No YouTube, a música de câmara feita no Brasil, por Carlos Motta

Neste sábado, 12 de dezembro, às 15 horas, o grupo carioca Prelúdio 21 vai encerrar sua temporada de concertos “Música do Presente”

No YouTube, a música de câmara feita no Brasil

por Carlos Motta

Neste sábado, 12 de dezembro, às 15 horas, o grupo carioca Prelúdio 21 vai encerrar sua temporada de concertos “Música do Presente”, a mais longeva série brasileira dedicada à música de câmara, com mais de duas décadas de existência.
Com transmissão via internet, pelo canal do YouTube do Centro Cultural Justiça Federal, desta vez o coletivo de compositores vai exibir vídeos de recitais realizados por músicos renomados não apenas no Brasil, como também em Paris e em Indiana, Estados Unidos.
Atualmente, o grupo é formado por Alexandre Schubert, Caio Senna, J. Orlando Alves, Marcos Lucas, Neder Nassaro e Pauxy Gentil-Nunes.
A partir da reunião de sete compositores em 1998, o Prelúdio 21 nasceu com o intuito de divulgar sua música e a música erudita contemporânea em geral, por meio da organização de concertos e palestras e incluindo convidados brasileiros e estrangeiros.
De lá pra cá, o grupo tem se estabelecido como um dos mais sólidos de música contemporânea do país. Desde 2008, o Prelúdio 21 tem realizado sua série de concertos no Teatro do Centro Cultural Justiça Federal, contribuindo assim para a vida cultural do Rio de Janeiro. O grupo tem se apresentado ainda em espaços como o Theatro Municipal do Rio de Janeiro, a Sala Cecília Meireles e espaço Oi Futuro.
O Prelúdio 21 tem sido objeto de investigação acadêmica figurando em artigos e dissertações recentes. Em 2012, foi indicado ao Grammy Latino com o seu CD “Prelúdio 21 – Quartetos de Cordas”, na categoria “Melhor Álbum de Música Clássica”.
Programa:
J. ORLANDO ALVES – “Intermitências IV” (2012)
Intérprete: Luciana Noda, piano
Gravado em 12 de agosto de 2017 no Departamento de Música da UFPB, Paraíba
ALEXANDRE SCHUBERT –  “Sonata para trompa e piano” (2017)
Intérpretes: Philip Doyle, trompa / Tamara Ujakova, piano
Gravado em 2 de outubro de 2018 na Escola de Música da UFRJ, Rio de Janeiro
PAUXY GENTIL-NUNES – “Trio Náutico, Op. 21” (1992)
Intérpretes: Arara Trio – Matthias Ziegler, flauta/Daniel Erni, violão/Daniel Pezzotti, violoncelo (in memoriam)
Gravado em 1992 na Sala Cecília Meireles, Rio De Janeiro
MARCOS LUCAS – “O mar é o dançarino e a sua dança” (2017) e “Angra dos Reis” (2014)
Intérprete: Eli Schille Hudson, violão
Gravado em 15 De Fevereiro de 2019 na Indiana University, EUA
NEDER NASSARO – “Noite” (2017)
Vídeo-música
Gravado em 4 de maio de 2017, em casa, Rio de Janeiro
CAIO SENNA – “Todas as quintas” (2011)
Intérprete: Sara Cohen, piano
Gravado em abril de 2012 na Cité Internationale des Arts, Paris

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora