George Lincoln Rockwell no discurso de Malcom X

Por Tamára Baranov – Rio Claro/SP

EUA. Chicago, Illinois. 25 de fevereiro de 1962. 

George Lincoln Rockwell, fundador e líder do partido nazista dos Estados Unidos, ladeado por membros do partido, ouvindo Malcolm X, líder da entidade separatista ‘Nação do Islã’, em um discurso realizado no ‘International Amphitheater’. Não apenas do ponto de vista histórico, mas também fotograficamente é um momento muito forte, pode-se quase sentir a tensão.

É incrível como o nazismo e seus símbolos ainda sobreviveram tantos anos depois do término da 2 ª Guerra Mundial. Levou um tempo para que as pessoas realmente entendessem e compreendessem a extensão do que os nazistas haviam feito. O Holocausto se tornou de conhecimento público somente após o julgamento de Adolf Eichmann, a sua execução aconteceu em 31 de maio de 1962. Após o julgamento de Eichmann, houve um grande aumento na divulgação do Holocausto. Os sobreviventes que nada comentavam antes por receio de serem rejeitados por não lutarem, ou simplesmente por ter sido muito traumático, no julgamento de Eichmann foram encorajados a compartilhar suas histórias. Depois disso houve uma onda de filmes de Hollywood nos anos 1970 e a abertura de uma série de museus. Então, foi a geração pós-Eichmann que realmente mostrou a profundidade da crueldade nazista, e isto explica por que as pessoas ainda usavam a suástica no início dos anos 1960.

1 Comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Babacas

- 2019-02-27 06:47:49

Qual o problema do partido nazista hipocritas de merda!? O holocausto é uma farsa! E Malcom X disse poucas e boas sobre os judeus nessa época em que se aliou aos nazistas. Eles fizeram uma aliança onde o plano era dividir a america em brancos de um lado e pretos de outro. O proprio Malcom deu e falava muito nessa ideia,ele mesmo dizia que somente com a total separação do povo preto e branco, é que poderia haver paz.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Seja um apoiador