Vaticano mantém sob “castigo” Beata Maria de Araújo

Vaticano reabilita Padre Cícero, mas mantém sob “castigo” Beata Maria de Araújo

Por Fábio Lau – Conexão Jornalismo

Padre Cícero entre suas noviças do Ceará
Padre Cícero entre suas noviças do Ceará

A fé Católica, no seu tronco principal, o Vaticano, tem razões que a razão desconhece. Reabilitado depois de restrição secular, embora se mantivesse como o santo mais popular do país, o Padre Cícero resgatou oficialmente a imagem de homem santo que o povo nordestino lhe conferiu. Entretanto, para espanto de historiadores e católicos mais atentos, a Beata Maria de Araújo, punida com ele e punida com silêncio eterno, não mereceu o mesmo “perdão”. Permanece marginalizada pela Igreja e, de acordo com os preceitos da fé católica, amarga longa passagem no inferno.

Beata Maria de Araújo era uma religiosa vocacionada, mas não oficializada – na época não havia seminário feminino no nordeste. Maria de Araújo caminhava diariamente 18 quilômetros por dia para ouvir os sermões do padre branco de olhos azuis que fazia muito sucesso em Juazeiro. Certa vez, ao experimentar a hóstia oferecida por Cícero, expeliu sangue. 

A reação virou rotineira. Tão logo recebia do padre a hóstia, tinha o que parecia ser convulsões. Peritos do Rio viajaram à Juazeiro, a mando da Igreja, para provar que tudo era uma farsa. Alguns fieis, diante da evidência de comportamento místico, passaram a recolher o sangue vivo expelido pela Beata para colocar sobre feridas abertas – era um tempo de lepra e outras mazelas físicas comuns ao interior do Brasil. 

Leia também:  Porque o mundo emburreceu: tome Titãs, comentário de Rui Ribeiro

Os sinais de cura deram a Maria de Araújo a fama de santa e milagreira. Mas também representaram seu suplício. Cícero referendou a crença popular afirmando que de fato o milagre da Beata era real. Mas, com o passar dos meses, foi obrigado pela igreja a se desmentir. A imposição vinha da Arquidiocese de Fortaleza, mas obedecia ordens do Vaticano. Ele foi punido com o afastamento das celebrações. Araújo, também obrigada a se desmentir e afirmar ser uma farsa, não concordou. Disse que não poderia negar o que a fé lhe dava como verdadeiro. 

Foi afastada e encarcerada em convento em Fortaleza onde se mantinha em cubículo incomunicável. Anos depois, como peregrinos descobriram seu destino e passaram a fazer romarias ali, foi mandada escondida para viver e cuidar de crianças órfãs no sertão. Sua pena jamais foi transmutada: nunca mais poderia voltar a falar com ninguém. E assim foi enquanto viveu. Seu túmulo foi violado por fieis fanáticos que passaram a chamá-la de bruxa. Beata Maria de Araújo se configura na maior injustiça praticada pelo Vaticano com um religioso brasileiro.

Em 1889, Padre Cícero Romão Batista assim explicou o fenômeno envolvendo a Beata:

“Quando dei à beata Maria de Araújo a Sagrada Forma, logo que a depositei na sua boca, imediatamente transformou-se em porção de sangue, que uma parte ela engoliu, servindo-lhe de co­munhão, e outra escorreu pela toalha, caindo algum no chão; eu não esperava e, vexado para continuar as confissões interrompidas, que eram muitas ainda, não prestei atenção e por isso não apreendi o fato na ocasião em que se deu; porém depois que depositei a âmbu­Ia no sacrário, e vou descendo, ela vem entender-se comigo cheia de aflição e vexame de morte, trazendo a toalha dobrada, para que não vissem, e levantava a mão esquerda, onde nas costas havia caí­do um pouco e corria um fio pelo braço. E ela com o temor de tocar com a outra mão naquele sangue, como certa de que era a mesma hóstia, conservava um certo equilíbrio para não gotejar sangue no chão”.

Beata Maria de Araújo - punida pelo papa até os dias de hoje
Beata Maria de Araújo – punida pelo papa até os dias de hoje  
Leia também:  "Recebi como resposta um ataque descontrolado", diz Doria

Estátua erguida em Juazeiro do Norte garante a imortalidade do padre
Estátua erguida em Juazeiro do Norte garante a imortalidade do padre  

 

 

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome