Lula é absolvido em processo sobre contratos da Odebrecht em Angola

Não foram apresentadas provas de que Lula teria vínculos com um contrato da Odebrecht em Angola e a empresa Exergia, que pertencia ao sobrinho do petista

Jornal GGN – O juiz federal Vallisney de Souza Oliveira, da 10ª Vara Federal de Brasília, decidiu absolver o ex-presidente Lula, na quarta-feira (24/7), da acusação de participar de uma suposta organização criminosa que teria lavado dinheiro decorrente de pagamento de propina da Odebrecht por contratos em Angola (África).

Nesta ação, o sobrinho de Lula, Taiguara Rodrigues dos Santos, também foi absolvido das acusações.

O juiz entendeu que não foram apresentadas provas de que Lula teria vínculos com um contrato da Odebrecht em Angola e a empresa Exergia, que pertencia ao sobrinho do petista.

Na decisão, Vallisney observou que uma parte das acusações já foi feita em outra denúncia do Ministério Público Federal contra Lula, envolvendo contratos do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) para o governo de Angola.

“Diante dessa litispendência parcial, deve ser absolvido sumariamente o acusado Luiz Inácio Lula da Silva do delito de participação em organização criminosa”, decidiu o juiz.

Lula seguirá réu na outra ação penal. Sua defesa sustenta, contudo, que ele “jamais solicitou ou recebeu qualquer vantagem indevida antes, durante ou após exercer o cargo de presidente da República”.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

Leia também:  Suspeita de corrupção: PGR recebe pedido para investigar novo emprego de Moro

3 comentários

  1. É impressionante como ninguém dá ou sequer presta atenção em uma notícia como esta; acusações vazias como esta somam uma dezena contra o ex-presidente Lula.

    11
    • É preciso ter muita consideração e apreço pelo que o Lula fez por nosso país para ter verdadeiro interesse em ler tudo que a ele diz respeito.

  2. Na Carta Capital tem uma boa entrevista feita pela Leneide com a historiadora Maud Chirio sobre Lula e a posição atual das FFAA. Se justiça houver, Lula ainda será novamente presidente do Brasil.

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome