Bolsonaro executa só 10% do orçamento para coronavírus e repassa 32% aos Estados

Ministério da Saúde só executou até agora cerca de 10% do orçamento de R$ 10,3 bilhões para compra de respiradores, equipamentos de proteção e insumos

Foto: Agência Brasil

Jornal GGN – Enquanto atrasa os dados diários da pandemia de coronavírus para evitar reportagens do Jornal Nacional, o governo federal sob Jair Bolsonaro não usa toda a verba que destinou ao enfrentamento da doença e tampouco repassa aos Estados a totalidade do orçamento prometido.

Segundo informações Conselho Nacional de Saúde, publicados neste sábado (6) pela jornalista Mônica Bergamo, o Ministério da Saúde só executou até agora cerca de 10% (ou R$ 1 bilhão) do orçamento de R$ 10,3 bilhões para compra de respiradores, equipamentos de proteção e insumos. Outros R$ 1,8 bilhão foram contratados, mas não pagos.

No total, o Ministério da Saúde anunciou uma verba de R$ 34,5 bilhões exclusivamente para o combate à epidemia. Além dos R$ 10,3 bi de execução direta, há outros R$ 24 bilhões que a Pasta deveria transmitir aos Estados e municípios. Mas só 32,5%, ou R$ 7,8 bilhões, foram repassados.

Leia mais:

Estratégia de Bolsonaro para enfrentar a pandemia é atrasar os boletins do Ministério da Saúde

 

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora