Como a imprensa brasileira e a internacional cobriram o PandoraPapers

Quando vieram à tona as contas do HSBC, apareceram correntistas de famílias controladoras de grupos de mídia. Explica a discrição com a nova cobertura.

Quando vieram à tona as contas do HSBC, apareceram correntistas de famílias controladoras de grupos de mídia. Explica a discrição com a nova cobertura. Aliás, a Lava Jato invadiu os escritórios da Mossak Fonseca, achando que encontraria offshores em nome de Lula. Encontrou em nome de grupos de mídia. As investigações morreram ali.,

1 Comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Antonio Uchoa Neto

- 2021-10-04 15:25:28

Pois é. E tome Panama Papers, Pandora Papers, Higienic Papers, acham o nome de meio mundo de gente, menos um: o Lula. E a eleição presidencial vem aí, Lula ganha em todos os cenários, e a Síndrome de Mainardi ("Pelo amor de Deus, alguém ache uma prova contra o Lula!") tende a se agravar. Preparemo-nos para o que vem aí. O desespero, via de regra, é pai de monstruosidades inimagináveis.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Seja um apoiador