Falhas da defesa civil brasileira

Do Canal Temático Meio Ambiente

Defesa civil do país mantém falhas graves

Por Lilian Milena

A divulgação dos resultados da auditoria realizada pelo Tribunal de Contas da União (TCU), das atividades ordenadas pela Secretaria Nacional de Defesa Civil, na última quarta-feira (07), apontou para graves falhas no sistema de defesa do País.

Dentre os aspectos que mais chamam a atenção, está a disparidade de recursos recebidos por estados e municípios, com falta de critérios na distribuição de recursos, contribuindo para que regiões menos afetadas por desastres ambientais sejam favorecidas.

O volume empenhado para obras de prevenção a desastres, cedidos para estados e municípios, entre 2004 e 2009, totalizou R$ 933,9 milhões, sendo aplicados R$ 357,8 milhões. 80,5 % do montante foi empenhado em apenas oito estados: Bahia, Santa Catarina, Mato Grosso, Pernambuco, São Paulo, Ceará, Mato Grosso do Sul e Minas Gerais. Sendo que 55,1% tiveram como favorecidos municípios dos três primeiros estados

Continua

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora