57 comentários

    • O que ele chama de “nova era do diálogo” é o deslocamento de todo o regime político para a direita e “normalização” do regime de exceção e de todos os golpes que ocorreram.

      Entendamos: POLARIZAÇÃO é BOA para a ESQUERDA lutar contra o golpe, é RUIM para a DIREITA botar panos quentes e fechar o regime.

      Se não houvesse polarização, já tinham derrogado de vez a constituição, instalado uma junta militar e matado o Lula. Acorda gente, a polarização é BOA!

      20
      2
      • Perfeito, André. Não sei qual é a do Alencastro, mas, sinceramente, mostra que a ‘escola’ dele passa longe da história, do marxismo (com certeza), e parece ser apenas expressão dos próprios desejos (wishful thinking).
        Ao contrário do que muitos, inclusive próximos ao PT, as Frentes Amplas geralmente não têm objetivo outro senão o de esconder os interesses da burguesia, que sempre tenta coordenar tais frentes, o que inclui a manutenção ou reassunção de sua hegemonia.
        ‘Nova era do diálogo’ é uma invenção que nem o autor consegue comprovar ser objetiva, real, mas é manipulação de palavras para dar peso à alegação de que a polarização seria um prejuízo para a ‘democracia’ (que democracia?). Se alguém tiver paciência, vai poder extrair muitas falacias nesse discurso.

  1. Por que o doutor não dá nome aos bois, e diz com quem, afinal, o PT, PT, PT deve conversar, com a globo, com FH, com o mercado, com o veio da havan? Com quais setores “responsáveis” da direita o doutor espera que pode haver alguma conversa produtiva?

    50
    4
    • Pois é…..tudo será resolvido na “conversa”……….
      O tal general passou um lero no emplumado e realmente resolveu……será que funcionaria para Lula?

      15
      2
  2. Samba do crioulo doido? Lula preso político quase completando 2 anos , instituições brasileiras esfaceladas pela guerra híbrida, vilas boas como eleitor de bozo, TIB com a boca no trombone e o culpado é o pt ? Está muito fácil ser cientista.

    41
    2
  3. Eu do meu lado acredito que a melhor proposta do Haddad foi justamente uma nova constituinte, por que a atual foi trucidada pelos bárbaros, mas como dizem…… opinião, cada um tem a sua …….

    24
    6
    • CEBRAP: Centro Brasileiro dos Amigos do Poder. A solução é ser tucano pink… O PT e o Psol tem que evitar esses tipos que defendem seu “endireitamento”. Esperto, o cara não citou os radicais dos EUA, os únicos que incomodam Trump. Chega de “neoliberalismo progressista” !

      12
    • Nova constituição com este parlamento? Eles acabariam com todos os direitos da constituição de 1988 e ao invés de uma constituição cidadã o que teríamos ao final seria a constituição de de 1822

  4. O PT fez uma aliança de sucesso com o PR nos mandatos de Lula E depois com o pmdb, em que foi traído covardemente por temer e Cunha, nos mandatos de Dilma. E até hj paga por isso. Sofreu um golpe político, jurídico, militar, empresarial, midiático e eleitoral com o impecheament, prisão de Lula, a lava jato e as campanhas cx2, Cambridge analtyca, com o fascismo. E aí vem ciristas e tucanos enrustidos encherem o saco. já deu.

    23
    1
  5. “O Bloco de Esquerda, repetidamente citado por Guilherme Boulos como exemplo a seguir, continua firme e forte na coalização liderada pelo Partido Socialista, que derruba o investimento público aos níveis mais baixos desde 1960, congela salários e exige o controle das contas públicas. Graças a esse contorcionismo, Portugal continua imune aos ventos da direita populista”.
    Atualmente com a demissão de muitos jornalistas sérios e inteligentes qq idiota pode assinar uma coluna.
    Direita populista? Em Portugal? em primeiro lugar porque se o que ele afirma no parágrafo acima é verdade, a direita lá já está mandando pelo menos nessas medidas. Em segundo porque ninguém se preocupa com Portugal porque é um país pobre, pobre.

    7
    2
    • O pessoal que se uniu em torno do SEBRAP foi oposição à ditadura. O pessoal de hoje é o que você diz, cara Eugênia: direita, a turma que acha que há empresário civilizado e que, assim sendo, não se alinha ao pessoal do dólar, esse pessoal que, por sua vez, nos ataca diariamente através de “lawfare”, “soft power” e bem pior que isso tudo, corrompendo nossos funcionários públicos. Tá bom que para temos que ter funcionários públicos corruptos ou pelo menos dispostos a “ouvir a proposta”.

      De todo jeito, apesar do PT estar longe do que podemos chamar de “esquerda” – pelo menos a parte que tem ascendido às instituições -, não cabe ao pessoal do CEBRAP dizer o que o PT deve fazer… bem, até cabe. O que não cabe é o PT se guiar por essas sugestões. Na verdade há pouca diferença entre o pessoal do CEBRAP e o do PSDB.

      Agora, você levantou um ponto importante, a meu ver: apesar de Portugal não ser um país exatamente pobre, não é um país que tem muito dinheiro nem recursos para serem espoliados pelos abutres do dólar… gozado como o pessoal por aí naturalizou a ideia de que ter muitos recursos e um PIB grande é uma “maldição”, à moda da “maldição do petróleo”, por exemplo. Como se fosse dado definitivamente que ter riquezas é garantia de que os EUA assaltarão, quase que como se o bom fosse ser pobre, pois aí se estaria livre dos ataques do pessoal do dólar…

  6. “O Bloco de Esquerda, repetidamente citado por Guilherme Boulos como exemplo a seguir, continua firme e forte na coalização liderada pelo Partido Socialista, que derruba o investimento público aos níveis mais baixos desde 1960, congela salários e exige o controle das contas públicas. Graças a esse contorcionismo, Portugal continua imune aos ventos da direita populista”.
    Atualmente com a demissão de muitos jornalistas sérios e inteligentes qq idiota pode assinar uma coluna.
    Esse moleque inventa uma posição que o PT não tem para deslanchar seu arrazoado. Sem inventar uma posição inexistente ele não poderia jogar essa conversa de que Portugal impede a direita. Direita populista? Em Portugal? em primeiro lugar porque se o que ele afirma no parágrafo acima é verdade, a direita lá já está mandando desde o início. Em segundo porque ninguém se preocupa com Portugal porque é um país pobre, pobre. O autor é sim ele mesmo de direita.

    5
    1
  7. ESSES CARAS JÁ PENSAM EM ELEIÇÃO ,DEMOCRACIA ONDE?
    Querem concorrer com LULA preso,tem canalha fora e dentro do PT que querem eleições e LULA preso.

    7
    2
  8. O pesquisador do Centro Brasileiro de Análise e Planejamento e doutor em ciência política pela Universidade de Oxford (Inglaterra), Mathias de Alencastro, em coluna desta segunda-feira (19), afirma:” radical é aquele que rompe barreiras, e não aquele que organiza seitas”, completa, se referindo é lógico ao partido dos trabalhadores. É lamentável que um pesquisador desconheça a história recente do Brasil e principalmente o que se publica nas redes sociais pois o que acusam mais o PT é de “ter se aberto demais para alianças desde que indicou o finado José de Alencar para vice do antigo PR” e que partir dai o partido “se corrompeu e deu no que todos conhecem.” Faltou apenas ao ilustre cientista indicar como e com quem o PT deve se abrir e procurar novas parcerias. Com quem?

    18
    1
  9. Acho que está havendo uma confusão entre as discussões político-partidárias e de organização do partido com vistas às eleições futuras e a política de alianças com fins civilizatórios, numa oposição cerrada contra o desmonte do Direito.
    Parece-me que o PT trata de manter o primeiro em detrimento do segundo.
    Normalmente, critico algumas posições à esquerda de bater no PT como se desgastá-lo houvesse transferência de votos para outros partidos de esquerda – e, claro, essa transferência não acontece do modo como se espera, e acaba fortalecendo a direita. Mas a “mesquinharia” e a pequenez com que o PT tem agido até o momento é realmente inaceitável.
    Manifestação de massa sem trabalho de base – coisa que qualquer partido de esquerda que se preze, qualquer sindicato, igualmente – é colocar a população à mercê de notícias, 24h por dia, com a posição do “patrão”. Aí não dá.

    4
    11
  10. O segundo turno mostrou o que valem os “democratas” brasileiros. Conversar com quem apoia a entrega do país e a destruição de direitos? O erro do PT foi o ridículo “republicanismo” de uma ingenuidade criminosa. A única resistência possível é popular e pela esquerda. A classe média que vá pro inferno.

    13
  11. Nem vou perder meu tempo lendo as opiniões furadas desse sujeito. Pra mim o único que enxerga alguma coisa nessa balbúrdia toda é o Rui Costa Pimenta: o PT não deve compor com nenhum partido ditos de “esquerda” que apoiaram a Lava Jato (como PSOL. PDT, PSB, etc.) porque foi traído por eles. Muito menos deve se aproximar dos partidos de centro. PSDB? Nem pensar. Não tem que ter papo com essa gente. Agora só tem uma saída: buscar o apoio das massas. Só assim vai ter força pra fazer alguma coisa.
    Mas buscar apoio desses que apunhalaram o país? Francamente…

    8
    2
  12. O intelectual que propõe uma mudança na postura do PT, dizendo o PT para resolver o problema do Brasil deve conversar com a situação para que a extrema direita não permaneça no poder e cita alguns exemplos para corroborar sua tese
    um deles: “o líder do Partido Trabalhista britânico, Jeremy Corbyn finalmente abriu diálogo com outros partidos “para a formação de um governo temporário de união nacional que possa interromper a deriva suicida do brexit”.
    “As chances de sucesso são pequenas, …

    As chances de sucesso são pequenas na Inglaterra, imagine aqui, conversando com o Gal Heleno, ou o Villas Boas, ou a Janaina Pascoal, …..

    7
    1
  13. “Vamos, galinhas, procurar as raposas para negociar! Está errado ficar confrontando elas! Onde já se viu? Que falta de civilidade …
    Vamos romper essas barreiras preconceituosas! Há muitos outros carnívoros para procurar! Avante às negociações! VENCEREMOS!!!”

    Fala sério … um país com a nossa situação e com Lula preso político falar em negociar? Mais um Vichy em nossa “intelectualidade” jovem?

    Vá catar coquinhos!

    9
    1
  14. Vem um cara que saiu não sei de onde, pra não falar nada além do que os que não querem apoiar o PT sempre falam e pra variar, sem apresentar nenhuma alternativa VIÁVEL.
    Mais um que acha que a militância do PT é só pra fazer campanha pra quem algum iluminado indicar.
    Nassif, o amigo aí não acrescentou nada.

  15. É exatamente esse “diálogo” que o doutor propõe que pavimentou o caminho na direçao do caos que mergulhamos hoje. O PT deveria dialogar com quem exatamente? E para fazer o quê?? A socialdemocracia fracassou por falta de coragem e não pela polarização.

  16. O que o rapaz sugere é que a frente democrática só pode ter sucesso se for hegemonizada pela direita. Ele fala a partir da sua condição.

  17. Esses diplomas de Oxford, Harvard, etc..são pura enganação.
    Os fatos políticos citados no post estão completamente deturpados.
    O grande erro da esquerda no mundo foi não radicalizar a favor de políticas sociais diante da crise que foi provocada pela direita no mundo ao contrário do que afirma o “mister”.
    Com quem o PT deve conservar, doutor? Cite um nome apenas.
    Deve voltar às bases que é a sua origem e força.

  18. Preguiça de pseudo intelectuais que vem do alto do seu CINISMO jogar a culpa de tudo no PT enquanto os canalhas que destruíram/destroem a Democracia passam pano para a #MidiaBandida (para mim, ‘individualmente”, a maior culpada de tudo) – e continua…
    O PT cometeu muitos erros, é certo. Está chei de trairas como o Zé Galinha, como dizia o grande PHA.
    Mas foi o menos pior desde 88…

  19. A “nova era” é o velho besteirol de sempre: “o PT tem que ceder para um grande pacto nacional”.

    Papo furado de Ciro, blá-blá-blá de Marina Silva, lero lero de Marcelo Freixo, todos esses, ao lado da direita e extrema direita sabem e trabalham para que LULA fique preso, se for liberto que não possa ser candidato.

    O AUTOR DEVIA TER VERGONHA DE INSINUAR ISSO!

    Putzgrilla…

  20. Só não entendo uma coisa, por que o GGN publica estas besteiras da Folha, que como esta, vão exatamente contra a realidade dos fatos.
    Todo o enfraquecimento da esquerda europeia vem exatamente depois destas alianças com o dito “centro” (na realidade é a direita neo-liberal), os partidos socialistas da Itália, da França e de outros países praticamente desapareceram devido a sua política de alianças com os programas neo-liberais, e exatamente ao contrário do que é relatado, o Bloco de Esquerda assim como Jeremy Corbyn que puxaram as suas linhas políticas mais a esquerda foram os que se fortaleceram.
    Tudo bem, para o leitor da Falha (não foi erro de grafia) este papo do tal sociólogo até pode parecer fazer sentido, o que eles querem é que o PT vá na direção da direita para se enfraquecer, perder o discurso com tipo Haddad da vida que perdem duas semanas numa campanha de um pouco mais de um mês procurando alianças com uma direita (que falam que é centro) no lugar que se lançar numa campanha popular, deu no que deu, quem Haddad não ganhou ninguém do tal “centro” que foi em massa para o proto-fascista Bolsonaro e ele perdeu votos exatamente no eleitorado tradicional do PT.

  21. Durante todo o período em que governou, o PT não fez outra coisa senção procurar o entendimento e do diálogo. O resultado foi um golpe de estado, Lula na cadeia e reformas que naõ fazem outra coisa senão retirar direitos centenários de todos os trabalhadores, promovidos exatamente com partidos que pretendem dialogar!!

  22. A estruturação de um partido de esquerda moderno e capilar é o grande diferencial que poderá deter o avanço da extrema direita. O PT e a esquerda tem que construir seu caminho de volta às suas bases perdidas, por um lado, e abrir espaço para uma atuação política mais propositiva, que possa mobilizar os movimentos sociais e as camadas mais desfavorecidas da população com propostas concretas que possibilitem às pessoas verificarem a diferença entre os modelos de desenvolvimento e as estratégias de combate à crise e retorno ao desenvolvimento. Aliança com a centro-direita, pontual para consegui o impeachment do Bozo, pode até ser, terão nossos votos no senado e na câmara para derrubá-lo, num processo absolutamente legal e não num golpe. Além disso participar do governo que virá também não nos interessa. Quando voltarmos ao poder a era Lula Dilma vai parecer um mero ensaio de governo transformador. Iremos atacar as raízes do nosso atraso social, político, humanitário e civilizatório.

  23. Já escrevi sobre a tal “autocrítica que o PT deveria fazer” e considero que cabe aqui também:

    Há muitos comentários, artigos exigindo autocrítica do PT, das esquerdas e ainda que no poder “só pensaram em consumismo, não modernizaram as mídias, o PT esqueceu da periferia, e por aí vai ao infinito”.

    Quer dizer que O PT deveria ter construído uma NAÇÃO em 12 anos.
    E não tenho esperança de nada. Os elementos da direita podem falar qualquer besteira, qualquer desgraça, incentivar matança, crime, racismo E NADA LHES ACONTECE, SÃO ELEITOS. A DIREITA domina os meios de comunicação e principalmente as rádios do interior de SP (e acredito de todo Brasil) em 99%.

  24. É tudo o que a direita quer para domesticar a esquerda e continuar governando de maneira legitima, Ora, vai catar coquinho!

  25. o cara encontrou o fornazzieri e de conversa em
    conersa a conversa foi parar lá no bar
    do leblon, ai meu deus do céu,
    que tempo bom, né!

  26. Pois, então, o cara não é pouca coisa. Um pesquisador do Centro Brasileiro de Análise e Planejamento e doutor em ciência política pela Universidade de Oxford (Inglaterra), sabe o que fala. Mas tem outros dilemas a considerar. Primeiro é explicar se o partido amado e odiado transita entre esses extremos porque capitula ou defende o acirramento. Porque quem o critica o faz atribuindo-lhe os dois movimentos. Depois há que reconhecer que quem constrói o acirramento é a direita considerada cheirosa, porque acusa o PT de ser radical. Por último, por uma questão de lógica, para saber quem é que incomoda a direita, basta observar a quem ela ataca com as forças das ORCRIM nacionais, aliadas todos os mecanismos de poder internacionais. O Lula está preso, professor. Então, não está muito claro se ele sabe realmente o que fala. Como já disse um sábio, um intelectual é como um carro com os faróis na parte traseira. Enxerga e sabe tudo o que já aconteceu. Mas não tem a menor ideia do que está ao seu lado e muito menos do que lhe vem pela frente.

  27. A confirmar o fato de Lula não poder participar da próxima eleição presidencial, entendo que o PT deveria ser o primeiro a abrir mão de lançar candidato e propor uma aliança entre TODAS as esquerdas.
    Divididas, apenas ajudarão a extrema direita a continuar o processo de destruição do País.
    Se Lula puder concorrer, é óbvio que todos devem se unir em torno de sua candidatura. Caso contrário, o PT deve propor aliança em torno de um nome que deverá ser consensual.
    A direita não pode continuar governando por causa de vaidades da esquerda.

  28. O autor do texto, a meu ver, se equivocou na análise da esquerda portuguesa, ao que todos os índices indica, o governo esquerdista de Portugal continua no pleno keneisyanismo de sempre, a mágica é que o endividamento interno ainda não explodiu. A esquerda mundial precisa entender que a internet transformou seus seguidores em Classe Média fanática, a ponto de não mais se reconhecer em frente ao espelho.

    1
    1
  29. Nem o Psol está mais fazendo este tipo de crítica ao PT, só mesmo um “cientista político” atucanado pra falar tanta asneira. O GGN precisa ter mais critério na escolha do que publicar.

  30. Concordo que uma frente pela democracia é fundamental Neste momento. Mas parece que os partidos perderam a capacidade de dialago…

  31. concordo com você Naldo. É necessário chamar uma constituinte e destituir esse parlamento que só defende interesses do “veio da havan”, ruralista, bancos e as maiores empresas que sempre financiaram as campanhas da maioria desses canalhas, canalhas, canalhas. Quanto a esse Cientista Político Mathias de Alencastro, o que ele quer é isso mesmo que foi comentado acima; que esqueçamos o GOLPE que foi iniciado com o impedimento da Dilma até a eleição fraudada pelo JUDICIÁRIO, IMPRENSA GOLPISTA, EMPRESÁRIOS E BANQUEIROS e demais segmentos que apoiaram o golpe. Simples assim, detonam com a Democracia de um país e quer que esqueçamos como se nada tivesse acontecido. Vai se lascar.

  32. A ideia de esquerda e direita é bem delimitada!
    Se O PT conciliar, haverão Renans, Maias, o centrão, PMDB e tudo caminhará como dantes no quartel de abrantes!
    Acho que o PT deve se manter e fazer alianças não para salvar negócios e pescoços de banqueiros!
    Se o Brasil da direita não leva em consideração o povo, por que o povo deve conciliar?
    De onde eles vão tirar dinheiro a não ser do povo?
    Quer um trânsito de mão única?
    Na minha opinião, sem chance!

  33. Sempre os analistas de gabinete, teóricos deslumbrados com seu suposto saber.
    Quem vai por o guiso no pescoço do gato, ou seja, do capitalismo financeiro que asfixia a economia e o mundo do trabalho?
    Essa gente que promoveu o golpe quer diálogo?

  34. O intelectual é oriundo de Oxford. Não diz nada?
    A impressão quedá é que o neoliberalismo está adorando o ultraliberalismo. Graças aos bolsonaros da vida, eles deixam de ser o problema e passam a pedir a união das “forças progressistas” em torno de sua agenda.
    Radical não é defender a agenda própria. Radical é exigir que a agenda do outro mude pra que você não passe pro lado do suposto “inimigo”. Isto é coação. Uma jogada e tanto pra atrair cagões de toda natureza. Seria preciso recusar até mesmo a luta de classes e anular qualquer agenda progressista para conseguir alianças com os chamados “moderados”. São moderados coisa nenhuma. São chantagistas, isto sim!!!
    É assim que se sabotam resistências e possibilidades de vitória. É só abrir mão de enfrentar e admitir que a crença do outro é mais importante que a tua.
    Não tenho dúvidas de que esta gente tem mais medo do refluxo da direita e da retomada das pautas progressistas que dos fascistas.
    Estão dialogando com o histórico comodismo brasileiro. Estes intelectuais sabem o que fazer pra dividir as forças progressistas. Estão apostando na covardia moral. A mesma que JÁ gerou frutos, JÁ foi vivenciada pelo país durante o governo Lula, com a chamada política conciliatória.
    Até o momento, eu afirmava que Lula tinha aprendido muito pouco neste processo. Até o momento ele tentava sustentar seu tom conciliador, mesmo estando preso. Parece que ele aprendeu a lição. O resultado final desta filosofia já nos foi apresentado. É bom não repetir o erro. E quem quiser tirar o coiso, que passe pro lado certo e pare de ameaçar. Caso contrário, ficará clara a intenção de usar o fascismo como o bode na sala pra continuar dando as cartas.

  35. Os cientistas e analistas políticos ficam constrangidos a criticar as atuais políticas de Lula por duas razões: (1) Lula ainda é o maior líder popular; (2) Lula está preso por meio de uma fraude judicial. Assim, criticá-lo representa: (1) incitar a ira dos seus liderados e isolar o PT no campo progressista; (2) ser acusado eticamente de fragilizá-lo na disputa pelo reconhecimento de sua inocência (processos do triplex e do sítio).
    Compreendo, mas não concordo. Porque essa postura prejudica o Brasil e o próprio Lula. Creio que só uma ampla aliança democrática pode enfrentar o neofascismo que está no poder. E Lula está atuando exatamente no sentido oposto, pois não reconhece a força do antipetismo.
    Foi Lula quem decidiu a continuidade de Gleisi na presidência do PT. Logo, terá continuidade a política de concepção hegemônica sobre o campo progressista. Um exemplo disso é a estratégia defendida por Valter Pomar na eleição de 2018: quem quiser se aliar ao PT tem que aceitar que Lula é o candidato e o vice é do PT. Penso que foi exatamente essa estratégia que ensejou a vitória de Bolsonaro.
    Portanto, enquanto o Brasil afunda, o PT continua o mesmo. Estes são os fatos e cada um atribua o valor que desejar. Defendo que todos têm o direito de julgar por seus valores. Só não aceito falácias.

  36. Distorce completamente a realidade.

    Tem o título de cientista política, mas atua como lobista do Haddad e da turma que quer transformar o PT num PSDB anos 90.

    É exatamente essa turma que precisa ser varrida do partido. Caso contrário, é só ladeira abaixo.

  37. O partido dos trabalhadores tem que entender as diversidades da esquerda e dialogar sem imposições programáticas.A esquerda multifacetada torna-se enfraquecida. Gleisi e seus seguidores têm como único cacife o Lula livre para mudar o jogo. Eles acreditam que o tempo conspira a favor.

  38. em que mundo paralelo ele vive? onde houve polarização por parte da social democracia nos últimos 20 anos??? é justo por essa de ‘vamos conversar com todo mundo’ que a centro-esquerda naufragou. ou vai dizer que hillary clinton forçou uma guinada à esquerda nos democratas?e nem sei se isso vale para o brasil, uma vez que quem forçou, estimulou, criou uma (falsa) polarização esquerda-direita foi a mídia aliada ao tucanato, na esperança de emplacar seu candidato de “centro”, que nunca foi centro, assim como o pt nunca foi extremista. cebrap já teve quadros melhores, um pouquinho mais em contato com a terra, ao menos.

  39. Se é para “derrubar o investimento público aos níveis mais baixos desde 1960” e “congelar salários”, deixa que a direita faça isso, tem mais desenvoltura!
    Mais uma análise que conclui pelo “caminho único”…

  40. + comentários

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome