Ex-presidente Lula será recebido pelo Papa Francisco no dia 13

Segundo Fernández, a menção ao ex-presidente veio à tona na conversar com o Papa depois que os dois conversaram sobre ‘lawfare’

Jornal GGN – O ex-presidente Lula será recebido pelo Papa Francisco, no Vaticano, no dia 13 de fevereiro, próxima quinta-feira. O encontro foi ajustado pelo presidente da Argentina, Alberto Fernández. ‘O Lula me pediu para ver o Papa. E eu pedi se ele podia receber Lula. E ele me disse ‘claro’ e que lhe escrevesse porque ele, com todo prazer, o receberá’, disse o presidente argentino sobre a articulação para a visita.

Lula deverá ficar entre os dias 12 e 15 em Roma. Segundo Fernández, a menção ao ex-presidente veio à tona na conversar com o Papa depois que os dois conversaram sobre ‘lawfare’, a estratégia jurídica que influencia na política, uma prática da Operação Lava Jato para condenar Lula.

Em 2018, já na prisão, Lula recebeu uma mensagem do Papa Francisco. O recado foi passado a Fernández e Celso Amorim, ex-chanceler brasileiro, após uma reunião.

O Papa, na ocasião, abençoou Lula. ‘A Luiz Inácio Lula da Silva com a minha benção, pedindo-lhe para rezar por mim, Francisco’, disse o Papa.

Novamente, em maio passado, o Papa voltou a escrever ao ex-presidente, ainda na prisão. ‘O bem vencerá o mal, a verdade vencerá a mentira e a Salvação vencerá a condenação’, escreveu o Pontífice.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

Leia também:  Em carta a Xi Jinping, Lula pede desculpas em nome do povo brasileiro pelas agressões da família Bolsonaro à China

2 comentários

  1. Daqui a pouco vão surgir um montão de montagens no “zap” informando que o Papa é a favor do aborto, das drogas, do casamento homoafetivo e que por isso mesmo é fã de Lula!
    Se não for colocado algo pior!!

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome