Em 2016, varejo teve pior queda em 16 anos, diz Serasa

Jornal GGN – O movimento dos consumidores no varejo em todo o país teve queda de 6,6% em 2016 na comparação com 2015, chegando ao pior resultado nos últimos 16 anos, de acordo com dados da Serasa Experian.

O resultado é o mais fraco desde o início do levantamento da atividade no comércio pela Serasa. Antes, o pior desempenhado havia sido a queda de 4,9% em 2002, explicado pela crise do racionamento de energia naquele ano.

Entre os fatores que influenciaram o resultado do ano passado estão os juros altos no crediário, o aumento do desemprego e os baixos índices de confiança.

Segundo a Serasa, a maior queda foi registrada no segmento de veículos, motos e peças, com redução de 13%, seguido das lojas de tecidos, vestuário, calçados e acessórios, com retração de 12,6%.

As lojas de móveis, eletroeletrônicos e equipamentos de informática tiveram queda de 11,1%, supermercados, hipermercados, alimentos e bebidas, caíram 7% e as de material de construção sofreram recuo de 5,4%.

O único segmento que ficou positivo em 2016 foi o de combustíveis e lubrificantes, com aumento de 1,8% no acumulado de janeiro a dezembro.

É possível acessar os dados da série histórica no site da Serasa Experian.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome