Dolorosa interrogação…, por Luciano Hortencio

por Luciano Hortencio

Fiquei sem saber se a pessoa que desenhou essa grosseria pensava estar escrevendo o nome da bela árvore existente no Parque Estadual do Cocó, se estava se referindo a alguém de sua família, se é uma pessoa imbecil ou se é só uma pessoa escrota mesmo…

Dê sua opinião!!!

https://www.youtube.com/watch?v=3-NOTutt4HY

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

Leia também:  Giro GGN Queimadas: Brasil tem 28,9% dos incêndios na América do Sul

14 comentários

  1. Cadeia a juizes pgrs e promotores Blindadores e Blindados AntiPT

    Precisamos encontrar esse “artista” prá realizar esse trabalho nas testas de todos os golpistas do país… 

  2. Adolescente que não absorveu

    Adolescente que não absorveu a educação que a mãe lhe deu. Pois acho q não há mãe no mundo tenha deixado de ensinar o respeito com o que é de todos. Agora qto a quem  se refere sei lá. E se não é adolescente que não sabe canalizar sua frustação,  de idade é na falta de maturidade.

  3. dolorosa….

    Caro sr. Hortencio, dolorosa interrogação é a que faço, na Pátria da Flora ( a fauna dividimos com a África), não vemos árvores. É inacreditável l!!! Então nossa cidadania e opinião pública representadas por programas de TV, financiam ongs que nem conhecemos, para salvar florestas brasileiras onde nunca iremos. Disneylândia Tropical dos países ricos e industrializados. “Privataríamos” nossa Energia Elétrica, tornando-a da mais barata a mais cara do Mundo, e não exigimos nem a remoção de eletrificação aérea. Então prostituimos todas as árvores que ousam invadir postes e fios. A periferia de Manaus, está ficando a periferia de São Paulo. Aliás, todas perfiferias estão ficando horrivelmente iguais, mesmo em cidades de 100, 50, 30, 15, 5 mil habitantes. Falando de Manaus, ruas estreitas, terrenos estreitos e pequenos, falta de calçadas ou minímas, postes medonhos e fios pendurados. E nenhima arborização. No meio da Amazônia?! Caro sr. Hortencio, antes de tudo nos enxerguemos. O Brasil para os brasileiros. (P.S. Quanto à arvore mostrada, o pior é que além da imbecilidade, creio que a pessoa que fez isto não sabe nem o significado da palavra. A nossa ignorância é ao quadrado e surreal) abs.       

  4. Escrotismo

     Roubar, pichar, entortar  placas de trânsito. Pichar monumentos, muros e fachadas de residências e estabelecimentos comerciais. Atitudes de vândalos escrotos.

  5. Analfabeto:  “escroto” nao

    Analfabeto:  “escroto” nao tem genero, so termina com “o” ou “os” mesmo.

    • Testículos!

      Quando nos referimos aos escrotos (testículos), realmente não há que se falar em genero. Ocorre, porém, amigo Ivan, que essa palavra é usada grosseiramente e à farta, para designar pessoas desleais, invejosas, más, etc e tal. Nessa acepção  é usado  tanto no gênero masculino quanto no feminino. A coitada da árvore é que não merecia essa grosseria e ficou marcada para sempre com essa poluição visual.

      Ah, ia esquecendo: Escoto também é usado em outro sentido (positivo) e nos dois gêneros!

      – Fulano é escroto. Prometeu e cumpriu!

      – Ele tá pensando o que? Sou escroto e moro longe…

      Abração do luciano

  6. Com o mal feito feito…

    …resta-me pedir a todos: transformem este ato de violência em homenagem meiga e sincera. Do fundo do coração.

    A bela árvore, no Parque do Codó, será a partir de agora um monumento a madame senadora de alva cútis, dourados cachos e celestes olhos. A aristocrata Marta, née Suplicy. Esta singular palavra descreve com exatidão o que ela se tornou…

  7. + comentários

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome