Moro e Lula ficam cara a cara novamente nesta quarta

Foto: Reprodução
 
 
Jornal GGN – O ex-presidente Lula e o juiz Sergio Moro têm encontro marcado para quarta (13), em Curitiba, em função da ação penal em que o petista é acusado de receber propina da Odebrecht. O depoimento do petista ocorre poucos dias após os testemunhos do ex-ministro Antonio Palocci e o empresário Marcelo Odebrecht.
 
Condenados por Moro, Palocci e Odebrecht tentaram implicar o ex-presidente em seus depoimentos diante do juiz de Curitiba. Palocci chegou a dizer que tinha um “pacto de sangue” com a empreiteira para oferecer a Lula vantagens indevidas, como a reforma do sítio de Atibaia, um terreno para o Instituto Lula e uma “reserva” de 300 milhões de reais.
 
O primeiro depoimento de Lula a Moro ocorreu no âmbito da ação penal em que o petista era acusado de receber um triplex da OAS. Abrindo caminho para Palocci e Odebrecht, Léo Pinheiro tratou de dizer, às vésperas da ida de Lula a Curitiba, que o apartamento no Guarujá era, sim, do ex-presidente.
 
Na ocasião, o PT conseguiu mobilizar a militância para receber Lula na capital do Paraná. Dessa vez, segundo Lauro Jardim, a movimentação é muito mais tímida.
 
“É escassa até agora a mobilização dos petistas para o segundo depoimento de Lula a Sergio Moro. (…) No primeiro depoimento, a mobilização pré-depoimento pelo menos foi barulhenta”, comentou o colunista, nesta segunda (11).
Leia também:  A lição de Cristina Kirchner, por Ricardo Cappelli

5 comentários

  1. A oportunidade do Lula

    Lula apesar de ser um grande estrategista político comete um erro muito grande ao deixar de lado a oportunidade de fazer um grande acordo com lideranças de direita do país. Esse acordo é tudo que os partidos do governo não querem.  Lula ainda não percebeu a possibilidade, continua no seu discurso de divisão ds forças políticas que numa outra situação poderia até funcionar, não agora. Lula podria dar um cehck mate no atual governo se senta com líderes jovens da direita e abre o seu coração, ouve o que eles tem a falar e tenta fazer uma coalisao para salvar o país. Não há saída à vista com um país dividido.

  2. Se Pallocci falou a verdade

    Se Pallocci falou a verdade (sem juramento nem provas  ..de ouvir dizer) então a família ODE mentiu !!  ..a quem prender ?

    Vdd é que o sinal da tortura EMOCIONAL já deixou marcas impossíveis de serem disfarçadas diante da sociedade

    “PalloFFI” chegou a dizer que seu credito era ilimitado diante dos ODE  ..falou em credito disponível de 35, 100, 200 e de até 300 ..afinal qual vale ?  ..e com um detalhe  ..tudo pra ser pago depois do final do mandato, em prestações  ..e com NADA em nome ou posse de LULA

    O próprio Instituto, foi dito pelo comprador  ..que seria alugado e/ou revendido a qq empresa que quisesse doar depois ..o próprio palloFFI disse que doação não é crime  ..e não é mesmo !!??  ..e nem houve o tal crime ..

    se pra LULA, proque não pra THC ??  ..já sei, não vem ao caso

    e porque isso ta com MORO ? ..já sei ..cabe tudo naquela vara a serviço o GOLPE

    ORAS oras Romanelli, penso eu, mas pq eu to escrevendo tudo isso ?! ..que diferença faz  ..a JUSTIÇA, exército e EUA já condernaram LULA ??!!

    ao final srs NUNCA se esqueçam, E DIGAM AOS SEUS FILHOS,  ao final ficará a OBRA , as realizações como a Transposição do Velho Chico ..e as deste CABRA Pernambucano não se igualarão tão cedo

    https://www.youtube.com/watch?v=JA0FWYrfAog

    salve LULA !!!!

  3. Lauro Jardim terá a resposta que merece. Em breve

    Esse pseudo-jornalista, hoje no panfleto dos Marinho, após mais de uma década naquela revista esgotífera, faz diatribe e provocação com a militância, desdenhando-a. Em maio, o torquemada das araucárias mudou – sem nenhuma razão justificável – a data do depoimento, adiando-o por uma semana, na vã expectativa de desmobilizar os apoiadores do Ex-Presidente Lula. Mais do que isso, montou uma operação de guerra na capital do estado provinciano e agrícola, tentando intimidar os que manifestariam apoio ao Ex-Presidente da República. Não teve êxito. 

    O momento agora é outro e Lauro Jardim sabe disso. Ele sabe que a Caravana de Lula pelo Nordeste foi um sucesso; aliás, o bloqueio do PIG/PPV de nada valeu; por onde esteve, Lula atraiu multidões; em algumas cidades mais de 70% da população foram vê-lo discursar, mesmo sob um calor de mais de 40ºC.

    O descrédito da ORCRIM lavajateira é evidente até para os seus mais fanáticos e empedernidos apoiadores e patrocinadores, dentre eles os patrões de Lauro Jardim. A PGR, a PF e vastos setores do Judiciários estão com as fraldas, cuecas e calcinhas  cheias de m**** – expostas à luz solar; As quadrilhas da política, do PIG/PPV e da Fraude a Jato são cadáveres insepultos, cujas entranhas pútridas e fétidas estão expostas; só não vê isso quem não quer

    Toda essa patranha da PGR-Globo-JBS-DoJ, fingindo querer derrubar o governo golpista de ‘MT’ e das quadrilhas que apóiam e acompanham, foi exposta. A jogadinha entre Luiz Edson Fachin e Rodrigo Janot, um fingindo pedir a prisão, outro negando o encarceramento de Marcelo Miller, este que fez jogo duplo, sendo braço direito de Janot em investigação e acordo de delação premiada coma JBS, ao mesmo tempo que dava informações e orientações aos empresários corruptores, dos quais viria a se tornar advogado após deixar o cargo no MPF, está devidamente exposta.

    O lançamento de um filme patrociando pelo crime organizado, tendo como protagonstas os integrantes do crime organizado (os lavajateiros) e na platéia de seletos 2000 convidados para a pré-estréia curitibana grande parte desses criminosos integrantes das ORCRIMs institucionais, patrocinadores e partícipes do golpe de Esatdo e desmonte do Brasil, foi um ROTUNDO FRACASSO.

    Antônio Palocci não depôs como testemunha – ao contrário do que diz esta nota do GGN, mas como réu, portanto sem NENHUM compromisso em dizer a verdade, condição idêntica à de Léo Pinheiro, quando incriminou Lula, mas NÃO APRESENTOU QUALQUER PROVA.

    Outro que foi coagido a mudar depoimento anterior foi Glauco Marques (*?), que recitou um roteiro escrito pelos lavajateiros do MPF e por sérgio moro, com o claro objetivo de incriminar o Ex-Presidente Lula. Prova? Ele disse que possui, mas não apresentou NENHUMA e fez as acusações na condição de réu, não como testemunha, portanto SEM COMPROMISSO de dizer a verdade.

    O que sobra? A denúncia de Janot contra o Ex-Presidente Lula, contra Presidenta Dilma e outros petistas? Que nada, ela é tiro de festim, ancorada na delação de Delcídio do amaral, cujo descrédito é absoluto, pois o ex-senador NÃO apresentou qualquer prova do que disse em juízo, para obter os benefícios de uma delação premiada, criminosamente vazada na mídia, para prejudicar o Ex-Presidente Lula, então na iminência de ser nomeado Ministro de Estado. Ivan Marx, procurador do MPF em Brasília – aquele mesmo que chegou a insinuar que o Ex-Presidente Lula era chefe de organização criminosa – pediu arquivamento da denúncia contra o Ex-Presidente da República e a ANULAÇÃO do acordo de delação que beneficiou Delcídio do Amaral.

    Diante do que expus, pergunto: É preciso outra grande mobilização até Curitiba, apoiando o Ex-Presidente Lula, para mostrar ao Brasil que ele é vítima de perseguição política e que o “sistema de justiça” está eivado de ORCRIMs intitucionais e a Fraude a Jato é a mais acintosa e descarada de todas elas?

  4. ​ Pois é

    No mesmo dia  o recurso de Dirceu será julgado no TR4. Dia 13 (o número do PT). Do mesmo modo, o mensalão foi julgado num 15 de novembro. É a consultoria de imagem da Globo trabalhando a todo vapor, já que, quando se trata de um Golpe de Estado, ​é normal ​raios ca​írem duas ou mais vezes no mesmo lugar.

    É esperada tb alguma trairagem de Moro à lisura do processo jurídico, tipo uma prisão em flagrante ou a apresentação de alguma prova bombástica não compartilhada com a defesa, a tempo de alimentar o “manchete generator” do JN.

    Por isso: povo na rua fazendo barulho, fazendo política, em defesa intransigente da Democracia! Lula saindo dos braços do povo ​caminhando de cabeça erguida ​para a auschwitz curitibana é a contra-imagem que deve vencer.

     

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome