Vacina contra Covid da Rússia será testada em pelo menos 10 mil brasileiros

O teste em massa da vacina contra Covid-19 objetiva revelar como os antígenos respondem

Jornal GGN – A vacina contra coronavírus desenvolvida na Rússia será restada em pelo menos 10 mil voluntários no Brasil, segundo anunciou na quinta (27) o Instituto de Tecnologia do Paraná (Tecpar), que fechou parceria com Instituto Gamaleia de Moscou para conduzir a fase 3 de ensaios clínicos no Brasil e posteriormente produzir o imunizante.

Segundo o Instituto, o protocolo para validar a última fase de ensaios clínicos deve ser submetido à Anvisa em até 30 dias. “Em um cenário realista, o Tecpar espera iniciar os testes em voluntários em 50 dias.” Uma vez iniciada, a fase 3 deve levar, no mínimo, dois meses para apresentar resultados.

O teste em massa da vacina contra Covid-19 objetiva revelar como os antígenos respondem. A Sputnik V trabalha com uma técnica que utiliza dois tipos de adenovírus humanos para provocar uma reação imune ao novo coronavírus.

Vacina russa: o que sabemos até agora? Médico sanitarista explica na TV GGN

 

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora