A malandragem ideológica para defender a CBF

Macumba ideológica: uma receita de como defender o indefensável e impedir as mudanças.

Confiram:

1.     FIFA, CBF manobrando interesses gigantescos do marketing esportivo e dos direitos de transmissão montaram uma estrutura mundial de corrupção.

2.     Aí, a CBF impõe ao Brasil o maior vexame futebolístico da história.

3.     O efeito positivo é abrir a discussão para reformular o futebol brasileiro.

4.     Reformulação passa por definir futebol como política pública. Ou seja, criar uma agência reguladora, acabar com os abusos de poder econômico da CBF, impor uma lei fiscal para os clubes, definir uma legislação que liquide, de vez, com o poder corrupto da CBF, acabar com a eternização dos dirigentes esportivos e coibir a cooptação esportiva nas eleições da entidade.

5.     Basta, no entanto, levantar uma palavrinha mágica – Futebobras – para desviar totalmente a discussão. É estatização, não é estatização. Repórteres atilados – desses que conseguiram montar matérias sobre a estratégia do Planalto para enfrentar a derrota de 7 x 1 mal o jogo tinha acabado – alimentam a fogueira, dizendo que a presidente puxou a orelha do Ministro dos Esportes pelo fato de ele ter sugerido a estatização. Apesar do episódio Pasadena mostrar que tudo é possível, duvido que Dilma tenha embarcado nessa jogada.

6. Regulação é elemento central de funcionamento de qualquer mercado. E a regulação sempre é encaminhada pelo Executivo.

7.     Disse-não-disse-porque disse-se não disse e agora a discussão vem para o nível abaixo da terra, onde costuma ser enterrada qualquer ideia que signifique modernização do país.

Leia também:  Além de corrupção na pandemia, Rodrigues é investigado por desvio na Saúde indígena

Quando escrevi “O caso de Veja” (clique aqui) contei como se dava a esperteza do macartismo, da ideologização rasteira. Monte a teoria conspiratória, crie a ameaça vermelha. Depois, aproveite a radicalização para jogar para debaixo do manto macartista todas as jogadas e malandragens do seu interesse.

Enfrentar uma organização suspeita, agora, passa a ser estatização. Conte outra!

O futebol conseguiu colocar na sala do poder a mais corrupta estrutura da vida pública brasileira. O homem que comanda a CBF é amigo do Aécio; o dirigente que implodiu o Clube dos 13 é amigo de Lula.

Espera-se que a inclusão da CBF entre os valores de mercado desta vez não cole. A CBF não representa o mercado, não representa o setor privado e não representa a modernização. É como o jogo de bicho para as escolas de samba.

Um princípio básico do papel da lei na democracia: “entre o forte e o fraco é a liberdade que escraviza e é a lei que liberta”. O forte é a CBF e a cadeia improdutiva dos patrocínios e das transmissões. 

 

 

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

116 comentários

  1. Dívidas

    Simples: executem as dívidas fiscais e trabalhistas dos clubes. Mais eficiente e a FIFA não pode nem chiar quanto a isso.

    Não me incomodo em ver metade da Série A do Brasileiro indo à falência. É merecido.

  2. …passa por definir futebol como política pública…

    …passa por definir futebol como política pública?

    Não existe uma organização que explore o futebol, seja clube, empresa, empresário, federação, etc. que não seja covil criminoso. Isto em qualquer país do mundo, mesmo na Alemanha… e sem jamais esquecer que a podridão inicia-se na mafifa e no coi.

    O quê um país ganha com o futebol ou qualquer outro esporte de competição? Nada, pois além de ser um verdadeiro iceberg, com a parte submersa controlada pelo submundo, o capital imobilizado gera pouquíssimo retorno social, nada além do ópio social. Considerem o “valor de mercado” do plantel (termo correto pois são verdadeiros animais) do clubes brasileiros falidos e quanto postos de trabalho são gerados… e qual é o valor dos impostos por eles recolhidos…

    A participação esportiva vexaminosa protagonizada pelo Brasil, nunca antes na história deste mundo houve coisa igual, tornou-se um gancho para várias sessões de masturbação sócio-política-econômica como se o futebol possuíse algum valor real. 

    Esportes de competição e a chamada indústria cultural são duas aberrações exclusivamente consumistas e alienantes.

     

     

  3. A CBF tem que ser mudada? Sim. Ela é culpada pelo vexame? Não.

    E NÃO É? – Brasil Tricampeão Mundial de Futebol (1958, 1962 e 1970): o presidente da então CBD – que depois virou CBF – era o sr. João Havelange.

    Brasil Pentacampeão Mundial de Futebol (acréscimo de 1994 e 2002): o presidente da CBF era o sr. Ricardo Teixeira.

    Quem quiser acreditar que o Brasil perdeu a Copa em função das ‘estruturas arcaicas’ da CBF ou por causa do presidente atual da CBF, quefique à vontade. 

    Pena que isto seja amplamente falso. 

    O mesmo grupo político que comanda hoje a CBF vem lá do tempo do sr. João Havelange e com este grupo o Brasil conquistou a alcunha de país do futebol, com 05 títulos mundiais.

    Não gosto de nenhum destes dirigentes que acabei de citar, tampouco me apetece a estrutura dirigente dos clubes e federações do futebol brasileiro. 

    Entendo que é preciso reformular essas estruturas, inegavelmente.

    Mas daí a dizer que a eliminação de 2014 se deveu a fatores extra campo, como a ‘estrutura arcaica e pouco transparente’ da CBF, ou às vicissitudes da política desportiva brasileira, vai um longo caminho.

    Acreditar que a nossa derrota contra a Alemanha é culpa da CBF é como acreditar em duendes, em fadas madrinhas ou no PSDB…

    O problema foi exclusivamente tático e técnico, restrito ao campo de jogo. 

    As estruturas do futebol brasileiro precisam ser modificadas? Sim. Perdemos em função dessas estruturas atuais? Não. Essas estruturas atuais foram as que bem ou mal nos colocaram no patamar mais alto do futebol mundial.

  4. Dentro ou fora das quatro linhas?
    SOBERBA, ENTRESSAFRA E FACEIRICE – A responsabilidade pela derrota acachapante do Brasil nesta Copa não é da CBF.

    É da Comissão Técnica do Brasil, em especial de Parreira e do sr. Scolari. Atribuir a fatores extra campo a vexaminosa derrota do nosso selecionado é um erro grosseiro de análise.

    1- Tínhamos nesta Copa uma formidável dupla de ataque, no estilo Romário e Bebeto?
    2- Tínhamos nesta Copa um capitão como Dunga, organizando e dando instruções dentro de campo?
    3- Tínhamos nesta Copa um trio como Ronaldo (um dos melhores centroavantes de todos os tempos), Rivaldo (um dos melhores meias brasileiros de todos os tempos) e Ronaldinho Gaúcho, que estava em grande forma em 2002?

    Não tínhamos nada disso e tínhamos apenas um jogador extra-classe, que é o fenômeno Neymar. Isto sem falar que a grande maioria dos nossos atletas nunca havia disputado uma Copa. Estamos numa entressafra de jogadores brasileiros, esta é a verdade.

    Lembrem que Lionel Messi está na sua terceira Copa do Mundo e que nas Copas de 2006 e de 2010 a participação dele foi pífia e ridícula.

    E lembrem também que a Argentina, sempre tão badalada, não vence uma Copa do Mundo há 28 anos e sequer chegava numa semifinal de Copa há 24 anos. Aliás, não ganham absolutamente nada há 21 longos anos, desde a Copa América de 1993…

    Se perdemos por fatores extra campo, foi por subestimar a Alemanha e jogar de forma faceira contra eles ao invés de povoar a meia cancha. A faceirice futebolística do Brasil contra a Alemanha é que é inexplicável, seja em que tempo for!

    Quanto ao 7 à 1, nem mesmo dá para explicar. Este é um daqueles resultados que acontecem uma vez a cada 50 ou 100 anos.

    Alguns reclamam do fato de que os jogadores brasileiros, em sua maioria, atuam no exterior. Ora, os atletas argentinos atuais jogam por acaso no Club de Gimnasia y Esgrima La Plata ou na Asociación Atlética Argentinos Juniors?

    Por fim, analisem o comportamento e as falas do técnico argentino até aqui, e as comparem com o comportamento e as falas do sr. Scolari. Ali está uma boa pista do que aconteceu conosco.

    A humildade de vez em quando faz um bem danado…

    • Plenamente de acorod.
       
      Torço

      Plenamente de acorod.

       

      Torço pra Holanda dar outro chocolate nestes arrogantes e definir pra história o que é incompetência. O futebolzinho que a seleção vem praticando é ridículo. Aliás os times do Sr. Scolari sempre foram parecidos, e com o de fazenda: chutão pra área pra cavar faltas.

      Que o nosso futebol merece uma melhor fiscalização não há dúvidas. Mas para isso basta exigir certidão de quitação de todos os impostos e salários para poder participar de campeonatos. Basta exigir declaração de renda e examina-las a pentes finos dos mega atletas e dos dirigentes. Mas intervenção não. Seria rasgar o direito democrático de livre associação. Regular sim, é mister à democracia. Aparelhar não, é ferramenta de incompetentes.

    • Fala baixo, o Andrés é do PT,

      Fala baixo, o Andrés é do PT, amiguinho!, além do mais, o mal tem que ser sempre o PGI e/ou a oposição…

      Se vc lembra estas coisas, vai viral throll rapidinho!

      • Ficaria feliz se fosse
        Ficaria feliz se fosse considerado apenas troll…rss

        Quanto à cruzada contra o infame PIG fostes direto ao ponto com 4 termos.

        O modo que este e outros blogs se distinguem é através do ataque – na maioria justo – contra a imprensa.

        O problema é este viés contaminar TODOS os outros assuntos e seus argumentos, não conseguem se desprender.

        Com uma segunda característica ao longo da cruzada: o tom triunfal de meia duzia de anos atrás alçou muito apropriadamente um politico apenas bom ao patamar de um gigante fabuloso redentor.

        De outro modo: é terminantemente proibido qualquer critica ao Lula.

        Daí um monte de textos que tem pé mas não tem cabeça., ou tem cabeça mas falta o tronco e assim vamos nós.

  5. Apocalipse do futebol brasileiro? Futebol só existe aqui?

    DIAGNÓSTICOS EQUIVOCADOS – Tem algo que está me incomodando profundamente neste pós 7 à 1 do Brasil. Escrevi várias vezes que o sr. Scolari colocou um time lépido e fagueiro contra a pátria mãe do futebol força. Contra um futebol aplicado, objetivo e sem firulas. 

    Subestimamos uma das maiores potências do futebol e pagamos o preço por isso. A homérica goleada é consequência disso, mas não em suatotalidade. Os 7 à 1 foram um resultado completamente atípico, que desnorteou o mundo inteiro, inclusive os vencedores. 

    É possível que nem daqui há 100 anos vejamos algo igual no futebol. Ponto.

    Depois dessa breve análise, da qual se pode discordar, evidentemente, agora vem a parte que me incomoda. As redes sociais estão lotadas de críticas à CBF e aos dirigentes do futebol brasileiro. Estão lotadas de críticas ao sr. Marín, como se ele ou a CBF fossem os culpados pela derrota brasileira, ou até mesmo pela evidente humilhação histórica. Não concordo. 

    Todo mundo sabe dos problemas extra campo do futebol brasileiro, dos clubes, da CBF e até da Fifa. Mas debitar a nossa derrota de 7 à 1 na conta dessas estruturas arcaicas é um imenso erro de análise. 

    Não foi com a antiga CBD (que foi virou CBF em 1979) sob a Presidência de João Havelange que o Brasil se tornou Tricampeão Mundial de Futebol? Como explicar que o ‘mafioso’ Havelange tenha nos legado 03 Copas do Mundo em sua gestão? 

    Será que é possível explicar a inexplicável derrota do Brasil para a Alemanha através de fatores extra campo? Se é possível (não concordo), deveríamos no mínimo tentar também explicar como é que o Brasil se tornou o país do futebol com essa mesmíssima estrutura ultrapassada, ou até pior no passado. 

    A gestão de Ricardo Teixeira à frente da CBF (1989-2012) é a mais vitoriosa da história da Seleção Brasileira (dentro de campo), com 02 Copas do Mundo, 05 Copas América e 04 Copas das Confederações. 

    Isso sem falar na questão dos clubes brasileiros, que passaram a vencer com maior regularidade os torneios e campeonatos internacionais, notadamente a Taça Libertadores da América que vencemos de forma consecutiva nas últimas 04 edições. 

    Se vamos detonar a CBF e o seu antigo presidente Ricardo Teixeira (que ainda comanda a entidade por baixo dos panos, desde os EUA), e dizer que o fracasso da Seleção Brasileira em 2014 é responsabilidade deles, será que não deveríamos tentar explicar também porque essa estrutura assim tão arcaica nos deu tantos títulos entre 1989 e 2014? 

    Ou só vale a crítica quando perdemos e quando ganhamos, como em 1994 e 2002, nos esquecemos automaticamente da figura do sr. Ricardo Teixeira? Ou só vale a crítica quando perdemos e quando ganhamos, como em 1958, 1962 e 1970, nos esquecemos automaticamente da figura do sr. João Havelange? 

    Caros amigos e amigas, a derrota contra a Alemanha é responsabilidade única e exclusiva da Comissão Técnica do Brasil, em especial do sr. Scolari. Esta é a verdade sobre o episódio, além de termos que compreender que o que houve tem também um componente meio inexplicável, típico do futebol. 

    Debitar esta derrota na conta da CBF, que tem um Centro de Treinamentos dos mais modernos do mundo e que banca uma estrutura invejável para qualquer Seleção, é um erro. E debitar esta conta no fato de que os jogadores brasileiros hoje atuam, em sua grande maioria, no exterior, é outro erro grosseiro. 

    Já era assim em 1994. Foi assim em 2002 e é assim agora. Logo, essa tese também não explica a acachapante derrota de nosso selecionado. 

    Aliás, onde é que jogam a maioria dos atletas argentinos que farão a final contra a Alemanha? Aliás, onde é que Messi joga desde a sua mais tenra idade? 

    Queremos e devemos modificar e aperfeiçoar a estrutura do futebol brasileiro, dos clubes e da CBF, mas atribuir o fracasso da Seleção Brasileira em 2014 aos processos e estruturas arcaicas das nossas entidades dirigentes está errado. 

    Há uma tese ufanista que diz há bastante tempo que se o futebol brasileiro fosse minimamente organizado venceríamos todas as Copas do Mundo… 

    Que barbaridade! 

    Será que somos tão bons assim, será que somos tão superiores assim? Será que só o Brasil gosta de futebol no mundo? Será que somos os únicos bons e o resto dos países é composto por perebas e pernas de pau? 

    Será que italianos, argentinos e alemães não jogam e nunca jogaram nada, ao contrário do Brasil que sempre teve o melhor futebol do universo? 

    É preciso admitir, outros vários países amam o futebol e sabem jogar muito bem este fascinante esporte bretão. E é preciso admitir também que estamos numa entressafra de talentos futebolísticos. 

    Tirando o Neymar, que é um jogador diferenciado, quais são os outros atletas brasileiros desta Copa que não são medianos ou algo pouco acima de medianos?

    Vamos mudar a estrutura do futebol brasileiro e aperfeiçoá-la, sem dúvida. Mas não vamos nos iludir e atribuir derrotas para uma estrutura que bem ou mal nos trouxe até aqui, e que nos fez ser a maior potência futebolística do planeta. 

    Vamos trocar os dirigentes atuais por questões de cunho penal e processual penal, não porque isto tenha sido decisivo na formação do futebol brasileiro.

    O verdadeiro mal do nosso futebol é o conluio CBF-Organizações Globo, que conseguiram até mesmo pulverizar o antigo Clube dos Treze. Mas não é este conluio que explica tudo o que acontece dentro do campo, em que pese explicar tudo o que acontece fora dele…

    Os motivos da nossa derrota atual não passam por fatores extra campo, isso é uma ilusão. 

    Passam, isto sim, por um curto-circuito inexplicável de nossos atletas e pela escalação faceira do sr. Scolari, que preferiu jogar contra o futebol força alemão como se estivesse jogando um amistoso contra a Ferroviária de Araraquara.

  6. As amizades do Aécio

     

    Fonte: Blog os amigos do presidente Lula

    Juca Kfouri: “Aécio Neves é amigo da turma que reduziu o futebol brasileiro a pó”

     O candidato Aécio Neves,  voltou a atacar novamente a  a presidenta Dilma e por tabela, o ministro Aldo  “O País não precisa da criação de uma ”Futebras”, disse o candidato tucano Aécio Neves,  entre outras besteiras, que nem vale a pena relembrar. Dilma   declarou que nunca disse e que  não pretende criar  Futebrás, O que ela quer  é,  dar condições para que nossos craques continuem no país. A presidente Dilma disse em entrevista que foi ao ar nesta quinta-feira, 10, pela emissora americana CNN que há necessidade de  “renovação” no futebol brasileiro e criticou o fato de o País exportar seus craques. O ministro do Esporte, Aldo Rebelo,  falou  na organização da modalidade, algo que mexeria também nas gestões dos clubes e no calendário.Nesse sabado, a presidente Dilma reforçou os comentários através do twitter

    Dilma que quer acabar com a ‘Futebrax’:Dilma afirmou que aqueles que “queriam transformar a Petrobras em Petrobrax desvirtuam, agora, a posição de apoiar a renovação do futebol”.
     
     Horas depois, de Aécio sair em defesa de Marin e Ricardo Teixeira, tido com dois corruptos na CPF, o blog do Juca Kfouri, explicou por que Aécio ficou nervoso com a declaração de Dilma. No post, “Aécio ama a CBF, Juca disse:

    Aécio Neves é amigo de José Maria Marin e o homenageou, escondido, no Mineirão.

    Deu-se mal porque o que escondeu em sua página na internet, Marin mandou publicar na da CBF.Aécio também é velho amigo de baladas de Ricardo Teixeira e acaba de dizer que o país não precisa de uma “Futebras”, coisa que ninguém propôs e que passa ao largo, por exemplo, das propostas do Bom Senso FC.Uma agência reguladora do Esporte seria bem-vinda e é uma das questões que devem surgir neste momento em que se impõe um amplo debate sobre o futuro de nosso humilhado, depauperado e corrompido futebol.

    Mas Aécio é amigo de quem o mantém do jeito que está.

    Não está nem aí para os que reduziram nosso futebol a pó.

  7. Por que ninguém levantou a

    Por que ninguém levantou a lebre antes dos 7 a 1?

    Qual o case de sucesso do governo administrando algo? Setor elétrico? Petrobrás? Obras de mobilidade para a Copa?

    Se o governo usar a base no Congresso e responsabilizar os presidentes dos clubes pela administração financeira dos mesmos, em lei e com penas “no bolso”, já seria um belo começo.

    A CBF é consequência da fragilidade financeira dos clubes, que são administrados por incompetentes com tempo disponível. Se não tivessem gestão irresponsável, os c ubes teriam voz ao invés de credores. Sem mudar os clubes  vão apenas trocar de coronel.

    Se você não tem como pagar o almoço vai pensar em consertar o telhado?

    É oportunismo de quem não quer resolver nada, quer apenas não ser atingido politicamente pela hecatombe.

    Dilma não tem nada a ver com o 7 a 1, assim como não teria se o Brasil fosse campeão, mas optou pela saída mais fácil, jogar no ventilador e tentar ficar em baixo da mesa.

    A bem da verdade, a oposição vai pelo mesmo caminho.

    E o pobre futebol que se dane…

  8. E O ESTADO ASSUME O FUTEBOL !!!!

    La vem mais uma investida de controle  total do  Estado , é exatamente esta  a ideologia  do PT o Estado controlando TUDO ,  é certo que o futebol precisa mudar tudo , mas  o estado não precisa estar controlando , ja basta o stado tentando controlar  a midia , as familias o STF  agora quer o Futebol , e não poderia haver  melhor momento para esta investida,  Nassif ,  voce esta valendo o que Recebe do PT , depois ainda  corneta. da Folha e Veja ..  nossa  essa foi  muito boa tentativa. 

  9. Ninguém vai responder a

    Ninguém vai responder a questão do Chico lá embaixo?

    Andrés, filiado ao PT, quando presidente do Corinthians, implodiu o Clube dos 13, que negociava em bloco, e acertou isoladamente  um acordo com a Globo.

    Andrés, que deve ao amigão Lula seu estádio e é candidato pelo PT, jogou todos no colo do Belzebu Midiático com sua atitude.

    Com problemas financeiros e menos apelo comercial, o que poderiam fazer os outros clubes?

    Armaram um negocião, o amigão do Lula roeu a corda e caiu no colo da Globo e da CBF, os outros ou iam ou morreriam de fome.

    Claro, o PIG e a oposição são culpados.

    E o Lula e o Andrés? Tudo foi por amor ao esporte? O PIG só é pig às vezes, até mesmo para o Lula…

     

     

    • A CBF já era corrupta antes disso!

      A CBF é a fonte de todos os problemas e ao mesmo tempo o principal obstáculo para o começo da solução.

      Se o futebol brasileiro fosse organizado em outros moldes, o Andrés não teria podido fazer o que fez.

    • A CBF já era corrupta antes disso!

      A CBF é a fonte de todos os problemas e ao mesmo tempo o principal obstáculo para o começo da solução.

      Se o futebol brasileiro fosse organizado em outros moldes, o Andrés não teria podido fazer o que fez.

    • Numa das ultimas entrevistas
      Numa das ultimas entrevistas do estadista genial publicadas aqui, disse assim: “eles (do Banco do Brasil) que se virem (para financiar a obra), o timão precisa de estádio”.

      A visão dele é de dois palmos à frente da testa, dedica-se mais do que qualquer outra coisa a faturar eleições. Um especialista.

      • Chrico,
         Não se faça de

        Chrico,

         Não se faça de desentendido, a estrutura do Banco do Brasil não funciona como você está imaginando, não jogue palavras ao vento, como se você entendesse de alguma coisa, não seja leviano!!!!

    • Clube dos 13

      A minha opinião, que coincide com uma multidão de pessoas aqui do nordeste, dentre quais conheço inúmeras, já está dita em comentário acima, do mesmo título. Uma das melhores coisas que nos aconteceu foi o fim do clube dos 13, perpetuador do status quo entre clubes do sul/sudeste. Falta afastar a Globo, que faz o mesmo.

    • e daí?

      O cara é amigo do Lula? E daí?  Isso não torna o Lula culpado.

      A globo botou muita grana na mão do cara para ele amarelar e tudo voltar a ser como sempre foi: globo mandando na CBF.

      • Vocês tem muita – MUITA –
        Vocês tem muita – MUITA – dificuldade de entender o peso das ações de um agente politico no curso natural das coisas.

        É como se essa pessoa, esse líder, um sujeito com poder de transformar as coisas, não tivesse qualquer responsabilidade sobre nada.

        Por isso a falta de vergonha ao dizer “e daí”.

        Não adianta discutir…

        • Seria algo como um
          Seria algo como um ex-presidente se referir a um certo banqueiro condenado como “brilhante”?

  10. .

    A comissão técnica tem sua parcela de culpa no fracasso brasileiro desta copa, mas o nosso futebol vem se defasando há muito tempo, mesmo antes de 1994, e isso é culpa da estrutura corrupta, mafiosa, que espremeu o esporte como se fosse uma laranja, até à última gota. É claro que, apesar de tudo, o país tem jogadores e condições de compor um time competitivo. Isso até a Costa Rica demonstrou que é possivel. Daí a possuir safras de jogadores que contribuam para que se jogue no país um futebol entre os melhores do mundo, sempre em condições de disputar títulos, é uma coisa muito diferente. 

    O mundo mudou, o futebol criativo e até então desconhecido nos detalhes na Europa, ficou sem segredos com o evento da globalização do esporte. O trabalho de base nos clubes, onde a técnica e a ginga do futebol é assimilada pelos jovens, está dilacerada e vilipendiada pelos agentes que levam os talentos ainda sem formação para o exterior. Nunca antes houve geração tão imatura de jovens sendo levada para fora do país. É um verdadeiro exôdo, o que ocorre. Boa parte destes jovens enfrentam problemas de toda ordem no exterior, inclusive existenciais. Os que passam na peneira podem tornar-se bons jogadores, mas não carregam experiência, a bagagem técnica e até emotiva que adquiririam jogando pelo menos alguns anos no Brasil. 

    Tudo isso aliado ao caos que é o futebol profissional no Brasil sempre resultará em desastres como o do 7 x 1 contra a Alemanha. 

  11. O petróleo é nosso!

    buenos

    se governantes políticos nacionalistas defenderam no passado… 

    [e continuam a defender no presente e no devir abissal]

    a histórica bandeira cívica: o petróleo é nosso! 

    por que não?

    o futebol também é nosso!

  12. Realmente o aecio tem razão:

    Realmente o aecio tem razão: O PT não se envolveu com o futebol…

    Por isso o futebol brasileiro está PSDB!

    É grana para quem está em cima e ferro para quem está em baixo!

    Isso não é sexo! É o psdb em ação…

  13. “No que tange à autonomia das

    “No que tange à autonomia das entidades desportivas, ao direito de livre associação e à não-intervenção estatal, tampouco assiste razão ao requerente. Seria até desnecessário a respeito, mas faço-o por excesso de zelo, relembrar a velhíssima e aturada lição de que nenhum direito, garantia ou prerrogativa ostenta caráter absoluto”
    Cezar Peluso no voto acolhido por unanimidade na ADI – 2937

    O relator acrescentou ainda que, na medida em que se define o esporte como um direito do cidadão, este se torna um bem jurídico protegido no ordenamento jurídico em relação ao qual a autonomia das entidades desportivas é mero instrumento ou meio de concretização.

  14. É a eleição.

    Quem foi que “patrocinou” (tentando tirar proveito político, evidentemente) a Copa no Brasil, dando salvaguardas totais a duas entidades corruptas como CBF e FIFA? Não foi a oposição certamente, foi o PT e Lula que desfilavam, mes sim mes não, ao lado de Ricardo Teixeira, Blatter, Marin, tudo com cobertura ufanista da PIG Rede Globo que agora virou culpada do fracasso do selecionado canarinho.

    Li hoje nos jornais que Joseph Blatter acho a Copa 2014 a melhor copa que já participou. Não está mentindo, teve recepção no Brasil petista de Chefe de Estado, teve atendido todos seus reclames, pista livre com batedores da Guarda Nacional para se locomover, alteração de legislação das Leis de Licitação, venda de bebida alcoólica nas Arenas e MDBs, se contentava com 8 estádios, o megalomaniaco Luiz Inácio do Brasil Potencia queria 17, fecharam em 12 . 

    Quem vai dizer que esta não foi a melhor Copa do Mundo para Blatter e a Fifa que semana que vem sai do Brasil com a burra cheia de dinheiro, e agradecendo a hospitalidade?

     

     

  15. E tome bola…

    Sinceramente, defender uma nova agência reguladora quando temos quase 40 ministérios e secretarias, inclusive de esportes, é, sendo benevolente, um tapa na cara de quem paga as contas. Já para “acabar” com a corrupção da CBF, aí é piada de mal gosto mesmo. Lembrando ainda que teríamos que ter, além da ANAFUTE, a ANABASQ, a ANAVOLEI, a ANA-odiaboaquatro.

    Regulamentar e fiscalizar qualquer atividade comercial, industrial, etc. já são prerrogativas de estado. Tal como fundações, ONGs, etc., federações e confederações podem e devem ser legalmente enquadradas. Se faltam leis, normas, etc., façam-nas, oras.

    A comparação com a DBF alemã “ligada ao governo”, como mencionado no outro post, é uma meia verdade. A DFB, como tantas outras confederações alemãs, é regulamentada e fiscalizada pelo estado (não governo) mas é financiada por seus associados (mais de 6,8 milhões) e por entidades privadas. O fomento se dá por incentivos fiscais para estas entidades privadas. E não tem nada de “otoridade” do governo meter o bedelho na definição de seus cabeças, como acontece nestas latitudes, normalmente como moeda de troca de apoio político.

    • Eu concordo plenamente, cara

      O Estado Brasileiro, com 3 mandatos de PT – teoricamente mais propenso a ação efetiva do estado – não tem ANATEL, ANS para assegurar o direito do cidadão em umas coisas óbvias, ANA(gua) para regular um descalabro nos serviços-concessão da Sabesp, para dizer o mínimo. Vai criar agência reguladora do futebol? Nassif, me desculpa, mas se fosse outro eu perguntaria se ‘are you on drugs ?’

      • Como?

        Vc acha que citar agências (des)reguladoras criadas por FHC para não funcionarem, é argumento contra a regulação no futebol brasileiro, dirigido por uma CBF corrupta?

         

        Regulação e fiscalização da receita neles,  incluindo emissoras de TV.

        • Se me permite eu

          Se me permite eu acrescentaria ao final de tua frase, para o rapaz do comentário.

          Cala a boca Magda.

    • nôa precisa criar nada além

      nôa precisa criar nada além do que uma secretaria no ministério dos esporte e gente por lá sem fazer nada não falta ou se contrata uma ONG para ser agência reguladora e organizar os times estatais, os quais seriam os únicos que paritcipariam em campeonato represetando o Brasil.

  16. Clube dos 13

    A CB Fe os clubes de futebol brasileiros precisam, sim, ser submetidos a uma legislação que os obrigue a funcionar como toda e qualquer instiuição privada no Brasil. Da forma que é hoje atuam livres, não prestam conta, muitas vezes dirigentes desviam em proveito próprio recursos clubes etc. Tudo isso nós já sabemos. A Lei Pelé, parece, deu mais liberdade e priorou tudo.

    Todavia, como nordestino, que não  torço por NENHUM time de sul ou sudeste, uma das melhores coisas que nos aconteceu foi a extinção do famigerado Clube dos 13. Falta-nos agora afastar, drasticamente se necessário, a influência da Rede Globo que, a exemplo daquele famigerado grupo, perpetua o cenário maléfico de clubes de primeira classe (os de sempre, que recebem milhões), os de segunda classe (que recebem migalhas) e o resto (que nada recebem).

    Do jeito que era com o famigerado Clube dos 13 e é com a Globo não faz sentido falar de Futebol Brasileiro. É mais futebol de um grupo definido por interesses econômicos e regionalistas. Aliás, até o governo Lula, não era só no futebol que era assim. Será esse um dos motivos pelos quais os poderosos, pessoal e regionalmente, o odeiam tanto?

  17. Luta requentada

    Essa queda de braço vem desde a criação do Estatuto do Torcedor (ou antes dele) que entre outras coisas prevê maior transparência e responsabilidade das organizações desportivas.

    O PP representando a fortíssima bancada da bola, através do seu advogado Vladimir Reale entrou com uma ação de inconstitucionalidade do Estatuto do torcedor, afirmando: “O Estatuto do Torcedor é uma lei “intervencionista e autoritária” e seria um “inequívoco controle externo” de entidades privadas.“[O estatuto] afronta, dentre outros, os postulados constitucionais da liberdade de associação, da vedação de interferência estatal no funcionamento das associações e, sobretudo, o da autonomia desportiva”

    O STF por unanimidade negou o provimento da Ação, seguindo o voto do relator Cezar Peluso:

    “O estatuto do torcedor tem o poder de colocar para escanteio a nefasta figura caricata do cartola, definido como dirigente, visto geralmente como um indivíduo que aproveita de sua posição para obter ganhos individuais e prestígio”

    “No que tange à autonomia das entidades desportivas, ao direito de livre associação e à não-intervenção estatal, tampouco assiste razão ao requerente. Seria até desnecessário a respeito, mas faço-o por excesso de zelo, relembrar a velhíssima e aturada lição de que nenhum direito, garantia ou prerrogativa ostenta caráter absoluto”

    O relator acrescentou ainda que, na medida em que se define o esporte como um direito do cidadão, este se torna um bem jurídico protegido no ordenamento jurídico em relação ao qual a autonomia das entidades desportivas é mero instrumento ou meio de concretização.

     

  18. Qual é o problema de ter

    Qual é o problema de ter implodido o clube dos 13? O clube dos 13 era uma organização mafiosa a serviço do São Paulo Futebol Clube. A sua extinção fêz um bem imenso ao futebol brasileiro. Agora, é hora de formar uma Liga Nacional forte, que gerencie o nosso campeonato e o transforme na verdadeira Champios League das Américas. Para tanto, já temos público suficiente , renda e artistas à disposição, não só do Brasil como da América Latina. É só trabalhar.

    • Não sabe nada da história do futebol Brasil!!!

      O clube dos 13 nasceu da sociedade entre Globo e futebol corrupto carioca, depois, entrou os corruptos paulista. Nasceu 1986/1987. O fluminense (minúscula mesmo) foi rebaixado. O Guarani Futebol Clube havia sido Vice e o SPFC Campeão. Criaram uma fórmula mágica (clube dos 13), o Vice Campeão Guarani foi disputar o módulo amarelo (uma segunda divisão disfarçada) e o Fluminense o módulo outra cor (uma série A). No final o 1º e o 2 de cada grupo disputariam o título. Os times do Grupo dos 13 no final não aceitaram e decretaram Flamengo Campeão, mas, por regras definidas antes do início do Campeonato disputaram a final e Sport foi Campeão e Guarani Vice. Assim começou o Clube dos 13 rebaixando um time   Vice Campeão e subindo um rebaixado no futebol, mas, honrando o futebol dentro de campo o Bugre foi Vice de novo… Aí veio as leis Pele e Zico e o Guarani que era um time sem dívidas e formador de jogadores, hj tem uma dívida de mais de 300 milhões e não forma nem continuo.

      • O Guarani Futebol Clube,
        O Guarani Futebol Clube, único Campeão Brasileiro do interior do Brasil (Campinas-SP), muitas vezes flagrantemente roubado nas quatro linhaa, eh a vítima símbolo desta tal Lei Pelé.

        A razão de ser do Guarani (revelar talentos) deixou de existir após esta lei que benefíciou apenas os famosos “empresários” do futebol.

  19. “A solução real é dolorosa:

    “A solução real é dolorosa: executar judicialmente essa dívida de R$ 4 bilhões. Muitos clubes vão falir. Grandes da Série A do Campeonato Brasileiro podem fechar as portas. O Brasil ficará melhor. Será pedagógico. Quem sobrar terá de pedir ajuda aos seus sócios. Serão cobrados a ter uma gestão mais profissional. Afinal, trata-se de uma atividade privada.” Fernando Rodrigues. Folha de São Paulo. 12/07/14

  20. (Nao entendi a referencia,

    (Nao entendi a referencia, alguem pode me dizer em 4 sentencas ou menos o que eh e o que aconteceu com o “clube dos 13”?!?!)

    • Ivan: leia

      Ivan: leia “http://copadomundo.uol.com.br/noticias/redacao/2013/04/16/kalil-afirma-que-andres-detonou-o-clube-dos-13-para-ganhar-itaquerao.htm”.

      Mas a conclusão é sua…

  21. coletiva um dia antes da Copa
    Lembram-se da coletiva de Neymar e Felipão em 11/06?
    Antes início o técnico agradeceuas mensagens de apoio da Predidente Dilma e Senador Aécio Neves.
    Por que?

  22. Posta dessa maneira fica mais

    Posta dessa maneira fica mais fácil debater a questão. Intervenção, regulamentação e implementação de medidas legais visando o saneamento de um organismo disfuncional como a CDF e outras federações e confederações, não é estatização. Esta ocorreria se: 1) O Estado absorvesse a gestão; 2) Houvesse a aplicação de recursos públicos de cunho orçamentários.

    Dado isso, é de supor que nesse trabalho de saneamento o governo busque atrair a iniciativa privada para suprir as lacunas indicadas. O que não é moralmente aceitável é o contribuinte receber mais encargos por conta de uma estrutura viciada em que muitos se cevaram. 

  23. Estão falando demais da CBF.

    Estão falando demais da CBF. É verdade que é um bando de incompetentes que quer somente continuar mamando nas tetas que nunca secam.

    Entretanto, para mim, o maior culpado do futebol ruim jogado no Brasil é outro. Chama-se Rede Globo.

    A corrupção no futebol é originada no dinheiro que a Globo paga aos clubes. Todos querem mamar. O futebol, ora, dane-se.

    Se quiserem mudar realmente o futebol no Brasil. teriam aprendido alguma coisa com a entrevista que o Paul Breitner deu à ESPN no ano passado.

    Pareceu arrogante, mas só falou verdades. Até a grama dos nossos estádios está errada.(não sei se nos novos estádios a grama é a correta.)

    Para o nosso futebol melhorar tem que rever o domínio desta empresa nefasta em todos os setores da vida brasileira.

  24. tá maluco

    não manda o time voltar, oscar começou na defesa defensor , luiz guastavo na frente, maluco de hospício, tem que tirar esse homem do comando agora no intervalo, poha

  25. Descobri o cúmilo da

    Descobri o cúmilo da viralatice. Estava olhando na sportfox, um programa de debates sobre o terrível futebol dessa seleção armada pela cbf e globo, quando escutei um  jornalisteco, dizendo que o Brasil deveria trazer treinadores de fora. Ainda bem que tinha alguns treinadores que mostraram a ele, jornalisteco, que os grandes países com seleções renomadas como a nossa(essa da cbf, não) não tinham técnicos de outros países, só as seleções sem expressão mundial é que optavam por contratar treinadores estrangeiros. Senhores; o jornalisteco, nem tinha percebido isso. É mole? Ficou com cara de paisagem e ainda teve que escutar que, no Brasil,l o futebol sobre muita influêcia das opniões desses vira-latas da imprensa, pois só valorizam a vitória e nunca permitem que um trabalho de anos seja efetivado.

  26. Parte do ESQUEMÃO são os

    Parte do ESQUEMÃO são os luctores e comentaristas como o narrador-chefe da GLOBO COM LINGUAGEM DE CAMELÔ da Praça Onze, exalta qualquer merda que lhe passa na frente, em enterro ele se entusiasma com o coveiro,   uma linguegem falsamente empolada, gongorica, exagerada e artificial, o pior locutor do planeta mas para a GLOBO o cuspidor deve parecer o maximo, muita gente não consegue ouvir, é uma ofensa aos timpanos, ele é a cara do ESQUEMÃO, velho, gasto, decadente, sem graça, o ESQUEMÃO que deve ser demolido começa na CBF e acaba na varzea.

  27. Regular mercado do futebol e mercado da mídia
    Apoio a tese do Nassif de se criar uma agência reguladora do mercado do futebol (ou do esporte profissional). Mas também tem de criar uma agência reguladora da mídia de mercado. 

  28. Corrupção?

    “…FIFA, CBF manobrando interesses gigantescos do marketing esportivo e dos direitos de transmissão montaram uma estrutura mundial de corrupção….”

    Então porque o PT trouxe essa copa para cá, seria possível explicar? Sim. Lula trouxe para o Brasil uma estrutura mundial de corrupção, palavras suas. Concordo.

    • Corrupção?

      Se voce tivesse razão no que fala, os dirigentes da CBF, não estariam fazendo campanha abertamente para o Aécio Neves…Me explica isso?

  29. Será que todo mundo esqueceu

    Será que todo mundo esqueceu o que o juiz fez com o time brasileiro no jogo com a Colombia? Tirem o Messi da Argentina. Tirem o Roben da Holanda. E tiraram o Neymar numa jogada que estava prevista. E desmontaram nossa defesa ao expulsar o Thiago Silva numa jogada que se repetiu a copa toda sem expulsões. O primeiro gol da Holanda nao foi penalty. O segundo inicia-se com o jogador impedido. Derrotar o Brasil faz parte de um jogo muito maior: AS ELEIÇÕES. É a unica chance que tem a oposição: a derrota da seleção ser de alguma maneira jogada no colo da Dilma. Quem costuma analisar o global e não o detalhe, pode começar a analisar o que aconteceu.

    • Resposta

      Voce deve ser daqueles contratado pelo PT para ficar defendendo na internet e olha que pelas as colocações não é só você, A culpa é do ET

      • Prezado Rogco

        Primeiramente coloco meu nome real e nao me escondo dcom apelidos ou nomes ficiticios. Segundo, sou brasileiro, e sei muito bem defender meu pais, antes de ser um dos atacados pelo complexo de cachorro viralatas que retorna triunfal. Se vc tem esse problema, aconselho um psiquiatra. 

    • Quer dizer que pra vc este

      Quer dizer que pra vc este timeco do Brasil é um timaço que foi vencido por uma conspiração FIFA-CBF-Globo-elite branca-PSDB?

      Vc realmente acha que com o Neymar em campo a gente não teria levado as duas surras que levamos? 

      Cegueira ideológica…

      • CONSPIRACAO

        A unica conspiracao aqui e desviar o assunto DO PIBINHO DE MENOS DE 1% ESTE ANO, DESEMPREGO EM ALTA NA INDUSTRIA, BALANCA COMERCIAL UMA DROGA E O SETOR ENERGETICO INDO PRO BREJO.

        • A Alemanha vai ganhar e por

          A Alemanha vai ganhar e por isso ela não precisa justificar a diminuição do seu PIB, como acontece tb com os Est. Unidos e com a China.  Sabe que eu li estes dias que a copa foi feita no Brasil somente para se desviar o assunto do Pibinho. Acredita? Li tb que o FHC até que tentou fazer uma copa aqui tb para desviar o assunto do desemprego no país em seus “belos dias” de governo, quando teve início a desconstrução de nossa indústria, devido ao dólar barato, acontecendo ainda um APAGÃO no país, pq se esqueceram justamente do setor enérgético, como ainda acontece em SP com a água do “Volume morto”

        • setima economia do mundo

          Para um desinformado, alguns dados:

          em 2012 Brasil 11a. economia. agora, 7a. Geracao de empregos nestes 12 anos: 40 milhoes. Divida externa: de 120 bi esta paga. Divisas acumuladas: 370 bilhoes DE DOLARES. Setor energetico gerando records, com Belomonte e tantas outras usinas ficando prontas, agricultura batendo records de producao. Caminhando para ser um dos maiores produtores de petroleo do mundo. E agora, investimentos maciços em educaçao. Durma com isso. Informe-se ou entao assuma seu candidato.

      • complexo de cachorro viralatas

        Pior cego é o que não quer ver. Tirar dois jogadores importantes não é nada? Marcar penalty inexistente aos 2 minutos de jogo é cegueira ideologica? O complexo de cachorro viralatas revive novamente. Complexo de cachorro viralatas volta com força total. Nelson Rodrigues deve estar se remoendo no tumulo.

        • A Selecao (com S maiusculo)

          A Selecao (com S maiusculo) de 1958 tirou do brasileiro o complexo de vira-lata. A selecao de 2014 esta devolvendo este complexo.  Milhoes de criancas brasileiros que assistiram esta Copa estao traumatizadas e vao ficar complexadas. A nao ser Camaroes TODOS os outros times contra os quais o Brasil jogou deram um banho de bola nesta selecao ridicula. Thiago Silva foi totalmente envolvido hoje e no lance do penalti irregular ja deveria ter sido expulso. Neymar foi outro que nao jogou porcaria nenhuma. Limite-se ao babaovismo pro PT porque de futebol vc nao manja nada…

        • A Selecao (com S maiusculo)

          A Selecao (com S maiusculo) de 1958 tirou do brasileiro o complexo de vira-lata. A selecao de 2014 esta devolvendo este complexo.  Milhoes de criancas brasileiros que assistiram esta Copa estao traumatizadas e vao ficar complexadas. A nao ser Camaroes TODOS os outros times contra os quais o Brasil jogou deram um banho de bola nesta selecao ridicula. Thiago Silva foi totalmente envolvido hoje e no lance do penalti irregular ja deveria ter sido expulso. Neymar foi outro que nao jogou porcaria nenhuma. Limite-se ao babaovismo pro PT porque de futebol vc nao manja nada…

          • Ai meu Deus!   MIlhoes de

            Ai meu Deus!   MIlhoes de crianças traumatizadas!!!   Não sei o que fazer com meu filho de 9 anos!!!  Ele nunca mais vai ser o mesmo depois dessas derrotas.  Vou ter que mudar meus planos para seu futuro.

            PS:  antes que alguém leve a sério, ele está alegremente na piscina, apesar do frio.  Nem aí com copa ou futebol…

  30. Jogo de cartas marcadas

    A máfia  CBF – FIFA  –  Globo  conspiraram pra que o desempenho do Brasil fosse aquém de suas possibilidades, dai que deixaram de fora jogadores veteranos com experiência de outras Copas, a Alemanha tinha 6….quem eh mesmo esse jogador chamado Bernard que nào parava de chorar nos pés do Felipão em pleno jogo contra a Alemanha, o de hoje nem vi…Esses árbitros da FIFA são uma vergonha, deixaram impune o colombiano que quase deixou paralítico o Neymar, e hoje foi marcado contra o Brasil um pênalti sem justificativa,…É o vale tudo para derrotar Dilma nas eleições e eleger o Arrocho Neves

  31. Vamos começar tudo de novo,

    Vamos começar tudo de novo, garotata esse é a bola, bola essa é a nossa garotada, sem Felipões, Murtosas e Parreias, e os velhinhos da CBF que partam para bem loge do Brasil! 

  32. O Diogo Costa fez uma análise

    O Diogo Costa fez uma análise que me parece muito próxima da realidade.

    As estruturas do futebol, aqui e lá fora, são corruptas e maléficas. No Brasil, o controle midiático, representado pela Rede Globo, é igualmente perniciosa ao futebol.

    Mas a seleção brasileira de 2014 é, apenas, ruim. Não há técnico no mundo que possa transformar um elenco mediocre num campeão mundial. Até já aconteceu antes, mas não é o habitual.

     

  33. Governo e Futebol

    AGORA que nós passamos este vexame indizível em casa o governo diz que acordou e quer ajudar o futebol brasileiro. Nestes 12 anos eu vi os governos do PT perdoarem dívidas bilionárias de ditadores africanos. Eu vi o Evo Morales surrupiar uma refinaria da Petrobrás na Bolívia e o Lula dar razão a ele. Eu vi negócios mal explicados envolvendo a Petrobrás, como a Pasadena e a refinaria “bolivariana” do Recife que já sorveu uma fortuna e não sai nunca. Vi bilhões e bilhões serem gastos irresponsavelmente. E eu vi os governos do PT não fazerem NADA pelos clubes brasileiros.

    Parece que não viram que a matriz do futebol brasileiro é o clube. É ele quem cria o gosto pelo esporte, é ele quem revela jogadores, é ele quem movimenta e motiva o futebol. TODOS os grandes clubes brasileiros estão no buraco e sem grana. Colocam times ridículos em campo. Boa parte destas dívidas é com a União (Imposto de Renda, dívidas trabalhistas etc.) . É claro que precisa-se criar uma lei de responsabilidade que impeça a má-gestão dos clubes, mas se o governo quiser realmente refundar o futebol brasileiro tem que perdoar as dívidas dos clubes. Recomeçar do zero.

    Desculpe, me enganei: nestes quase 12 anos de PT houve um gesto a favor dos clubes: o Itaquerão, que o Lula num misto de falta de ética, tráfico de influência e mesquinhez construiu pro Corinthians com o dinheiro de todos os brasileiros. Um verdaddeiro chefe de Estado não deveria beneficiar diretamente seu time de coração…

    • Pois é, sr. Paulo, depois que

      Pois é, sr. Paulo, depois que o PT entrou no governo, todas as catástrofes apareceram, não é? O sr. está mt bem treinadinho, muito melhor do que a seleção brasileira e todos os times do nosso país. Meus parabéns ! Uma grande análise a sua. Será que foi o Merval Fardado quem lhe ditou ? Só pode !

      • Depois que o PT entrou no

        Depois que o PT entrou no Governo houve 3 Copas: a do Zidane (2006), a do Schneider (2010) e a do saco de pancadas (2014). Eu acho nosso desempenho na era PT uma catastrofe. Isto pra nao falar das derrotas nas Olimpiadas… Os clubes brasileiros devem uns R$ 4 bilhoes. So UM ditador da Africa teve uma divida de R$ 1,9 bilhoes perdoada. Nao ha recuperacao possivel pro nosso futebol que nao passe pelo fortalecimento dos clubes. O resto e conversa pra boi dormir. Os clubes no Brasil estao vivendo da grana que a Globo da pra eles. Se nao fosse a Globo muitos teriam fechado as portas.

      • Depois que o PT entrou no

        Depois que o PT entrou no Governo houve 3 Copas: a do Zidane (2006), a do Schneider (2010) e a do saco de pancadas (2014). Eu acho nosso desempenho na era PT uma catastrofe. Isto pra nao falar das derrotas nas Olimpiadas… Os clubes brasileiros devem uns R$ 4 bilhoes. So UM ditador da Africa teve uma divida de R$ 1,9 bilhoes perdoada. Nao ha recuperacao possivel pro nosso futebol que nao passe pelo fortalecimento dos clubes. O resto e conversa pra boi dormir. Os clubes no Brasil estao vivendo da grana que a Globo da pra eles. Se nao fosse a Globo muitos teriam fechado as portas.

    • ocupado

      o governo esteve ocupado em tirar mais de 36 milhoes de pessoas da pobreza, reduzir a mortalidade imfantil, fazer prouni, ciencia sem fronteiras,  mais medicos, habitaçao popular…

  34. A malandragem ideológica

    O Brasil foi roubado. Não jogou bem, mas foi roubado. O primeiro gol holandês foi de pênalti inexistente; no segundo, o jogador que cruzou a bola esta impedido e, no terceiro, tomaram a bola de Oscar fazendo falta, que o juiz ignorou. E deixaram de dar pênalti escandaloso sobre Oscar. Bem disse Scolari, depois: o juiz poderia ter expulsado Thiago Silva no primeiro gol, que a coisa ficaria mais a contento do que foi acordado.

  35. Seleção que não tem jogador

    Seleção que não tem jogador do Corinthians não ganha título,isso é fato histórico.

  36. Vivenciamos o que se denomina

    Vivenciamos o que se denomina de “era da globalização”. Alguém aí em cima postou que, sob o dogma de se importar Treinadores de Futebol estrangeiros, as potências futebolísticas européias não o fazem. Assim exposto, em primeira plana, parece em desalinho com esses tempos. Todavia não o fazem verdadeiramente, porquanto contam com a matéria-prima adquirida na bacia das almas, que são os atletas, imberbes ainda, das ex-colônias, o que tem enriquerico sobremaneira os capitalistas do velho Continente e os marajás sauditas, e bem assim gananciosos empresários (sic). Assim é fácil deitar cátedra contando-se com atletas “top de linha”, tipo Messi, Neymar, Romário, Rivaldo, os Ronaldos, Mazinho, e outros que tais. O cerne da questão desse lamentável quadro é a evasão dos melhores atletas, coisa de colonizado, na medida que isso não ocorre apenas no futebol: aconteceu com os Dentistas brasileiros que migraram para Portugal: com os Programadores de Computador idem, em 1999/2000, para suporte na NASA; com os melhores trabalhadores (construção civil, etc.) patrícios que vão para os EUA e Europa, inclusos aqueles para trabalho não-qualificado. A questão é a manutenção das promessas de craque no Brasil. Temos a Fundação Getúlio Vargas, o BNDES, a Escola Superior de Propaganda e Marketing, o SESC/SENAC, a OAB Nacional, uma ampla rede escolar em todos os níveis, além da Escola de Educação Física do Exército, a várzea. Voce anda pelas ruas, praças, shopping-centers, etc., e vê um “exército” de jovens (que saudades do tempo em que se dizia que o Brasil era um País de jovens!). Outrossim, ao volver o olhar, constatata-se que a autoridade brasileira é grisalha, por isso avessa à capacidade dos que não o são ainda. Exemplo maior é o do Sr. Presidente atual da CBF e o do que lhe sucederá. Fechem os olhos e imaginem um Congresso Nacional mesclado de “black-tie” e jeans; de suspensórios e “T-shirts”; de sisudos “seguranças” e a descontração do “skate”. Outros serão os tempos quando se congraçarem a experiência e os hormônios.-

  37. Impedimento

    Na minha curta existência já vi várias CPIs do futebol, da CBF e outro grande número de investigação da CBF quanto a times e cartolas, porém nada nunca mudou. Ai veio a lei pelé que foi vendida como um avanço, principalmente para os jogadores que eram tratados como produtos. Nada mudou, tanto que está ai O Bon Senso F.C. para mostrar que o jogador é o protagonista e também vítima dos cartolas, dos grandes clubes, dos patrocinadores destes e da Globo, sim, a Globo, como já disse o Sanches, “é uma máfia” Resultado de todo este descaso é o futebol se transformou em um negócio muito lucrativo, para cartolas, mídia, empresários, oportunistas e até para o jogadores pintados de craques, o público, este que é a razão do futebol existir, o espectador, o torcedor, este é o trouxa que chora os 7×1 e agora 3×0 dos times adversários. Se para melhor tem que estatizar. Estatiza!

  38. Caro

    Caro Nassif;

                          A Petezada chegou ao Poder Central em janeiro de 2003, ora, ora, ora de lá pra cá nada fez para moralizar o esporte que tanto divulgou nosso Brasil perante ao Mundo. Agora, tanto o criador(Lula) e sua criatura(Rousseff) diante do V-E-X-A-M-E da Copa das Copas, começam suas cantilhenas Petista, na tentativa de tentar salvar o tal projeto de perpetuação no Poder Central. A Seleção Alemã e hoje a Seleção Holandesa fizeram um DESPERTAR para todos os brasileiros. Se nossa medíocre seleção continua contando com o fator sorte e se sagra campeã. Toda lambança que envolve a Copa das Copas, iria para debaixo do tapete governamental. E tudo seria esquecido. Agora diante da desastrosa performance do padrão Felipão, que até recentemente era elogiado pela criatura(Rousseff), tanto que chegou a dizer que: “O governo era padrão Felipão.” Perdeu um chance de ficar calada a criatura(Rousseff), espero que o criador(Lula) reflita. PT NUNCA MAIS!!!

    • Sabe de nada,

      Sabe de nada, inocente.

      Delmo, se você não sabe, explico-lhe: Quem cuida da Seleção é a CBF, entidade privada, e não o governo, tá??? Devem ser imputadas à CBF todas as mazelas referentes ao futebol. E a FIFA proibe a interferência de governos na gestão do futebol, sob pena de descredenciamento da confederação do país.

      Quanto à realização da copa, foi um serviço da FIFA, também entidade privada. Coube ao governo, propor o projeto de lei que viabilizou a copa, investimentos na área de mobilidade(terrestre e aéreo) e o financiamento com recursos do BNDES aos projetos principalmente dos estádios(tudo privado, cujos financiamentos são devidos com juros). E olha que tudo correu muito bem. Manifestações, só um arremedo. E o ganho que o Brasil teve foi enorme(comércio, empregos, turismo, impostos, etc.).

      Agora, o seu problema parece ser político, né? Então, faz assim: Vota no Aecin!!! Eu sou de Minas, conheço a peça muito bem. Aliás, ele nem vem ao Estado, mora no Rio. Mas prepara o rabo,pois se ele ganhar vai arder!!! Depois não reclama!!!

       

       

       

  39. Ayn Rand

     

    Que o homem deve definir seus valores e decidir suas ações à luz da razão;Que o indivíduo tem direito de viver por amor a si próprio, mas pode desempenhar seus trabalhos, com suas próprias forças, para melhorar tanto a sua vida quanto a do que os rodeiam, ainda que indiretamente, sem ser obrigado a se sacrificar pelos outros e sem esperar que os outros se sacrifiquem por ele;Que ninguém tem o direito de usar força física para tomar dos outros o que lhes é valioso ou de impor suas ideias sobre os outros.

  40. como já foi dito e

    como já foi dito e redito,repito: todo esse processo de desatravancar o futebol brasileiro, acabar como esses entulhos conservadores e autoritários de cbf etc e tal, deve começar com a rededemocratixação dos meios de comunicação no país.

    é indmissível que a globo monopolize as transmissões de futebol a hora que bem entende – só depois da novelinha das nove, viu, seu incauto? -, que faça e desfaça da estrutura desse esporte, afinal de contas ninguém será contra as “exigências” da globo por questão de sobrevivência e por terem plena consciência de que ela manda e desmanda, aliás, como já ocorre em outras esferas institucionais

    – nenhum congressista tomará alguma providência que fira os interesses da emissora e todo mundo viu o que aconteceu no caso do julgamento do famigerado mensalão, o batman barbabosão dando rasteiras na lei e voando sobre a jugular dos adversários históricos do esquemão corvo-abutrre-urubudenista que ajudou no suicídio de vargas, na derrubada de jangoulart e na tentativa de derrubada de lula e na atual perseguição política aos trabalhistas e aos movimentos populares.

    são esses esquemas entulhantes que devem ser removidos da nossa vida institucioinal e por isso a coisa pega bem mais encima, cara – isto é, é necessária uma reforma política ampla que atinja todos os setores da vida pública e privada  brasileira se quisermos que haja realmente uma democratizção profunda do brasil…..

    o resto é papo de mesa redonda….

  41. FALTOU A CEREJA DO BOLO!!!

    Boa Noite Nassif e demais comentaristas.

     

    Como sabemos, a CBF é uma entidade privada desde a extinção do CBD, na época da ditadura. É Privada, mas como bem está no seu post, não é capitalista na acepção da palavra. É mais ou menos um “domínio de Mercado” sem nenhum tipo de concorrência. E Olha que a FIFA não aceita ingerência de governos na gestão do futebol… é uma verdadeira caixa preta.

    Também sabemos que, apesar de apolítica, a CBF é dominada por políticos, melhor, politiqueiros da pior espécie. Acho que nem preciso citar nomes, né? E vejam que passou várias décadas dominada pela dinastia Havelange. De João Havelange a Ricardo Teixeira… tudo farinha do mesmo saco.

    Constatamos também que esses “politiqueiros” são primários no que se refere à competência: Enquanto os alemães se prepararam por seis anos a CBF amontoou os jogadores de vez em quando e nem disputaram as eliminatórias. Já, já chegam os jogos olímpicos e a nossa seleção estará aí novamente improvisada como sempre. Tudo esteve a favor do Brasil: torcida, clima, menos os dirigentes… porquê sera?

    Quanto à realização da copa, foi um verdadeiro tapa de luva nos urubólogos e no pregoeiros do apocalipse de plantão. Tudo muito bem realizado, ótimos estádios, a docilidade do povo brasileiro aplacou a sanha dos bandidos mascarados, que demonstraram preferir o circo à guerra.

    Certamente os visitantes irão levar na bagagem tudo de bom que aqui encontraram: o carinho e hospitalidade do nosso povo, nossos lugares maravilhosos, nossa comida inigualável, e uma vontade enorme de um dia retornar às terras tupiniquins. E trarão mais alguém consigo.

    Para o Brasil, a realização da copa representou uma alavancada enorme na economia, tanto pelos empregos criados, passando pelo incremento no comércio de produtos e serviços, quanto pelo projeto que o Brasil pode desenvolver a partir da copa, tais como perenizar as receitas com o turismo, já que foram abertas as portas, bem como promover uma merecida melhoria na qualidade de vida de nossos cidadãos, não deixando perecer a qualidades das estruturas geradas e continuando a execução das obras principalmente na área de mobilidade e segurança. Ao que parece, a “economia da copa” salvou o nosso PIB.

    Resta ao governo intervir na medida do possível no futebol, procurando regular as transferências dos nossos jogadores, que nos deixam no início de sua vida profissional. Nisso a lei Pelé atrapalhou muitíssimo. Faz-se necessário a criação de um imposto sobre a transferência dos jogadores que possam coibir os abusos que hoje verificamos. Deve-se valorizar os clubes, onde tudo se inicia, isentando pagamento de impostos aqueles clubes responsáveis pela formação de nossos jovens e equalizando a impagável dívida tributária existente atualmente. Deve-se valorizar também a gestão profissional.

    O Brasil melhorou muito com a copa… só faltou a cereja do bolo…

    Abraços a todos.

     

     

     

  42. “4.  Reformulação passa por

    “4.  Reformulação passa por definir futebol como política pública. Ou seja, criar uma agência reguladora, acabar com os abusos de poder econômico da CBF, impor uma lei fiscal para os clubes, definir uma legislação que liquide, de vez, com o poder corrupto da CBF, acabar com a eternização dos dirigentes esportivos e coibir a cooptação esportiva nas eleições da entidade.”

    Sugiro um sarro na política pública:

    4.1 Definir Futebol como política pública – espionar o programa político da Argentina se ela ganhar a copa.

    4.2  Criar uma agência reguladora para CBF – copiar a fiscalização nacionalista do BACEN.

    4.3 Impor uma lei fiscal para os clubes – superávit primário para ingressos tipo jogos padrão FIFA – na medida dos acionistas estrangeiros com os clubes.

    4.4   A legislação que liquide o poder corrupto da CBF – seria como acabar com o COPOM no molde de fase dos bancos associados.

    4.5  Coibir a coaptação esportiva nas eleições da entidade – Contratar a família Felipão para apurar denuncias de zoação da Argentina contra o esquema da seleção.

  43. Esse PSDB e seu candidato
    Esse PSDB e seu candidato (Aécio Neves Jackson) não prestam mesmo… Defenderem essa tralha corrupta que por anos comanda a CBF e federações, e essa desgraçadaa parceria Globo – CBF, que está destruindo nosso futebol, é de uma cretinice sem limites.Depois os tucanos ainda não sabem porque o povo os quer longe do governo.

  44. Futebolbras e outras abobrinhas

    Ouvi algumas ingenuidades e platitudes sobre intervenção estatal no futebol e não vi ninguem defendendo a CBF. Desde criancinhas sabemos da corrupção que envolve CLUBES nacionais e internacionais, CBF, Federações Estaduais e a propria FIFA. Rolou grana pesada na definição das Copas 2018 na Rússia e 2022 no Catar. Aí deve ter entrado também  poços de petrólero pois o país tem apenas 1,6 milhão de habitantes. Construirão estádios monumentais que depois servirão para corridas de camelo e festas do peão de dromedários.

    A CBF e as Federações têm uma conformação jurídica (com as mesmas regalias tributarias das Fundações, Associações, Santas Casas, Ongs, Sindicatos, etc.) que as deixam imunes a imposto de renda e a ingerências do Governo. Aí é que está o nó. Teóricamente, a CBF não visa lucros, não distribui dividendos e não pode ser enquadrada no regime tributário das empresas convencionais. E faz a maior esbórnia com o que arrecada; nesta copa só 9,6 milhões para o Felipão e mais uns 40 milhões para os 23 operários. Parreira e Murtosa não sei. Se o Governo se meter a controlá-la,  a FIFA descrendencia o País e não participaremos de Copas ou qualquer competição internacional.  

    A FIFA explora o futebol porque esse esporte é uma máquina de fazer dinheiro como o basquete ou o golfe nos EUA e fatura com o licenciamento da transmissão MUNDIAL. Num sistema capitalista compra tem bala na agulha e consegue repassar esse custo (a Globo vendeu 8 cotas de patrocínio a +- 200 milhões cada). A Bandeirantes comprou da Globo os direitos de retransmissão e, obviamente, os vendeu a patrocinadores. A Record não transmitiu porque o cofres da IURD estão secando ao ritimo do reservatorio da Cantareira. As outras emissoras não têm caixa. Gostemos ou não das duas emissoras, foram competentes e nos permitiram usufruir do espetáculo. 

    A Copa que amanhã termina foi um sucesso e mostrou o Brasil ao mundo. O Governo fez o possível em termos de infraestrutura e o que ficou incompleto será concluído em pouco tempo. E isso pouco importa pois a tevê mostra somente as modernas arenas (agora é moda) e não os entulhos. O planejamento, a logística e a organização são méritos da FIFA e da CBF que inegavelmente entendem do assunto.

    O Brasil fez uma péssima campanha. Na fase de grupos: empate sem gols contra o México, vitoria injusta contra a Croácia e passagem fácil sobre Camarões surpreendentemente fraco. Foi sem grandes méritos para as oitavas de final, empatou e ganhou nos pênaltis do Chile .Nas quartas de final ganhou apertado e não convenceu contra a Colombia. Nas semifinais provou o chocalate frio e desmoralizante da Alemanha. Pensei que na final o time resgataria os brios pelo 3º lugar. Enganei-me. Provou que estava despreparado e sem entrosamento. Levou um passeio da Holanda confirmando sua inconsistência técnica para todos os brasileiros que torcem para a Seleção e para mais uns 30 partidos.

    O interessante é que essa derrota não confere dividendos políticos a ninguem. Até poderia, em caso de vitória. Mas não custa observar que em 2002 o governo de plantão perdeu a eleição com o Penta. Mantida a superstição, diante dessa derrota, os petistas podem botar o burro na sombra.

    Bem, nosso negócio agora é degustar os chocolates alemão e holandês e mandar o Felipão tomar na cuia o seu chimarrão gaucho.

  45. FIFA/CBF/REDEGLOBO X GOVERNO/POLÍCIAS/MÍDIAS ALTERNATIVAS

    A copa já estava perdida muito antes do time entrar em campo. Mesmo assim faturamos a copa das copas. Esse sim um grande feito reconhecido pelos turistas e mídia internacional.

    Agora, o gol de placa foi e ainda será contra a FIFA.

    O desbaratamento da antiga e sofisticada QUADRILHA INTERNACIONAL , com interesses das poderosas CBF,GLOBO e CIA LTDA, que foi elogiado pelas melhores polícias do mundo. É o CERNE DA QUESTÃO.

    Com empenho do governo, da justiça e de orgãos internacionais. Aí sim, faremos história.  Nesta elaborada estrutura, minuciosamente interligada, uma carta já foi puxada. É só dar continuidade e não deixar a POLÍCIA SUCUMBIR. 

     

  46. Falar é fácil. É só abrir a

    Falar é fácil. É só abrir a boca e fala-se o que bem se entender, mesmo não entendendo do que está falando.    É 

    muito se falar em  “SE”  mas, se a seleção brasileira tivisse vencido a copa,   tudo era festa e ninguém ia falar em 

    mais nada que não fosse a  “maravilhosa vitória dos canarinhos”  nas nossas  maravilhosas   “arenas”  novinhas 

    que custaram bilhões e, quem sabe, amanhã estarão como  o  Engenhão que, alias,  leva o nome de um  senhor

    -VIVO – sem aspas e com aspas – que até a FIFA o desprezou – mas aqui é homenageado – .  Sabem  uma notícia 

    que  – “a secretaria de educação da Bahia estuda mudar o nome de um colégio  estadual que leva o nome de um 

    ex-Presidente da República, para o de um g u e r r i l h e i r o – “. O ex-Presidente era um General dos itempos dos

    militares de 64… É o novo Brasil.  E o ex presidente da CBF,  por  qual motivo não está sendo processado? É tudo

    muito extranho… Outros,  com crimes até bem mais pesados estão livres e nem pensar em diminuir  idade para a

    responsabilidade  criminal.   O  governo  vertou  até  o  estudo  da  hipótese mas, com 16 aninhos o jovem já pode 

    eleger o  Presidente da República  mas ser processado por crimes previstos no  Código Penal,   isso pela lei não

    é permitido.   Ele  é  capaz  de  ter  discernimento  para  escolher o seu Presidente mas não tem  capacidade para 

    estender que não deve matar, roubar, traficar etc, etc…    Vamo ver se ao menos eles pintam o rosto e saem pelas

    ruas e avenidas  – pacificamente –  pedindo mais uma dezenas de coisas que foram esquecidas ou relegadas  a

    a segundo plano. Obrigado Felipão, obrigado Fred. Quem sabe amanhã seus nomes sejam consagrados? Deus

    é pai, não é padrasto!…

     

     

    • Caro Antonio,  este time

      Caro Antonio,  este time vencer a Copa do Mundo seria (como foi) impossivel.  Culpar a FIFA, aCBF, a Globo, federacoes etc. neste momento e tao patetico quanto a Copa do Fred.  O Brasil so voltara a ser forte no futebol quando seus grandes clubes forem apoiados por quem deveria apoia-los (o Governo, e nisto PSDB e PT falharam).  Com clubes fortes e capitalizados voltaremos a ter craques. Os clubes vao parar de exportar jogadores e nao vao mais ter que comer na mao da Globo. Se como dizem nos temos a 7a economia do mundo existe espaco pra se recuperar nossos clubes.

      • Quem ganha não quer mudar.

        Os clubes não vendem jogadores para ajustar suas finanças, eles vender para a Globo, narradores (Galvões da Vida), empresários, jornalistas e dirigentes se darem bem.

        Eles comem na mão da Globo pelo fato disso ser bom para eles.

        A Globo está exaltando a Alemanha, mas não diz que lá não existe treino de seleção, em plena Copa do Mundo, fazendo intervalo para gravar programa televisivo, 

        O principal culpado (não o único), pelo fracasso do futebol é esse Esquema Globo de Televisão, que não faz autocrítica.

        O Dunga não tinha minha simpatia com sua convocação cheia de volantes defensivos (o que não era o caso do Felipão), mas foi redimido pela história, pois ele perdeu para o vice-campeão (coisa que a Alemanha ainda pode vir a ser) e por apenas um gol de diferença, mas destruiram o que de melhor ele nos deu, seriedade no trabalho e comprometimento, apenas por não favorecer esse esquema.

        • Se vc realmente acredita

          Se vc realmente acredita nisto, estamos perdidos.

          O Flamengo tem 35 milhões de torcedores e vai ser rebaixado este ano, porque está asfixiado financeiramente. Deve R$ 750 milhóes (menos da metade que a dívida que a Dilma perdoou do Congo ou da Guiné, sei lá) e uma diretoria responsável assumiu o clube e está pagando dívida após dívida.

          Esta diretoria não tem a chance de recomeçar do zero. O ditador da África tem.

          A culpa é da Globo (que injetou uns R$ 40 milhões no Flamengo em 2013).

          Bye, bye…

           

        • Se vc realmente acredita

          Se vc realmente acredita nisto, estamos perdidos.

          O Flamengo tem 35 milhões de torcedores e vai ser rebaixado este ano, porque está asfixiado financeiramente. Deve R$ 750 milhóes (menos da metade que a dívida que a Dilma perdoou do Congo ou da Guiné, sei lá) e uma diretoria responsável assumiu o clube e está pagando dívida após dívida.

          Esta diretoria não tem a chance de recomeçar do zero. O ditador da África tem.

          A culpa é da Globo (que injetou uns R$ 40 milhões no Flamengo em 2013).

          Bye, bye…

           

    • Querido Olavo de Carvalho

      Parece que aproveitou um novo tema, que julgávamos desideologizado, para desfiar sua ladainha conservadora. Depois do adoçante da Pepsi, da física da relativade e da origem abiótica do petróleo, agora é o futebol.

      De futebol mesmo, só a platitude: “SE o XV de Novembro tivesse ganho o título mundial, Piracicaba estaria em festa”.

  47. Agora estão vindo com esta

    Agora estão vindo com esta história de trazer técnicos de fora para dirigir nossa seleção , eu pergunto : Quem ganhou mais títulos até hoje ? Como ganhamos estes títulos ? Qual foi a seleção que encantou o mundo , com um futebol brilhantre e criativo e porque não dizer moleque?Fomos nós , com Garrincha , Pelé , Rivelino ,Ronaldo e Ronaldinho , Gerson canhota , Clodoaldo e tantos outros craques fora de série . Não podemos abandonar nosso estilo de jogar e querer copiar o futebol mecânico dos gringos que mais parecem robos . O nosso futebol deve ser comandado por quem jogou bonito e por ai temos muitos ex campeões que podem contribuir para o nosso futebol voltar a brilhar e sem necessidade de trazer gringo da sintura dura para ensinar futebol mecanico para nossos garotos .

  48. A culpa é da CBF e STJD.

    Apesar da mídia estar massacrando o técnico Felixão, ele não é o único e muito menos o maior culpado pela vexame do Brasil no mundial. Particularmente não gosto da figura do Felipão, seu caráter duvidoso, muitos aqui devem lembrar dele chamando o Edilson de macaco e pedindo aos jogadores do Porcu para sentarem a botinada.

    Mas ele não é a maior, ele é a ponto do iceberg chamado esquema CBF / STJD, esses sim são os responsáveis pela indecência e ingerência do futebol nacional.

    Hoje jogadores vão para a seleção não porque são os melhores e sim porque há pressão de empresários para que esses estejam lá, porque a cúpula da CBF tornou o futebol brasileiro um balcão de negócios. Isso não fica só na seleção principal ou nas seleções das categorias de base do Brasil. Vejam o escândalo do ano passado quando o esquema CBF / STJD manteve o Florminen-c na primeira divisão no grito, ali foi o momento que chegamos ao fundo do poço.

    Todos aqui sabemos que esse esquema visa proteger os clubes que fazem parte da cúpula do mal, inclua ai os clubes do Rio de Janeiro e o SPFW.

    A arbitragem é a foice que esse esquema utiliza para derrubar os clubes que não fazem parte dessa máfia, são dois pesos e duas medidas, para os times protegidos pelo esquemão, escanteios, penaltis e faltas inexistentes são inventados, cobranças de lateral são invertidas, basicamente o trio de arbitragem é o décimo segundo jogador do time protegido em campo.

    O problema não está na formação dos nossos atletas, muito pelo contrário, o campeonato de base que o Corinthians participou recentemente em Madri mostra exatamente isso, perdemos a final para o Real Madrid mas jogamos de igual para igual, com obediência tática, mudança tática durante a partida e pecamos nas conclusões.

    Esqueçam a formação do atleta, o problema é a corrupção no sistema inteiro, muitos atletas que poderiam vingar no futebol ficam fora porque os atletas de empresários, filhos e parentes de diretores entram na frente da fila roubando a vaga daqueles que tem o dom de jogar futebol e não o Q.I. (Quem indicou).

    Vejam o exemplo dos Alemães, a base da seleção deles é do melhor time do país deles, o Bayern, sendo assim, pelo menos 6 jogadores já estão entrosados. E a campeã anterior, Espanha usava o mesmo conceito, trazia a base de uma equipe vencedora.

    Quando o Pelé disse que a base da seleção brasileira tinha que ser o Corinthians, por estar jogando o melhor futebol do Brasil naquele momento a mídia caiu de pau nele, mais pelo ANTI Corinthianismo que pela razão, deveria ser utilizado o entrosamente da principal equipe do país como base para a seleção, lembrando que nossa equipe foi campeã invicta da Libertadores, sofrendo a menor média de gols da história da Libertadores e não vimos nossos defensores serem convocados. Se fosse uma equipe protegida pelo esquema da CBF / STJD, certamente teriam sido convocados.

    Esses amistosos que a seleção brasileira faz mundo afora contra equipes insignificantes e que não testam nossa força e só servem de base para alimentar os corruptos desse esquemão é outro problema que leva nosso futebol a ficar atrasado em relação aos outros, sem entrosamento e sem medir forças com os favoritos, nunca chegaremos a lugar algum porque há necessidade de saber jogar contra as outras escolas e no jogo contra a Alemanha e Holanda ficou muito clara essa falta de experiência como equipe, esqueçam valores individuais.

    A base da seleção brasileira tem que voltar a ser dos jogadores que atuam no Brasil, ganhamos 4 Copas do Mundo dessa forma, é preciso colocar um limite, somente jogadores muito excepcionais que estejam no exterior poderiam ser convocados, ainda acho que uma defesa como a do Corinthians não tomaria 7 gols da Alemanha, iriam dar chegar junto, iriam ter vergonha na cara o que esses estrangeiros não tem, já receberam a grana pela participação, fizeram um teatro e foram embora gastar a fortuna, ninguém aqui vai ficar pegando no pé deles diariamente.

    Duvido muito que esse Júlio Cesar seja melhor que o Cássio, sob todos os aspectos, acho que ele tem sim, um excelente empresário que faz parte desse esquemão da CBF / STJD.

  49. DESTRUIR TUDO DE BOM DO BRASIL

    Só sei uma coisa, tem um espírito de porco rondando o Brasil. Querem destruir  tudo de bom que o Brasil tem, com o objetivo de provocar o caos para ver se conseguem virar a mesa e TOMAREM O PODER.

    QUEREM PROVOCAR O CAOS – PARA VIRAR A MESA.

     

    Ler máterias do UOL/FOLHA É SER CANDIDATO A PRESSÃO ALTA OU INFARTO – são porta-vozes daqueles estrangeiros que no ofendem, tentam denegrir todas as regiões que não  seja São Paulo, querem MANTER O STATUS QUO de tudo; para eles outra regiões nao merecem estádios novos, não merecem desenvolvimento, indústrias, montadoras, NADA.

    Passada a COPA UOL/FOLHA, REDE GLOBO vai se especializar em denegrir o nordeste, USANDO A ARMA DA DESINFORMAÇÃO.

  50. + comentários

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome