Entenda como agem os trolls na internet

Enviado por mcn

do Youpix

Animação explica como agem os trolls na internet

Trolls existem por todo lugar na internet. E não tô falando de trollagens saudáveis do tipo Não Salvo e sim dos que tem como único objetivo odiar as coisas. Aqueles que odeiam por odiar, que causam a discórdia, medo e podem prejudicar a vida de muita gente. Enfim, os que amam um cyberbulling.

A animação “Troll”, de Shane Koyczan, conta muito bem essa história. O vídeo fantasia um pouco contando como eles viviam antes da internet, para depois falar como os trolls agem: “Com línguas como facas, vocês esfaqueiam palavras em nossa pele”, diz um trecho.

“Vocês transformam seu teclado em catapultas, vendo qual de vocês consegue odiar algo da melhor maneira”, continua. O curta é muito bem feito e faz pensar! É em inglês, mas você também pode colocar legendas em inglês pra entender melhor. Se liga:

http://www.youtube.com/watch?v=670if6Etx0o width:700 height:395

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

Leia também:  Governo prepara minuta de banimento da Huawei e operadoras se chocam com o custo da irracionalidade

17 comentários

  1. Uma característica que eu

    Uma característica que eu acho mais saliente nesses trolls é que invariavelmente se acham muito espertos; se acham grandes provocadores; aqueles cujo sarcasmo é inescapável.

    Se acham… mas o fato é que sempre estão movidos por preconceitos quase infantis que projetam nos outros

    Em um outro post recente fui acusado de “defender assassinos” e de não ter amor à vida. Poderia ter denunciado o comentário, mas, confesso, só pensei nisso depois e rapidamente me demovi; a gargalhada prevaleceu…

  2. o troll tem uma certa aura de

    o troll tem uma certa aura de justiceirio.

    esessencilamente seu peril é e o do homem

    sem qualidades,

    o repetitivo,

    o chato de galocha,

    o que sempre pega as coisas pelo lado negativo,

    renitente em suas afirmações geralmenrte calhordas..

    é  o provocador por essencia.

    se o provocado responde,

    pior para quem responde,

    pois o principal objeitivo do provocador é esse mesmo

    – deve ganhar por respostas indignadas  obtidas.

    além de ter certamente uma receita financeira,

    ou obter uma vingançazinha escrota para

    afagar seu ego destruído pela maldade.

    ao obter respostas é como se entrasse em orgasmo.

    é como se atingisse o ponto G,

    goza com o sucesso de suas falácias e mentiras.  

    é o frustrado, brochante que quer destruir a reputação e a vida dos outros.

    como diria o poeta, espero que esse canto 

    feito faca fira a carne de voces provocadores….

    camaleões e camufladores de toda a estética da vida,

    insanos repetidores da mesmice.

  3. O pessoal reclama de trolls

    O pessoal reclama de trolls mas pior do que ter trolls ao lado seria não te-los.

    Já imaginou isso aqui com todo mundo concordando?

     

    Em blogs como este, com lado, o contraditório é mais importante do que qualquer outra coisa. A superioridade argumentativa vem disto.

    Vc percebe claramente a diferença intelectual entre leitores do Nassif e do Reynaldo. A diferença é o contraditório.

     

    Dito isso muitas vezes, uma avassaladora maioria das vezes me arrisco a dizer, o pessoal DESTE BLOG confunde contraditório com trollagem.

    Sinal claro de que apesar de superiores intelectualmente , o analfabetismo funcional se sobrepõe a tudo e todos.

     

    Delícia essa trollagem!

  4. Trollar não é crime, desde
    Trollar não é crime, desde que o internauta não faça uso de palavrões para injuriar o adversário, acuse-o de crime que ele não cometeu, divulgue correspondência, foto ou vídeo sigiloso do mesmo, incite atos de violência contra alguém ou contra um grupo de pessoas, etc… Trollar pode ser uma arte, mas nem todo troll é artista.

  5. Nem todo troll é “direitão”,

    Nem todo troll é “direitão”, existem alguns que se posicionam acreditando

    estar sempre acima dos demais comentaristas em seus comentários.São

    engraçados.

  6. os daqui que cismo e farejo

    os daqui que cismo e farejo ser um deles (tal como facções criminosas que a mídia evita falar o nome, eu também adoto o mesmo expediente jornalístico para os supracitados), percebo, via de regra, uma particularidade assaz interessante: se apresentam por aqui de modo colaborativo prestigiando e adotando, desta forma, a filosofia de vida crítica do ggn-nassif.

  7. Grandes descobertas

    Trolls são pessoas que não tem o que fazer ; são provocadores; não pertencem a determinada tribo ideológica; são  uns sacanas, FDP, anti petistas, anti tucanos , mentirosos,etc. etc.,etc. Eles sempre existiram no mundo, muito antes da invenção da web. Há exceções e controvérsias.

    • Convertidos

      Há também os trolls institucionais que são os jornalistas da velha e nova mídia.,que posam de donos da verdade com a manjada técnica de convencimento dos leitores incautos.

  8. Não contemporizo com esses terroristazinhos virtuais

    Se pego esses covardes darei um tratamento adequado à sua falta de caráter.

  9. Agora, sem querer ficar em

    Agora, sem querer ficar em cima do muro, e tomamdo por base um tempo considerável de navegação por diversos sites e blogs,, um troll quase que invariavelmente, pelos preconceitos e argumentos pobres, é um reacionário, direitista. Difícil fugir desta constatação.

  10. “E não tô falando de

    “E não tô falando de trollagens saudáveis do tipo Não Salvo e sim dos que tem como único objetivo odiar as coisas”

    Tá falando com metade das pessoas daqui. Odeiam evangélicos (acham que todos são iguais ao malafaia), odeiam judeus, odeiam quem é contra o aborto e odeiam quem é contra a ideologia gay. Odeiam porque odeiam, e pronto.

  11. o maior que conheço
    é o deputado Fernando Francichini, cujo perfil no Facebook só faz publicar provocações.
    Já dei unfollow em mais de 50 amigos que compartilham os posts dele.
    Essas pessoas (amigos) parecem zumbis inoculados com alguma droga ou espécie de veneno. Sinto vergonha por eles.
    O Facebook merece um estudo aprofundado sobre a capacidade de manipular mentes…

    • O perfil do Francischini eh
      O perfil do Francischini eh um dos maiores chorumes do facebook.

      A pobreza intelectual eh escancarada. O triste eh ver que elegeram alguém que se ocupa de fazer provocações e gracinhas virtuais o tempo todo.

      Tiririca eh um sábio perto deste sujeito.

  12. Aqui se você fala alguma

    Aqui se você fala alguma coisa que não seja a favor do PT, Dilma ou Lula você é tachado de troll. Complicado.

  13. + comentários

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome