Novo superintendente do Ibama já cometeu crime ambiental e postou nas redes sociais

Jornal GGN – Na última terça-feira (9), o ministro interino do Meio Ambiente, Sarney Filho, nomeou o advogado Luciolo Cunha Gomes para a Superintendência do Ibama em Tocantins. Ele vai substituir Flávio Luiz de Souza Silveira, biólogo e servidor de carreira exonerado pelo governo temporário.

A Associação Nacional de Servidores do Ibama registrou indignação com a mudança. Principalmente porque, em 2013, o advogado debochou do órgão ambiental no Facebook e disse que estava comendo um pernil de caititu, animal silvestre ameaçado de extinção. A caça e consumo da espécie é considerada crime ambiental, com pena prevista de seis meses a um ano de prisão, além de multa.

“Se o Ministério do Meio Ambiente é para defender o Meio Ambiente, (…) a pergunta que não quer calar é: como pode ser nomeado um infrator das normas para Superintendente?”, questionou a Associação.

Do Estadão

Nomeado por Sarney Filho, superintendente do Ibama cometeu crime ambiental e postou nas redes sociais

Por Luísa Martins

Nomeado pelo ministro Sarney Filho (Meio Ambiente) como superintendente do Ibama em Tocantins, Luciolo Cunha Gomes debochou do órgão nas redes sociais em 2013, quando relatou estar comendo um animal silvestre e com “medo” de ser flagrado.

No seu post, ele revela um crime ambiental cuja pena varia de 6 meses a um ano de prisão, além de multa: caçar e utilizar animais silvestres sem permissão das autoridades ambientais. Nos comentários da publicação, ele continua a fazer graça do Ibama ao dizer que “eles não sabem o endereço”.

“Se o Ministério do Meio Ambiente é para defender o Meio Ambiente, (…) a pergunta que não quer calar é: como pode ser nomeado um infrator das normas para Superintendente?”, questionou a Associação Nacional de Servidores do Ibama em sua página no Facebook.

A nomeação de Gomes, que é advogado, está no Diário Oficial da União de 9 de agosto. Ele substitui Flávio Luiz de Souza Silveira, biólogo e servidor de carreira, cuja exoneração consta na mesma publicação

O ministro Sarney Filho afirmou, por meio de sua assessoria de imprensa, que não tinha conhecimento do post. Informou que irá apurar e, se considerar procedente, desfazer a nomeação. Depois de ter o post localizado pela Coluna do Estadão, Luciolo Cunha Gomes deletou sua conta no Facebook.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora

10 Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Paulo F.

- 2016-08-13 19:08:10

Vai comemorar a posse

Com uma passarinhada!

Descendo aos subterraneos do imaginário !

Aonde chegaremos?

Jofran Oliva

- 2016-08-13 01:48:10

Essa turma de apoiadores dos golpistas. . .

Essa turma de apoiadores dos golpistas é tão ruim, mas tão ruim, que não conseguem gente que preste nem mesmo para os cargos de segundo escalão.

Jossimar

- 2016-08-12 18:59:12

Tem algum ficha limpa no

Tem algum ficha limpa no governo usurpador?

Todos, sem excessão, são larápios da pior espécie.

Foi esta gente que os cavaleiros do apocalipse do combate a corrupção da república do paraná levaram ao poder.

Enquanto isto, o Moro está procurando o endereço da mulher do cunha.

Ministra presidanta do STF, o que a senhora tem a dizer sobre desfaçatez agora?

Será desfaçatez com a democracia e o estado de direito a atitude do STF perante os bandidos golpistas?

Vagalume do Brejo

- 2016-08-12 18:30:38

O que mais me assuta são as

O que mais me assuta são as pessoas caladas.

O mundo é dos juizes.

Àlvares de Souza

- 2016-08-12 18:04:24

A sensação que nos assalta é

A sensação que nos assalta é a de que está em curso não somente a prática de ilicitudes de toda espécie, mas um movimento planejado nos mínimos detalhes para debochar e desqualificar todas os conceitos e ações voltadas para a preservação dos representantes da epécie humana que escaparam à degradação moral.

Adir Tavares

- 2016-08-12 17:50:15

Putz...

Aqui em São Paulo foi promovida uma deputada cassada (uma tal de Damo 171) de MAUÁ como representante do Ibama, a moça nem sabe onde fica o fiofó de um quelônio!!!

Somebody

- 2016-08-12 16:35:44

Vocês ainda têm alguma dúvida

Vocês ainda têm alguma dúvida do nível de competência dos conspiradores? E também falta para os mesmos vergonha na cara, porquê qualquer outro já teria entendido que não têm competência para governar e portanto teria se afastado.

Andre Araujo

- 2016-08-12 16:08:34

Porque a surpresa? Do baçaio

Porque a surpresa? Do baçaio do sarneisismo querem coisa melhor?

Marcelo33

- 2016-08-12 16:03:33

É o governo dos que sairam do

É o governo dos que sairam do armário !!

Todos bandidos assumidos !!!

Ser Vergonha no Brasil atual é ser honesto !!! Ser ladrão é uma honra !!

E as panelas não saem do silêncio...

Edivaldo Dias Oliveira

- 2016-08-12 16:03:28

Quanto mais grave o crime...

Vei vendo.
Parece que a condição para fazer parte do governo golpista é ter cometido algum delito.
E aí, quanto mais grave o crime maior o cargo.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Seja um apoiador