Reveja a entrevista de Lula ao Jornal GGN

Lula, em entrevista exclusiva para o Jornal GGN, fala sobre economia política e política econômica. Os dois lados da moeda e que devem nortear o país.

Jornal GGN – O ex-presidente Lula, em entrevista exclusiva para o Jornal GGN, fala sobre economia política e política econômica. Os dois lados da moeda e que devem nortear o país. Fala sobre distribuição de renda, previdência, orçamento, empresas nacionais, conciliação nacional e desenvolvimento. Além disso, fala sobre a progressão da pena e a orientação que deu aos seus advogados para que não a utilizem, pois sairá de lá como entrou, inocente. Manda ainda um recado claro aos integrantes da Lava Jato e ao ex-juiz, que o condenaram sem provas e que hoje se veem às voltas com a Vaza Jato.

A entrevista teve a participação do economista Luiz Gonzaga Beluzzo e de Eduardo Moreira. Nosso editor Luis Nassif não pode comparecer por um problema banal: pedra no rim. Agradecemos aos dois entrevistadores.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

Leia também:  Dallagnol será julgado por powerpoint contra Lula em 7 de julho

4 comentários

  1. NASSIF: o GGN é seu e você faz o que quiser. Porém, considerando a respeitabilidade profissional que lhe dedico, peço um pouco de reflexão.
    Qual a razão editorial para republicar a entrevista de Lula, quando ainda estava na cadeia ? Por que publicar nesta mesma data o panfleto publicitário de Gustavo Conde, com comentários bloqueados ?
    Será que vale a pena todo esse esforço para estimular a repetição da polaridade Lula-Bolsonaro ?
    Einstein: “Insanidade é repetir sempre as mesmas ações e esperar resultado diferente”.

    • Antes de ir aos comentários pensei: vou ver se há comentário de algum minion arrependido : acertei na mosca, kkkkk

      O mantra agora é apontar como crime uma tal polarização entre fascistas e até terroristas vs democratas

      Querem consenso silencio diante desse negando necropopulismo fascitoide? Se bem que o silêncio da superestrutura ( sistemas religioso, midiático, penal e educacional) e do próprio governo já há : até o momento Moro e Boxonazi não criticaram o atentado contra o Porta dos Fundos e aí vem gente sem noção alegar que há poloarição, ou seja, pedir que o lixo seja jogado para debaixo do tapete

      Me poupe, vai catar coquinho seu Zé Videira

      • André: Você não entendeu nada sobre minha compreensão da realidade política. Bem típico dos q vêem a Política como prática da idolatria.

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome