Castro toma posse como governador do Rio

Durante seu pronunciamento, Castro lembrou o impasse recente que teve com o deputado André Ceciliano, presidente da Assembleia Legislativa do Rio (Alerj), sobre o leilão da Cedae. A atitude, no entanto, foi vista como um aceno de paz à Alerj

Atual governador do Rio, Claúdio Castro. | Foto: Fernando Frazão/Agência Brasil

Jornal GGN – O político Cláudio Castro (PSC) tomou posse neste sábado, 1 de maio, do governo do Rio de Janeiro. A cerimônia ocorreu um dia após o impeachment de Wilson Witzel (PSC). 

Durante seu pronunciamento, Castro lembrou o impasse recente que teve com o deputado André Ceciliano, presidente da Assembleia Legislativa do Rio (Alerj), sobre o leilão da Cedae. A atitude, no entanto, foi vista como um aceno de paz à Alerj. 

“Precisamos ter coragem, a hora é agora. A semana que passou, marcada por divergências, hoje fazem parte do passado”, disse Castro.

Castro ainda falou sobre ética e a necessidade de união entre os poderes. “É chegada a hora de olharmos para a frente. O momento é de reconstrução. A população exige um governo sólido, sustentável e de diálogo. Seguirei sendo um homem de entendimento. E mais uma vez quero fazer um pacto pela recuperação”.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora