A delegado, filho de Lula justifica pagamentos de empresa investigada na Zelotes

Jornal GGN – O empresário Luís Cláudio Lula da Silva, filho do ex-presidente Lula, declarou nesta quarta-feira (4), à Polícia Federal de Brasília, que a LFT Marketing Esportivo prestou serviços à Marcondes e Mautoni nos anos de 2014 e 2015, estritamente dentro do ramo em que atua e, por isso, recebeu “os valores que foram contratados”. O depoimento de Luís Cláudio foi divulgado pela defesa, no âmbito da Operação Zelotes.

A Marcondes e Mautoni está sob suspeita no Ministério Público Federal por ter participado da aprovação de Medida Provisória do governos Lula, em 2009. A empresa teria contratado a LFT para outros negócios em 2014, cinco anos após a edição da MP, mas os procuradores da Zelotes acharam por bem investigar a empresa de Luis Cláudio mesmo assim.

Segundo o advogado Cristiano Zanin Martins, Luis Cláudio reafirmou ao delegado da PF “seu know how na área esportiva, fruto da passagem por 4 clubes de futebol do Estado de São Paulo (São Paulo, Palmeiras, Santos e Corinthians), da prestação de serviços de marketing esportivo ao Corinthians e, ainda, por ser há 4 anos o organizador de um campeonato nacional de futebol americano.”

O depoimento de Luis Cláudio deveria ter ocorrido na semana passada, mas a defesa do filho de Lula teve dificuldade para ter acesso ao inquérito.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora