Aiatolá Khamenei: EUA devem sair da região

O aiatolá afirmou que a ação ‘foi apenas um tapa, mas os EUA devem deixar a região’.

Jornal GGN – O aiatolá Seyyed Ali Khamenei, líder supremo da Revolução Islâmica, declarou nesta quarta-feira que a presença ‘corrupta’ dos Estados Unidos na região deve terminar. As declarações foram dadas na província de Qom por ocasião do aniversário da revolução de 1978.

Com relação aos ataques às bases americanas no Iraque pelo Corpo da Guarda da Revolução Islâmica (IRGC), o aiatolá afirmou que a ação ‘foi apenas um tapa, mas os EUA devem deixar a região’.

Segundo informações contidas no sítio Islamic Republic News Agency, o ataque aconteceu exatamente no mesmo horário em que as forças americanas atacaram o comandante do IRGC, Qasem Soleimani.

O aiatolá disse, ainda, que os Estados Unidos são responsáveis por ‘guerras, divisão, sedição, destruição e demolição de infraestruturas na região’. E isso fazem no mundo todo, disse ele. ‘Essa região não aceita a presença dos EUA’, completou.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

Leia também:  Brasililiput, um país pequeno de novo, por Fábio de Oliveira Ribeiro

1 comentário

  1. O cara disse que os Estados Unidos são responsáveis por ‘guerras, divisão, sedição, destruição e demolição de infraestruturas na região’. E isso fazem no mundo todo, disse ele. ‘Essa região não aceita a presença dos EUA’, completou.
    Então esse cara conhece bem o governo pirata, imperialista, sionista e terrorista dos EUA.

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome