah sim , vai aumentar o transporte público, ah sim, vai aumentar o imposto, ah sim vai finalizar o antigo e nem sei mais que nome será o ( fura fila ) , em anos nunca vi um prefeito de porcaria como este, só presta pra quem tem dinheiro, pra assalariado ? ………. Nojo de Mora em São Paulo e ver sempre a degradação , nojo deste prefeito. 

     

    Deixo bem claro que é meu desabafo, e usando meu direito de ter liberdade de expressão 

     

     

  33. prefeito morde e assopra

    Para que a gestão Haddad seja realmente positiva para o povo (e não apenas para meia-dúzia), duas ações são necessárias:

    1. acabar com a Tattolândia. Enquanto Jilmar Tatto (lambe-botas dos empresários do setor de transportes) continuar a ser secretário, a gestão Haddad estará a serviço de patrões. No auge dos protestos de junho, o secretário chegou a declarar que estaríamos pressionando demais os empresários. Isto não é atitude digna de alguém do partido dos “trabalhadores”.

    2. implantar condições efetivas para a popularização do Centro. Haddad não está fazendo nada para conter a valorização imobiliária das áreas centrais. A política de ZEIS, após a tal “hábil negocioação” com o Secovi, é risível e só estimulará cada vez mais a periferização das populações mais pobres.

    Por enquanto, não vejo motivos para louvar a gestão. Aliás, se a tarifa de ônibus aumentar, não verei qualquer motivo para apoiar a reeleição.

    • Discordo

      1. Não é abrindo fogo que se elimina. Certa vez, ouvi uma frase que Bill Gates teria dito quando fechou parceria com sua maior inimiga, a IBM. “Mantenha os amigos perto, os inimigos mais perto ainda”. Ao abrir fogo contra os empresários, o que ele terá, será pessoas bem poderosas com raiva dele.

       

      2. Já vem fazendo. IPTU progressivo para imóveis vazios, além do aumento no valor do IPTU (recente, como texto menciona), especialmente no centro. Isso transformará o centro em um local, pouco interessante de se especular, porque ficará caro, manter prédios vazios.

       

      Sobre a passagem de ônibus, o aumento é inevitável. SP não pode aumentar o subsídio para 2 bilhões, é muita coisa. Não se esqueça que o combustível está subindo, a água está subindo e outros custos também já subiram. Talvez, com o novo contrato, seja possível fazer algo de diferente, vamos acompanhar.

  34. Há muito penso que Haddad

    Há muito penso que Haddad será o verdadeiro sucessor de Dilma. Aposto que até o Lula prefere ver uma renovação positiva a ter que voltar por abslouta falta de opções. Boa sorte, prefeito!

  35. Tudo a perder

    Haddad parece estar no ponto em que tem tudo a ganhar e, ao mesmo tempo, tudo a perder:

    http://www.cartacapital.com.br/sociedade/um-novo-junho-pela-frente-o-reajuste-da-tarifa-de-onibus-em-sao-paulo-em-2015-6515.html

    Se ele conseguir plantar a semente de uma nova onda de manifestações, dessa vez a Dilma cai. Afinal, com as últimas escolhas políticas da presidente, vai ser facinho para os movimentos sociais pegar nela o rótulo de “traidora”. Vai ser o passe livre para o impeachment.

  36. asfalto Falidos

    Basta andar na Av. Dr. Assis Ribeiro que vemos que esta cidade não tem Governo Municipal, Estadual e nem Federal

    Buracos a dar com o pau e radares novinhos, afinal tem que ganhar com as multas…

  37. + comentários

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome