O partido e o circo

Jornal GGN – Na cidade de Maués, no Amazonas, a sede municipal do Democratas está instalada em um local inusitado. Na Avenida Francisco Magnani com a estrada Miri Moraes, o partido divide o terreno com um circo itinerante que chegou há pouco na cidade.

O presidente municipal do DEM, Alexandre do Lago Grande, explicou que “o circo não tem nada a ver com a partido” e que houve apenas uma coincidência, já que a sede funciona no mesmo terreno onde estão erguidas lonas do circo.

Do BNC Amazonas

Sede do partido Democratas divide terreno com circo em Maués

Por Aguinaldo Rodrigues

Em tempo de crise na República e baixa confiança da sociedade na classe política, uma imagem está chamando atenção de moradores da cidade de Maués.

Trata-se de uma placa para informar que naquele local funciona a sede municipal do Democratas (DEM), partido do deputado federal Pauderney Avelino, que ganhou alta visibilidade na mídia nacional por causa de sua função de líder da oposição na Câmara dos Deputados no processo de impeachment de Dilma Rousseff (PT).

Acontece que no local, avenida Francisco Magnani com a estrada Miri Moraes, atrás da placa, o que aparece é um circo que há pouco chegou na cidade.

Procurado, o presidente municipal do DEM, Alexandre do Lago Grande, explicou que “o circo não tem nada a ver com a partido” e que houve apenas uma coincidência, já que a sede funciona no mesmo terreno onde estão erguidas lonas do circo.

4 Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

wendel

- 2016-05-11 15:47:04

E ...................

Pobres palhaços de profissão, devem estar preocupados com a concorrência!!!!!

sergio ribeiro

- 2016-05-10 17:36:09

País da piada pronta

Manda para o blog do Zé Simão.

rosenvald flavio barbosa

- 2016-05-10 17:16:28

tiririca.......vai para o DEM

aproveita Tiririca, e ingressa no DEM...........

apesar de que a concorrência é grande, lá já tem palhaços tarimbados, tipo Agripino, e Caiado.

Alves

- 2016-05-10 16:25:35

Mais respeito com o circo,

Mais respeito com o circo, por favor.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Seja um apoiador