Fora de Pauta

O espaço para os temas livres e variados. Podem ser colocados aqui os vídeos e as notícias em geral. Deixe sua dica nos comentários.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

Leia também:  Tabata Amaral propõe sustar ação da CGU com punição para servidores que criticarem órgão em que atuam

8 comentários

  1. QUEM APOIA GENOCIDA, GENOCIDA É

    Os militares graduados braZileiros tratam a população civil brasileira como se ela fosse constituída por um batalhão de recrutas ZERO: incapazes de pensar, oblongos, incompetentes e estúpidos, sacos de pancadas para divertir as patentes mais graduadas das Forças Armadas. Donde o ditado de caserna: manda quem pode (quem tem as armas e por isso podem usá-las contra o povo), e obedece quem “TEM JUÍZO”, ou melhor, PREJUÍZO, no caso os familiares dos contribuintes brasileiros que já perderam mais de 70 mil mortos para o covid-19 por falta de uma ação coordenada e inteligente de um ministério da saúde que não tem sequer um recruta ZERO à frente do órgão, e cuja orientação está submetida aos prazeres sado-masoquistas de um psicopata mentiroso vendedor de cloroquina.

    Não que fosse possível evitar todas essas mortes, mas a maior parte da população foi deixada ao Deus dará, e continuará morrendo à toa numa competição macabra e desenfreada com o Trump I love you, que exatamente por causa de estupidez semelhante no trato da pandemia já mostrou sinais de arrependimento, porque poderá perder a próxima eleição presidencial. Mas só por isso.

    E tem mais: se os governadores brasileiros não tivessem dado um meio basta nas loucuras do genocida aloprado (sim, Bolsonaro é um genocida e quem o apoia também) o número de mortos pela covid-19 seria muito maior a essa altura desse campeonato trevoso.

    Portanto, a disputa macabra é entre Trump x Bolsonaro, ou BraZil x Estados Unidos. E o mais desgraçado disso tudo é que temos muitas chances de chegarmos em primeiro lugar nesse extermínio programado.

    Gilmar Mendes tem razão e eu vou além: o Ministério da Saúde foi sequestrado por um bando de genocidas bem remunerados que não entendem nada de saúde.

    Senhores Generais, saibam de uma coisa: Bolsonaro é um genocida e quem o apoia também o é. E saibam de outras: que existe vida inteligente fora dos quarteis, que os contribuintes brasileiros não gostam de cara feia e querem saber como é usado o dinheiro de seus impostos.

    • Independente das questões pessoais – acho q ele ganharia mais de não fizesse muitas vezes do site uma tribuna pessoal – a descoberta dessa lista da Odebrecht solicitada na Suiça pelo Dr. Zanin, advogado de Lula, deve ser dada toda visibilidade possível aqui e em outros canais alternativos de resistências ao Golpe. Bem como essa completa do Banestado, onde aparece Ministro Barroso. Do STF,, enviando pra fora do país, a preço de hoje, 13 milhões de reais de maneira irregular. Tem mais gente graúda, mas esse é emblemático, pois é um “Iluminista”. Taí explicado porque ele se tornou um refém da lava-jato?

  2. – Quantos juízes há, em exercício, no Brasil? É verdade que a média salarial mensal de um grupo de juízes é de 100 mil reais?
    – Porque será que não se vê mais nas mídias o saldo da conta de depósitos, muito comumente informado em décadas anteriores?

    • Conta de depósitos judiciais. Esta conta era informada nas mídias quase diariamente. Mas, hoje em dia não se vê o saldo dessa conta.
      Dizem que em países em que a justiça é eficiente, o saldo da conta de depósitos judiciais sempre tende a zero.

  3. Bolsonaro continua presidindo o Brasil mesmo tendo contraído a tal da COVID?
    Impressionante, não é mesmo? rs,rs,rs.

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome