Clipping do dia

As matérias para serem lidas e comentadas.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

Leia também:  Tomada de três pinos: segurança dos usuários, suspeita de lobby e o fim da obrigatoriedade

12 comentários

  1. NO MEU NÃO, NO MEU NÃO!

    (Vídeo) Extremistas presos no DF defendiam rolha no ânus para evitar coronavírus

    Advogado Rodrigo Ferreira pede “a obrigatoriedade do uso de rolha no ânus” para as pessoas. “Esse vírus também se transmite pelo peido, a flatulência”, disse. Ele defende Célio Evangelista Ferreira do Nascimento, 79 anos, e Rodrigo Ferreira, 40,…

    https://www.brasil247.com/regionais/brasilia/video-extremistas-presos-no-df-defendiam-rolha-no-anus-para-evitar-coronavirus

    NÃO precisa brigar, minha gente. Vai ter sabugo de milho suficiente para todos aqueles que votaram em Bolsonaro.

  2. DEPOIS DO VÍDEO, DATENA JURA QUE NUNCA MAIS ENTREVISTARÁ BOLSONARO

    Após vídeo da reunião ministerial, Datena diz que nunca mais entrevista Bolsonaro

    Apresentador do Brasil Urgente, que já entrevistou Jair Bolsonaro, se mostrou indignado com o que viu na reunião ministerial de 22 de abril. “Com todo respeito que eu tenho a ele e ao cargo dele, eu me permito nunca mais fazer uma entrevista com ele”

    https://www.brasil247.com/midia/me-recuso-a-fazer-qualquer-acao-em-favor-deste-govenro-diz-datena-apos-video-da-reuniao-ministerial

    DATENA é mais um que descobriu, com todo o respeito, que Bolsonaro é Bolsonaro.

  3. Uma pergunta ao General Heleno

    O Sr. já sabe de quem era os 39 kg de cocaína encontrado no avião da comitiva presidencial? E com quem ficou o kg que faltava para completar os 40 kg?

  4. Globo diz que reunião ministerial demonstra miséria moral e falta de preocupação com pandemia

    A edição deste sábado do Globo publica opiniões de três dos seus principais colunistas sobre a reunião ministerial de 22 de abril em que o governo mostrou sua miséria moral, e Bolsonaro e seus ministros ameaçaram as instituições
    23 de maio de 2020, 07:28 h Atualizado em 23 de maio de 2020, 08:58
    24

    247 – O jornalista Merval Pereira diz que a reunião foi uma “vergonha nacional”.

    “Todo mundo sabe que o presidente Bolsonaro interveio na Polícia Federal, e é preciso ser um nefelibata para acreditar que essa intervenção não tinha intenções não republicanas. Mas, como tudo na vida, depende de quem quer ver e escutar. Agora, é a vez do atual procurador-geral, Augusto Aras, querer ou não ver e ouvir.

    Se, como tudo indica, ele decidir arquivar o processo, sem oferecer a denúncia, estará fazendo como o centrão, que provavelmente protegerá Bolsonaro como protegeu Temer, em troca de cargos no governo. Fechando os olhos para as evidências, sem se esforçar para juntar dois mais dois”, arremata.

    Matéria completa: https://www.brasil247.com/midia/globo-diz-que-reuniao-ministerial-demonstra-miseria-moral-e-falta-de-preocupacao-com-pandemia

    https://www.brasil247.com/midia/globo-diz-que-reuniao-ministerial-demonstra-miseria-moral-e-falta-de-preocupacao-com-pandemia

  5. Uma postagem que entrou automaticamente na TV de Fabio Pannunzio,

    https://twitter.com/blogdopannunzio/status/1263251935932616705/photo/1

    o qual se desculpou dizendo que o autor do texto é Florestan Fernandes:

    “Sabe quem inventou o gabinete do ódio? Foi o Lula. Pergunta o que é o DCM, o que é o 247… Tudo dinheiro sujo, tudo roubalheira, tudo jornalista bandido. Formado sabe onde? Nas organizações Globo e na Veja. #cirogomes #FabioPannunzio # https://bit.ly/36hWt7T

  6. + comentários

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome