Desaceleração do crescimento chinês (TV Brasil) 19.10.2015

Esta edição do programa de debates Brasilianas, exibida em 19.10.2015, contou com a participação do especialista em relacionamento político e econômico do Brasil com a China da Universidade de São Paulo, Gilmar Masiero, o especialista em integração econômica das Faculdades Rio Branco, Alexandre Uehara, e o economista da X-Infinity Invest e do site MoneYou, Jason Vieira. 
 
No momento em que o programa foi ao ar, o debate era que nos últimos anos a China, principal comprador das exportações brasileiras, reajustou o crescimento do seu Produto Interno Bruto (PIB) para baixo. O Conselho de Estado do país asiático estimulava para 2014 um PIB de 7%. A título de comparação, o crescimento chinês em 2011 foi 9,3% e em 2013, de 7,7%. 
 
Analistas de mercado estimavam, ainda, que o crescimento da China não passaria de 4% nos dez anos seguintes. Essa mudança de desempenho da economia do gigante asiático reduziria a demanda por commodities metálicas, prejudicando o Brasil, principal fornecedor de minério da China. Por outro lado, o consumo dos cidadãos chineses continuou em alta, beneficiando o comércio de carnes, frutas e manufaturas brasileiras. 
 
 

https://www.youtube.com/watch?v=7QzOvv3Z9Tg

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

Leia também:  Como resolver a crise dos estados, por Luis Nassif

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome