Jack, o rouba-cenas da TV GGN, por Eugenia Gonzaga

Apresento-lhes o Jack, que já está conhecido no GGN por ficar esmurrando a porta e latindo justamente quando o seu Nassif está ao vivo. Ele se empolga com o tom da fala e acha que é festa!

Jack é um legítimo “pelo curto brasileiro”, que nos foi graciosamente cedido por uma ONG. Agora minha filha quer que adotemos uma femeazinha, ex-reprodutora cocker spaniel, que foi aposentada pelo canil. Se ela vier, teremos aqui a dama e o vagabundo, mas o seu Nassif ainda precisa ser convencido da viabilidade de ter mais um animal dividindo a cena com ele – rss. Aguardemos.

Abraços e bom domingo.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

Leia também:  Para Mourão, governo não atenta contra democracia

14 comentários

  1. Vejo todos os vídeos, e em muitos deles o Jack dá o sinal da graça.
    O bom é que o Nassif é bem paciente, e nem se abala com o intrujão…

  2. Querido Luiz não tema a concorrência, Eugenia vai continuar preferindo você. Que venha a dama. Ela não te trocou pelo vagabundo, então vc não corre risco. E olhe que ele é um charme. Concorrente de peso. Kkkkkkkk Abraços a vc e Eugênia.

  3. O jack é uma graça. Caso a cocker venha para casa, se puderem façam um teste primeiro entre eles, já que é comum que indivíduos da raça cocker tenham uma personalidade meio arredia (alguns diriam, um tanto mau-humorada) e como o jack parece ser um tanto ativo nas relações, podem acontecer estranhamentos entre eles.

  4. Bem-vindo, Jack. Você é um charme. Adorei, Eugênia, ter-nos apresentado o”vagabundo”. Confesso que já estava muito interessada em conhecê-lo. Lindão !

  5. Parabéns à família e à TV GGN pelo sonoplasta Jack. Vida longa e muita saúde ao cachorrinho super simpático.

  6. Parabéns à família e à TV GGN pelo sonoplasta Jack. Vida longa e muita saúde ao cachorrinho super simpático.

  7. Oooowwwnnnn que lindo… Eu dou muita risada com o coitado do Nassif tentando fazer o vídeo e meio ranzinza “o cachorro que trouxeram pra casa”. Como cachorreira e mãe de oito, só aumenta minha admiração por ele. Adota a coitadinha, sim. Elas sofrem muito, são tratadas como coisas. Merecem conhecer cuidado e amor.

  8. + comentários

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome