General e ex-ministro de Bolsonaro assume direção do TSE em eleições

O general do Exército e ex-ministro da Defesa, Fernando Azevedo, estará no comando da Direção-geral do TSE durante as eleições 2022

General Fernando Azevedo e Silva, ex-ministro da Defesa do Brasil. Foto: Divulgação

Jornal GGN – O general da reserva do Exército e ex-ministro da Defesa, Fernando Azevedo, estará no comando da Direção-geral do TSE (Tribunal Superior Eleitoral) durante as eleições 2022.

O militar, que assume em fevereiro, segundo noticiou a Veja, terá como função gerir assuntos administrativos, de licitações e de softwares desenvolvidos pelo Tribunal Eleitoral.

O ex-ministro da Defesa de Bolsonaro chegará à Corte no mesmo período que o ministro Edson Fachin assumirá a Presidência do TSE.

Mas durante as eleições presidenciais, no próximo ano, quem comandará o TSE será Alexandre de Moraes, que terá em sua equipe outro ex-ministro de Jair Bolsonaro, o ex-AGU José Levi, que entrou em conflito com o mandatário antes de deixar o cargo.

4 Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Célio Knipel Moreira

- 2021-12-17 17:12:24

E isso fica assim? A Constituição não permite que alguém de fora do Supremo ocupe a presidência do TSE. E tudo fica como se nada estivesse acontecendo? Cadê a indignação? Cadê esclarecimentos? Não é grave?

Marly

- 2021-12-14 15:44:04

O golpe continua em andamento?

Marly

- 2021-12-14 15:42:55

O golpe contonua em andamento?

José de Almeida Bispo

- 2021-12-14 14:15:35

Hummmmm! El País (depois da missão cumprida) se mandando; mexidinha "sem querer querendo no coração do sistema eleitoral"... Proconsult dois ponto zero, agora mais a quem apelar? E, claro, o alvo sendo o Barbudo?

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Seja um apoiador