Entrevista: Tadeu Jungle, diretor de “Rio de Lama”, filme premiado na ONU

Além de comentar a obra que aborda o desastre em Mariana após rompimento de barragem na Vale, um filme em realidade virtual, Jungle fala da intervenção de Jair Bolsonaro na Ancine

Jornal GGN – Luis Nassif entrevista Tadeu Jungle, diretor de Rio de Lama, filme que conta o desastre em Mariana (MG) e que foi premiado na ONU. Além de comentar sobre a obra em realidade virtual, Jungle fala da intervenção de Jair Bolsonaro na Ancine e da indústria brasileira de audiovisual hoje.

 

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

Leia também:  Colóquio denuncia crimes cometidos pela ONU no Haiti

1 comentário

  1. Olá, Nassif, pra gente entender um pouco melhor o que é a realidade virtual, mando o link de um filme chamado “Fogo na floresta”, que encontrei no Youtube. Nesse tipo de produção fílmica, você pode escolher o ângulo a partir do qual você vê a cena. Como se o espectador estivesse fisicamente presente na cena filmada, ele pode girar a cabeça e olhar para os lados, para trás, para cima, para baixo etc. No computador, sem os óculos virtuais, você pode, com o cursor na tela, “arrastar” o campo de visão para onde você quiser. Ou seja, você escolhe para onde olhar em cada cena. Confere aí:

    https://www.youtube.com/watch?v=Jv8nkw8hy-c

    Abraço!

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome